PplWare Mobile

Última atualização dos Tesla Model S e Model X foi prejudicial para a bateria destes carros


Fonte: Electrek

Autor: Pedro Simões


  1. Daniel Silva says:

    Antes de publicar a notícia era melhor ler o que se escreve.

  2. maxgiger says:

    Isto de andar a actualizar carro pela internet resulta nisto. Já há alguns tempo houve uma noticia sobre a atualizaçao do sistema de travagem. Depois a culpa é do utilizador….

    • Nuno says:

      isto é o futuro, tens uma atualização que melhora o teu carro constantemente o carro nunca vai ser igual do que quando compraste vai ser melhor. A atualização ao sistema de travgem estas a falar daquela que criticaram o model 3 por um pessimo desempenho na travagem e no dia seguinte a tesla lança um update ao sistema de abs e o carro bate o recorde de travegem do segmento?

      • Joao Magalhaes says:

        Um futuro muito mau, primeiro já é mau o carro vir com um péssimo desempenho de travagem e depois é o controle que a marca tem sobre o meu carro.

      • maxgiger says:

        Não critico o fato de melhorar algo. Mas porque lançar um produto hoje e só melhorar mais tarde? Não sabem ao menos fazer isso? Então dizem que lançam uma atualizaçao para proteger as baterias? Proteger/ vender um produto com x de autonomia e mais tarde baixar essa mesma autonomia?
        Se isto é o futuro, ele vai ser desastroso para os utilizadores. Basta ver o Iphone e a atualizaçao que lançaram que reduzia o poder de processamento para que o utilizador tivesse maior autonomia. Resultado? os utilizadores atentos não são estúpidos e notaram a falta de performance nos seus aparelho.
        Ha actualizações que até destroem os aparelhos. Depois estas grandes empresas dizem que foi o utilizador…

  3. gemario says:

    Esta da actualização por OTA um dia qualquer estão lixados basta uns hackers quererem e lá vai um update via OTA vamos lixar todos os teslas. e ficam com um pisa papeis na estrada.

  4. Jorge says:

    Percebem tanto de baterias como eu de um lagar de azeite, a tesla tem razão na explicação que dá, se é legal, legitimo e ético, isso é outra conversa, mas se após a actualização o carro tem menos autonomia, quer apenas dizer que o software ou firmware do carro está a usar menos capacidade dela para a proteger, todos sabemos que quanto menos se chega aos limites de carga e descarga das baterias, mais duração elas têm.

  5. Jorge says:

    Pena não serem todos assim, VW e outros não tinham gasto tanto dinheiro e não tinham defraudado tanta gente.

  6. Miguel Rebelo says:

    Depois de vários carros da tesla terem pegado fogo espontaneamente de devido a problema nas baterias a tesla está tentar resolver o problema à custa dos cliente, o cliente fica com menos autonomia do que pagou só porque a tesla meteu os pés pelas mãos, isto é uma FRAUDE!
    Quando alguém compra um e lhe dizem quer tem 390km de autonomia e depois mais tarde sem a autorização do cliente castram a autonomia em menos de 50km deviam ser processados !

    • Jorge says:

      Devia ser e são, pelo menos nos Estados Unidos, não são como os bananas europeus que são enganados por fabricantes alemães e até conseguiram alterar as leis para não terem de pagar indemnizações.

      De qualquer modo, esta notícia não é totalmente verdadeira, aconteceu a alguns, se fosse a todos os cliente, tinha razão, mas são casos isolados, os teslas chegam a receber dezenas de updates durante um ano, era fácil de detectar se fosse em todos. Estou no grupo do Tesla club de Portugal e até agora não vi ninguém a queixar se disso.

  7. Mad says:

    Isto tá bonito comprámos o carro é depois somos reféns da marca… Daqui a dias a Tesla diz aos clientes custa X para manter a autonomia que tem senão na próxima actualização vamos ter de proteger ainda mais as baterias. Para além de uma publicidade enganosa porque vejamos eles vendem os carros com as baterias tipo “boosted” com uma autonomia de 500km no ano seguinte olha temos de proteger as baterias toma lá menos 110km.

    • Nuno says:

      ou pode ser visto ao contrario todos os dias tens um carro melhor o carro nunca vai ser igual do que quando compraste vai ser sempre melhor. Por exemplo ha uns anos houve uma catastrofe na florida e quando toda a gente estava em filas interminaveis nas bombas a tesla com uma atualizaçao aumentou a autonomia de todos os teslas na florida para poderem fugir.
      future my friend future

      • João Coelho says:

        Futuro!?!? Desculpa mas seguramente não estás a ver o quão pernicioso isto é! Não estás mesmo.

        • Jorge says:

          Muitos menos que marcas que adúlteram e aldrabem testes para que os seus veículos sejam legais…..

          • João Coelho says:

            Esse argumento é para legitimar o modelo de negócio pernicioso da Tesla? A propósito, o que por aí não faltam são cidadãos que autorizam a retirada do FAP! Quando banqueamos o comportamento de alguém, invocando ou pior, não estamos mais do que a aceitar que fazemos mal!

          • Jorge says:

            É o modelo usado por eles e por muitas outras empresas, não vejo qual o mal.

            Essa é a prova do que falei antes, fabricantes que não sabem construir viaturas e por mais maluco que possa ser, os clientes ainda são cúmplices. Enfim..

      • maxgiger says:

        futuro? então se quisessem poderiam “esquecer” toda aquela gente, reduzindo gravemente a autonomia. depois diziam “pois, as pessoas não carregam os carros com carregadores originais”, ” deixam a carregar dia e noite e bateria perdeu performance”, etc, etc
        Depender de uma empresa para fugir de uma catástrofe? grande futuro…

        • Jorge says:

          Desta vez foste tu que não entendeste, eles aumentaram a autonomia dos veículos, passando um pouco dos valores de segurança para as pessoas terem mais autonomia, mas só durante esse evento, depois voltava tudo ao normal. Imagina que tens um VW e a marca propositadamente te diminuiu o consumo do carro (até porque é tão simples como aumentar a autonomia no tesla) para poderes evacuar uma zona de catástrofe.

  8. Jorge says:

    Pode ter acontecido com esses carros aquilo que é costume acontecer com muitos telemóveis e computadores, que em vez de ficarem melhor, pioraram por algum motivo. Essas pessoas só têm de ativar a garantia.

  9. João Coelho says:

    Bem, é assim! O único mérito do tipo da Tesla é ter posto a indústria automóvel a trabalhar nos veículos elétricos! Mais nada! Não é possível, não se pode aceitar, não é legal nem funcional pagar cem mil euros por um carro, que afinal está literalmente nas mãos de quem o vende e não nas mãos de quem o compra! Isto só é possível porque as vendas são feitas á distância de um click! As marcas de automóveis que conhecemos não conseguiriam comportar-se de um modo arrogante e prepotente como esta Tesla! Isto vai acabar mal para a marca!

    • Jorge says:

      A tesla é a única marca até hoje que trabalhou e produziu verdadeiras carros eléctricos até hoje, num tipo de negócio diferente e com uma aceitação tal que não tem mãos a medir para os fabricar e entregar, devido a isso têm surgido alguns problemas, poucos, que outras marcas também têm e não sabem resolver. Simples

      • João Coelho says:

        Ainda bem para eles! Porém a realidade continua a ser a mesma! Não é por outros fazerem pior, que eles fazem bem! Por fim este artigo fala sobre a Tesla e não sobre outras marcas, pelo que é despiciente comparações! Há os fans incondicionais da Tesla, como os há da Apple! São tudo opiniões e gostos válidos! No entanto o assunto que este artigo retrata mostra bem como a marca é perniciosa! Aliás é seguro afirmar que esta empresa se tivesse sob o solo europeu industrias estaria já com problemas legais! E eles irão chegar, mais tarde, mas vão chegar, porque em tantos clientes de cem mil euros, fácil será surgir que se saberá mexer e obter resultados concretos para a reposição da legalidade do negócio! Isso é uma certeza, e o o mostrará!

        • Jorge says:

          Ela está sob solo Europeu. Os veículos são montados em Holanda.

          Problemas legais? Porque? Por haver meia dúzia de carros em que a atualização não correu bem? Lol

        • Joao says:

          Se está andorinha tivesse um telemóvel ou um computador que muitas das vezes quando actualizam aparecem bugs eu imagino há pera lá ele deve ter mas é tão estúpido que nem sabe fazer esta analogia

  10. Luis says:

    Quantos erros conseguiram encontrar no texto?

  11. Carlos Silva says:

    Para o uso que um carro eléctrico tem nos dias de hoje, perder 50km de autonomia não é nada, se fosse um carro com um uso muito intenso como os carros movidos a outras energias, aí sim.

  12. Pedro says:

    Compro um carro com 400cv anunciados e com um um consumo anunciado que depois se verica não ser bem assim. Ou melhor era mas já não é é amanhã logo se verá!
    Como sempre disse quando chegar a altura de trocar as baterias vamos fazer as contas e ver se é vantajoso.
    Um carro destes sem baterias vale 0€!!!

    E isso é o que já estão a tentar precaver…

  13. Luis says:

    A procura e extração desenfreada do Litio em zonas protegidas do nosso território é já uma realidade.
    Apelo à vossa capacidade de analise e inteligencia para perceberem que a opção electrica é claramente insustentavel

    • Jorge says:

      Onde ?
      Vejo muita gente a reclamar da exploração de petróleo e só vejo os moradores de apenas um local onde há lítio a reclamar disso ? será que não estamos devidamente informados ?

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.