PplWare Mobile

Smart Summon da Tesla começou a criar confusão nos parques de estacionamento


Apaixonado por tecnologia, encontro no Pplware a forma ideal de mostrar aos outros os meus conhecimentos e de partilhar tudo o que me interessa neste intrincado universo

Destaques PPLWARE

  1. Louro says:

    Só usei uma vez para experimentar e nao causou problemas, no entanto nao tinha carros em movimento a volta.

    • TugAzeiteiro says:

      Sabes que os “jornalistas” adoram causar o pânico….
      Até com aquela notícia do Tesla da Policia de um estado qualquer nos EUA ter ficado sem bateria em uma perseguição… onde afinal só se esqueceram de carregar o carro no final do turno anterior/noite anterior…. mas se fosse um carro a combustão ter ficado sem gasolina por não terem atestado, isso já não era notícia!! Tempos estranhos os que vivemos….

      • Vítor M. says:

        Que afinal não foi SÓ isso, lê o artigo todo para veres como estás errado 😉

        • TugAzeiteiro says:

          O Sistema não é uma Beta?! A Tesla não alerta para isso e que a responsabilidade é do utilizador? O AP salvo erro também ainda não saiu de Beta… é software… necessita de actualizações, e todos nós sabemos como são as pessoas, vão sempre inventar a situação mais mirabolante para o sistema crashar. Ninguem morreu… ao contrário daquele incidente com os volvo’s autonomos da Google..

      • Louro says:

        @TugAzeiteiro,
        Em parte concordo contigo, no entanto no caso nao testei num ambiente similar ao que é mostrado no video, talvez por receio que algo correce mal hehe

      • Gaspar Oliveira says:

        A diferença é que um carro a gasolina podem abastecer a qualquer hora em 5min.
        Óbvio que se a frota da policia fosse toda eléctrica sem nenhum a combustão era funcional?

        • TugAzeiteiro says:

          Lá vem arroz… no outro dia demorei 10min a abastecer a mota! (tirando que fica umas 22h parada por dia) E sim… aquela frota de polícia de Fremont USA foi toda convertida para eléctrica…
          Daqui a 5 ou 6 anos os carros eléctricos carregam em 10min e mesmo assim vai haver alguém a dizer… “ah e tal mas o meu carro demora 5min a abastecer”… (mas fica estacionado uma grande parte do dia….) BOA!

          • maxgiger says:

            Lá vem tanga… 10min a abastecer a mota? só se estavam a tua frente outras pessoas, depois ainda vais pagar e tal, e claro contas isso como abastecimento.
            E depois lá se fala de novo que o veiculo fica sempre parado durante xxh por dia.
            Tu usas todos os serviços que a tua operadora te oferece todo o dia?Pagas sempre o mesmo, como qualquer um.
            Quando vais passear, levas o teu carro sempre contigo a todo o sitio, seja bares, supermercados e afins? Não, tens de deixa-lo parado durante X tempo. que pena…

        • Louro says:

          Para perceber a prática disto é necessário analizar cada caso claro, no entanto vamos pelo user comum.

          O user comum faz uns 20/30 km por dia para chegar até ao trabalho, chega lá, para o carro o dia todo (8horas de trabalho) e depois faz mais uns 20/30km para voltar para casa.

          Eventualmente vai fazer compras, e ao fim de semana se calhar vai dar uma volta com a familia, volta essa que certamente nao é passada dentro do carro a andar.

          O que nao falta é tempo para ter o carro a carregar.

  2. Carlos says:

    “kit vem-me buscar…” quem se lembra? Ehehe

  3. TAU says:

    O vídeo deste artigo é absolutamente hilariante! O comportamento do carro parece o daqueles condutores que não sabem fazer manobras/estacionamentos.

    • Comuna says:

      Os 2 peões que estão a assistir ao espectáculo, não teriam influencia no resultado? É que eles estão na passadeira parados e se tivessem saído dali podia ser diferente, digo eu, sei lá.

  4. João Reis says:

    Cuidado, não sejam completamente cegos também. Se a tesla lançou algo que não estava devidamente testado o que deveriam fazer era lançar outra atualização para desabilitar esta função. Isto não é como nos smartphones, não funciona e faz-se o reset de fábrica. Em caso de acidente como é? De certo que algum americano mais esperto poderá levantar a questão de nem sequer ir no carro e por isso não poder ser considerado culpado do acidente. E as seguradoras como ficam? Atenção, sou apreciador da marca mas vamos com calma, não lhes podemos passar carta branca e achar que tudo o que fazem é excelente.

    • Vitolas says:

      Não existe nenhum “esperto” no mundo que se safe de tal situação,senão imagina que te esqueces de travar o carro e segues a tua vida,o carro as tantas sai por ali fora e provoca um acidente,serás sempre o culpado não existe como fugir a isso.

      • João Reis says:

        Já para não falar dos “espertos” das seguradoras que automaticamente limpavam as mãos de qualquer responsabilidade… Isto é tudo muito bonito mas pensemos no caso mais extremo,o carro provocar uma morte, quem se responsabiliza? A seguradora salta fora e o condutor é que vai penar…

  5. Miguel says:

    Este software também deve ter sido desenvolvido na universidade por uns recém-licenciados quaisquer com aqueles “bolsas de investigação” que só servem para as coisas sairem de borla às empresas… tal e qual a máfia portuguesa.

    Depois dá nisto. Um ganda monte de m*rda.

  6. Ricardo Oliveira says:

    Infelizmente e dado que muitos condutores sao burros, distraidos e sem a minima noção do que fazem na estrada, os carros têm de ser autonomos e tudo controlado, independentes do burro que vai la sentado. Eles sao sistemas para tudo, para estacionar sozinho, para alertar dos peoes, dos sinais, etc. Desresponsabilizacao absoluta do condutor.

  7. TSSRK says:

    Tem uma lista enorme de ifs que ele nem sabe qual deles escolher xD

  8. Xnelox says:

    Gostei, mas no vídeo vê-se notoriamente que o carro ainda não tirou a carta de condução

  9. om says:

    não será mais rápido ir busca-lo?
    enfim

  10. Tiago says:

    Sem Legislação em Portugal para tal coisa.
    Se há um acidente com o carro, quem é o condutor?
    A seguradora assume as responsabilidades?

    • Vitolas says:

      Não é necessário legislação para tal coisa,existe um condutor e/ou proprietário do veiculo,será sempre ele o responsável.
      Com as seguradoras é como em outro qualquer cenário.

    • Gaspar Oliveira says:

      A seguradora se for provado que você não estava ao volante e se for culpa do seu carro a sua seguradora deita-se de fora. Certamente que esta nas clausulas que você tem de estar a conduzir…

      • Tiago says:

        Resta saber se provocar um morto, quem vai sentar o cú no tribunal.

        • João Coelho says:

          Será o condutor, a empresa e por fim o Estado português. Assim por esta ordem. A companhia se vier a ser responsabilizada, o que desde já dúvido, irá reverter a sua responsabilidade, da mesma forma que o faz quando ser demonstrada que o condutor detinha taxa de álcool acima do limite!

    • João Coelho says:

      Conforme comentei, mais há frente, estamos todos tolinhos com estas inovações! Tratamos este assunto como se de um computador se tratasse…e o Estado português na pessoa das entidades competentes em matéria de homologação e fiscalização está literalmente a deixar rolar. As pessoas adoram os veículos e os impostos vão entrando! Quanto e se, surgir um caso sério e grave, então sim todos vão fazer as perguntas pertinentes, até lá é o deixa andar!

  11. Gaspar Oliveira says:

    Como já disse, era um grande fã do Elon Musk, mas tenho ficado desiludido.
    Parece um puto, quer ser o 1 a lançar novas funcionalidades e não espera que as mesmas estejam devidamente testadas e maduras.

  12. Sergio J says:

    Está é a diferença entre a Tesla e os outros. Nenhum construtor lança seja o que for sem milhares de quilómetros e horas de teste. A Tesla anda a brincar aos carros e depois vem para aqui uns falar que é só uma beta. Não no mundo automóvel não existe esse conceito de betas. Há processos que podem ser melhoradoa sim, mas nada é lançado às três pancadas.

  13. João Coelho says:

    Não se entende como é possível homologar veículos automóveis, onde este gênero de automatismos ultrapassam em muito um qualquer sistema eletrônico automático! É hilariante assistir aos comentários pro, na sequência de disponibilização de funcionalidades que no imediato apresentaram lacunas, em que o seu autor se limita a informar que está disponível, mas é para usar só com determinadas circunstâncias, não se responsabilizando pelos danos! Então em que ficamos? No limbo como sempre! As autoridades tardam em regular este gênero de comercialização! Estamos a falar de automóveis, os quais têm regulamentos próprios para comercialização, circulação e os seus condutores também eles precisam de habilitações próprias e adequadas! Isto tal como está é o vale tudo sem regras! E isso está naturalmente errado!

  14. Rudolfo says:

    kit vem me buscar

  15. Carlos says:

    Falam da homologação, e eu pergunto como é que algumas pessoas têm carta de condução, isso sim é um problema.
    Quanto ao resto, é uma tecnologia nova, nada começa perfeito, mas a tesla está a trazer algo novo, algo que nenhuma marca esta perto sequer, respeito para tesla.

  16. Paulo Santos says:

    Desculpem, mas no estado atual da evolução da condução autónoma este tipo de Smart Summon é uma paneleirice.
    Chegará o tempo em que será tudo autónomo, mas (no meu ponto de vista) apenas quando for eliminado o condutor humano. Até lá, devemos apostar em tudo que ajude a condução (travagem de emergência, desvio de emergência, etc.)

  17. Elton Muscate says:

    Em qualquer um dos videos que vi ate agora o condutor fica a olhar para o carro feito parvo em vez de interromper, estar em linha visual com o carro nao e so para apreciar a pintura e mesmo para estar com atencao. Depois vem dizer que a culpa e da TESLA, e digo isto sem ser grande fa da TESLA

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.