Quantcast
PplWare Mobile

Renault TWINGO Electric: O elétrico mais barato chega a Portugal em janeiro

                                    
                                

Autor: Pedro Pinto


  1. Milarilas says:

    Não percebo porque fazem o desconto empresarial para os particulares andarem a pagar por eles. Está mais que visto que em Portugal os patrões só compram os carros em nome da empresa para a mulher ir às compras ou para o filho ir à universidade. O desconto/incentivo devia ser aplicado a todos os compradores. Nota-se mesmo que são leis feitas por quem está no poleiro.

    • Paulo Santos says:

      Fácil. Fazes uma empresa e tens os mesmos benefícios.
      Mas depois não te esqueças das obrigações das empresas.

      • Miguel says:

        Comentário mais sábio, mais de 90% pessoas não sabem o que é ter uma empresa a nível de encargos.

        • Milarilas says:

          As pessoas sabem os encargos. As pessoas também sabem que muitas PME vão à falência e despedem 10-20 pessoas mas o patrão ficou na mesma com o BMW ou o Mercedes que comprou em nome da empresa. Os empregados têm muito mais skin in the game do que os patrões.

          • Paulo Santos says:

            Mais uma vez errado. Se a empresa vai à falência e se o carro está em nome da empresa, ela entra para saldar as dívidas. É que para mudar de titular de empresa para particular não é como mudar de camisa. Existem procedimentos legais.
            E já que como empregado skin in the game, admira-me ainda não ter montado uma empresa.

          • Sujeito says:

            Dupamente errado. Estás a assumir que objectivo é ficar com um carro, seja BMW ou mercedes.

            E triplamente errado, a assumir que possuir esse objeto se sobrepoe a usufruir dele.

          • Não Obstante says:

            Milarilas é só conversa de café.
            O “desconto” é o IVA que as empresas já deduzem em todos os investimentos. Nos carros de passageiros não tem dedução, mas faz sentido porque os VE não poluem.
            Quanto aos patrões, faz-te patrão também e verás quanto tempo duras… como patrão.

          • Milarilas says:

            Não Obstante, e a tua conversa é de pseudo-intelectual. As stands têm preços especiais para empresas, quer sejam carrinhas, quer sejam carros de passageiros. Volta para o reddit onde podes achar que sabes tudo.

          • Milarilas says:

            Oh Paulo… Tens de sair mais de casa, rapaz. Se soubesses como as coisas se têm feito, começavas a ver como esposas donas de casa que nunca trabalharam estão nos quadros de PME’s e andam de Panamera enquanto tu e os outros têm que martelar para ganhar 999,99€ por mês sem perspetivas de futuro. Até abria uma empresa para fazer uma finta, mas não sou tão ganancioso ao ponto de ficar a dever aos empregados durante 3 meses seguidos só para poder meter a filha no colégio e ir de Verão ao Algarve.

        • Manuel Jorge Figueiredo Costa says:

          Nem a nível de esquemas para não pagar impostos.

    • Luis Fernandes says:

      O desconto é a dedução de IVA, ou percebi mal?

      • Luis Fernandes says:

        Já vi que era mesmo a dedução do IVA. Existem setores de atividade como por exemplo a Educação ou Saúde, onde não é cobrado o IVA, neste caso uma viatura adquirida para uma clínica não terá dedução a IVA. Quanto aos patrões comprarem carros para as mulheres e filhos. claro que existe sempre essa possibilidade. Por fim, existem apoios do
        estado também para os privados no montante de 2250 euros, pagos pelo fundo ambiental. penso que para o ano estará também disponível.

        • Sujeito says:

          Pagos pelos contribuintes queres tu dizer. O nome que lhe dão é indiferente, vem do mesmo sítio.

          Pagam esses para que os mais abastados possam ter desconto nas suas viaturas de vanguarda. Não escamoteemos as coisas.

        • Milarilas says:

          Adoro ver patrões de IPSS a andarem de Cayenne e, quando são mulheres, de malas Louis Vuitton. Faz pensar em como estão a aplicar bem os donativos na causa.

    • Luís says:

      ALERT! ALERT! Comunista detetado! Comunista detetado! Querias um bocadinho seu invejoso? VAI TRABALHAR!

      • Milarilas says:

        Mas eu trabalho para patrões portugueses e acho injusto eles usarem os descontos para comprarem Mercedes topo de gama quando não contribuem nada para as finanças internas da empresa. A empresa não produz mais só porque o patrão comprou um Mercedes para ir jantar. Se ele quer um Mercedes compra em nome particular. Comunistas parecem eles, à la estilo soviético, em que fingem que nos estão a fazer um favor quando são eles os oportunistas.

        • Paulo Santos says:

          Mais uma razão para abrires tu uma empresa. Anda lá que é muito fácil.

          • Milarilas says:

            Contrata-me e paga-me bem, pff.

          • Luis says:

            Paga te bem porque?? Pu** de pensamento.. mereces um ordenado alto? Tens qualificações para tal? És melhor que todos os outros na entrevista de admissão? Ou és daqueles que “ah eu mereço porque o mundo é injusto e estão todos contra mim”?

        • Luis says:

          Já lhe responderam mas volto a dizer, abre tu uma empresa em Portugal e depois vem cá falar se está a correr bem.. se a lei permite fazerem isso qual é mesmo o problema? Devias estar sim preocupado é com a dívida portuguesa que bateu 360% em setembro e mesmo assim continuamos a oferecer ordenados altos aos boys da TAP e a mentir a UE para meter os boys no lugar certo, isso é que te devia revoltar a ti e a todos

          • Milarilas says:

            Abre a pestana, zé. Os boys da TAP transcendem a mentalidade para os “mini boys” patrões. Todos querem chular e fazer o mesmo. É uma questão de obrigar todos a pagar o que devem. Tás numa do contra mas daqui a 3 meses tás a dizer que pt-pt paga mal e vais culpar outra vez o Estado.

          • Luis says:

            Tu ao menos pensas antes de falar ou nem por isso?? Os privados por mim não me chateiam nada, mas a TAP chupa me o dinheiro dos MEUS IMPOSTOS E DE TODOS!

        • Não Obstante says:

          Mais uma vez está errado Milarilas, quando um patrão compra um Mercedes/BMW/etc. paga tributações autónomas monstruosas durante vários anos que, feitas as contas, não compensa. A tributação autónoma é uma taxa aplicada ao valor de compra do carro: 10%, 20% que pagas durante vários anos ao Estado – não compensa – serve apenas para impressionar a vizinhança.

        • Milarilas says:

          O que eu estou a ver é que Portugal vai ser sempre corrupto porque como vocês falam fariam EXATAMENTE o mesmo que os big boys fazem. E depois vêm com aquela do “sê tu patrão”. Nota-se mesmo que não sabem criar riqueza e que são todos os gananciosos. News flash: Portugal vai estar sempre no buraco porque os portugueses só pensam neles mesmos. Não sabem criar riqueza e depois, quando estão nos empregozitos de web developer ou a trabalhar para uma big four começam a dizer que vão emigrar porque em Portugal pagam mal e o crl. Ide fugir ao fisco seus nabos.

          • Paulo Santos says:

            Arre que você é mesmo um zero a nível económico. Talvez por isso diga o que diz. Sentimento de inferioridade? Se acha que é assim tão mal tratadopelos seus patrões, despeça-se e procure novos patrões. E se achar que aqui não os encontra, é sempre livre de ir para a Venezuela, Coreia do Norte ou China, por exemplo.
            Ou então faça como muitos por aqui, abra uma empresa já que sabe tanto sobre empresas.

    • OHS says:

      Estava de acordo com o desconto caso a viatura fosse exclusivamente para o serviço da EMPRESA, e não dos familiares do dono da empresa…

  2. R says:

    Nem todas as empresas deduzem IVA – há empresas cuja actividade está isenta de IVA.

    • Paulo Santos says:

      As empresas isentas de IVA deduzem o valor do IVA no IRC.

      • Rui says:

        Não é verdade!
        Uma empresa das áreas referidas em cima, como a educação, têem isenção de IVA, pagam-no como qualquer particular e nunca mais o recuperam. Além disso pagam o IRC como qualquer outra empresa.
        No caso das viaturas, uma empresa isenta de IVA é exactamente o mesmo que um particular a comprar um carro, com a agravante das tributações autónomas (que só não existem nos eléctricos….. para já).

      • R says:

        Não sou da área de economia/contabilidade, e desculpe a pergunta, mas tem a certeza?

  3. Blackbit says:

    Bateria de 22kWh para 190km de autonomia? So se for a andar a 50km/h e mesmo assim…

  4. BA says:

    um coisa que acho que seria importante com a massificação dos carros elétricos seria trazerem também na ficha técnica o valor de substituição das baterias. Só para a malta ter uma ideia de quando é que vai ter de pagar quando tiver de trocar as mesmas.

    • Paulo Santos says:

      O mesmo se poderá dizer dos amortecedores, caixa de velocidades, motores, …

      • Anon says:

        O motor ou caixa precisas de trocar passado 8 anos?

      • Luis Fernandes says:

        Não existe caixa de velocidades num motor eletrico, e os motores possuem ZERO desgaste por comparação com a combustão

        • Paulo Santos says:

          Mas existem nos de combustão.
          O que quis dizer é que pela mesma lógica de haver ficha técnica com valor de substituição das baterias, deveria haver para todos os componentes em todo o tipo de carros. O que seria um perfeito disparate.

          E por falar em algo inesperado. Tive um 320d cujo motor deu o pifo com 110000 km. Um E220Cdi que teve de levar uma caixa nova aos 230000Km. Um model S que teve de levar um motor traseiro novo com 7000Km.
          Só não acontece a quem não tem carro. Agora diabolizar ou santificar um determinado tipo de carro só porque sim? Normalmente só os fanáticos é que reagem assim.

        • Sujeito says:

          Falácia de todo o tamanho. Estás a comparar alhos e bugalhos.

          A minha aparelhagem de som não tem válvulas, logo não se estragam. E os componentes analógicos não têm desgaste.
          Exceto que quando um componente digital pifa, é uma carga de trabalhos.

  5. jiovanella says:

    Sou só eu que acho o preço um exagero para o tamanho? Onde está o que anunciaram a 7 mil euros?

  6. Jlucas says:

    Modas para os totós se endividarem.

  7. Anon says:

    Barato? Para aquilo que é, é muito caro.

  8. Luis Fernandes says:

    A discussão sobre os carros elétricos acontece essencialmente por desconhecimento do que se está a falar. O único motivo pelo qual o carro elétrico não é para todas as pessoas é porque podem não ter condições para carregar o carro ou em casa ou no destino, ou porque até podem fazer muitos Kms diários ou ate terem deslocações imprevisíveis. Pessoalmente possuo 2 carros elétricos (Um Renault ZOE de 40 – 3 anos e um Tesla 3 Dual Motor – 1 Ano). Não vejo qualquer necessidade de mudar baterias como tanto se fala , nem conheço ninguém que o tenha feito, com carros bem mais velhos. Relativamente ao desgaste dos carros, posso dizer que é brutalmente inferior a um carro de combustão. O ultimo a combustão que tive foi uma carrinha 520D que tive 4 anos. Gastava 150 euros de gasóleo por mês (7 Litros aos 100, a um preço médio de 1,1 Euros, e 2000kms), Para esta mesma distancia um Tesla com 440 Cv, gasta 14Kw aos 100, a um custo de 0,10 Cêntimos carregamento à noite, ou seja ~30 euros. Em si o carro até foi mais barato, porque um tesla custa ~65K e a BMW520, cerca de ~75K. Depois podem dizer que o BMW é muito bom… pessoalmente não tive essa experiencia, porque em 4 anos, para alem de revisões regulares caras, ~200 euros, tive uma suspensão a ar furada, duas jantes partidas. Calculo de cabeça, deve ter custado uns 2300 euros em tudo. O ZOE já fez 3 anos, e gastei 110 euros em revisões e já tem mais de 60.000 Kms.

    Existem imensas vantagens adicionais (Tesla), tais como a estabilidade de condução com um centro de gravidade muito baixo e motores dianteiros e traseiros, condução autónoma, simplicidade, upgrades de software mensais, e muito, muito mais.

    Inventem o que quiserem, mas acredito que este carro da Renault deve ser muito bom pela experiencia que tenho com o ZOE. O custo é excelente, o carro é muito simpático do ponto de vista de aspeto. Quando trocar o ZOE vou considerar.

  9. Bruno says:

    Por esse preço preferia comprar o Honda e.

  10. informado says:

    ERRADO . Não é o mais barato!!!!!! O mais barato é o Citroen AMi por 6 mil euros! A seguir o Carver por 9 mil euros.. Renault Twizzy a seguir . Depois há o Tazzari que fica por 15 mil euros. E , já agora , o PPlWare que faça um comparativo com todos estes carros que mencionei

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.