Quantcast
PplWare Mobile

Parlamento Europeu aprova fim de novos carros com motor de combustão após 2035

                                    
                                

Autor: Pedro Simões


  1. Fusion says:

    Só falta agora o parlamento europeu aprovar atribuição de garagem pra toda a gente até 2035. É que hoje em dia não tenho garagem para carregar o carro e duvido que em 2035 vá ter

    • Fusion says:

      Só para a complementar o meu comentário, não seria mais útil o parlamento europeu garantir até 2035 estruturas de carregamentos para todos os carros e só depois aprovar o fim dos carros? Não estaremos a por a carroça a frente dos bois? Percebo isto do ambiente, é chato à poluição, mas as coisas têm que ser feitas com cabeça não é assim as três pancadas que funciona. E já agora para fechar o meu comentário, isto dos carros poluírem e fazerem mal ao ambiente é tudo treta, o total de poluição dos maiores 15 navios do mundo é superior a todos os carros que circulam na terra (não estou a inventar podem pesquisar), portanto vetar o uso de motores a combustão pouco ou nada vai fazer pelo ambiente..

      • Black Russian says:

        Tão verdade , os navios mercantes e cruzeiro, são tão ecológicos …..

        Só produzem toneladas de dióxido enxofre…..nada de poluição ….

      • Sergio says:

        Tocaste num ponto bem interessante, sem as devidas estruturas esta mudança vai ser idiota, 13 anos para as obter nao me parece viável.

        Só não concordo contigo numa coisa, não podemos cair na tentação de evitar qualquer tamanho de pegada contra o ambiente, só porque ela é pequena ou porque há coisas piores.
        Temos de tentar fazer o que está ao nosso alcance, seja uma torneira fechado enquanto lavamos os dentes ou ir as compras com um saco reutilizável. Alguns segundos ou minutos de vida havemos de acrescentar às próximas gerações 😉

      • darksantacruz says:

        Verdade e tem toda a razão mas parece que a malta na comissão decide as matérias com base no que vai na moda e não com a cabeça.

        É suposto serem o exemplo e depois admiram-se que haja países com pensamentos de saída da UE.

      • Hugo says:

        So vejo estas leis na europa. Quem viaja pelo resto do mundo sabe que no resto dos países não é bem assim

      • Rui says:

        Percebo o comentario mas o carros também apareceram primeiro que as bombas não criaram uma bomba de gasolina de 100 em 100 metros e depois é que inventaram os carros, os dois são proporcionais à medida que os eletricos vão aumnetando os carregadores também vão e os ultimos anos têm sido a prova disso eu diria que 95% das grandes zonas comeciais já têm carregadores muita gente é que não repara mas hj em dia já existe até estrtura de carregadores a mais para os carros qu existem paté porque a maiora das pessoas que tem carrega em casa

        • Fusion says:

          A diferença é que quando apareceram os carros só havia “meia dúzia”, e só tinha carros quem tinha efetivamente muito dinheiro.
          Obviamente que essas variáveis fizeram com que o rácio de carros vs rácio de bombas crescessem de uma forma equilibrada.
          Mas isso agora não acontece, neste momento toda a gente tem carro e precisa do carro, daí ser importante implementar infrastructures para suportar os elétricos. Neste momento as redes elétricas de um quarteirão com 10 prédios aguantam com os carros todos das pessoas que vivem nesses prédios a carregar ao mesmo tempo?

          • Rui says:

            Entao mas neste caso é extaamente a mesma coisa nessa altura pouca gente tinha dinheiro para carros e hj em dia pouca gente tem dinheiro para eletricos vai acontecer a mesma coisa com o passar do tempo vão ficando mais baratos e estrutura vai aumentando tal como aconetceu em 2035 so se vao deixar de vender novos aind avao existir por muitos anos ainda hj existem carroças. Quanto há ultima pergunta presumo que não tal como na altura se de uma minuto para o outro aparecessem 1 milhão de carros não havia bombas suficientes as historia repete-se a tal como foi a transição para carros vai ser a transição para eletricos

    • rSP says:

      Eles vão apenas um 1 poste de carregamento por cada zona da freguesia. Assim se quiser faltar ao trabalho ja tenho desculpa.

      O vizinho tava a carregar… Temos de dar oportunidade aos outros e a quando surge a vez do outro.

      Ou então vão nos deitar a casa a baixo pela qual nos pagamos e obrigar a construir uma nova com tudo digital, portas eléctricas, camas eléctricas, garagens totalmente eléctricas com domótica. Campainhas, luzes tudo a nível domótica.

      Hmmm boom..

    • gfsvb says:

      Tambem nao tem garagem para ter uma bomba de gasolina, ou tem?

  2. SteveRobs says:

    Vai é fazer subir o preço dos carros de combustão em 2ª mão a partir de 2035 pois a maioria das pessoas não tem dinheiro para um eléctrico que é a maior chulagem que há !

    • someone says:

      não te preocupes que os mercados reajustam-se…
      Passo a dar um exemplo muito recente: os telemóveis custavam menos de 400€ nos topos de gama, hoje em dia temos no mercado smartphones a 1500€ ou mais…

      Onde quero chegar é: há tempo suficiente para desenvolverem carros eléctricos no preço dos atuais de combustão (tanto de gama de entrada até aos topo de gama), claro vai ser reajustado com preço de inflação e poder de compra…

      No entanto, o mercado dos elétricos da segunda mão, também vai haver mais oferta para esta categoria…é tudo uma questão tempo para os mercados mexerem-se.

      • Hugo Nabais says:

        Tens razão no que dizes nos casos em que se aplica.
        Mas aqui o problema é outro. É o problema do carregamento que simplesmente não será possível carregar de forma rápida todo o nosso parque automóvel com a infraestrutura existente e isto não é algo que se mude em 12 anos!!

    • rSP says:

      Nem mais, chulagem e Aldrabices… Ainda a dias um eléctrico matou ou incendiou-se sózinho…

      Não obrigado.

      • Rudua says:

        Há duas semanas a trás um Mercedes C220 diesel incendiou-se em andamento. Não é só os elétricos que isso acontece

      • Nuno says:

        Exacto …Exacto…Eu Só não tenho Um Tesla Model Y precisamente por esse motivo…Ainda se incendia…Eu Cá quero é um belo carro podre e velho de preferencia a diesel e sem catalizador de preferencia…. E depois perguntam-se porque não saimos da Cêpa Torta

    • Indignado says:

      Nem mais !!!!

    • Miguel says:

      Nem os eléctricos se adequam à sua utilização, entre outros que não dispensam de uma caixa de velocidades e prazer de condução

    • Rui says:

      sim quando apareceram os carros as carroças também subiram de preços ahahah em 2015 já poucos serão os que têm dinheiro para a gasolina

  3. MCakaZim says:

    Uma atitude precipitada. O eletrico não será soluçáo a longo prazo

    • Gonçalo says:

      eu já tenho o meu há quase 10 anos e se for a contar o que já poupei nestes 10 anos dava para mais 2

      • Fusion says:

        Para se gerar dinheiro é preciso dinheiro.
        Eu também adorava ter um elétrico, mas as minhas condições económicas não me permitem.. Se tivesse dinheiro para um elétrico e condições para ele também me era fácil vir para aqui dizer que poupei dinheiro para dois..

      • secalharya says:

        Se contares os cabelos brancos que ganhaste à custa da ansiedade por falta de autonomia do veículo e os pais nossos que rezaste para o sumo não acabar a meio da viagem…

        10 anos de sofrimento. Tenho pena de ti.

        • Gonçalo says:

          Tu nem imaginas, a ansiedade que eu tenho por chgar a casa e meter um fio no carro e de manha tira-lo faço cerca de 50 km por dia carrego 2 vezes por semana tu não imaginas a ansiedade que tenho

  4. JS says:

    Não vai acontecer

  5. rSP says:

    Não vou respeitar. Irei e continuarei a comprar carros em 2 mão e em ultimo caso comprar gasolina a preço de saldos…

  6. skyline says:

    quer dizer que um carro a gasolina na vale nada porque sò vai durar 12 anos depois é lixo , agora com a desvalirização dos carros ,eu finalmente vou ter dinheiro para comprar um carro em 2 mão 🙂

  7. LA says:

    Um tiro no pé.

  8. Vagueante says:

    Mais uma parvoice do fundamentalismso com justificações não sustentáveis. Se a NCAP publicou um estudo sobre as viaturas electricas indicando, que para suplantarem os ICE’s demora mais de 7 anos e isto com os combustiveis actuais. A Porsche e a Siemens já mostraram combustivel sintético criado de fontes renovaveis que reduz CO2 em 85% e pode ser adaptado para todas as viaturas. Com este combustivel um electrico nunca irá suplantar a pegada ecológica de um ICE. O objectivo não parece efectivamente a malhoria e redução efectiva das emisões, mas apenas ceder a lobbies e à china que é a grande beneficiada deste negócio pois é o maior produtor mundial de metais raros. Porque razão não são mais eficientes, e fazem algo misto, electricos/plug-ins a funciionar obrigatoriamente electrico dentro das cidades para optimizar qualidade do ar, mas com baterias mais pequenas com menos impactos na atmosfera, e no resto colcoar a gasolina sintética (srá necesário subsidiar no incio, pois segundo os produtores, para chegar a 1€/litro a produção tem que ser muita e optimizada. Adicionar a esta alternativa o hidrogenio para os transportes grandes e teríamos melhorais. É claro que os transportes marítmos tÊm que evoliur, pois a Nafta aquilo é uma desgraça…

  9. Vitor Afonso says:

    @rSP sabes ler? O que a noticia diz é que depois de 2035 não vão ser fabricados novos carros a combustão!!!! Não diz que vao ser abolidos!!!!

  10. Tonheco says:

    Em 2035 passa para 2045 e com o caminho politico que a UE tem vindo a traçar talvez só lá para 2100

    • Samuel MGor says:

      Senão for lá para 2500

    • Rui says:

      As marcas nem chegam a 2035 ou achas que as marcas agr andam a desenvolver carros que ja não vao ser vendidos a partir de 2035, até 2028 ainda se podem apresentar alguns modelos a combustao a partir disso nenhuma marca vai apresentar novos modelos a combustão vão continuar a existir os que já havia mas acabam os modelos novos

  11. night says:

    Até quero ver aonde eles vao arranjar litium para todo o mundo, carros, telemoveis, computadores etc. Acaba se com uma coisa e faz se ainda pior ao destruir tudo para a extracao de litium, ja para nao falar na quantidade de agua que se vai ter que usar para fazer a frabricação das baterias sendo que cada vez a menos agua potavel. Esquecam isso daqui a 5anos estao a voltar atras, quando sairem os combustiveis sinteticos para carros a combustao que nao poluem.

    • Miguel says:

      Ora aí está a questão maior… e ainda não se tem muito foco na reciclagem, apesar de já existir…

      • Nuno says:

        Tens carradas de Litio…onde? deixa cá ver…Em Portugal, Em Espanha, Em Italia, Na Ucrania… Provavelmente tb terás em frança. A Europa é rica em Litio, ao contrario do Petroleo.

  12. Insider says:

    Na Europa não vão ser vendidos carros com motor de combustão após 2035.
    Vendidos… Ler com atenção… continuam a ser fabricados e vendidos noutros mercados.

  13. Luis Garcia says:

    É mais um tiro no pé da UE.

  14. ZZZZZZZZ says:

    Os carros não são responsáveis por 12%, visto que aqui estão também os camiões de transporte, autocarros, carrinhas de distribuição… Mas não deixa de ser um facto que ajuda aos números.

    • secalharya says:

      Isto é como a caça à multa.

      É mais fácil esconder um radar atrás de uma árvore e multar o desgraçado do povo que circulam 51km/h para ganhar o pão de cada dia que prender os bandidos dos governantes e afins que desviam e roubam centenas de milhões ao estado todos os anos.

      Neste caso é mais fácil impingir um carro elétrico ao povo que multar as empresas que controlam os mercados mundiais. Esses fazem o que querem!
      Em 2035 poderão continuar a poluir à vontade…

      Este mundo precisa mesmo de um reset (AKA asteroide de 100 metros).

  15. lucas says:

    Os lobbys da UE mais os seus negociozitos.

    • Miguel says:

      Concordo… ainda por cima com alternativas a serem desenvolvidas. Apenas arruinaram com o mercado.
      O mercado evolui para a melhor tecnologia como sempre. Seja com VHS, Discos de Vinyl, etc.
      Se forçarem uma tecnologia, perdem as alternativas e perde a tecnologia escolhida porque não tem de evoluir tão rápido.
      No final, perde o cliente final como sempre com perca de escolhas e preço acrescido

  16. Eddy says:

    Com as marcas a apostarem forte no desenvolvimento de combustíveis sintéticos é que estes animais que nos governam decidem acabar com os motores de combustão.
    Literalmente, parece que a UE está pressionada a avançar com estas medidas antes que fiquem prontos esses combustíveis sintéticos. Será pressão vinda do lobby do Lítio e do Níquel?

    Será que também vão tirar os travões dos carros, visto que libertam muito mais partículas pesadas do que a queima de combustíveis fósseis?

  17. asimoto says:

    Meus caros cada vez está mais perto o dia em que o povo…vai ter que fazer a vingança!

    • PorcoDoPunjab says:

      asimoto, a vingança é a bancarrota já a acenar para nós.
      Segure-se bem que isto não vai ser fácil.
      Os juros da dívida já dispararam..

  18. secalharya says:

    Parabéns!
    Em 2035 as empresas/serviços de topo podem continuar a poluir à grande e à francesa.
    Aviões, cargueiros, barcos de mercadorias, transportes públicos a cair de podre, etc, etc, etc…

    Impingem os elétricos para o povo, que coitado, tem de desembolsar 30 ou 40k pelo carro. Enquanto as empresas grandes têm descontos a pontapé.

    É o mundo que temos. O povo desinformado deixa-se enrolar por esta farsa de que os automóveis poluem muito.
    As outras industrias fazem o que querem e não são punidas.

  19. R says:

    Muita parra e pouca uva

  20. yamahia says:

    Não vai acontecer. Mais depressa acaba a UE

    • AlexS says:

      Sim, por estas e por outras eu agora apoio o fim da UE.

      • Samuel MGor says:

        +1
        e que não venha mais nenhuma como esta.

      • Nuno says:

        Fica com os olhos em bico com comentários como o seu, Ou é completamente iletgrado em materia da UE, ou então é mesmo só analfabeto… Ou entao uma coisa pior =) Se não fosse a UE ainda tinhamos a maioria da população com o 4 ano de escolaridade, ainda viviamos com barracas ao lado de prédios, ainda viviamos a plantar coves no jardim, e a rezar uma avé maria aos domingos. Ou vocês são muito novos, ou até assustão os mais velhos com tamanho disparate. =))

  21. AlexS says:

    Isto só faz a União Europeia ser cada vez mais uma organização Totalitária.

  22. pereira says:

    50 comentários e 0 matches para: “davos, wef, forum”

  23. falcaobranco says:

    Ainda dá tempo para comprar um carro a gasoleo novo…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.