Quantcast
PplWare Mobile

É oficial! Portagens vão subir 1,83% a partir de 1 de janeiro de 2022

                                    
                                

Autor: Pedro Pinto


  1. Thomas says:

    Que pouca vergonha. Subir tudo é o lema em portugal. Mas sempre no mesmo sentido.
    Deixem de usar as auto-estradas de portugal. Nao meto la mais o carro.

  2. O que sera, sera says:

    E os salarios nao sobem?

  3. Vrael says:

    Qual é a justificação para esta subida quando ja temos as portagens mais caras da Europa?!

    • GB says:

      E os recursos humanos foram substituídos por sistemas eletrónicos.

    • cross says:

      Capitalismo e inflação. Foi desenhado desta forma.
      Imprime-se cada vez mais dinheiro e assim vale cada vez menos. Não são as coisas que aumentam, é o dinheiro que perde valor.

      • Luís Costa says:

        O que é que tem capitalismo a ver com isto? Se fosse comunismo/socialismo ias trocar o que? Bananas por alfaces?

        • André Silva says:

          Claro que tem a ver com o capitalismo. Só que selvagem. A sede infinita por dinheiro, se tenho 100 milhões de lucro não chega tem de ser 1000. Nem que para isso tenha que morrer gente. Isto sim é o capitalismo.

      • Miguel A. says:

        Por caso até é o pouco capitalismo e o muito socialismo que faz isto. Pouca concorrência, os principais recursos em meia dúzia de empresas e taxas controladas pelo Estado. Há pouco capitalismo nisso. E depois, a BCE é muito restrito na impressão de dinheiro, logo, essa história de inflação pela impressão de dinheiro é falar de cor…

        • Manuel Costa says:

          Por isso é que pagas 103 euros mensais por 3 telemóveis e serviço de tv em casa, quando se fosses francês pagavas 38 euros pela tv e internet de casa e 12 euros por cada telemóvel… ou achas que a Altice teve 2300 milhões de euros gratuitos de receitas portuguesas por mero acaso?

          • David Guerreiro says:

            Vai ver quantos operadores existem em França, e compara com quantos existem cá… Temos um mercado cartelizado, e isso só sucede porque não há concorrência. É pouco viável investir numa rede de fibra num país como Portugal.

          • k says:

            Provavelmente podias pagar menos. Sou português em Portugal, pago 34.90 de tv/internet (500/100) à vodafone + 9.80€ à NOS pelo telemóvel, menos que o que tu dizes que pagaria na França.

        • André Silva says:

          Esta é para rir… Num país tão pequeno temos algumas 10 concessionárias de autoestrada e achas pouco? Não sei que socialismos tem isto. Só capitalismo selvagem e dinheiro fácil.

    • Há cada gajo says:

      Como uma crise enérgica em desenvolvimento o que é que esperas que não suba de preço ?

  4. PiolhoPunjab says:

    Acho muito bem, paguem os ricos! Os pobres andam de autocarro não tem nada de reclamar

    • zé, um tuga normal says:

      disparates, os pobres também têm de pagar … no meu caso, que sou pobre mas trabalhador e cumpridor de todas as minhas obrigações, todas os fins de semana tenho de me deslocar até trás-os-montes para dar apoio aos meus pais e aos meus tios, que estão todos muito idosos, mas não posso fazer essa viagem de autocarro porque senão demoraria, entre ida e volta a lisboa, quase um dia, portanto tenho de pagar as portagens (e o combustível porque não tenho carro de empresa) seja qual for o preço.

  5. Vasco says:

    O grande problema é o serviço medíocre oferecido face aos preços praticados. Filas enormes nas horas de ponta para as pessoas que não utilizam via verde e no entanto pagam o mesmo valor, cabines fechadas, máquinas de pagamento automático por vezes avariadas, apesar de raro alguns funcionários literalmente de má catadura (não sei quanto lhes pagam de ordenado). Tenho a opinião de que por exemplo a Ascendi é das piores em todos esses aspectos e aí até já apanhei sistemas informáticos em baixo etc. Por vezes o problema nem é pagar, mas sim pagar por um serviço medíocre, obras pelo meio, cones, redução de faixas etc.

  6. FreakOnALeash says:

    O dinheiro enterrado na TAP dava tão bem para evitarmos esta subida de custo que afeta a maioria dos portugueses. Mas há que dar de comer à família do César e amigos rosados.
    https://observador.pt/opiniao/tap-inimiga-das-familias-emigrantes/

  7. RatazanaDoPunjab says:

    Como dizia o outro, o socialismo é muito caro.
    Entretanto, a quantidade de carros a circular é cada vez maior, nunca vi isto assim.
    Parece que há bastante dinheiro e como dizia a filha do assaltante de bancos, a Mortégua, é preciso ir buscar o dinheiro a quem o tem para entregar a quem não quer fazer nada.
    É isto o socialismo… nivelar tudo por baixo, menos os membros do comité, claro…

    • Manuel Costa says:

      Por isso é que os capitalistas e membros do PSD defendem passes sociais de 150 euros mensais, para acabar com o ISP e o IA… fazendo os condutores poupar 600 euros anualmente. Ao mesmo tempo querem ter o IVA em 30% como taxa única e os PARVOS ainda os apoiam… até ao dia que vão ao supermercado e virem a conta a disparar 40%.

  8. TugAzeiteiro says:

    Portanto, portagens a subir e o combustível ao preço que está, para o ano a inflação em todos os produtos vai ser bonito…. principalmente na alimentação! Não sei onde é que Portugal vai parar… pois para uma economia funcionar, é preciso que as famílias tenham dinheiro para comprar! E lá vamos estar no mesmo ciclo vicioso… ordenados baixos, contração nas vendas, menor coleta de impostos e consequente aumento de impostos e taxas por parte do estado….

  9. André Martins says:

    O meu ordenado também não sobe.
    Para quê escrever, mais do mesmo.

  10. A.F. says:

    Deixem-se estar no sofá a reclamar e a mandar postas de pescada, que tudo se resolve.
    Tugas Submissos.

    • joão deste país says:

      pois é, alguns estão postrados no sofá a reclamar, mas a trabalhar em simultâneo, enquanto que outros, os assistidos como tu deves ser, estão no café a comer torradas e a beber meias de leite, despreocupados com o que acontece no país porque sabem que o rendimento mínimo, e restantes apoios sociais (casas, etc.), lhes estão reservados para sempre …

      • A.F. says:

        Ai João, João, o que eu pago de iva e irs num ano não pagas tu em 8 anos.
        Tenho poder monetário para jantar fora todos dias, mas só consigo ir duas a três vezes por ano, sentar o cu num café nem sei o que é isso, como também não sei o que é trabalhar 8 horas. Enfim cada um tem o que merece.

  11. Jorge Pedro Miguel says:

    Este país já não tem recuperação, gostava de saber para onde vai o orçamento anual das estradas de portugal, não deve com toda a certeza ser para a manutenção das vias, enfim, os das camaras municipais é igual, enfim é só roubar.

  12. Zepiteira says:

    Pode ser que assim eu consigo chegar ao trabalho sem ter de estar HORAS nas filas da A5…

  13. . says:

    Logo à partida um Estado que obriga as pessoas a ter que fazer um contrato com um privado para exercer um direito ou dever ( inconstitucional ) é um Estado muito perto da rutura…

    Hoje para se informar sobre qualquer coisa seja ela a que for tem que se ter telele ou computador…

    Ninguem os dá, claro…mas os salarios e as rendas são o que se sabe…( uma falta de equilíbrio atroz…)

    Um Pais que não produz e obriga as suas populações mesmo as mais necessitadas a gastar dinheiro nestas empresas sediadas em offshores… tem que ir buscar dinheiro aos já sacrificados, (que são quem paga tudo isto…).O resultado é que esse Estado vai faltando as suas obrigações nucleares, ou seja, menos justiça, saude, educação, segurança, servicos públicos e sociais…etc,etc

    Logo facilmente se verifica que também é uma das formulas para segregar e deixar, por exemplo, de dar apoio entre outras respostas emergentes nessas sociedades. Mesmo com escândalos reportados nos media…embora estes nem falem destes “fenomenos”…que é ciencia e a mesma já o explica…

    Atualmente tem que se deixar de comer ou comprar medicação ou ainda fazer tratamentos para comprarem um telemovel, fazer um contrato com a operadora para por fim poderem pedir um apoio ou informação,ir ao medico, ou seja, para se exercer um direito ou dever tem que se fazer um contrato com um privado ( inconstitucional )…sendo assim, trabalham para a economia de outros Estados e economias e não para a nossa…

    Se o povo deixa e alinha, esta tudo bem, como diria o outro…

    A europa no seu melhor…já não é a economia para as pessoas mas antes o contrario…

    Tivemos um presidente do euro grupo, o Sr. Junker que fez pela calada acordos com grandes empresas …mas não foi o unico…que rica União…

    Um outro exemplo de um fenomeno prontinho a rebentar por cá .

    Se a saúde esta na rua da amargura, origina mais e mais pressão na S.Social que ira acabar por falir…

    Alguns dizem que é esse o objetivo ou não se faria estas coisas …

    e muito mais diria…até porque, como diria o outro, por muito que se diga muito mais fica por dizer.

    Paguem e agradeceram a vocês mesmos…

  14. B@rão Vermelho says:

    Pelo que acabo de ler estou convencido em votar à direita, vão acabar os impostos, vão dar os combustíveis à população, auto-estradas à borla, um médico em casa de cada família portuguesa, rua e passeios alcatifados estou a esquecer alguma coisa?

    • Há cada gajo says:

      SIm, os liberais são a solução. Aliás, viu-se quando rebentou a crise pandémica: ficaram todos à espera que o Estado resolvesse o problema…

    • Coisotal says:

      O governo que faz isso é o governo comunista como acontecia na URSS.
      A parte de direita, pelo menos os liberais, defendem um estado mais pequeno e menos interventivo, em que tu dependes menos do Estado e mais por ti e tens a liberdade de escolha de usar um serviço público ou privado.

  15. RatazanaDoPunjab says:

    Não esquece nada, recebe isso tudo menos outra bancarrota.
    Isso é especialidade do PS.
    Não esquecer que virámos a página da austeridade e ficou pior que a anterior porque temos a carga fiscal mais alta de sempre.
    Cumprimentos dos do costume.
    By RatazanaDoPunjab

    • B@rão Vermelho says:

      Temos opiniões diferentes mas ambos queremos o melhor para o nosso país.
      Eu desde os meus 18 anos que voto sempre, apenar por 3 vezes não votei por estar ausente do país e como é por motivos de férias não posso voltar antecipadamente, e já fui atrás de promessas de direita e de esquerda e o resultado é sempre o mesmo.
      O que muda é a cor do balde e as moscas em redor, todos têm amigos para lhe dar a mão, se soubesse as jogadas de bastidor que há dentro das Câmaras Municipais ia compreender que o que muda mesmo é a cor do balde

    • Há cada gajo says:

      A bancarrota foi provocada por quem chumbou o PEC 4. Mas se calhar ainda não eras nascido…

      • RatazanaDoPunjab says:

        Há cada gajo, portanto, deixa lá ver, a bancarrota foi provocada por quem não era governo?
        É isso que me está a a dizer? Lol…
        E a bancarrota de 1978, no tempo do Mário Soares, também foi culpa do Passos Coelho?
        E a bancarrota de 1984, também com Mário Soares, tb foi culpa do Passos Coelho?
        Sabe, nos anos 60 eu já era nascido, e vossa mercê onde andava nesta altura? Em Marte, talvez… Mais longe? Ah sim, claro…

  16. . says:

    Bem, não falei de partidarismos, até porque isso seria outro assunto controverso…

    A Grecia entrou na U.E. com a ajuda da famosa golman sacks que ludibriou os numeros …

    A mesma que esta por trás de algumas gigantes da web e não só e a qual tem ligações a outro ilustre partidario ex-U.E. …

    A U.E. mandou gastar…

    Depois as agencias de rating…

    Resulta num ataque economico massivo…

    Enfim é a Historia….

    Como também é a Historia de ilustres conhecidos de fações partidarias ligados a empresas que sugaram 67% dos fundos comunitarios atribuidos ao Pais…depois disso quase que desapareceu…

    Por outro lado é impossivel ter industria, competitiva com o preço da energia ao preço que esta…

    O ex-secretario da energia Sr.Eng.Henrique Gomes já deixou bem claro tudo…e por isso se demitiu…

    Talvez os grandes escândalos como este ja estejam esquecidos embora atualmente se sofra devido ao

    que foi feito erradamente como por exemplo os cortes que empobreceram um todo Pais, e existem

    estudos que o comprovam que também aqui existiu manobra de numeros.

    Embora actualmente ainda esteja em grande destaque o caso BPP, esses como o BPN,SLN e os SWAP’s…

    Ou até como aquela que assinava de cruz documentos à saida da praia…a outra vendia os SWAP’s…

    Talvez estes exemplos sejam prova que o povo, o cidadão só tera a lucrar em ser mais participativo e

    menos partidario, fazer escolhas com mais critério…estar informado e fazer opções acertadas…

    saber abdicar dos engodos que lhes são oferecidos… e contra pôr fazendo se ouvir…

    Dividir para reinar já é demasiado velho…

    Podem nem concordar com os aumentos salariais e a reposição pedida pela esquerda, mas se a maquina não saber distribuir justamente a maquina vai parar….e todos perdem, menos os senhores de colarinho branco.

    É o que se pode ver na Historia.

  17. RatazanaDoPunjab says:

    Está aí uma bela lenga lenga.
    Toda a gente gostaria de receber mais, como é lógico.
    Quem me dera que o ordenado mínimo cá fosse como o da Suíça. Mas não pode ser.
    Quer que lhe explique porquê?
    Essa da máquina distribuir justamente está engraçada.
    Só se pode distribuir o que há, e para haver alguma coisa é preciso que alguém o faça antes.
    E é aí que reside o problema, temos produtividade muito baixa.
    Bom, sempre podemos roubar tudo aos ricos e dar 20 euros a cada português e depois de não haver ricos e sermos todos tesos vamos buscar o dinheiro onde?
    Ah, já sei, pomos as impressoras a trabalhar 48 horas por dia a fazer fardos de dinheiro para todos.
    Finalmente, o paraíso…
    Mas como é que ninguém se lembrou disto?

  18. informado says:

    De manhã é ver os engarrafamentos de milahres de carros. Pelos vistos, crise é pouca

  19. Joao Ptt says:

    Acho um ultraje um aumento tão baixinho. Exijo um aumento de pelo menos 10%.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.