Quantcast
PplWare Mobile

Código da Estrada: Auriculares na Condução é permitido?

                                    
                                

Imagem: circulaseguro

Autor: Pedro Pinto


  1. Carlos Fernandes says:

    “Os aparelhos dotados de um auricular ou de microfone com sistema de alta voz, cuja utilização não implique manuseamento continuado” …lei sem evolução, então e os aparelhos dotados de dois auriculares, mas em que só um é usado pelo condutor? ..”

  2. Maria says:

    Sim… Lei engraçada… Conheço vários surdos que tem carta…

      • silver_ryder says:

        Uma breve consulta ao C.E. e diversa legislação avulso sobre o assunto, saberia que a lei permite a adaptação de veículos para pessoas com certas limitações conduzirem o seu próprio veículo, onde os surdos se enquadram! Apenas para perceber o quão ridículo é a sua afirmação, apenas refiro que conheço muitos “pernetas” que conduzem…! Ser surdo não é opção, agora não ouvir só porque sim, já o é, então a estupidez nem se fala como é as diversas transgressões praticadas nas nossas estradas, como é o excesso de velocidade, envio de sms’s, atender chamadas sem auricular, etc, etc, depois quando “multados” são uns injustiçados da sociedade…!

    • LFC says:

      É verdade. Mas os outros sentidos deles são mais apurados… Ou simplesmente têm mais cuidado.
      Duvido que, se fores privada de audição, tenhas mais noção do ambiente à tua volta do que um surdo…

      • Maria says:

        Com os outros sentidos são excelentes ouvintes… Até ouvem “buzinas” e tudo…

        • LFC says:

          Agora gozas com os surdos??
          Ter atenção ao entrar num cruzamento, evitar o uso do telemóvel…
          Se não estiveres atenta não te vale de nada ouvir buzinas.
          Entras à patroa numa rotunda apitam para ti e tu deves pensar: “Não foi para mim… Deve ter sido para o outro atrás.” E mal te apercebes que ías tendo um acidente…
          Os surdos são mais atentos ao que rodeia.
          Nós habituàmo-nos a confiar demasiado nos ouvidos.
          Agora vêm os carros eléctricos e o Governo precisa obrigar a colocar barulhos porque suas excelências não olham quando atravessam a estrada pensando que não vem nenhum carro…. LOL

          • Filipe Almeida says:

            Eu tenho uma incapacidade auditiva desde pequeno, e na minha carta está averbado a minha prótese auditiva.

    • custódio gomes says:

      Sim é verdade, mas têm limitações e nem todos os surdos são surdos totais, apercebem-se de determinados sons.

      • Luis says:

        Tenho surdez profunda desde pequeno e tenho carta de condução sem restrição de uso de aparelhos. Posso conduzir em total silêncio. Sou uma ave rara. Entre surdos e ouvintes, só os ouvintes é que causam mais acidentes. Os surdos apesar de não terem sentido auditivo têm uma visão periférica maior do que os ouvintes, sentido este que lhes foram compensados na visão. Antes de eu ter carta, sempre me perguntaram como é que vou ouvir se aparecer uma ambulância? O irónico é que fiz recentemente um implante coclear e agora que já oiço, quando vejo ambulâncias a passarem, tento ouvir as serenes mas estão muitas vezes desligadas. Não subestime os surdos.

        • Maria says:

          A questão não é subestimar os surdos. A lei é que é uma treta e NINGUÉM deveria poder falar ao telemóvel. Nem com auricular, nem com com mãos livres nem com pés livres. Liga o carro e inactivava o sinal.
          Ponto… (o 112 apanhar por defeito)

          Agora… Para colocar a lei assim é preciso tomates como se diz no norte. E os portugueses só tem é garganta….

        • LFC says:

          Desculpa mas tenho sérias dúvidas que sejas surdo profundo.
          Nenhum surdo profundo desde criança, nem mesmo os que usam implante, têm a capacidade de elaborar um texto como o que escreveste + conjugando os verbos como fizeste + nem ler(perceber por completo) conseguem. A não ser que tenhas tido ajuda.

          • Luis says:

            Amigo LFC, o sr está equivocado. Perceba por favor, que o facto de eu ser surdo isto não afeta a inteligência, apenas a ausência de um sentido que não o visual. Não é preciso ouvir um texto, certo? Eu tenho uma percepção exímia na linguagem labial, muitas vezes as pessoas não sabem que sou surdo e outras julgam que sou estrangeiro devido ao sotaque. Existem dois tipos de surdos, um é aquele em que o sr já conhece, e outro são os chamados surdos orais, esses são aves raras, são pessoas como o sr nunca viu.
            Existem surdos profundos que até são professores, médicos, engenheiros,, mesmo sem ouvir a fonética. E há os que conseguem ler labialmente com binóculos o que os treinadores e futebolistas dizem no campo…
            Este texto foi escrito por mim, fique certo disso.

    • dark says:

      surdos a 100% não devem ser se não, não andavam na estrada!

  3. Mestre em direito says:

    Solução 1) adaptador de isqueiro com bluetooth, microfone e altifalante. Nos chinos ou online por uma bagatela

    Solução 2) adaptador de isqueiro com bluetooth, microfone e conexão com autorádio por FM . Nos chinos ou online por uma bagatela

    Solução 3) já há anos que há autorádios com bluetooth e microfone muito baratos. Já nem comento que a maioria dos fabricantes há anos que incluem de série ou oferecem em pacote (muito mais barato que uma multa ou acidente) o mãos livres.

    Solução 4) suporte de “GPS” para telemóvel. A maioria dos telemóveis tem um modo mãos livres excelente sem necessidade de mais coisas. É só levar no suporte e quando alguém telefonar atender em mãos livres.

    Eu conheço pelo menos uma dúzia de pessoas que têm bons carros e não pediram o mãos livres, não usam auricular mono com microfone ou o adaptador de isqueiro apesar de gastarem diariamente várias vezes o valor de um; conheço outra mão cheia de pessoas com mãos livres no carro e nunca usaram, continuam a falar e manusear o telemóvel enquanto conduzem.

    Não é um problema de tecnologia ou preço, é por razões mentais…

    • tiago says:

      São os deficientes por conveniência…

    • Woot! says:

      Ainda tens aqueles (e são imensos) que andam com o telemovel em alta voz em frente à boca porque assim estão em alta voz por causa da policia.

      Há gente estupida, não se pode fazer nada.

    • Luis says:

      Só um reparo para adicionar ao seu currículo de mestrado, em França não é permitido mexer no GPS com o veículo em marcha. Conheço uma dúzia de motoristas que levaram multa por terem mexido no GPS com o veículo em andamento. Em algumas zonas de Espanha também se aplica essas multas. Por cá, se não estou em erro, creio que a lei também existe mas ninguém se lembra desse pormenor.
      Conduz com cuidado.

      • Mestre em direito says:

        1) Estamos a falar de Portugal, que interessa como é na França? Até podia ser proibido ter gps… Além disso PODE ter gps e rádio, logo, pode ter o telemóvel a servir de gps e comandar e atender por voz (Ou um toque, ou seja, menos que mexer no rádio do carro). Logo a função que dei está perfeitamente de acordo com a lei francesa. O que a lei francesa não permite (nem a alemã, nem a holandesa…) é estar a introduzir as ruas, etc no GPS em andamento. Por isso mesmo os carros com GPS permitem (pelo menos a maioria dos alemães) introduzir comandos por voz. Os meus carros desde há 12 anos, de marcas alemãs, gama média- baixa e com GPS, deixam-me manipular o sistema de GPS e rádio por voz.

        • Luis says:

          Eu sou vendedor de equipamentos GPS. Tenho um amigo que é polícia e disse-me que não se pode tocar num GPS com o veículo em marcha, seria o mesmo que tocar num telemóvel. Isto desvia a atenção visual. Existem equipamentos de mãos livres cujos botões se prendem no volante, no espelho, ou até mesmo num próprio auricular de ouvido.

    • Paulo says:

      Muito bem gostei

  4. António says:

    Então e se o condutor estiver a utilizar um aparelho com dois auriculares, mas só utilizar um deles?

    • eu mesmo says:

      Não podem, porque o condutor pode estar a usar os dois ao mesmo tempo e quando aparece a Policia tira um deles….

    • João says:

      Leva multa na mesma… A lei é clara!

    • Luis says:

      O mais engraçado é que hoje em dia temos veículos recheados de multimédia, boas colunas, música alta, autoradio com ecrãs embutidos para ver filmes e ouvir mp3…
      Com auriculares dá multa, o resto não…

      • fak says:

        @Luis
        o problema está que os auriculares estão junto aos ouvidos, as colunas dos carros não, ou seja, mesmo que andes com o som do carro alto sempre conseguirás ouvir uma buzina ou uma sirene.
        e se reparares os auriculares fazem o mesmo efeito, não podem ter tecnologia de cancelamento de som exterior e têm de permitir uma acuidade auditiva semelhante a não usar o aparelho, ou seja, têm de replicar o mesmo cenário de as chamadas estarem a vir pelas colunas do carro.

  5. José Carlos da Silva says:

    Então e fumar ao volante? E comer?

    E depois falta haver policiamento para a aplicação das respectivas coimas, coisa que não acontece.

    • Luis says:

      Podes fumar, comer é que não.
      Os carros têm isqueiro.

    • Tiago Brito says:

      Acabei de procurar por curiosidade, e encontrei isto num site.

      “Embora o código da Estrada não preveja esta proibição (fumar e conduzir), um agente de autoridade pode, perfeitamente, multar um condutor que esteja a fumar.

      O artigo nº 11, nº2 do Código da Estrada, refere que o condutor se deve abster de qualquer acto que o prejudique no exercício da condução. Se um agente da autoridade entender que este acto, está a interferir na sua condução poderá multá-lo. “

  6. Quim says:

    O meu iphone tem alta voz! Portanto posso usar?
    Eu uso-o em alta voz e não o uso de forma continuada. Não me podem multar, certo?
    Uso e pouso enquanto estou a falar em alta voz por ele.

    • Carlos Fernandes says:

      …depois de alguns auriculares, essa é a técnica que uso. Mas continuo a achar que esta é uma lei que não evolui e que só serve para atingir quando querem certos objectivos.

    • jorjão says:

      A lei proíbe o manuseamento continuado. Se não estás a usar as mãos quando tens o telemóvel em alta voz está tudo bem.
      O português gosta muito de usar o telemóvel com as mãos. Cheguei a autuar um condutor que fazia manuseamento continuado do telemóvel mas tinha auricular em cima do tablier!!! Enfim.

    • henrique says:

      Não o aço selhava a levar o telemóvel na mão mesmo ie fosse falando em alta voz. Compre um suporte para telemóvel e depois fale mas o senhor faz como quiser.

  7. Carlos Silva says:

    E no entanto anda o pessoal a fumar e a conduzir e ninguém faz nada…

    • LuisG says:

      E ainda há quem enrole os cigarros a conduzir…

    • Tiago Brito says:

      Tive curiosidade sobre e tema e procurei, isto não é a minha opinião, é apenas a citação do que encontrei.

      “Embora o código da Estrada não preveja esta proibição (fumar e conduzir), um agente de autoridade pode, perfeitamente, multar um condutor que esteja a fumar.

      O artigo nº 11, nº2 do Código da Estrada, refere que o condutor se deve abster de qualquer acto que o prejudique no exercício da condução. Se um agente da autoridade entender que este acto, está a interferir na sua condução poderá multá-lo. “

  8. Cabasso says:

    Quando quiseres saber a opinião de um especialista consulta a zona de comentários de qualquer página de notícias. Aí podes encontrar os melhores especialistas em qualquer assunto!

  9. Luis says:

    Boa tarde, gostaria saber se um auricular que não entre nos ouvidos, sendo o som transmitido por condução óssea, tipo o Aftershokz, não obstruindo o assim o som ambiente é permitido?

  10. Luis says:

    Boa tarde, gostaria saber se um auricular que não entre nos ouvidos, sendo o som transmitido por condução óssea, tipo o Aftershokz, não obstruindo o assim o som ambiente é permitido?

    • Luis says:

      Nem precisa de perguntar isso, os agentes não conhecem esse sistema, se o seu canal auditivo estiver livre, aproveite esse segredinho. Eu, por exemplo, tenho implantes cocleares e nem o próprio juiz sabe que ando a ouvir uma músiquinha sem fios.
      Hoje me dia a tecnologia favorece os surdos 🙂

  11. ToFerreira says:

    O que aumenta mais o risco de acidentes é a distração da conversa e não o resto.

  12. Duarte says:

    Pena é o próprio jornalista não saber o que está a escrever, misturando auscultadores com auriculares.
    Convinha informar que desde que tenha duas saídas de som é considerado auscultador e por isso proibido mesmo que se esteja a usar apenas uma das saídas de som, não altera a característica do equipamento. Auricular apenas possui uma saída de som e esse sim é o único que é permitido.
    Boas festas para todos

  13. Luís S says:

    E pode se usar o auricular Bluetooth na orelha permanente ou tem de se tirar e por sempre que o tlm toca?

  14. António says:

    Falando contra mim, o problema só se resolve inibindo o sinal. Eu tenho bluetooth, mas tenho que pôr a pass no tlm para o ligar e procurar os contactos no ecrã frontal, contudo isto o carro já deu uns ziguezagues!

  15. José says:

    Então e pode-se conduzir com os joelhos e ir lendo um livro, isto não é gozo é o que acontece todos os dias no acesso a 25 Abril e falar ao telemóvel é a descarada só não vê quem não quer e as pessoas sentem-se impunes não acontece nada.

  16. Paulo says:

    Pergubro-me como é possível então colocar se o rádio com o volume no máximo. Mesmo não tendo amplificadores n coisas do género. Hoje em dia há sistemas de som que vêm ‘ por defeito’ que têm mais influência na audição do dois auscultadores num telefonema.
    Soa todos retrógrados esses imbecis que ditão as leis.

  17. Jaime Macedo says:

    E circular com o sistema de som no máximo, é permitido? Não tem lógica estar a implicar com os auriculares e deixar de fora sistemas de som potenciados para produzir mais ruído.

  18. Antonio says:

    Continuo a entender… depois desta conversa toda, que o português será sempre ignorante e estúpido.

  19. camt says:

    Posso estar errado mas também existe uma lei antiga para os peões, já vem do tempo dos primeiros rádios (Decca)e leitores de cassetes stereo (Sony) com auscultadores. Ela foi feita por causa dos acidentes que começaram a aumentar pelo uso destes aparelhos na via pública especialmente pelos atropelamentos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.