Quantcast
PplWare Mobile

A Microsoft vai apresentar a próxima versão do Windows muito em breve

PUB

                                    
                                

Autor: Pedro Simões


  1. contacto says:

    É grátis ?

    • iDroid says:

      Excelente questão.
      E para além disso, lembro-me perfeitamente que disseram na altura que o Windows 10 seria a última versão. Será que voltaram atrás na palavra, ou é uma evolução do Windows 10?

      • falcaobranco says:

        Eles devem é ter percebido que o windows 10 que precisa de tantos updates que mais vale…fazer um windows novo de raiz.

        • Eduardo César dos Anjos Wandscheer says:

          Não sei em que planeta você vive, mas empresa nenhuma faria um sistema, como o Windows do zero. O Windows 10 ainda tem legado do Vista, 7 e 8. O sistema vai mudando de dentro pra fora com o tempo. Não espere muita coisa de um provável Windows 11 além de estética e uma ou outra nova função. É claro que podem haver melhorias significativas em desempenho, mas se seu PC for velho e ter pelo menos 5 anos, vai rodar essa nova versão como uma carroça.

          A culpa nem é o sistema e sim a maioria dos usuários que acham que pc velho tem que receber suporte pro resto da vida.

          E o Windows 10 recebe bastante atualização por que é um sistema com suporte integral. Queria o que? um sistema defasado e com suas vulnerabilidades expostas? Bom, se não gosta de atualizações periódicas é só migra pra alguma distro de Unix.

          E sim, Windows é um nome comercial e a “nova” versão será só mais um apelo de venda. Já espremeram muito o limão Windows 10 que não sai mais suco.

  2. Billing Gates says:

    Grátis! Trabalhas de graça?

  3. 3mleao says:

    Pronto, lá vem mais um charuto tipo windows vista.

  4. xtremis says:

    “os programadores vão poder explorar este sistema para monetizar as suas criações.” I have a bad feeling about this xD

  5. Joao Ptt says:

    Cheira-me que vão finalmente obrigar os utilizadores a instalar tudo através da loja da Microsoft e impedir a instalação fora da mesma, ou pelo menos tornar tal extremamente difícil e provavelmente só em certas edição dispendiosas.
    Como é que isso vai ajudar os programadores a ganhar dinheiro? Não vai… mas a Microsoft vai finalmente conseguir facturar à grande.

    A alternativa é terem alguma espécie de sistema de pagamentos integrado no Windows que permita efectuar os pagamentos com maior segurança e gestão das mensalidades/ anualidade… mas como vão obrigar a utilização de uma conta Microsoft, primeiro muitos utilizadores como eu não vão querer utilizar, e não sei como vão os programadores querer utilizar a Microsoft em especial se eles forem gulosos nas comissões como os outros nesta área (Google e Apple).

    Como a Apple a safar-se com a sua loja exclusiva sem permitir instalar fora dela, acho que a Microsoft vai pelo mesmo caminho, pelo máximo de tempo que der, até levarem com um processo anti-trust ou similar em que sejam obrigados pelos tribunais a abandonar tal prática… se a Apple não leva tal processo a Microsoft também se deve safar.

    • Tadeu says:

      A Apple não obriga a instalar aplicações apenas pela loja no Mac… apenas os derivados do iOS é que obrigam a isso, sendo que é assim desde o início desse sistema.
      A Microsoft passar a obrigar a usar exclusivamente a loja nos PCs seria uma situação muito diferente da Apple, e levantaria questões legais muito relevantes por a Microsoft usar a sua posição dominante para alterar completamente as regras de mercado para produtos já estabelecidos no Windows.

      • Joao Ptt says:

        Eles dizem que é para a segurança dos utilizadores, e estão safos por algum tempo até perderem um eventual processo anti-trust nos EUA… entretanto facturaram milhares de milhões de dólares.

        • Tadeu says:

          continua a ser uma situação diferente para a Microsoft… num caso destes teria uma ação imediata pelas autoridades, já que seria mais do que evidente a violação da lei contra abuso de monopólio.

    • Samuel MG says:

      Existe uma alternativa que é o Linux!! Só usam o Windows porque querem 🙁

      • Vítor M. says:

        Grande verdade. Só usa Windows quem quer. Se bem que há uma exceção, todos aqueles que têm de trabalhar com suites de gestão apenas compatíveis com Windows. Na verdade são milhares de pessoas em Portugal e muitos milhões no mundo. Há ainda mais um ou dois cenários onde apenas Windows lá consegue chegar, mas, fora isso, há Linux, que até é de borla sacar, instalar e usar. Embora que no âmbito empresarial já não é bem assim. Mas ficamos só no domínio doméstico.

      • Elektro says:

        Sou forçado a manter o Windows, e toda a comunidade de Gaming PCs, admiro o trabalho dos devs que se estão a esforçar para permitir os jogos de Windows correrem no Linux mas simplesmente não dá existe quebras de performance enormes e claro que os jogos virem inacabados não ajuda!

  6. JR says:

    Vai ser genial para as empresas e programadores que criam publicidade

  7. contacto says:

    Começo a ficar farto de ter de pagar cada vez que decidem fazer uma nova versão. Decidi testar o linux zorin e parece igual ao windows. Não pago mais windows.

  8. joaquim santos says:

    Será que vai dar pra desligar o windows defender de vez

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.