Quantcast
PplWare Mobile

Microsoft lança ferramenta para identificar abusadores sexuais de crianças online

                                    
                                

Autor: Marisa Pinto


  1. AlgoritmoImpossivelDeControlar says:

    Muito interessante, quer dizer que provavelmente um futuro proximo toda e quaquer conversa tida em chats pode ser monitorizada por um algoritmo que quando lhe apetece ou se escreve determinadas palavras ou sequencias envia a conversa e provavelmente a forma de identificar o seu autor para alguém algures tomar uma medida, muito interessante e se eu estiver a ter uma conversa mais picante com a milha mulher ???

    • charles says:

      “e se eu estiver a ter uma conversa mais picante com a milha mulher ???”
      … não terá com que se preocupar!
      Não seja pateta!
      Qualquer ferramenta para proteger crianças, é bem vinda. E neste domínio em particular, que se f*lixem os danos colaterais, como o que expõe na sua pergunta!

      • Justino, o Justo says:

        Conheces o comportamento da ferramenta ? Não achas que sendo interessante, pode tambem ser perigoso ou mesmo perverso ? Como são geridos os falsos positivos ?

        • AlgoritmoImpossivelDeControlar says:

          Ora ai está … só quem não percebe de algoritmos é que pode ter respostas como as do @Charles.
          A inteligência artificial está a léguas de ser perfeita vejam o caso das colunas inteligentes da Google e da Amazon que enviam (ou enviavam) ficheiros de áudio para analise …

    • The boy says:

      Nenhuma rede é segura a usar este programa, obviamente.
      Portanto, se este programa estiver a correr numa plataforma de jogos, como o Roblox, obviamente que não é nada de escandaloso que as conversas entre os utilizadores sejam scaneadas pelo programa, já que a esmagadora maioria dos utilizadores são jovens.
      Uma aplicação de chat/mensais mais convencional, aí claro que é uma falha de segurança grave e inaceitável.

  2. Tiago says:

    Crianças não têm que usar Internet ponto final.
    Não têm maturidade suficiente e nos dias de hoje muito menos.
    Telemovel para receber e fazer chamadas e já está bom.

    • RM says:

      Talvez um dia, os PC’s e smartphones ao identificarem a idade do utilizador, sirva para permitir ou não o visionamento de certos conteúdos na internet.
      Acho que é uma boa ideia.

    • Tomás Oliveira says:

      Isso foi um comentário super ignorante.
      Estamos cada vez num mundo mais tecnológico e o futuro é este. O facto de as crianças puderem crescer com convivência com esta realidade mais fácil se torna a adaptação mais tarde.
      Não quero dizer com isto que devam passar o dia em frente a computadores e telemóveis, mas o saber não ocupa lugar e o simples facto das crianças terem a oportunidade de lidar com estas tecnologias é bastante útil para o seu futuro.

      • RM says:

        A internet é sem dúvida alguma uma enorme fonte de informação, onde se pode aprender muita coisa útil, onde podemos comunicar com outras pessoas e também partilhar conhecimento.
        Devemos é trabalhar para separar o que é mau do bom.

        • Tomás Oliveira says:

          Concordo plenamente, agora não é a privar a Internet às crianças que se vai melhorar alguma coisa, só se vai retardar o crescimento, aprendizagem e a adaptação ao futuro das mesma com este método extremista

    • Pedro says:

      Por esse prisma, nem uma graaaannnnddeee fatia dos adultos tem maturidade/conhecimento para utilizarem bem a internet. Daqui a pouco começam manifestações para acabarem com a internet…..duh!

  3. Luis says:

    Por que será que as pessoas só veem como pedófilos homens, será que quando é mulher é bem visto, mais abrandado? Será machismo?

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.