PplWare Mobile

Ubuntu 16.04 (Xenial Xerus) – Desktop Perfeito (Parte I)


Pedro Pinto é Administrador do site. É licenciado em Engenharia Informática pelo Instituto Politécnico da Guarda (IPG) e obteve o grau de Mestre em Computação Móvel pela mesma Instituição. É administrador de sistemas no Centro de Informática do IPG, docente na área da tecnologia e responsável pela Academia Cisco do IPG.

Destaques PPLWARE

  1. Pedro says:

    Muito bom!
    Esse mix de PT e EN na interface é um assombro..

  2. Jose Batista says:

    E a parte II ?? 🙂

  3. JCLopes says:

    Alguém sabe como se instala o Google Earth. Já perdi uma data de horas e dá-me sempre erros.

  4. Hugo says:

    Não gosto da interface… tem um look muito antiquado….
    Gosto mais da interface do windows 10… tem um look mais moderno…

    • Dude says:

      Podes sempre alterar muito facilmente. A primeira coisa que fiz foi instalar o Cinnamon.

    • Vlad says:

      Podes sempre instalar o Unity 8.

    • JCLopes says:

      Se há coisa que o ubuntu nunca teve foi um look bonito. Aquela cor rosa inicial é horrível.

    • Deadpool says:

      Tenta lá mudar a interface do windows 10!

    • Mota says:

      Hugo

      Eu prefiro o cinnamon tbm. Ubuntu é ótimo mas não é bonito.

    • Tico says:

      Usa o ubuntu mate… vais gostar, é melhor do que este em que as aplicações estão todas misturadas, parece o windows 10 que estão (des)organizadas por ordem alfabética… No ubuntu mate ficam arrumadas por categorias.

    • Cruz says:

      Para que comparar um porsche com um clio, isso do Ubuntu é sistema para nerds.

      • Jáfoste says:

        Sim sim! Por isso é que cada vez mais empresas optam por usar sistemas de base unix em servidores etc. Diz-me antes assim, Windows é para totozinhos que mal sabem o que é uma tecla e basicamente sabem que o botãozinho do rato do lado direito serve para selecionar umas coisitas… deves ser da geração facebook tu… é por isso que já querem lançar updates com bash ubuntu em windows 10… deve ser para fazer os Iós como tu abrir as biseiras

        • EC says:

          Bem… Está a aqui uma confusão no teu comentário! Misturar alhos com bugalhos… Antes de mais, está-se a falar um sistema operativo desktop e vomitas para aqui servidores, depois já voltas a falar do interface desktop… enfim..
          Linux é utilizado nas empresas, nomeadamente a nível de servidores. Mas não estou a ver todo o pessoal das empresas trabalharem em servidores… Cada macaco no seu galho!
          Outra coisa que também convém referir é que Linux is not Ubuntu. Há sistemas mais simples e acima de tudo funcional. Adoro Elementary e Peppermint (baseados em Ubuntu), mas para mim o Win7 continua a ser o sistema mais estável, fluído, funcional e user friendly, quer a nível empresarial, quer a nível pessoal. Sou fã de sistemas linux desktop.

          • Tiago says:

            Eu gosto do Ubuntu para caramba, trabalho com ele e não volto a trabalhar com Windows. Mas gosto é gosto, para programar e segurança acho ele muito superior.

      • Balearic Soul says:

        Sem dúvida! Ainda agora precisei de um plugin para ver vídeos no Facebook e nada… é preciso um grande filme para instalar o que quer que seja. Ninguém vai perder tempo a aprender como se instala um programa quando tem a necessidade imediata de produzir e não perder tempo com pesquisas. É por isso que o Ubunto nunca vai substituir o Windows. 🙁

    • Paulo says:

      Fumas umas brocas como os nerds do Xubantu e depois gostas de tudo.

    • Felipe Teixeira says:

      Unity é a coisa mais feia do mundo linux, a única coisa positiva que trouxe foi “obrigar” os developers do mint a criarem o cinnamon xD

      • David Ramos says:

        Não percebo como é que acham o cinnamon mais bonito…. Parece uma mistura de Windows XP. O unity é só basicamente duas barras em que uma parece vidro e com ícones modernos. Para mim é dos mais bonitos e é o que uso no meu. No entanto acho o Windows 10 mais bonito

        • Felipe Teixeira says:

          É verdade que gostos não se discutem, mas para mim, cinnamon é muito mais intuitivo, tem linhas e layouts consistentes ao longo de toda a interface, mais limpo, polido e muito organizado, unity só as cores assustam me.

          No entanto o meu preferido ate é kde que é o que uso diariamente, mas nos pcs mais fracos cá em casa tenho cinnamon.

    • lmx says:

      MAs…o windows 10 para os mais distraídos…não é linux :S

      De qualquer forma podes sempre usar o windows 10 🙂

    • Rodrigo says:

      COM TANTAS OPÇÕES DE INTERFACE QUE PODE INSTALAR, COM TANTOS BENEFÍCIOS QUE O UBUNTU TE PROMOVE, ESTAR COM O WINDOWS 10 É UM DESPERDÍCIO.

  5. eleck says:

    eu pessoalmente gosto mais do gnome 3

  6. Francisco Rocha says:

    bambe eu prefiro Gnome 3 mas mesmo bom e o xfce 😉

  7. Rafael Encarnação Cardoso says:

    depois querem que o utilizador comum utilize linux.
    Instalar qualquer coisa é preciso ir à consola e escrever o que querem….

    Por isso é que por muito bom e gratuito que o linux seja, nunca terá o mercado de software com o windows

    • Pedro'O says:

      +1, tirando as configurações o resto que vi para instalar programas teve de ser por linha de comandos. havendo utilizadores que mal a interface gráfica sabem utilizar…. continua muito user frendly sem duvida!

      • luis pacheco says:

        Tem a loja de software. Para 99% das necessidades nao precisa da linha de comandos. Nos ultimos anos houve uma grande evolucao. Outra coisa boa e que mantem a velocidade com a idade ao contrario do windows que ao fim de um ano parece um caracol coxo.

      • marcelo says:

        Linha de comando? Ja ouviu falar na central de programas Ubuntu mais facil que a playstore.

    • Deadpool says:

      É essa a mais valia do Linux, é o usuário escrever exactamente aquilo que quer, não há supresas no decorrer da instalação!

    • Tico says:

      Qual é a complexidade? por exemplo queres instalar 6 aplicações (gimp, scribus, inkscape, blender, skype, vlc), abres o terminal (ctrl+alt+t), escreves “sudo su” sem as aspas e carregas no enter, metes a pass carregas no enter, escreves “apt-get install gimp scribus inkscape blender skype vlc” sem as aspas, carregas no enter… e já está 6 aplicações instaladas…

      • Zaark says:

        Diga-se de passagem que a tua explicação assusta muita gente xD Anyway, para muitos, isso é mais complicado que ir procurar as 6 aplicações no Google, fazer o download no site correcto (e sem clicar em botões de download fictícios), clicar para cada instalador em meia dúzia de “Next” (muitos cliques ao todo portanto), e tomando a devida atenção à potencial instalação paralela de crapware (que muitos, claro, nem dão conta de tão absorvidos estão a clicar em “Next”, e depois admiram-se). Escrever uma linha custa bem mais que isto tudo…

        • Joao Carvalhinho says:

          Eh pah… o Sudo e um repositório hijacked fazem-te instalar o mesmo nível de crapware ou pior…
          Basta um utilizador newbie receber uma instrução num site tão “seguro” como este, com 3 comandos em que um deles é o de adicionar um repositório xunga… ele vai fazer copy paste direto. E mesmo que não o faça… vai escrever letra a letra na linha de comandos 🙂 … quem diz isto diz um “rm -rf “

    • JP says:

      Errado…

      Como fazes para instalar algo no windows? Procuras pelo ficheiro .exe do que queres e instalas, certo?
      No Ubuntu, procuras pelo ficheiro .deb do que queres e instalas, simples, sem teres que abrir o terminal.

      Mas tal como no windows, existe sempre um certo “atraso” do software que funciona numa versão mais antiga, para uma versão mais recente…E ai o Terminal, esse “bicho de sete cabeças” ajuda e muito…

      Depois depende do Software e de quem o faz, isso são outros mil…

  8. JCLopes says:

    Executei os comandos no terminal para instalar o Weather indicator mas não aconteceu nada.
    Já reiniciei a máquina e nada.

  9. JCLopes says:

    OK. Não tinha lançado a aplicação. Já aparece na Barra Superior.
    Agora já só gostava de conseguir instalar o Google Earth.

  10. Amigo says:

    No meu portátil a versão 15.10 era mais estável. Nesta versão os cantos activos estão bugados (ver todas as janelas abertas). E tenho a sensação que a 15.10 era mais rápida.

  11. Balearic Soul says:

    Este artigo espelha bem aquilo que escrevi no artigo anterior sobro o Ubunto! É um software para utilizadores avançados. Ponto final. Ter de executar comandos para instalar um simples programa nesta altura do campeonato? É óbvio que o user comum prefere o Windows, onde basta clicar em, seguinte, seguinte, ok, e está instalado. Simples! 😉

      • Guilherme Elias Gomes Nocera says:

        Muitos dos softwares no Ubuntu hoje em dia estão a um clique de instalar, Nem todos precisam se dar ao luxo de usar o terminal.

        O ubuntu evoluiu muito desde a sua criação, alguns jogos rodam com um desempenho impressionante nele.

        Eu uso ubuntu desde 2010 em conjunto com o Windows.
        Claro que usuários são conhecidos por quererem facilidade em tudo que se fazem, e o ubuntu lhe pode proporcionar ele, e o melhor de tudo, sem BSOD! coisa que nem o Windows 10 conseguiu remover.

        Poderíamos discutir sobre o Ubuntu all day long. más não iríamos chegar a nemhuma conclusão.

        Cada um usa o que usa porque é bom para sí pŕoprio. Não existe melhor e nem pior. Existe o produto que satisfaz as suas necessidades.

    • Sérgio Lackmann says:

      Todos os comandos dados acima servem para falicitar! Se não quiseres dar um ctrlC + CtrlV, basta ir no site do telegram, baixar o aplicativo e clicar sobre o mesmo! Pronto! Fácil não? Agora pode voltar a pegar seus vírus! :p

    • Tico says:

      No ubuntu também fazes o mesmo, copias o programa que queres (*.deb) e instalas com o seguinte, seguinte e ok.

    • jAugusto says:

      Existe um instalador de programas, os ppa’s é responsabilidade do freguês penso eu que uso debian o avôzinho do pessoal.

    • João says:

      Aqui no linux mint não é preciso usar comandos (e de certeza que no ubuntu também não) há o gestor de pacotes, é uma ferramenta gráfica, dá para usar só o rato, como no windows.
      A vantagem é que mostra todo o software disponível nos repositorios, agrupados por categorias, com comentários e classificação dos utilizadores. É uma excelente ferramenta para utilizadores menos experientes. Há 74556 pacotes, variedade não falta 🙂

    • Zaark says:

      1) Ao menos não tens de clicar em seguinte, seguinte, seguinte. 2) O software só vem de repositórios oficiais, sem o risco de um download de sites ilícitos. 3) Não corres o risco de, no meio de tanto seguinte, seguinte, seguinte, instalar ao lado crapware. 4) Há o Software Center onde não tens de executar um único comando. 5) Podes instalar os ficheiros *.deb (equivalem aos instaladores no Windows, *.msi) com o Software Center sem um único comando. 6) É mais fácil usar um comando de treta (sudo apt-get install ) do que toda a pesquisa no Google e cliques de instalação e riscos inerentes.

  12. João C. says:

    Quem quiser experimentar ver a meteorologia pelo terminal sem ter de instalar nada, é só maximizar a janela do terminal e escrever curl wttr.in e para ver a fase da lua é só escrever curl wttr.in/moon

  13. Tecnical says:

    Vem mesmo a calhar.

  14. Flinger says:

    Se usarem o Software center do ubuntu, nao precisam digitar comandos, é uma loja com aplicações gratuitas e outras pagas.
    Se forem a um site, que disponibilize um .deb do software, e o descarregarem, dao 2 cliques em cima do ficheiro e instala como qualquer installer do Windows.
    Porque é que o pessoal usa a linha de comandos? Porque é a forma mais facil de instalar uma aplicação.

  15. Valter says:

    Boas.
    Isto vai ser uma pergunta estúpida, mas nunca usei o ubunto. Será que consigo intalar ou existe forma de instalar um software para windows no ubunto? mais propriamente estamos a falar num software de faturação.

  16. billidkid says:

    Instalei o Xubuntu 16.04 e está nota 1.000. Rápido,seguro e completo. 🙂

  17. fernando says:

    Instalei no VBox com 3D selecionado, mas para tristeza minha não consigo resolução superior a 800×600. Podem dar-me uma ajuda? Obrigado. PS no mint é na boa ecran total 1920×1080

  18. manuel says:

    Deepin rules

  19. Daniel says:

    Só eu é que achei o boneco inicial parecido com o charmander? xD

  20. JonasTadeu says:

    Já agora, dois extras que uso no ubuntu:
    O Variety, wallpaper changer, e o Psensor, para ir mantendo a temperatura do CPU debaixo de olho e quando for preciso limpar a ventoinha e mudar a massa térmica.

    O Spotify também é uma mais valia.

  21. djofight says:

    num ssd corre muita bem

  22. Filipe Martins says:

    Até tem piada… já alguém notou que há comentadores que escrevem sobre tudo o que é técnico para defender a sua marca/empresa de eleição… algumas vezes até roçando a ficção científica. Mas quando se fala de um simples sistema operativo… o comentário é que é para nerds ou malta da programação?

    Por favor, continuem, já tenho registado boas anedotas.

  23. FSD says:

    Particularmente não gosto de instalar uma versão nova do Ubuntu logo no lançamento porque muitos programas não são possíveis de se instalar facilmente e temos que esperar por alguma PPA ou algo do tipo.
    Depois de um ou dois meses aí sim se torna interessante pois já terão saído atualizações e PPAs para o sistema.

  24. Zeca62 says:

    Instalei o Ubuntu 16.04 numa VM do Hyper-V da MS. Não permite rede nas VM’s.
    Alguma dica ou sugestão para contornar isso, please.

  25. Pedro Santos says:

    Instalado em dual boot com o windows10, o único problema que encontrei`até à data é não conseguir instalar o Kodi 16, de resto 5 estrelas

  26. sakura says:

    é realmente bom MAS, tem servicos que não sei o que fazem e em linux nunca envio –>
    https://pplware.sapo.pt/microsoft/windows/cuidado-afinal-nao-e-apenas-o-windows-10-que-recolhe-dados/ salvo erros ou bug. so para limpar o SO perde-se muito tempo.
    $systemctl status

  27. Bruno Santos says:

    Caros utilizadores do melhor sistema operativo alguma vez idealizado e realizado por terráqueos, eu acerca de dois anos troquei de sistema operativo windows-Linux. Já percorri várias distribuições linux e chegou a altura de experimentar a distribuição Ubuntu. Quando faço o download no site oficial do Ubuntu, o ficheiro .iso que começa a descarregar tem como nome: ‘ubuntu-16.04-desktop-amd64.iso’. A minha dúvida é na parte que diz ‘-amd64’. Sendo a amd uma fabricante especialmente de processadores, que concorrem diariamente com processadores fabricados pela Intel e sendo o processador do meu PC fabricado pela intel, posso instalar essa distribuição do Ubuntu no meu PC? ou tenho que esperar que o Ubuntu disponibiliza uma para processadores intel?

  28. Balearic Soul says:

    Alguém conhece um raio de um plugin para reproduzir os vídeos do Facebook? É que nem no Firefox nem no Chromium consigo reproduzir os raios dos vídeos. Estou a tentar ficar algum tempo com o Ubunto, mas está difícil… É preciso um curso para tudo, 50 cambalhotas para instalar uma porcaria de um programa. E por isso que o Windows será sempre o Windows! :/

  29. MK says:

    Pessoal, é um bocado off topic mas estou com problemas no Ubuntu e gostava de saber se alguém me pode ajudar. Este problema já deve ter acontecido a mais alguém:

    Acabei de instalar o Ubuntu 16.04 i386 via USB.
    Durante a instalação escolhi a opção para encriptar que me provocou um grande problema..
    Após a instalação, durante o boot pede-me para inserir uma password (“Please unlock disk sda5_crypt”), e ao colocar a passsword correcta, obtenho o seguinte erro : “cryptsetup failed, bad password or options?”.

    Aquilo que pretendo é formatar tudo novamente e re-instalar o Ubuntu, mas sem seleccionar a tal check-box para encriptação.
    No entanto, agora mesmo colocando a pendrive que usei para instalar o SO, aparece-me a GRUB e não faz o boot pela USB.
    De seguida, decidi experimentar um cd antigo que tinha aqui em casa, com o Win XP para fazer o boot e então formatar tudo. Neste caso já fez o boot pelo cd, mas obtenho o típico erro de blue screen enquanto está a fazer o load do cd…

    Aquilo que pretendo é formatar tudo e re-instalar o Ubuntu, mas agora sem o “pisco” na check-box para encriptar…
    Alguma sugestão?

  30. Juliano Eduardo says:

    O meu no lugar do Telegram está o Franz, que unifica todos Messengers em apenas um aplicativo..!!
    Para quem quiser testar: http://meetfranz.com/

  31. manuel says:

    atualizei para esta versão mas agora não estou a conseguir autenticar na minha rede, apesar de nas configurações indicar a segurança 802.1x, autenticação PEAP, não utiliza certificado, indicar o utilizador e password. Tem de autenticar numa rede ip:10.1.2.xxx e não estou a conseguir. Tem de autenticas num servidor radius/eradmanager

  32. manuel says:

    atualizei para esta versão mas agora não estou a conseguir autenticar na minha rede, apesar de nas configurações indicar a segurança 802.1x, autenticação PEAP, não utiliza certificado, indicar o utilizador e password. Tem de autenticar numa rede ip:10.1.2.xxx e não estou a conseguir. Tem de autenticas num servidor radius/eradmanager

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.