PplWare Mobile

A integração do Linux no Windows 10 cresceu e agora também chegou ao Hyper-V


Apaixonado por tecnologia, encontro no Pplware a forma ideal de mostrar aos outros os meus conhecimentos e de partilhar tudo o que me interessa neste intrincado universo

Destaques PPLWARE

  1. Casuístico says:

    Excelente essa integração. Deste que o Satya Nadella tornou-se CEO da MS a empresa buscou maior integração com outros sistemas operacionais gerando com isto uma forte ampliação da atuação da Microsoft na internet/informática. Segue o jogo. Saudações.

  2. Piwi says:

    Isto já é possível desde a versão 1809 e funciona muito bem. Apenas notei problemas quando copiava um ficheiro do host, usando o Files do Ubuntu para explorar a drive do host, e tivesse o Explorador de Ficheiros aberto no Windows. Para funcionar bem, não pode haver Explorador de Ficheiros aberto no Windows.

  3. Robson Dantas says:

    O problema central é a segurança do sistema principal. O correto seria instalar o Linux como o Sistema Operacional, o Windows colocar numa máquina virtual para ser usado como uma segunda opção. O Linux é seguro, o Windows é fraco em segurança. Por isso se usa Linux em Servidores, pela segurança!! 97% dos servidores (no planeta) instalam o Linux. Pra que instalar o Linux dentro de um sistema que, uma hora ou outra vai ser invadido, ou ter bibliotecas corrompidas, etc???

    • Joselito says:

      Só se usa em servidores pq é GRÁTIS! Entendeu, GRÁTIS! Os bestas programam de graça para empresas multibilionárias!! Entendeu ou precisa desenhar???

      • Marcelo says:

        Percebe-se imediatamente seu conhecimento raso. Não dá pra dignificar isso com uma resposta séria.
        Vamos pro proximo.

      • VaGNaroK says:

        A google usa linux em seus servidores e ela tem dinheiro suficiente para comprar centenas de licenças do windows server para usar nos servidores delas e optou por linux, só por ai dá pra perceber que ela usou o linux não por que é grátis e sim por que é mais seguro que o sistema da microsoft. Se windows fosse tão bom ela usava windows servers nos seus data centers. Algo tão óbvio assim e você não consegue discernir? refaço a mesma pergunta sua… “Entendeu ou precisa desenhar???”

      • Robson Dantas says:

        Kkkk, As vezes é melhor ficar calado do que falar besteiras. Quando não entende do assunto, seja humilde e vá procurar primeiro saber o dito.

        • conect informatica says:

          Não existe. Sistema seguro, a diferença é que o windows tem mais usuários , e com isso se torna alvo dos crack, enquando que para windows são construidos milhões de virus, para linux são apenas alguns milhares

      • Lucia says:

        Me fale mais sobre Red Hat ser grátis

        • Hugo Thebas says:

          Red Hat é grátis… Vc paga pela subscrição na rede, ou seja, paga por um serviço, para obter atualizações e suporte. Mas não paga para usar o SO. Existe uma grande diferença nisso.

      • Danilo says:

        Não é porque algo é opensource que automaticamente tenha que ser grátis, isso é coisa de comunista, xiita da comunidade do software livre.
        A verdade é que tudo pode ser pago. Existem softwares de alto nível pagos. E agora? Vai chorar? Suporte a servidores (mesmo Linux) são pagos idem, ou acha que tudo é de graça só por ser Linux? Vai se tratar queridinho.

      • Blam-O says:

        Acho que tu é que precisas de um desenho, meu caro…

      • ademirt says:

        Joselito, há mais empresas que contribui para o linux do que a comunidade.

      • ademirt says:

        Este link que você passou refere-se a uma pesquisa realizada no Brasil.
        Não é um dado que reflete o mundo.

      • hydrahex says:

        *”O Linux não se encontrou no Brasil. A interface é complicada e a tendência é de cair mais”, projeta Meirelles.* O Brasil é o país da “livre pirataria” ! Empresas e principalmente pessoas comuns (home users) usam softwares não licenciados, em special o kit Windows+Office, daí 97% nos computadores pessoais e 73% nos servidores empresariais, sendo que respectivamente 3% e 27% são softwares legais\licenciados (observo assim). O Brasil também quase que não contribui em nada com o projetos Open source se comparado ao resto do mundo.

    • Marcelo H. Moraes says:

      Não exatamente, o Linux é tão seguro quanto a distribuição, e tão estável quanto a noção do usuário .
      O interessante das distribuições GNU/Linux é o modo de instalação de pacotes, vulgo programas, via pré compilados fornecidos e garantidos pela distribuição. Enquanto que no Windows o usuário baixa o programa x, y e z, vai atrás daquela malandragem pra fazer ativação de softwares pseudos licenciados, e tem que correr um programa, muitas vezes também pseudo licenciado e desatualizado, só para dizer ao usuário o que ele pode ou não pode fazer com o computador da Microsoft. Isto não ti pertence maaaaais!
      Experimenta deixar um usuário de senha fraca com direitos de GOD da porra toda na mão de qualquer um, correr um SSH desatualizado cheio de falhas de segurança conhecidas e deixar as portas da rede escancaradas pro mundo, e ficar instalando pacotes extras conjugais sem nem mesmo verificar procedências e correr esses programas como sudo. Você verá os portões do inferno se abrir!

  4. Rudi says:

    Muito me engano mas Hyper-V só na versão pro do windows, assim como o disco encriptado.

  5. VaGNaroK says:

    “A integração do Linux no Windows”… se eu lesse esse título a vários anos a trás diria que é pegadinha de 1 de abril, e olha como estamos hoje. Um linux dentro do windows.

  6. José says:

    Qualquer dia temos o Windows a correr nativamente em ARM…

  7. Jorge says:

    Qualquer dia vamos ter windows dentro de Mac OS.

  8. XD says:

    Linux só domina em servidores por ser código livre , agora para sistema operacional não serve para muita coisa , não tem quase nada compatível com sistema , quase tudo que se usa em linux tem para windows mas não ao contrário.

    • Hugo Thebas says:

      Uso Linux em meu “desktop” desde que tinha 14 anos (tenho 35 agora), não sinto falta nenhuma de aplicativos windows. Para minhas necessidades o Linux sempre me atendeu. Acredito que quem diz isso que você disse, não conhece muito bem os recursos disponíveis para Linux.

  9. Saulo says:

    Estava em dúvida de instalar o Ubuntu, mas se até o Windows está usando porque eu não né kkkkk

  10. Paessens says:

    Apenas acrescentando, Linux é muito importante para todos nós que amamos tecnologia, agora o sistema que e jamado de janelas é muito útil e muito menos seguro e vulnerável a distro Ubuntu e muito popular mas caso tenham interesse deem uma olhada no elementary OS para quem usa Windows o elementary e bem do estilo mas muito mais seguro e super estável.

  11. Marcos Estevão says:

    Me pergunto: estaria a Microsoft migrando lentamente para um “kernel linux”. Se sim, seria algo muito interessante, pois não vejo como uma única empresa conseguir se contrapor o trabalho de uma comunidade formada por pessoas, empresas e universidades, onde o desenvolvimento acontece continuamente. Imagine no giro do globo terrestre, enquanto alguma equipe encerra o expediente em uma parte do globo, do outro lado, de manhã, entra outra a prosseguir com os trabalhos. Penso que é uma idiotice ir contra esta tendência. E se pensarmos que o Linux é responsável pelo lucro de grandes empresas, isso nos leva a concluir que é um negócio sólido. Por que a Microsoft ignoraria isso?

  12. Marcelo H. Moraes says:

    Nossa que bom, agora só falta arrumarem essas “atualizações” intrusivas e mal acabadas que de tempos em tempos eles esfregam na cara dos usuários, e que chegam cheia de surpresinhas! Mal posso esperar para ver o que vai parar de funcionar dessa vez!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.