Quantcast
PplWare Mobile

Já está disponível o Ubuntu 14.04 Trusty Tahr (Final Beta)

                                    
                                

Autor: Pedro Pinto


  1. Alexmv says:

    não dá para instalar pela consola como se já fosse versão final?

  2. fabio says:

    Boas, a versao ainda nao e estavel certo?

    Já agora tenho versao 13.10 instalada, quando essa sair a final.. basta fazer upgrade ? ou tenho que fazer download da versao 14.04 e voltar a instalar?

    • Pires says:

      à partida poderás fazer o upgrade a partir da versão actual! mas aconselho-te a instalares de raiz para evitares fenómenos estranhos que poderão aparecer!

      • Xplouder says:

        referes-te a fazer sudo apt-get upgrade?

        • Pires says:

          não! refiro-me a sudo do-release-upgrade!

          • fabio says:

            Pires, porque se sempre que sair uma versao nova for preciso instalar de raiz..nao tem muita logica.. de 6 em 6 meses instalar o ubuntu.. Nunca testei um apt-get dist-upgrade mas penso que deve funcionar sem problemas

          • Bovidino says:

            fabio,
            Pela minha experiência, o Pires tem razão. Fazer o upgrade sempre me deu problemas. Melhor baixar a próxima versão e instalar de raiz.

        • Jonybat says:

          Com o apt-get dist-upgrade para esse fim ja tive vários problemas, mas desde que existe o do-release-upgrade correu sempre bem. Numa das máquinas até ja utilizei para atualizar a versao umas 3x.

          A probabilidade de alguma coisa correr mal esta relacionada com a quantidade de programas instalados e de conflitos entre as varias versoes. Se for um sistema com as aplicaçoes de origem ou praticamente, muito dificilmente vai dar problemas.

  3. fernando marques martini says:

    legal mas to esperando a versao 14.04 final mesmo

  4. Manuel says:

    Agora é obriga-los a remover todo o software adicional porque isso é contra a concorrência…

    • lmx says:

      é contra a concorrência nas Empresas que monopolizam o mercado…não tem nada a ver…

      O ubuntu é grátis e ves-te grego para comprar uma maquina que já o traga de base…como vês é completamente o oposto do SO que defendes…

      • Manuel says:

        não concordo. não estou a defender mas obrigar um empresa que fez um software a retirar o programa x ou y é visto por mim como se obrigasse a apple a retirar o safari…

        • lmx says:

          Eu percebo onde quer chegar manuel.

          Aqui o problema prende-se com monopolio de mercado…

          A marca que detém o monopolio não deve, ter o poder absoluto de decidir o que incluir e o que quer restringir…

          Porque desta forma limita a inovação, e o avanço, sendo que outras marcas não podem desenvolver o seu negócio…

          No caso da Apple entre muitas milhões de marcas diferentes…é que eles não teem monopolio nenhum…

          O windows estableceu-se coo standard, para o bem e para o mal, e como tal as marcas que querem monopolizar o mercado, e apartir do momento que conseguem monopolizar, devem ser controladas…caso contrario isto seria uma selva…com dois ou três elementos a controlarem o mundo…e isso não é admissivel, ou pelo menos não deveria ser permitido…na pratica a gente sabe que muita coisa acontece…

          Por exemplo…o M$Office implementa o formato odt, mas á sua maneira, dificultando a utilização a 100% de um ficheiro criado nesta ferramenta, por outra que implementa o mesmissimo formato…isto não deveria ser admissivel…mas acontece.

          Passando para o campo do hardware, a intel monopoliza o hardware, e por isso decide quem lança microprocessadores para o mercado, e quem vai a falência!!

          Que o diga a AMD que quase abriu falência em 2005(e mesmo hoje ainda está muito mal não se sabendo se consegue recuperar),tudo porque pressiounou as marcas de hardware para que não usassem micros da AMD…por isso é que na Europa não se viam maquinas com procs AMD…

          A intel foi multada pela Europa em 1000 milhões de euros, o problema é que a AMD perdeu tanto com tantos anos sem puder vender, que este dinheiro não consegue recuperar a empresa….pior como passou muitos anos sem puder investir em investigação, os seus productos do ponto de vista tecnológico ficaram ultrapassados, o que não lhe permite competir no mercado…

          Hoje estão melhores, mas ainda vai demorar a conseguirem recuperar…de recurdar que a AMD estava a fazer a intem passar vergonha, porque no inicio da decada passada os proc’s AMD eram bem mais performantes que os intel…e a intel na incapacidade de se conseguir superar pela tecnologia, avançou pelo campo da força, pressão monopolio…

          Entende porque é que este tipo de coisas não podem ser toleradas??

          No entanto claro cada um pode ter a sua opinião 😉

          • Fabi says:

            Este post foi muito útil para mim que queria saber se a versão foi lançada ou não pois quero atualizar o meu sistema. Vou esperar o lançamento.
            Acho que os comentários deveriam ser a esse respeito, e principalmente, deveriam respeitar os usuários linux, pois alguns ODEIAM o ruindows… como eu por exemplo.

    • Nuno Vieira says:

      Eu presumo que te estejas a referir a Microsoft. Vai ler um bocado a razão pela qual esta levou com um processo em cima.

  5. paulo g. says:

    Estou a usá-lo desde a versão beta1, como podem ver nesta mensagem. Tem um bug chato com a placa de rede (desliga-se qd não existe actividade), de resto está tudo óptimo.

  6. jorjão says:

    Por estar farto de andar a instalar versões novas a cada X meses é que neste momento adoro MANJARO. Descobri o Manjaro por acaso e digo-vos: espetacular. Rolling release muito bem conseguida e com vários sabores.
    Experiemtem em máquina virtual ou por usb e ficam pasmados com a estabilidade daquilo. O software, por exemplo o firefox, atualiza mais rápido a cada nova versão que, por exempo, o linux mint debian edition.
    Abraço a todos e bom fim de semana.

  7. Mario Junior says:

    Meu modem 3G não funcionou de maneira nenhuma.

  8. Ricardo says:

    Sei que não é o post mais indicado para fazer esta pergunta mas… alguem me sabe indicar onde posso comprar um portátil com SO Ubuntu ou com qualquer uma outra distro linux, ou mesmo sem SO… Uso o Ubuntu como SO deste a release do Ubuntu 8.04 tanto no PC (ATX) como no portátil, mas agora queria trocar o meu velhinho dual-core por uma coisita mais moderna, mas como diz no comentário do “lmx” o win infelizmente está monopolizado nos OEM (ainda dizem que o consumidor é livre de escolher… com esta oferta… está tudo conversado sobre liberdade) e pagar mais quase 30/40% do valor da maquina por causa de um SO que certamente o vou substituir por outro, ou fazer um dual-boot que raramente irá arrancar por lá, é quase como jogar dinheiro fora… na worten têm uns insys mas lol era trocar de cavado para burro… aqui a malta que esta sempre actualizada nas tech, se me pudesse indicar onde poderia adquirir tal coisa… era um obrigadão 🙂

    • Fabi says:

      A Dell vende com ubuntu de fábrica, mas só pelo site. Comprei um semp toshiba com ruindows instalado e funciona perfeitamente. Só não compre Sansung, pois li que o linux mata a bios

    • Fabi says:

      A Dell vende com ubuntu de fábrica, mas só pelo site. Comprei um semp toshiba com ruindows instalado e funciona perfeitamente. Só não compre Sansung, pois li que o linux mata estes aparelhhos….

    • Bovidino says:

      Ricardo,
      Isso me parece missão impossível. A não ser que compres as peças e montes o teu próprio portátil.

    • lmx says:

      pois…

      todos nós sofremos com o facto de sermos obrigados a ter que comprar Software americano…mesmo não vivendo na América, e mesmo que não o utilizemos…

      pois a insys tem defacto algumas máquinas com linux,mas também já vi que algumas teem características low end…

      Não sei se eles também teem desktop’s com linux, muito provavelmente, se oferecem linux no laptop, forneçam linux no desktop também…mas não sei…

      A europeia eurocom tem, mas penso que só nos heigh end, e a maioria dos laptops são feios…embora sejam extremamente potentes..desktop’s penso que não teem :S so all in one…

      tirando a dell, system76, lenovo,zareason e porco mais, não sei quem pode oferecer…mas não é uma tarefa facil encontra-los…até porque o teclado em PT é um requisito para nós…

      por ultimo a gluglug oferece algumas soluções, mas para máquinas recondicionadas, o problema é que as epecs são ja ultrapassadas :S http://www.gluglug.org.uk mas o preço também é mais baixo.
      Alias, eles vão mesmo ao ponto de substituir a BIOS pela coreboot.

      Para desktop, é melhor fazer um ás peças, escolhendo boards que sejam bem suportadas, cpu’s/gráficas/ethernet,wifi,etc…

    • Sérgio says:

      Sim existe vai ao Jumbo store e existem pc já com ubuntu instalados, ao contrário do Windons ,compras mais baratos, eu uso ambos o ubunto e o windons, no meu pc novo tenho o windons 8 instalado, mas derivado ao fim do XP foi obrigado a alterar de sistema operativo no velhinho computador da minha namorada e instalei o UBUNTU 12.04 LST e estamos satisfeitos !

  9. Roberto says:

    Só uma observação. O suporte da versão LTS do Ubuntu é de 5 anos, não 3. Vide http://www.ubuntu.com/info/release-end-of-life

  10. Olair says:

    Tenho algumas duvidas em relação ao Ubuntu.
    Primeiro eu comecei a usar o Ubuntu anterior ao 13.10 e gostei muito apesar de ser diferente do que eu estava acostumado.
    Eu instalei o Ubuntu sem saber muita coisa, então ele ficou como se fosse um programa instalado no Windows, então precisei formatar o Windows e acabou apagando o Ubuntu do HD, essa ultima versão 13.10 eu tive alguns problemas como as pastas ficarem ocultas e também não conseguir imprimir nada através do sistema como na versão anterior, não conseguir imprimir nessas duas versões, mas gosto bastante e uso muito mais o Ubuntu, eu gostaria de saber como faz para deixar o Ubuntu independente do Windows.
    Estou esperando para instalar esse Ubuntu 14.04

    • Bovidino says:

      OLair,
      Não sei se entendi bem o que você quer. O que eu faço é o seguinte: 1) Formatar o HD. 2) Criar partições para o Windows e para o Linux. Para o Windows sempre faço duas partições: uma para o sistema e outra para os Documentos. Para o Linux também. Uma para o sistema / e outra para os documentos /home. Para isso você pode usar um programa como GParted, ou qualquer CD de Linux. 3) Instala primeiro o Windows e depois o Ubuntu. O Ubuntu vai instalar o Grub no boot. Assim você pode escolher se quer abrir o Windows ou o Ubuntu.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.