Quantcast
PplWare Mobile

Afinal qual é o mais rápido: Ubuntu 12.10 ou Windows 8?

                                    
                                

Este artigo tem mais de um ano


Autor: Pedro Pinto


  1. Johny says:

    Nada que não tivesse já à espera

    • David Toffee says:

      +1
      Mas obrigado na mesma Pplware.. 🙂

      • David Santiago says:

        Desculpem la , mas um SO como o windows tem de ser mais lento , porque e muito melhor e por isso muito pesado!

        • JP (djlinux) says:

          Sim, o Windows é muito melhor que Linux…

          Melhor a deixar entrar vírus sem saberes

          Melhor em perder a performance em menos de 6 meses

          Melhor em personalizar… o wallpaper claro

          Melhor em tamanho – quantos Gigas tem o Windows? E depois de instalares todo o Software com quanto fica? O meu Ubuntu ficou com pouco mais de 1GB – que me lembre, ainda no XP, com tudo instalado, passava dos 3GB…

          Resumindo, realmente o Windows é muito melhor que Linux, sem duvida. Mas isso já foi mais que discutido, só não vê quem não quer. E claro, que depende das necessidades de cada um, bla bla bla… Finito.

          • absint0o says:

            concordo!instalei o windows 8 e em menos de 6 meses o arranque demorava cerca de 2 minutos ou talvez até mais, sem nada de especial lá metido, desde que mudei para linux não tenho problemas com boots, com espaço, com login time…sempre rápido, bateria dura o dobro…

          • Pedro says:

            Só entra vírus em PC com donos estúpidos que clicam não em publicidade e não têm antivírus ou programas atualizados porque tem medo de atualizar.
            E mesmo assim o Ubuntu não regista tantos softwares para iniciar com o sistemas como o Windows faz por isso é normal que seja mais lento.
            No meu PC o ubuntu travava ao iniciar por causa disso causou problemas não tratáveis no disco rígido e teve que ser substituído.

          • JP (djlinux) says:

            Pedro, com todo o respeito, estas a ofender mais pessoas do que imaginas, diria mais, milhoes de pessoas mesmo, mas, tu lá sabes.

            O meu Ubuntu 12.04 inicia-se com 6 aplicações e não reduz nem um segundo o arranque.
            Já foi a uns aninhos mas se bem me lembro isso do arranque dá para alterar no Windows, da para por no arranque apenas o necessário…

            Adeus.

          • Pedro says:

            Desculpa, tanto o ubuntu como o windows são bons sistemas operativos e às vezes nem interessa tanto o tempo de boot ou login(para mim isso é treta e realmente o ubuntu efetua login mais rapidamente e realmente no ubuntu encontram-se melhores softwares específicos porque muitas vezes há tantos programas que ficamos baralhados. O softwares para ubuntu são mais específicos.
            Quando me referia a donos estúpidos queria dizer principiantes(mas há pessoas que irritam na “pricipacionalidade” que amedrontam-se ao ouvir atualizar, instalar e desinstalar)

          • Silvio de Freitas says:

            Falou tudo Jp (dilinux)

          • lukas says:

            pode crer

            e a interface do linux é bem mais bonita tbm

          • aninimo says:

            pra quem n tem só ubuntu tem distribuiçoes muito mais rapidas q ele tipo slakware,debian,gentoo………..e ubuntu é a distro mais lenta q ja usei………….!!!!!!!!!!!!!

          • jose sousa says:

            boa tarde.tambem gostaria de deixar aqui a minha opiniao,sou um cidadao comum sem grandes conhecimentos informaticos muito embora consiga desmontar um pc e montar sem problemas.o linux em qualquer versao e mais rapido a instalar mais rapido a encerrar e visualmente mais bonito.o problema numa utilizacao normal nao e muito facil porque quase tudo (software)so funciona no windows.em temos tecnicos o windows e uma desgraca em relacao ao linux.este computador do qual vos escrevo tem 10 anos(amilo 1538)tentei instalar o windows vista e 7 e no fim metade das funcionalidades precisavam de drivers ou nem sequer estavam instaladas isto no final de 2 horas a marrar e da ventoinha quase explodir.agora tenho o xubuntu.demorou 15 minutos a instalar e funciona tudo.e a ventoinha nem se ouve.ou seja depende daquilo que se pretende.numa utilizacao leve linux e espantosamente eficiente e e gratuito.numa utilizacao exigente e obvio que o windows leva vantagem.para mim o ideal e ter os dois.mas no meu coracao LINUX SEMPRE.OBRIGADO

          • NN says:

            Se usasse o ubuntu ou outra distribuição Linux ficava desempregado. digam-me como usava os proogamas da Adobe indesign como exemplo, CorelDraw ou o Publisher e não venham com a conversa de instalar o wine por que isto é uma mentira nada funciona, e não existem programas que se aproximem deste que acabei de mencionar no linux, porque eu estou a falar de trabalho produtividade meus amigos com linux era despedido por justa causa paassava-se o tempo e o trabalho por fazer. É tudo grátis e muito bom as distribuções Linux mas a cota de mercado não vais alem dos 7 por cento no mercado mundial por favor digam a verdade.

          • Alexandre Magno says:

            Uma verdade é que existem pessoas que encontraram outras formas de sobreviver financeiramente, diferentes da sua, ou que são mais capacitadas e produtivas do que você ao utilizar ferramentas que executam em Linux. Outra verdade é que o mercado muda…

        • Ricardo says:

          nesse seguimento de ideia a cada nova versão que sai torna-se mais lento… pk em teoria, as novas versões serão melhoramentos…

          • Bruno Coimbra says:

            o windows é de loooonge o mais seguro SO q existe, venham com as teorias q quiserem mas nenhum SO sofre tanto ataque como o Windows, quando linux tiver uma cota de mercado tao grande depois falamos.

            Relativamente ao arranque tao ela por ela n é um segundo que faz diferença.

          • Glink says:

            Bruno essa desculpa não pega à muito tempo… Os servidores são os alvos principais de hack pois é onde estão montes de dados apetitosos, e normalmente estão em Linux protegidos de ataques, claro que não a 100% nenhum sistema é 100% seguro, mas sempre é mais seguro que Windows e evolui e corrige falhas muito mais rápido que o windows…

          • Jose says:

            O Windows ser o mais seguro SO??? Isto não procede, concordo com o Glink, vejamos: Primeiro que para ser um virus o programa tem que se propagar automaticamente (programas que os usuarios instalam, mesmo que maliciosos, não são virus) e num ambiente linux é muito dificil a auto-propagação, no linux não há um caso de propagação como o do codered um código velho e persistente, que afetou máquinas windows por longos anos (como a propagação era através de servidores não dava para usar a desculpa que tem mais máquinas rodando windows).

            O que pode tornar o linux vulnerável a um virus não é a quantidade de máquinas instaladas, mas sim uma tendeência de algumas distros de permitirem a instalação de programas pela conta de usuário (setando o sudoers e lhe dando prívilégios de root, ai o usuario consegue instalar um programa qualquer clicando em um link de uma appstore ou mesmo de uma página web. Os puristas condenam esta prática.

            A autopropagação é difícil em linux porque não existe uma extensão ou tipo de arquivo “executável”, depois de baixar o usuário, com poderes de root, deve defini-lo como executável. mesmo um jar, que pode ser execuado em linux (se for instalada uma jvm) so roda mediante comando do usuário (clicar ou executar via prompt), se o jar tentar se tornar residente (executável no boot) será necessário no mínimo a senha do root.

            Existe ainda a questão do wine. Apesar de um eventual virus comprometer os aplicativos windows rodando dentro do linux, neste caso pode ocorrer como efeito colateral o consumo de recursos que indiretamente acabam afetando o sistema hospedeiro, mas é o preço que se paga por usar aplicativos windows no linux, neste caso cada um sabe onde aperta seu calo.

            Uma máquina linux usada para compatilhamento de arquivos pode armazenar virus oriundos de sistemas windows contaminados (aqueles que se propagam pelos compartilhamentos) mas mesmo assim o hospedeiro linux estara completamente imume a eles, pelo que ja foi exposto acima.

            Pode até parecer que eu não gosto do windows, muito pelo contrário, sou usuário do windows desde 0 3.1 e atualmente uso o windows 8 no trabalho, acho o 7 excelente, o xp foi um marco considerando sua época de lançamento, mas não é um sistema operacional seguro, mas é fácil para o usuário instalar e remover programas, alé de ser de fácil apredizado e agradável.

            Observei uma melhora considerável no Windows 7 com o controle da conta de usuário, só que tem usuário que desativa, mesmo sem ter conhecimento suficiente para se proteger, só porque falaram para ele que fica mais fácil.

            Em casa uso uma distro Debian, não uso anti-virus e a instalação está tal qual no primeiro dia, sem instabilidades e sem degrdação do boot, o que para mim confirma o que foi citado pelo absint0o. Recentemente troquei o hd e nem me preocupei em fazer uma nova instalação, apenas clonei com o dd, no Windows talvez valesse a pena reformatar e reinstalar tudo.

        • Leonel says:

          Lá vem este acender a fogueira…

        • Fabio Pisco says:

          Lol, o quê? é melhor por isso tem de ser mais lento porque é mais pesado? Este pessoal é uma anedota xd. Só para saberem eu tenho o meu sistema com Windows 7 e demoro 19/20 segundos até estar tudo operacional no sistema e o Windows 8 é mais rapido no boot, e este individuo afirma que o windows 8 não pode ser tão rapido….e como cada uma xd

    • Italo Ruan says:

      Para usar o ubuntu o usuario deve ter um pouco mais de conhecimento, sem duvidas de o ubuntu e mais rapido porque e leve Muito Bom estou Feliz ja era Windows Trava demais

  2. k3bra says:

    Sempre ao dispor 🙂

  3. LaRaNjAo says:

    Disco de 7200 RPM? no video diz claramente de 5400

  4. António Almeida says:

    Eu não tenho conhecimentos suficientes para avaliar este video, mas:

    1º Em máquinas com as caracteristicas que esta tem as diferenças não devem ser elevadas?
    2º O Windows não carregou Antivirus, certo? ou este sistema já não necessita?

    Tenho instalado linux nestes últimos 3 meses em máquinas velhas, e a performance não se compara com o XP.

    • Vasco says:

      1.Pessoalmente diria que quanto melhor a máquina, menores as diferenças. o DERRADEIRO teste seria por isto a funcionar num pentium 100 com 64 mb de ram e medir a diferença do boot em horas!
      2.Já não precisa.(venham as flames)

      • silva da farmaci says:

        O Vasco tem razao. As diferencas devem estar bastante diluidas neste momento. Qualquer um dos dois SO poderia ter ganho. E uma quesesao de sorte. Um deles pode ter feito mais ou menos uma operacao / verificao no disco ou pode-se ter permitido mais ou menos tempo no ecra de login (equanto o SO ainda carrega servicos) etc.

        Era interessante ver isto com uma maquina mais antiga e claro repetir varias vezes para obter uma velocidade media.

      • Carlos Carvalho says:

        Vasco ,

        Boa tarde , não consegues instalar o W8 num P4 a 3,20GHZ com 2GB de ram a 400 , eu tentei e nada , depois há aqui ainda outro pequeno grande pormenor , no W8 quando te aparece a interface metro se clicares imediatamente por exemplo na tile desktop tens lag e os icons ainda estão a carregar de uma forma lenta , ou seja de facto o PC não fez ainda o boot totalmente , para além disso se verificarem este W8 que eu tanto defendi é uma lastima no consumo de ram , mal o PC inicia tens 1,1 a 1,2 GB de ram ocupada o que é um abuso outra coisa que também não gosto é o lag entre o clicares numa tile da interface metro e a sua abertura seria também um teste interessante .

        Quanto a questão do este ser feito com SSD isso provavelmente ainda iria beneficiar mais o Ubuntu , eu tenho por isso posso fazer uma afirmação destas .

        Cumprimentos

        Carlos Carvalho

        • Alexandre Amaral says:

          O ubuntu é usavel num p4? Deve ser bonito deve

          • Não, não é…
            Eu tinha o XP num P4, e era lento mas usava-se, resolvi colocar este ubuntu e…. é tão lento, tão lento que não se consegue usar… desisti…

          • Tiago says:

            Depende muito da versão que metes, acho que tenho um professor meu se não tem um p4 tem centrino e tem um ubuntu a correr mesmo bem muito melhor do que se tivesse com o XP

        • João Ramiro says:

          Boas Carlos, eu ja instalei Windows 8 em maquinas com P4 a 2.8Ghz e com 1GB de RAM DDR 400 e estão funcionais 🙂

        • Sr. Imparcial says:

          Bom dia.

          Muitas são as vezes que ouço alguém se queixar do seguinte: “O meu SO/aplicação/programa está mal feito pois ocupa muita ram”.
          Ora, como sabemos, a RAM é um recurso finito, no entanto reutilizável.
          Assim sendo, faz todo o sentido que um SO/programa use o máximo de RAM possível. Afinal de contas, nós adicionamos RAM aos PCs para tirar proveito dela.

          Lembrem-se que o valor de RAM que os SO/programas ocupam é dinâmico e pode ser libertado para outros programas mais prioritários.

          (Espero ter sido claro na perspectiva que queria mostrar.)

          Cumprimentos

        • Helder Ferreira says:

          Eu vi numa formação de Windows 8 na Microsoft o Windows 8 trabalhar num PIII. E não era assim tão lento.

        • DanielC says:

          Tu nao conseguiste mas eu consegui no meu pentium 4…

    • rand says:

      O MSE já vem integrado com o S.O.

  5. Marcos Santos says:

    Esse Windows 8 não tem gráfica com hybrid bios, porque se tivesse era muito mais rápido, sem contar com o arranque da BIOS em cold BOOT o meu faz entre os 10 aos 12 segundos até ao login, se reiniciar faz entre 6.9 aos 8 segundos. Tem SSD.

    http://db.tt/5PMCqa1e Cold Boot
    http://db.tt/pf8MbtCX Restart
    i5 2500k
    8gb 1866mhz
    120gb Corsair force series 3
    gtx560

    • The STK says:

      Exacto, depois do primeiro boot o Windows 8 vai ser muito mais rápido, o tempo desce para metade.

      E com SSD a diferença é muito maior, já testei em Hardware mais corrente, em portáteis.

      • JP (djlinux) says:

        Não percebo nada de Hardware, por isso não sou a pessoa mais indicada para falar em discos SSD, mas, depois de ver este vídeo ainda fiquei com mais duvidas.

        https://www.youtube.com/watch?v=mQVuRv-rxmw

        É que o meu disco não é ssd e demora o mesmo… Onde esta a vantagem afinal? Só vejo diferença no abrir o firefox logo a seguir, como no vídeo, o dele é instantâneo o meu demora mais uns 5 segundos…

        • Alexandre Amaral says:

          Só para teres noção um hdd tem uma velocidade de escrita que pode oscilar entre os 50 e os 140 MB/s (dependendo dos modelos) enquanto que um ssd tem velocidades entre 200 e os 500 MB/s, imagina agora a diferença abismal que é.

        • Marcos Santos says:

          Já tive RAID0 com HDD e a vantagem maior que notei, foi o iniciar, não ter de esperar que o Windows arranque com tudo para poder abrir uma aplicação, consigo abrir vários programas sem ter de esperar.

        • lmx says:

          boas…
          se tens um sistema muito potente sem disco SSD estas a perder performance…

          Mas se tens um sistema muito pouco potente com disco SSD…gastas-te dinheiro no disco para nada(não é bem assim mas…). Algumas melhoras dever notar, especialmente na transferência de ficheiros, mas o ganho não há-de ser muito grande…

          É preciso notar que um disco SSD acaba por trazer mais performance porque o sistema em geral pode lidar com mais dados…
          Se o teu sistema for muito limitado e já se ve aflito com as transferências com discos mecânicos, não vais tirar partido do disco SSD.

          Eu tenho 1 SSD numa maquina e noto diferença, mas não consigo tirar o verdadeiro partido do disco, porque a maquina em si, não é nada de especial, muito pelo contrario…quando fizer upgrade , ai sim vou notar muito mais…não so porque o hardware é mais potente, mas porque o disco em vez de estar parado sempre , pode entregar uma maior quantidade de dados por intervalo de tempo…

          Uma coisa que devem ter cuidado…dada a reduzida durabilidade dos discos SSD, é a cache por exemplo do browser…e a memoria swap…estas duas coisas ajudam a matar o disco SSD(de momento não me lembro de mais nenhuma).

          Tudo o que seja de acesso temporario e rapidamente apagado ou rescrito deve ter colocado em ramfs, ou caso gostem de concorrer a nivel de espeço em disco com espaço em ram(como na maquina onde foram efectuados os testes), podem usar uma tempfs…

          cmps

          • JP (djlinux) says:

            lmx muito obrigado pela resposta, muito agradecido.

          • Pedro says:

            Boas lmx…desculpa lá mas isso dos SSDs não é bem assim.
            Tenho um windows 8 Pro a funcionar num Netbook com um “poderoso” Atom N550 com um SSD. Posso-te dizer que antes do SSD tinha um disco de 7200rpm o windows 8 arrastava-se, abrir PDF de >80Mb e ao percorrer o livro era deprimente, abrir office, Photoshop (sim…corre num netbook). Após instalar o SSD fiquei completamente espantado como é possível a diferença de preformance…mesmo. Não estou a ser irónico nem pretendo ser do contra…mas neste caso foi óbvio a grande diferença. Mesmo PC, mesmo SO, mesmos programas instalado…houve um ganho tremendo na qualidade de utilização.
            Cumps

    • Helder Ferreira says:

      Atenção que o Windows 8 não faz Shutdown…ele apenas hiberna o Kernell….

  6. pSmileX says:

    A performance de um sistema operativo, depende muito mais do tempo que demora a fazer o Boot e o Login, no entanto é sempre interessante ver este tipo de comparativos… Acho que só peca por não teram feito outro teste com um SSD em vez de se limitarem a um disco rigido de 5.400 rpm (disco tipico de portateis, e mesmo assim, muitos dos portateis ou já vêm com disco de 7.200, ou com um SSD).

    P.S.
    As especificações do computador usado no video, não são as mesmas que estão no artigo. O disco tem 5.400 RPM e não “7200.10”…

  7. JP (djlinux) says:

    Com o janelinhas, nunca vai passar muito disso, é o que é…

    Já o Ubuntu, como é logico, dá para tirar mais 10 segundos, sem contar com o entrar sem login.

    O meu Ubuntu 12.04 entra em 10/11 seg.

    O meu 13.04 entra em 14/15 seg. sem qualquer Tweak, pois ainda esta em testes…

    Por isso começo a rir sempre que algum fan do janelinhas diz que o w8 é rapido…

    • asdf says:

      tendo em conta que com a palermice do unity o ubuntu está um lixo valente, continuo sem perceber o ódio dos tapadinhos contra a microsoft/windows…

      e não me venham com as tretas de ser fanboy, pois uso os 3 principais SO’s…

      • JP (djlinux) says:

        Ubuntu com Unity esta um lixo porque? Só porque tu não gostas é lixo?

        Jovem, ultrapassa isso, quando descobrires o que consegues fazer só pelo dash do Unity, nos discutimos sobre ele, ok?

        Eu não tenho ódio pelo janelinhas, pois durante anos foi o que usei… Mas desde que descobri Ubuntu que nunca mais voltei a idade da pedra, tão simples quanto isso. Já agora, uso Ubuntu a 6 anos e uns dias.

        • DM says:

          O Unity está um lixo sim. Uso linux há anos, e ainda uso, mas está pior sim. Isso já chegou a um ponto que é cisma, ganhou-se ódio, parece as disputas do Futebol. Ambos são úteis…

          • Glink says:

            eu também uso linux à anos, e odiava o unity devido a ser muito instável, mantive-me pelo 10.10 durante algum tempo, mas fui experimentando, hoje utilizo a 12.04 com unity e garanto que é bom, volta e meia o compiz faz das suas, mas nada que não se aguente, experimentei o 12.10 e já não gostei tanto, tem mais alguns efeitos que não gosto, mantenho-me no 12.04 até sair um que eu goste, ou o elementary os sair, definitivamente quando o elementary os sair eu mudo-me para la 🙂

        • diogo says:

          sim, unity estragou o ubuntu. era um fã do ubuntu. agora mudei definitivamente para o fedora onde ainda se consegue ter alguma produtividade

          • miibrito92 says:

            Existem maneiras de ter o ubuntu mais recente sem o unity. Tem a ver com o download duma shell em q no inicio escolhes se queres unity, gnome 2 ou gnome 3.

        • T. Castro says:

          Sair do Ubunto é voltar para a idade da Pedra. Gostei do comentário, pena não fazer sentido nenhum.

        • peter says:

          O comentário do lixo atribui-se a ti também. Não gostas do windows 8 só porque achas a interface Metro um lixo. “Fala o roto do esfarrapado”.

    • Vasco says:

      Quantas fps consegues no skyrim? 😀

    • diogo says:

      no meu pc com triple boot a contar do momento em que seleciono o sistema operativo os tempos sao estes:

      ssd windows 8 boot time: 7s

      ssd ubuntu 12.10 boot time: 13s

      ssd fedora 18 boot time: 10s

      acho que nao ha muito a dizer o windows 8 é claramente mais rapido. e o ubunto desde que lhe meteram a interface unity esta um lixo

      • Paulo Ferreira says:

        Procura no google como optimizar a velocidade dos discos SSD em Linux e depois volta a testar. Vais ver que as diferenças voltam a ser mínimas.

      • lmx says:

        boas…

        tenho um core2DUo E7200 com 3GB RAM 667, e arranco para o meu Mint LMDE em cerca de 9 segundos e picos, claro tenho montes de “tralha” instalada, vários servidores aplicacionais e bases de dados.

        acho muito estranho arrancares para linux em 13 segundos…qual é a tua maquina?

        cmps

      • Victor says:

        Faz um resatrt ao janelinhas e vais ver se demora esses 8s. Ou então faz o login e tenta abrir por exemplo o office e vê o tempo que ainda esperas.

      • Victor says:

        Faz um restart ao janelinhas e vais ver se demora esses 8s. Ou então faz o login e tenta abrir por exemplo o office e vê o tempo que ainda esperas.

  8. Andrey de Oliveira says:

    “No entanto, tal só é possível se o utilizador tiver um sistema com processador multi-core, discos SSD e tecnologia UEFI.”

    Ao contrário da afirmação acima, o Windows 8 é ultra-rápido a ponto de ficar competitivo aos outros sistemas operacionais, indepdentente do hardware.

    Óbiviamente o hardware vai deixar mais rápido, só que da mesma forma como vai deixar para os outros sitemas operacionais modernos que se beneficiem dos recursos dele.

    Mesmo em um core2duo com ddr2 a performance do Windows 8 se mantém muito bem. Podendo ser até melhor que o ubuntu.

  9. Nuno Silva says:

    Sem ver vídeo ou ler as criticas, e usando os dois sistemas operativos:

    No arranque ganha o Win8…num portátil recente demora cerca de 15s a estar operacional (user sem password)
    No shutdown ganha o Ubuntu…(5s) no Win8 embora ‘desligue’ o ecran quase imediatamente, o led do portátil mantém-se ligado por uns bons 20s…e só depois desliga!

  10. 17 segundos de boot? Fonix 😐 Isso já não se usa.

    • Carlos Carvalho says:

      Boa tarde ,

      Mas afinal ainda não se falou de outra coisa muito interessante , e como é que se portam os bichinhos após as actualizações ?????? ….. pois este W8 é mesmo para esquecer é muito pior que o W7 e não esquecer que este processo é feito em 2 etapas , ao desligar e ao reiniciar , eu diria que nem vale a pena estar a discutir um segundo ou 2 o problema do W8 é mesmo depois na sua utilização a médio longo prazo eu tenho o meu instalado a 2 meses e já noto a lentidão a surgir como sempre foi apanágio deste sistema das janelinhas .

      Cumprimentos

      Carlos Carvalho

      • Eu tenho o meu instalado desde que foi lançado e ainda não tive problema nenhum. Em meia duzia de segundos estou no Chrome…
        Parece que deve depender do computador ou do utilizador.

        • Alexandre Amaral says:

          Eu tenho desde o seu lançamento (a RTM) e também não noto lentidão ao ponto de se comparar com o Windows 7, e nem tenho SSD.
          Quanto às actualizações, bem sinceramente não notei nenhuma diferença que mereça registo…e até não sou dos utilizadores mais amigos para a maquina, tenho alguns Softwares instalados (que utilizo no meu emprego) que de leves não tem nada. Mas enfim cada caso é um caso.

          No entanto, quer se queira quer não, o Windows 8 é um S.O moderno, actual, com defeitos e virtudes como não podia deixar de ser. Agora se formos isentos (mesmo que não gostemos do sistema da janelinhas, ou que tenhamos de destilar o odiozinho da prache porque os deveres morais assim o exigem) temos de dar a mão à palmatoria, a Micrososft está a jogar as peças certas.

          Toda a integração Office 2013 / Windows 8 / Serviços Xbox está muito boa, e ainda estamos no começo, para mim este Microsoft não é a mesma dos anos 90 e afins, é uma empresa jovem com que não está presa ao estigma do passado.

      • lmx says:

        boas Carlos…

        Nem me fales no win 7…tive que fazer umas coisas em windows aqui ha uns dias…e ia perdendo a paciência com aquilo pela segunda vez…o disco não parava de correr…deixei a maquina a noite toda a bombar, pois pensei que lhe passava, de manha…estava igual, passou a noite toda a me tentar matar o disco…finalmente descobri o que era…além das toneladas de updates, o que me matava o disco era a indexação do windows…

        Estive quase para passar a tarefa para outro colega que eu já estava a ficar farto daquilo :S

        cmps

      • bichocao says:

        Boas

        Eu tenho o janelinhas intalado desde que saiu e deopis de instalar o ambiente de desenvolvimento (VS2012 e VS2010) onde passei a ter o SQL e mais algumas coisas a correr e ficou bem lento, ao nível ou um pouco pior que o W7.

  11. Numa altura em que a maior parte dos utilizadores apenas suspende o computador, em vez de desligar, o tempo de arranque deixa de ser relevante. A performance do sistema operativo mede-se na velocidade das aplicações (Office, leitores multimédia, navegador internet, etc.) e resposta do sistema com toda a segurança activada depois da instalação e seis meses depois de uma utilização normal ;^)

  12. VC says:

    OTeste devia ser feito com o sistema prepardo para a internet… ou seja, com o antivirus instalado no windows… aí a dferença ainda seria maior. Com isto apenas dizemos que com o Linux apos instalacao esta pronto a usar, com o windows necessita logo pos insalaçao de instalar 2/3 programas para usar, ou seja, aina mais recursos vai usar e o tempo de boot aumentar… para comparar falemos em todos os pontos… nem vale a pena falar em seguranca porque entao a diferenca era maior. Obrigado

  13. Telmo Costa says:

    como utilizador habitual de ambas as plataformas, tenho a dizer que o ubuntu é de longe mais rapido. isto numa maquina mediana > baixa…
    t9300
    4gb ram
    500gb hdd 5400rpm
    hd3650

  14. Pedro says:

    Assim como já foi referido anteriormente, acho este tipo de teste algo inútil. O que me interessa a mim se um demora 30 segundos no arranque e o outro demora 5 segundos? O que me interessa é a performance com software a correr e a puxar pela máquina.
    Acho que interessante, seria fazerem este tipo de testes por exemplo a renderizar video, com a mesma maquina, o mesmo software e ver qual se portaria melhor. Agora nos arranques, é tudo muito subjectivo…

  15. Ruben Domingues says:

    Não sei o que se passa, mas eu tenho um portatil com um i5 e 4Gb de ram e o meu windows 8 inicia em 10seg no maximo…

  16. Kekes says:

    A minha coisinha e maior que a tua…

    Ubuntu sempre iniciou e iniciará mais rápido que o Windows em máquinas modestas.
    Agora competir para ver qual é o mais rápido é fútil, a ver, estes dois SO’s são rapidíssimos. E quase como a guerra dos browsers que um é mais rápido milissegundos que o outro. Eu escolho o broser por utilidade que lhe dou, não por ser ligeiramente mais rápido. Cada um escolha o que mais gosta e já está.

  17. MrT says:

    Seria mais interessante ver esta comparação com duas maquinas de gama media, qualquer coisa como um i5 4-8Gb de ram…..
    Assim é dificil dizer qual é melhor, pois estão a correr com muitos e bons recursos.Só se consegue ver qual deles é o melhor com menos recursos.

  18. Daniel says:

    Fiz o teste na minha maquina (2.2 Core 2 Duo e 2GB Ram) durante vários dias (com antivírus e outras aplicações) e o resultado foi inverso, o Windows 8 foi mais rápido nos vários capítulos e um dado curioso, aquecia muito menos.
    De qualquer forma gostei bastante das ultimas evoluções do Ubuntu, o único ponto mais negativo do Ubuntu é a performance do flash… péssimo independentemente da versão e de configurações que se consiga fazer.

  19. Emannxx says:

    A versão nesse teste é a RP – Release Preview, mas de qualquer das formas a diferença é ínfima.

  20. chapeu vermelho says:

    Fedora rules

  21. António Pereira says:

    Já tinha visto este vídeo, e continuo a ficar surpreso pela negativa com o Windows 8.

    Falo do Windows 8 deste vídeo propriamente dito.

    Tenho o Windows 8 instalado em 3 máquinas distintas aqui em casa (Desktop, Laptop e Netbook) cujas capacidades são sempre a descer sendo o último o mais fraco de todos.

    Em nenhum deles tenho os 17 segundos de boot do Windows 8 do vídeo, nem lá perto.

    O que me deixa mais surpreendido é o tempo que demora no Windows 8 do vídeo entre o final da animação do loading e o aparecimento do Logon Screen. Em todos os meus ao longo de meses de utilização (desde que saiu a versão RTM na MSDNAA) a passagem entre estes dois ecrãs é entre instantânea (Desktop) e 1 ou 2 segundos (Netbook).

    São 15 segundos dos 17 segundos do boot nunca antes vistos por mim em 3 máquinas diferentes. Mesmo quando o Windows faz Updates a transição entre estes ecrãs é praticamente imediata.

    Aliás, o longo intervalo de tempo entre estes dois ecrãs (loading e logon) onde tudo fica a preto dá para eu fazer boot ao meu Netbook.

    Não é conspiração nenhuma, mas não consigo deixar de achar estranho este vídeo (e pelos vistos não sou o único tendo em conta comentários aqui e em outros locais).

    • diogo says:

      tenta ver se a bios esta a arracar em uefi. a minha board estava a fazer boot do windows 8 como fazia com o windows 7 e acontecia-me isso.

      outra coisa tenta ver tambem na bios se tens uma opçao para o disco do windows ser lido com ahci

    • Carlos Carvalho says:

      Boa tarde António Pereira ,

      Devemos estar a falar de outra coisa qualquer , o W8 depois de uma actualização faz a transição quase imediata entre o aparecimento do símbolo do W8 e a interface metro , foi isso que afirmaste ????? é porque estou baralhado mesmo , provavelmente terei de colocar as minhas maquinas a venda porque estão completamente ultrapassadas é a conclusão que eu chego , ou então em vez de ter CPUs da Intel devo ter copias Chinesas , vão já todos a andar , por favor sejam mais justos nas vossas afirmações é que a malta do Linux até sabe mexer nas maquinas , não somos uns tolos que andamos para aqui só a reclamar do SO das janelinhas .

      Carlos Carvalho

      • Alexandre Amaral says:

        Diz-me Carlos, porque é que a tua opinião tem de ser mais valida que a experiência do António?

        Quem é o mais tolo? Aquele que contribui positivamente com a sua experiência acrescentado valor à noticia em si, ou aquele que não sabe aceitar a opinião dos outros?

      • Filipe85 says:

        Se de facto pensa que o seu equipamento não é genuíno, talvez seja boa ideia dirigir-se à loja para reclamar… 🙂
        Brincadeiras à parte, na verdade as atualizações no meu W8 só melhoraram a performance. A transição do login também me lembro de ser praticamente instantânea, mas entretanto, depois dos updates, desativei o ecrã de login, por isso não posso confirmar agora.

        Quanto à malta do Linux, de facto existem muitos conhecedores, e tenho seguido com interesse a comunidade pplware Linux e alguns dos seus vídeos. No entanto, em muitos forums e comentários, vejo linuxianos a portarem-se de um modo irracional, e quando se fala em Windows parecem tubarões que detetaram sangue.

        Pessoalmente já não tenho Linux instalado na máquina, mas mantenho uma muito útil live usb com lubuntu.

      • António Pereira says:

        Oi?!

        Sinceramente não percebi nem o que queres dizer ao certo, nem muito menos o “tom de voz”. Estranhei e estranho o vídeo assim como não falei uma única vez de maneira depreciativa do Ubuntu (nem tenho que o fazer pois além de ser um mero produto, é um SO que gosto).

        Aliás, acho piada que tanto as pessoas que usam Mac e Distros Linux falam de uma maneira “infantil” relativamente ao Windows. Não percebo esta “raiva”.

        Adiante, quando o meu Windows 8 faz Updates acontecem uma das duas situações:

        – Aparece um ecrã diferente do Loading e do Logon a dizer “A instalar/configurar actualizações” (algo do género);
        – Reinicia automaticamente após fazer o loading.

        Nunca, mas nunca vi um espaço tão grande de tempo entre o final do “Loading” e o aparecimento do “Logon Screen” como acontece no vídeo acima.

        Estamos a falar de 15 segundos com o ecrã a preto. Nem após Updates vejo isso em nenhum dos 3 sistemas distintos onde tenho o Windows 8 instalado.

        Resumindo, eu vi um vídeo onde acontece algo que não vai de encontro aquilo que já vi.

        Critico isso, e depois tu apareces com um comentário claramente despropositado?! Desculpa alguma coisa, mas não compreendi o teu comentário.

        Cumprimentos.

      • António Pereira says:

        “Devemos estar a falar de outra coisa qualquer , o W8 depois de uma actualização faz a transição quase imediata entre o aparecimento do símbolo do W8 e a interface metro , foi isso que afirmaste ?????”

        Já agora, se tivesses lido o que escrevi, irias perceber que estava a falar claramente do “Logon Screen” e não do “Start Screen” que aparece após a autenticação.

      • Gil says:

        O pessoal do Linux não usa Ubuntu 😛

  22. Green says:

    Engraçado que ainda hoje ouvi um utilizador a confirmar que relativamente ao tempo de boot o windows 8 é deveras mais rápido que o 7, mas ao de login já tinha as suas dúvidas…

    O 8 parece-me demasiado merchandising…

  23. pedro says:

    é uma questão que não entendo… Velocidade de boot serve para quê? o que são os segundos que demora a mais ou a menos comparados com as horas que passamos em frente aos computadores? irrelevantes…

  24. Balgkar says:

    Esse vídeo não quer dizer NADA.
    Para mim o que importa é descompactar arquivos, converter vídeos, play1080p filmes, jogos TAMBÉM é algo relevante, mas ao mesmo tempo para MIM, é só um setor,além disso, navegação na internet e recursos utilizados do sistema para tudo, quanto menos recursos e mais agilidade melhor.
    E não adianta mais também fazer tudo isso e ao mesmo tempo dar crash a cada 10minutos.
    Fazer um vídeo assim é ridículo, ridículo, simplesmente besta.
    Não se tira simplesmente nenhum dado relevante para NADA desse vídeo.
    Ninguém irá achar que um é mais rápido ou menos rápido por causa desse vídeo, e ninguém passará a usar o Windows ou o Linux com base nisso.
    Esse vídeo não tem relevância nenhuma para nada.
    Além disso, o Ubuntu, ou melhor, o Linux, tem uma filosofia gigantesca por detrás dele e essa mesma filosofia pode vir a ser aplicada em todos os campos da vida e não só se limitar ao pc ou linux,
    Vídeos assim só ocupam espaço na internet por que não tem sentido nenhum.
    Postem vídeos sobre o desempenho em relação a:
    *Conversão de vídeo/áudio/imagens.
    *Para abrir e navegar nas pastas.
    *Para abrir e navegar na internet.
    *Para abrir tabelas do excel ou CALC
    *Para criar um pdf.
    *Para editar imagens, vídeo, áudio.
    E é claro FPS de games, que para mim ocupa uma parte bem pequena da vida, mas para muitos é algo muito relevante.

    E além disso tudo testes de segurança e estabilidade e é CLARO, testes de MULTITAREFAS, por que não adianta fazer só uma única coisa e deixar o pc bem dizer inutilizado.

    O fato é que não se precisa de testes para ver que o ubuntu está extremadamente mais pesado sem oferecer algo na mesma proporção.
    E esse peso é um fato de “DESuniversalização” pois muitos usuários não mais podem usar o Ubuntu em função das espcs necessárias para rodá-lo.
    Claro que alguns dirão que basta ir para o Xubuntu ou LUbuntu, mas ainda assim estes também estão mais pesados.
    E é isso, pode aparecer um usuário do Ubuntu e dizer que isso e isso e sei lá mais o que, mas o fato é que ele está muito mais pesado, hoje em dia com 1gb de ram se usa o Ubuntu apertado,sendo que antes com 256 rodava liso com todos os efeitos.

    • Carlos Carvalho says:

      Boa tarde ,

      Quanto aos recursos de facto tem acontecido o que descreves as distribuições Linux estão mais pesadas , mas ainda assim eu consigo ter QUALQUER distribuição Linux a correr num P4 a 3,20 GHZ enquanto que o W8 nem sequer instala , depois outra constatação é que enquanto no Linux se pode escolher uma distribuição de acordo com a maquina que temos até num P1 corre no Windows já não podes escolher , quanto muito podes escolher uma edição mesmo recheada de software que não vai influenciar certamente os requisitos mínimos pedidos pela Microsoft .

      Este ponto será sempre uma exclusividade de quem usa Linux escolher a sua distribuição que mais se adapta a ele próprio a que consome menos recursos ou eventualmente o contrário como é o meu caso que digo que os olhos também comem , e no final este W8 acaba com as transparências mas os consumos de recursos são enormes , uma coisa que já tinha falado mas que me esqueci de referir é o tratamento violento que este W8 dá ao HDD .

      Cumprimentos

      Carlos Carvalho

      • Alexandre Amaral says:

        Boas Carlos,

        Em relação ao “tratamento violento que este W8 dá ao HDD” podes dar algum conteúdo à afirmação? Falo isto porque desconheço do que falas, este Windows efectua mais acessos ao disco?
        Se sim, qual é a razão?

      • BalgkarBr says:

        Bom dia carlos, isso que tu fala é estranho, do ubuntu rodar em uma máquina tão simples assim.
        Digo isso por que no meu pc que é um core2duo com 6gb ram eu sinto as transições bem pesadas, travadas, lentas, ele dá início já consumindo 1giga de ram e supera tranquilo 2gb só navegando em alguns sites ou vendo filmes e com o Libre aberto.
        Agora, claro, que se tu é capaz de FAZER ele rodar num é uma coisa, agora, rodar como ele era antes, leve, rápido, estável, sem nenhum tipo de stress… isso duvido que rode.
        E é como eu te digo, tu poderá me defender que ele está melhorando, o fato é que se deve dar atenção ao peso chocante que se tornou, basta olhar lá no phoronix e tu vẽ que em 4 ou 5 lançamentos do Ubuntu ele não tem ganhado NADA significativamente.
        Aparenta muitas vezes que a canonical só está dando foco ao Unity e em forçar o Unity goelha abaixo e isso sem dar a opção do usuário customizar de forma fácil e acessível para a forma como queira. Que existe opções de GUI e que existem formas de customizar… isso existe, pena que não são fáceis e nem muitas vezes vinda da própria Canonical.

        E em relação ao Windows8… eu não tenho interesse nenhum em produtos da MS, quer me ver eu não ler um post ou algo do gênero. basta colocar MICROSOFT no título.
        Sou usuário Linux e sou muito feliz e satisfeito com a minha escolha e o que perco vindo para o Linux é mais um ganho do que uma perda.

    • Glink says:

      Dude X/Lubuntu está uma pena, uma maquina voa com isto, no Xubuntu a única coisa que me chateia é que o acho feio(mas existem temas mais bonitos) e o thunar que é lento a abrir à primeira utilização, de resto é 5 estrelas, o Ubuntu está pesado, é verdade e este ultimo então… mas o 13.04 já esta a corrigir isso, já para não dizer que o 12.04 é top, é rápido e consome menos recursos que o Windows, pelo menos o 7 ainda não me pus a testar o 8 no PC do trabalho…

      • BalgkarBr says:

        Eu já acho o Xubuntu Lindo, mata todos os meus desejos.
        Leve, customizável, digo, para mim ele tem matados todos os meus desejos.
        Salvo umas 10 falhas que eu consigo resolver ou conviver com elas.
        Mas que eu já me fiz claro com os desenvolvedores do Xubuntu e ao menos ele tem conhecimento do que acho e sinto.
        Mas oque eu digo é que está muito mais pesado e se a opção de deixar mais leve.

  25. xoxota says:

    Nem um nem outro. A ideia da Microsoft era boa, simplificar, mas como sempre foi mal executada. Quanto ao Ubuntu, em vez de aperfeiçoarem o que ja tinham e de tornarem o sistema mais profissional e prático, fizeram exactamente o contrário. Tá uma salada russa que qualquer dia nem pra brincar serve.

  26. José Leite says:

    Excelente artigo.Off topic:em princípio hoje já devo comprar a versão de actualização para o Windows 8 Pro.Vai-me custar 69,99€,mas tem que ser.Quero definitivamente mudar de sistema operativo e seguir em frente.Espero saber trabalhar bem com ele.Se tiver que instalar a classic shell,ou uma aplicação qualquer para me trazer o menu de iniciar,fá-lo-ei,sem dúvida nenhuma.Se estiver a ter dificuldades,porque não?É sempre uma ajuda.

    • Carlos Carvalho says:

      José Leite ,

      Boa tarde se me permites só um reparo se vais avançar para o W8 não faças só a actualização , instala de raiz é um conselho de amigo .

      Cumprimentos

      Carlos Carvalho

      • José Leite says:

        Muito obrigado,senhor Carlos Carvalho.Comprei-o hoje mesmo na Worten.Mas diga-me uma coisa.Porque acha que deva fazer uma instalação de raíz?Acha que é melhor?Olhe,estou neste momento a ler o que diz no verso da embalagem:”Actualização para o Windows 8 Pro-Se o seu PC estiver a utilizar o Windows 7,os seus ficheiros,programas e definições serão facilmente transferidos para o Windows 8 Pro.Se o seu PC estiver a utiizar o Windows XP ou o Windows Vista,terá de reinstalar os seus programas…etc…”.Caramba,o jeito que me dava se fosse só actualizar o PC.É que tenho montes de programas e ficheiros no meu PC,e agora estar tipo a fazer uma cópia de segurança,um backup de tudo,ou enviar “n” de coisas para o disco externo vai dar um trabalhão!!Senhor Carlos Carvalho,ou quem puder me responder,é,de facto,melhor,fazer uma instalação de raíz ou só actualizar?É que depois do que disse o senhor Carlos já fiquei com dúvidas.

        • Simão says:

          José, é precisamente esse backup que dá tanto trabalho e que vamos adiando,que nos vai fazer falta quando o disco avaria. A reinstalação de uma maneira geral deixa o SO mais rápido em comparação com a actualização. Boa altura para colocar mãos à obra e usar esse disco externo. 🙂

          Alguém mais entendido em Windows que esclareça se a versão upgrade permite instalar do zero só utilizando a chave da versão anterior. Obrigado.

          Cumprimentos

          • José Leite says:

            Muito obrigado,senhor Simão.Assim o farei.Em princípio até ao fim desta semana ainda continuarei com o Windows 7 no PC.Preciso de tempo para fazer as transferências de programas e ficheiros para o disco externo.Depois novo sistema operativo,vida nova,eh,eh 🙂 Off topic:porque é que quando há muitos comentários em qualquer artigo a partir de certo ponto só vejo um fundo azul que nem se vê os comentários do pessoal?Também acontece com mais gente?É que eu não percebo porque isto acontece.

  27. rand says:

    Como não tenho Ubuntu decidi cronometrar com o Xubuntu, em relação ao boot ambos demoraram cerca de 10 segundos, em relação ao login tambem ambos demoraram pouco menos de 10 segundos (ambos iniciam o XAMPP ao login), alguns já disseram estes tempos não tem muita importancia, eu discordo mas como o que eles dizem tambem pontos válidos sobre a manutenção permitam-me dizer que mesmo sem manutenção nehuma tanto o Win8 como o xubuntu continuam tão rápidos como quando eu acabei de instalar nos mesmos tudo o que precisava.

    SPECS: samsung np300v3a-S02PT

    • Alexandre Amaral says:

      Tambem concordo contigo em relação aos tempos do sistemas operativos e a sua manutenção. Sinceramente acho o Xubuntu mais leve que o Windows 8, no entanto perdemos todo o ecossistema Microsoft.
      Acho sinceramente que são os dois óptimos sistemas operativos, tenho pena que os softwares que uso não dêem para utilizar nos “dois lados da barricada”, se não estava muito mais tempo no linux com toda a certeza.

  28. T. Castro says:

    A minha opinião:

    O meu win8 inicia BASTANTE mais depressa que o Ubunto, pois não o tenho instalado. Para mim, Windows é o melhor sistema operativo, pois sou um gamer activo, programo em ambiente .NET e utilizo exaustivamente algumas ferramentas do Office (Excel e Access com fartura).

  29. JJ says:

    Apesar de achar estes testes interessantes, e concordar com algumas coisas que vários já disseram… não valorizo muito estes testes.

    Para se este tipo de testes, tinha-se de garantir, alem do hardware igual, as configurações e programas de arranque iguais. Só assim é que se poderia provar que um SO era mais rápido que outro no arranque.

    Visto que normalmente será difícil ter as mesmas configurações e programas de arranque nos dois SO’s, com as mesmas característica, estes testes nunca vão ser 100% credíveis. Servem para ter uma ideia de cada um, e pouco mais.

    Este teste não vai em concreto provar nada.

  30. Kingdra says:

    Engraçado no meu pc o log in time e inferior ao do video, e o meu pc e igualmente inferior, alias altamente inferior.

    Não ser ate que ponto este video e credível só acredito naquilo que consigo testar na minha própria maquina.

    • António Pereira says:

      Coloco também a credibilidade do vídeo em causa através da minha experiência.

      O que acho mais incrível são os 15 segundos perdidos entre o final do loading e o aparecimento do ecrã de logon.

  31. rosa says:

    q portátil aconselham?

  32. Rick says:

    O que me interessa a mim ter um SO rápido, estável, seguro, bonito, funcional e, num leque de 20 amigos, ter apenas o meu cachorro com quem discutir as maravilhas que o meu Ubuntu trouxe à minha vida?

    O que me interessa a mim, depois de mais de 20 anos de utilizar diariamente um SO da Microsoft, assim como 20/20 dos meus amigos, ter que perder uma infinidade de tempo em fóruns de discussão e guias para aprender o que sei intuitivamente fazer versão após versão do windows? Digo 20/20 dos meus amigos, porque desses 20, 2 têm linux porque é rápido, estável, seguro, bonito e funcional. Calha alguém ter amigos que de facto usufruem de linux e nem sequer precisam dum dual boot com windows. Eu não tenho amigos assim, e por outro lado tenho um SO que faz tudo e nunca me fez querer ter dual boot. Quando quero coisas do mundo de lá, corro o liveCD do BT5 e vou fazendo as coisas acompanhado dum guia que retiro da net…

    Eu nasci para a informática involto num mundo dominado pela Microsoft que, felizmente, soube evoluir e fazer-me sentir bem com o software que foi lançando, ainda que batendo com a cabeça na parede uma ou outra vez durante o percurso! A minha rotina é mais ou menos a mesma: o windows inicia, critico o Metro durante os primeiros 5 segundos, sem desistir que é para ir acompanhando as mudanças e um dia os meus filhos não me chamarem de cota que parou no tempo, abro o outlook, trabalho no excel, faço uns relatórios no Word, uma vez por ano uma coisita no Powerpoint, uns desenhos no CAD, retoco umas imagens no software da minha Canon (que mal liguei ao PC ele soube do que se tratava), abro uns PDFs num software alternativo e gratuito que conheço ser mais rápido do que o da Adobe, ligo o skype, monto umas imagens no Daemon Tools, vejo uns filmes no meu leitor preferido, que também já é preferido há uns bons anos, acerto os timings dumas legendas que eram para outra distro, vou gerindo as regras da firewall, navegando no meu browser preferido também já com uns bons anos em cima e, felizmente, sempre que compro um jogo consigo fazê-lo na FNAC lá do Shopping! Certo que de vez em quando lá tenho que correr o CCleaner e mais uma ou outra ferramenta gratuita que o tempo e os amigos me foram fazendo eleger como indispensáveis. No pior dos cenários, formato o disco com a regularidade com que mudo o Feser 1.

    No leque dos tais 20 amigos, eu devo estar no 1.º quartil dos que, não trabalhando na área da informática, percebem alguma coisa de informática. Eu não quero linux actualmente, por muito mais rápido que ele seja em relação ao Windows, e só vou querer se o windows desaparecer ou se o paradigma actual mudar como aconteceu com o Internet Explorer e agora, mais recentemente, com o Firefox que está a dar lugar ao “new kid on the block” da Google.

    Linux é bom, muito bom, não tenho a mínima dúvida. Mas de que me serve agora chegar mais rápido 10 segundos ao ambiente de trabalho, se chegou ao comum dos mortais 20 anos atrasado?

    • 837473573r says:

      Ou seja adoptas um novo SO conforme está na mainstream ou nao…

      • Rick says:

        A tua conclusão é demasiado redutora para aquilo que eu escrevi, o que me leva a crer que ou não entendeste, ou quiseste reduzir a minha opinião.

        A sociedade que te rodeia e em que te misturas tem intrínseca relação com as escolhas que tu tomas. E tu tiras proveito se não te isolares da sociedade que te rodeia.

        Dou-te um exemplo simples e que nada tem a ver com sistemas operativos:

        No meu tempo da universidade a calculadora em voga do meu curso e da minha faculdade era a Texas Instruments: Ti89, Ti92 e, mais tarde, a Voyage 200. Eu escolhi a Texas, como 95% das pessoas. Mas 5% foram para a HP. Não discuto qual é melhor, mas certo é que 95% das pessoas andavam com as máquinas cheias de programinhas que faziam maravilhas e quase todos utilizavam a máquina muito para além das simples operações aritméticas. Destes 95%, às tantas uns 40% desenvolviam programas em Basic e 2% em Assembly. Os restantes 5% usavam a HP, na maior parte dos casos como eu uso a do meu telemóvel.

        Eu uso aquilo que para mim me proporciona melhor qualidade de utilização, seja por qual motivo for. Tendencialmente, o que é testado e usado pelas massas proporciona melhor qualidade de utilização do que o que não é.

        Já noutras coisas prefiro ser diferente das massas… nos perfumes e nos relógios por exemplo.. e fico chateado se chegares a uma festa com uma camisa igual à minha, admitindo no entanto que até és um gajo de bom gosto.

    • Paulo Ferreira says:

      O meu filho de 8 anos discorda da tua opinião 😉

      • Rick says:

        Mas olha que às tantas iniciou-se no mundo da informática no momento em que a Microsoft apresenta os seus melhores sistemas operativos de sempre.

        • Paulo Ferreira says:

          Pode até ser o melhor sistema operativo Windows de sempre, mas isso não invalida que outros possam adoptar o Linux como sendo “melhor” para as suas necessidades 😉

  33. arkan says:

    nao adianta nada ser rapido de boot, se é uma porc@ria.

  34. Fernando_BR says:

    Por experiência própria posso afirmar que em notebook com processador AMD E350, vídeo ATI6310 o Windows8 é mais leve que o Ubuntu 12.04 com Unity. Resolvi o problema instalando o Xubuntu, que mesmo com um tema sofisticado é muito mais leve que o Win. Unity sucks. Para efeito de comparação também testei o Kubuntu, que depois de umas otimizações ficou pouca coisa mais pesado, mas tendo um visual excepcionalmente superior

    • MrT says:

      já experimentas-te o Linux Mint?

      • Fernando_BR says:

        Desculpe a demora pela resposta. Já experimentei o Mint três vezes e em todas tive problemas, já ao testar o PCLinux OS percebi o quanto o KDE havia evoluído, mas como meu netvook é meio fraquinho o Xfce se mostrou verdadeiramente eficaz para ele. Não tive sorte com o Mint, mas nem por isso posso dizer que ele é ruim

  35. Mario Junior says:

    Testem aê o Arch contra o Windows 8. =D

    • irlm says:

      ou então slackware em termos de estabilidade

      • lmx says:

        boas…

        isso é um teste injusto o slackware é um SO feito para ser perfeito…

        Mas é mais trabalhoso de administrar no entanto depois de configurado, acabam as chatices…como alias na maioria dos SO’s linux based.

        Slackware é o mais antigo linux suportado na actualidade e mantém a sua posição de share ao longo dos anos, embora exista alguma tendência para ir caindo muito lentamente, mas nunca sabemos o que o futuro nos reserva…

        cmps

        • Mario Junior says:

          Aliás, outra idéia boa: Testem o Arch ou o Slackware contra o Ubuntu.. kkkkkkkk

          O Ubuntu será considerado o Windows. kkkkkkk

          • JP (djlinux) says:

            Sim sem duvidas e não te esqueças do Gentoo.
            Mas como o lmx disse seria um pouco injusto, porque estas distribuições são feitas de raiz e configuradas conforme o hardware que temos, assim fica sempre em vantagem sobre qualquer Ubuntu ou Windows…

  36. Carlos Carvalho says:

    Boa tarde ,

    Felizmente vejo com satisfação que neste Blog muita gente abriu os olhos , o problema não é se o Linux chegou atrasado 20 anos , isso a mim tanto me faz , agora faço as minhas escolhas em função das minhas análises pragmáticas , acções da Linux Foundation não existem , também não é uma opção típica de um clubista e também não quero ser chamado de cota ou eventualmente de analfabeto informático pelas novas gerações , quando as ambições de alguém que diz ter alguns conhecimentos informáticos é contraria ao seu discurso a montante e jusante , mantendo sempre os seus velhos programas que lhe permitem ficar na sua área de conforto eu interrogo-me como é que não serão os amigos para este perfil de utilizadores é bom que tudo se mantenha na mesma porque aprender custa .

    Cumprimentos

    Carlos Carvalho

    • Pedro says:

      Caro Carlos Carvalho,

      É engraçado… denoto em cada comentário seu, uma necessidade de se fazer valorizar. Sempre a querer transmitir a ideia de que é entendido no assunto, e que trabalha em Linux, e que só por esse facto, é, de alguma forma, mais conhecedor da matéria do que um utilizador de Windows “ou janelinhas como quiser”…
      É engraçado que, para alguém tão entendido na matéria, pareça um menino de tenra idade quando se refere ao S.O da Microsoft. Não só pelo modo depreciativo com o faz, mas também pelos argumentos que usa… simplesmente desproporcionais…

      Usa um discurso muito bem elaborado, palavras pouco usuais neste tipo de comentários, mas depois, demonstra uma mentalidade pouco evoluída. Este seu ultimo comentário diz tudo… para si, quem usa Linux abriu os olhos, quem não usa, é mandrião porque não gosta de aprender e prefere a sua área de conforto.

      Até pode perceber muito de informática… falta-lhe é aprender a respeitar as opiniões dos restantes utilizadores. Uma coisa é dizer que prefere o Linux a outro S.O… outra completamente diferente, é afirmar que quem não pensa da mesma forma, é isto ou aquilo…

      Ah já agora, trabalho diariamente com 3 plataformas distintas, uma delas o seu tão amado Linux… só para que não haja azo a duvidas.

      Cumprimentos…

    • Alexandre Amaral says:

      Acho que fazes bem Carlos, se te sentes feliz com o teu sistema operativo só fazes bem em usa-lo, isso de chamar antiquado a quem usa o que gosta é do mais ignóbil que há (podemos aplicar esta frase a muita coisa e não só às TI’s).

      Agora o que não é também razoável é denegrir a opinião dos outros (sim porque é isso que fazes com algumas frases que escreves, e até acredito que seja involuntariamente…as vezes o coração fala mais alto) quando vão contra os teus ideias, não é bonito e não contribui para nada. E já agora (para não parecer mais papista que o papa) peço desculpa se escrevi alguma indirecta mais rispida que te possa ter ofendido de alguma maneira.

  37. Carlo says:

    As distros Linux são boas para quem tem poucas exigências em termos de trabalho/actividades/softwares a executar num PC.

    Eu não consigo usar Linux no dia a dia porque teria que deixar de jogar, deixar de trabalhar e o PC ficaria para meia dúzia de coisas. Alias nem MAC OSX me daria resposta ao que eu faço num PC e ao tipo de software que uso e arranjo na net com enorme facilidade.

    Apesar de já ter Windows 8 em algumas maquinas, na principal ainda tenho Windows 7 porque tenho muita coisa a guardar quando fizer a transição e ainda não me dei ao trabalho, e as conclusões que tira é que muitos entendidos que andam por aqui não sabem assim tanto o que dizem.

    Quando põem no mesmo saco os vários dos SO da Microsft, neste caso, e atribuem estereótipos como ficarem degradados com o tempo sem olhar ao que os utilizadores fazem pelo meio é no mínimo injusto.
    Depois convém saber que pelo menos desde o Win 7 que deixei de experimentar tanto essa degradação de velocidade mesmo que seja normal pela quantidade de informação em cache e softwares, no Windows XP notava que havia uma gestão menos boa disso ao longo do tempo.

    Das maquinas que me aparecem para manutenção sempre reparei que a culpa é do utilizador em 90% porque instalam tudo sem ver do que se trata, incluindo aplicações publicitárias e têm tudo desorganizado ao ponto de muitos terem o disco onde está a memoria virtual completamente entalado.

    O facto é que o Windows não é substituível, da forma como muitos pesam que é, muito pela dimensão do seu ecossistema, não pelos outros não serem capazes mas porque a estratégia de desenvolver um SO e fornecer múltiplos fabricantes dá nestas coisas, enquanto a Apple ficou a brincar com o ecossistema fechado às suas maquinas e o Linux não sofreu do investimento necessário mais cedo a Microsoft acabou por aproveitar o buraco e soube impor as suas tecnologias e desenvolve-las, por exemplo o DirectX.

    Já tive maquinas a correr Linux (Ubunto e Fedora) e não desgostei, alias até gostei de algumas coisas como o banco de softwares gratis disponiveis numa aplicação entre outras coisas, mas o problema vinha quando cruzada documentos office entre plataformas, as formatações e tipos de letra inviabilizavam logo qualquer trabalho que fosse feito em Windows (MS Office) e tivesse de ser continuado em Linux (Open/Libre Office).
    Ou por exemplo ter de usar pacotes de software que só existem para Windows e por esta razão mesmo pessoal (colegas raparigas que foram atras da beleza dos mac book) com MACs chegava à conclusão que teria de ter Windows ou nas aulas ficavam a olhar para o boneco por não terem os softwares para OSX.

    Isto são alguns exemplos e para alguns é fácil criticar e ser radical mas depois na hora da verdade nem sempre essas paranoias nos levam a algum lado.

    • Pedro says:

      Concordo plenamente…

      Há que ter moderação… cada S.O tem as suas virtudes, cabe a cada um, saber encontrar aquele que responde às suas necessidades.
      Aliás, eu nem entendo qual o motivo que leva uma pessoa a criticar outra devido ao S.O que esta ultima utiliza… não faz simplesmente sentido nenhum.
      Aliás eu sou da opinião que, inteligentes, são aqueles que conseguem aproveitar as coisas boas que cada S.O tem para dar…
      Mas haverá sempre aqueles que não vivem sem criticar…

      Cumprimentos…

    • lmx says:

      Eu passei a usar linux porque precisava de trabalhar…

      porque gosto que a maquina faça aquilo que eu quero…

      porque gosto de ter os meus programas e não os programas impostos…

      porque gosto de ter liberdade…

      porque gosto de implementar algumas coisas a minha maneira…

      porque gosto de ter um ambiente em que me sinta productivo, e que não mude de uma forma berrante…

      porque gosto de saber que o meu SO não foi programado com “código a metro” e que gasta pouca RAM…

      porque gosto de ter um SO rápido mesmo com pouco poder de processamento…

      porque gosto que o sistema actualize e mesmo assim eu possa trabalhar…

      porque gosto que o sistema com o tempo não me perca performance…

      iria ficar muito chateado se algum destes items falhasse…

      cmps

    • Paulo Ferreira says:

      Concordo com quase tudo o que referes, excepto a afirmação do que o Linux é para pessoas com poucas exigências. Considero-me como estando situado entre um “Power-User” e um “Advanced-User” e até hoje ainda não encontrei nenhuma barreira intransponível por ser um utilizador Linux, inclusivamente em coisas tão fúteis como jogar Skyrim lol (via cedega ou PlayOnLinux).
      A escolha de um sistema operativo deve ser pessoal e algo que corresponda às nossas necessidades individuais, não algo imposto, mas é sabido que na grande maioria dos casos isso não acontece. É nesse ponto que critico a Microsoft e alguns fabricantes OEM, não o sistema Ms Windows, que tem as suas qualidades e virtudes.

    • eduardo says:

      na minha modesta opinião demonstras algum desconhecimento de outros sistemas.
      Muitos dos problemas de degradação de performance com o tempo no windows estão relacionados com o registry, que é uma verdadeira confusão. Nem o Mac, nem o Linux têm o registry, nem sofrem de problemas do género.
      Para além disso o NTFS (comparado com os sistemas no Linux e Mac) falha com a fragmentação de ficheiros, o que tb incorre na degradação de performance.
      São alguns dos exemplos onde o Windows fica atrás, e que não foram resolvidos com o windows 8!

  38. João Ramiro says:

    Se um Civic/Ibiza fizer 400 metros mais depressa que um Ferrari então é um carro melhor? Eu continuo a preferir Ferrari 🙂

  39. Fábio Nave says:

    Experimentem comparar com o fedora 😀

  40. Diogo says:

    Eu tenho o meu HTPC (13-3225, 4Gb Ram 1666Mhz, 128Gb SSD) a arrancar com o windows 8 em 8 segundos. Isto a contar depois do ecra da bios porque não me apeteceu voltar a instalar tudo em GPT para usar o Ultra Fast Boot.

    O Ubuntu nunca arrancava neste tempo. E quando eu digo nunca, é mesmo nunca. 😉

    E não, não sou fan boy do Windows nem anti-linux ou coisas do género.

    Apenas para um HTPC, que interessa a velocidade, o W8 surpreendeu e muito pela positiva.

  41. José Garcia says:

    Uso o xubuntu e é realmente mais rapido que qql windows, pelo menos ja tive seven e vista aqui e xubuntu nao da hipoteses sequer de concorrencia. Mais rapido em tudo mm, cumprimentos

  42. Tanta coisa sobre boots rapidos em super maquinas… mas se pensarem como eu, que tenho um tijolo de um Acer Aspire One 110l, com 1,5GB de ram, CF de 8GB lento… tenho boots em debian de 33segundos, em UBUNTU de 50 e no linux de origem em 17… no windows, mesmo que o limpe para dar para instalar demora cerca de 2 minutos e depoi ainda tenho de esperar que ele se vá arrastando…

    • Fábio Sousa says:

      Tenho um tsunami T9 , Atom 1.66Ghz, 1GB de ram , 320Gb de disco. O arranque do UBUNTU 10.04.4 ( LTS sem o novo GNOME) que ainda é suportado, demora aproximadamente 35 segundos. Windows 7 demora mais 20 segundos. No entanto o Windows 7 consegue fazer uma gestão de bateria melhor, garantindo assim maior autonomia. Já o Windows XP, que apesar de ser um SO mais leve, não trás uma grande melhoria no tempo de arranque e não dá tanta autonomia.

  43. Carlos Campos says:

    Muito estranho tenho um core I5 760 a 2.8Ghz e com um disco sata, faço boot e login e demora menos de 12 segundos. com o windows 8
    e no portátil um core I7 2.0 Ghz com ssd boot e login em menos de 5 segundos. com o windows 8!

    estranho no video o pc ser grande maquina e pelas specs o meu é pior e arranca mais rápido e tenho muita tralha instalada!

  44. Luis says:

    Já usei ambos no mesmo notebook e o Ubuntu 12.10 sempre foi mais rápido em td tanto para ligar como para desligar tbm,apesar do Windows 8 esta melhor que o anterior o Ubuntu é bem mais leve e agora com o apoio dos games que graças a Valve(Steam)e Ea games entre outras marcas estão querendo dar opção ao usuários qual sistema usar e claro tornar o Linux o novo padrão para os gamers.

  45. joaquim says:

    Correcção, afinal já dá para tirar o som durante a publicidade..

  46. Jose says:

    Sinceramente..

    Eu já usei o Ubuntu em PCs muito mais velhos, e o boot demorava muito menos tempo que o apresentado video.

    Em 10 seg. ou menos ja estava na pagina de login, não estou a querer defender o Ubuntu, apenas a constatar factos, tenho motivos para querer que este video foi editado para favorecer o Windows 8.

    E não sou nenhum fanboy, uso Windows em todos os PCs cá de casa.

    • Ben says:

      Hey there, this is Ben here from Uploadthedownload.

      The video was in no way edited to shorten or lengthen the times of either operating system. The times in the video are the times I got when I booted it. Keep in mind, this is Ubuntu 12.10 – which has been found to be quite slower than some of the previous versions of Ubuntu.

      If you have an older computer with an older version of Ubuntu, I wouldn’t be surprised if you received a faster boot time.

      Thanks!

    • António Pereira says:

      Eu tenho opinião contrária.

      O Windows 8 no vídeo demora 15 segundos, 15 segundos na transição entre o “Loading” e o “Logon Screen”.

      Isto é algo que nunca vi em 3 dispositivos distintos, como já referi anteriormente.

      Depois, pelos comentários dá para perceber que o criador do vídeo é a favor do Ubuntu, porque razão iria prejudicar o SO que prefere?

  47. Gabriel says:

    No fim o Windows 8 só tem mais 2 segundos… Não é por 2 segundos que vou dizer que o ubuntu é melhor!
    (não gosto de ubuntu!)

  48. Dat55 says:

    convém salientar que a ms utilzou um golpa baixo no windows 8, quando voês encerram o windows 8, ele não enerra, entra num estado de hibernação. para o encerrar mesmo tẽm de desligar o fast boot e aí terão o boot real do windows 8.

  49. Enfim says:

    Tenho um i5 primeira geração com 4 GB e o Win8 entra em menos de 10s. Por isso este vídeo tem zero de credibilidade. Lamento.

  50. hugob says:

    ja agora porque nao ubuntu vs mac?

    so nakela….

    sempre a falarem mal do windows….tskk

  51. Maxim says:

    Porque que não colocam o vídeo do youtube?

  52. Texugoelectrico says:

    Não é por nada mas o temporizador do Ubuntu pára ligeiramente antes da tela de login estar totalmente carregada mas o mesmo tratamento não é dado ao Windows após o Login…

    Para além disso, quer-me parecer que o W8 tem mais para carregar, afinal tem que apresentar a tela do “metro”, não???

  53. O Silva says:

    A verdadeira diferença não é no arranque… mas sim no seu uso no dia a dia.
    Ou será que os pcs e os OS são para “fazer corridas”?

  54. Benchmark do iPhone 5 says:

    Põe-se o cronómetro a funcionar desde que se prime o “power” até parecer que o desktop está pronto a funcionar. A diferença que se obteve foi de 1,37s (24,49s para omUbuntu e 26,6s para o o Windows) que pode não ser rigorosamente essa mas anda por aí.

    Agora uma coisa é certa, usar SSD faz baixar o arranque do Windows 8 desses 26,2s, para os tão falados 7s. Também tinha interesse um teste entre os dois SO usando SSD em vez de HD. Só para se ter uma percepção da diferença no arranque do Windows 8:
    http://channel9.msdn.com/posts/Fast-Boot

  55. Rafael Ramos says:

    Sério ?!?!?

    O meu portatil é um simples dual core com 4 gigas de ram ddr2 e sinceramente, coloco a password, carrego enter e é instantaneo…esse video demorou quase 10 segundos ?!?!?
    LoL…

    O meu windows a carregar, tanto no portatil como no pc, que até nem é nada de especial tb, demora 8 segundos (sem contar com o post da bios).

    esse login está bastante aldrabado!!

  56. Arcadiy Kulchinskiy says:

    Mais um post sobre a guerra de OS…

    Quando é que as pessoas aprendam que o que importa num computador não é a velocidade do arranque? Sinceramente…

    Eu gosto do linux, apesar de ser mais confuso pela sua estrutura. Mas Linux perde definitivamente ao Windows pela compatibilidade e nº de software disponível(bom). Portanto os dois sistemas operativos são incomparáveis, mesma coisa com Mac Os, é bom? É. Mas não suporta nem tem a capacidade de processamento de, por exemplo, o 3D Max. Linux nem Photoshop, After Effects e Premiere suporta (sim, com Wine dá para correr, mas corre mal e porcamente).

    Cumprimentos

    • Fred says:

      ora nem mais, tudo dito.

      • Arcadiy Kulchinskiy says:

        Eu digo sempre tudo. 🙂 Essas guerras de OS na verdade não tem fundamento nenhum a partir de momento em que não as dá sequer para compará-las. Windows é o OS mais evoluído e ponto final, quer gostem quer não pois oferece tudo que é preciso para qualquer utilizador, seja programador, navegador normal, designer, videógrafo, gestor, etc…

  57. Maikito says:

    Tenho uma dúvida,

    No linux ubuntu quando faz load do desktop (acaba o login) podemos logo começar a clicar no firefox abrir mail etc, isto porque os processos de inicialização do ubuntue o q tá a correr no background já terminou.

    O mesmo nunca vi a acontecer no windows e testei até ao win7. Ou seja, mesmo depois de aparecer o desktop ainda fica ali algum tempo a carregar coisas e por vezes até o icone do rato fica em “em progresso”.

    Será que no windows 8 já melhoraram isto ? ou seja, quando o win8 carrega o desktop tá pronto a utilizar ou ainda tá a carregar qq coisa ?

    • Maikito says:

      Atenção,
      isto foi só uma dúvida em tom de conversa casual. não estou de maneira nenhuma a dizer que um SO é melhor que outro. se quiserem respondam se não não.

      Os dois SOs são extremamente bons e sinceramente o tempo que demora a carregar não interessa para nada. interessa é o que faz quando está carregado.

      Já chega de fanatismos.

  58. Francisco says:

    Na verdade o Boot do Windows 8 é mais rápido que o do Ubuntu, portanto não percebo a questão sobre se os utilizadores estão ou não desiludidos com o Boot do Windows 8. Por desconhecimento de causa, onde guarda o Ubuntu a informação sobre o utilizador? Isto porque o Windows 8, com o Live Id valida a informacao online desde que haja conectividade de rede. Mas gostos não se discutem, o mercado indica qual dos SO’s é o melhor.

  59. Fred says:

    Sinceramente já cansa ver pessoas a discutir a dizer que linux é melhor ou windows é melhor, já parecem fanboys do cod vs battlefied ou fifa vs pes. Quem gosta usa linux e acha-o melhor e adequado para ele ou então quem usa windows acha o mesmo dele. Tanto linux como windows tem suas vantagens e não vale a pena sempre dizer que linux é melhor ou é o windows.

  60. Ortollani says:

    Estou tentando migrar para do Ubuntu mas não consigo fazer o ipod nano 6g funcionar no linux. Já tentei 7 softwares de áudio sem sucesso. Inclusive o gtkpod. Alguém sabe como resolver o problema?

  61. x says:

    O mais rápido é o livro. É só virar virar as páginas para aceder ao índice.

    Depois não é “performance” é “desempenho”.
    Vergonha de técnicos de informática que não sabem PORTUGUÊS!

    • NLLS says:

      LOL
      estrangeirismo…
      técnicos e as suas linguagens “técnicas”

    • Benchmark do iPhone 5 says:

      Qualquer dicionário da língua portuguesa tem o significado da palavra perfomance. Podem-lhe chamar estrangeirismo, ou que quiserem, mas é uma palavra portuguesa como outra qualquer.

    • Pedro says:

      Pelos vistos a vergonha não é dos técnicos de informática que não sabem Português… informe-se melhor antes de criticar as restantes pessoas.

      Quem acaba por passar vergonhas é o senhor com o seu conhecimento do PORTUGUÊS…

      Em várias áreas técnicas do nosso país, a expressão performance é utilizada, uma delas o ramo informático. Aliás, em qualquer dicionário português, performance é apresentado como sinonimo de desempenho…

      Enfim… e assim se fala em bom português…!

      • x says:

        Performance é a palavra francesa correspondente à palavra portuguesa desempenho.
        Consulte um dicionário credível sem acordo ortográfico ou modernismos. Pode sempre perguntar a um linguista.

        Já agora, sinónimo leva acento em bom português!

        Em várias áreas técnicas do nosso país, existem labregos que usam a expressão performance, uma delas o ramo informático.

        Se você se expressar oralmente decerto notará que performance não soa muito bem, há algo de impotente na oralidade da palavra ao contrário de desempenho que é de oralidade robusta.

        • eduardo says:

          desculpa mas a palavra já existe no dicionário português há muito tempo. Não vem do francês mas do inglês, e é bastante usada no desporto e a nível académico!

          • Maikito says:

            epah o que é que se passa com vocês ?

            eu lancei uma pergunta interessante e em vez de falar sobre algo de jeito, andam aqui a discutir se o autor utilizou uma palavra do dicionário ou não ?

            desculpem lá mas ide-vos… ao menos ganhar respeito pelo autor, nao gostam nao leiam.

            à minha pergunta ng responde mas é um alarido pela escolha da palavra e ainda há outros que veem aki dizer que faziam a noticia de outra forma só com linux ou seja lá o que for…

            atinem

        • Pedro says:

          Já me fez ganhar o dia… essa explicação de “oralidade robusta” foi sem duvida hilariante!!!

          Para sua informação a palavra performance vem do inglês e não do francês… informe-se… foi “adoptada” há já algum tempo pelos portugueses e está presente na maioria dos dicionários.

          Já agora, uma salva de palmas, por ter chamado de labregos as pessoas que usam esse termo… espero que se sinta muito superior por não o usar. Triste…

          • x says:

            Pelo contrário a palavra é francesa e foi adoptada pelos ingleses.

          • x says:

            Se você prefere ser inferior, neutro ou superior é consigo.

            O que é um facto é que vocês formam-se em informática e não em português, infelizmente. E isso sim é triste.

          • eduardo says:

            @ x
            a palavra vem do inglês e foi adoptada por várias outras línguas (incluindo o francês).
            A etimologia da palavra poderá derivar duma outra palavra francesa, há muitos séculos atrás, que se pronunciava e escrevia de maneira distinta, mas o facto é que a palavra como conhecemos veio do inglês.

        • Pedro says:

          Mais vale ignorar realmente… você peca em argumentos, peca em conhecimento, e acaba sempre com palavras ofensivas… realmente em todos os seus comentários mostrou sempre ser alguém muito instruído… não haja dúvida.

          E já agora, nunca disse que era formado em informática meu caro…

          Só lhe deixo aqui um conselho, para mostrar os nossos pontos de vista, não precisamos chamar borregos a ninguém… e mesmo que a palavra performance fosse usada apenas por dois ou três gatos pingados, isso não os tornaria em nada inferiores a si ou a qualquer outra pessoa… aprenda isso.

          Quanto mais julga que é, menos demonstra ser…

  62. BalgkarBr says:

    Caro editor Pedro Pinto.
    Acho que um vídeo como este não tem relevância real.
    Gostaria mesmo é que fosse feito um vídeo testando o Ubuntu entre as próprias versões dele (10.04-10.10-11.04-11.10-12.04-12.10 e até mesmo o 13.04 que já uso nos meus pcs) e entre os testes que houvesse também testes dos atuais desempenhos das versões estáveis do Lubuntu, xubuntu e kubuntu.
    Peço isso caro editor, em função que percebo que nos últimos 4 ou 5 lançamentos o desempenho do Ubuntu não só não vem melhorando, como vem caindo sistematicamente em tudo, isso pois não só percebo no meu pc e note como também percebo nos benchs feitos pela Phoronix, não vejo aumento nenhum.
    O mais triste é que os desenvolvedores do kernel consideram uma vitória salvar alguns MBs de desempenho e vai lá a canonical e bota fora o desempenho de balde.
    E outra questão, é que, embora eu veja notícias do Ubuntu em dezenas e dezenas de sites diariamente, eu noto que a Canonical está 70% forçada no sucesso do Unity e deixando de lado muitas coisas.
    Até por que é como eu digo, hoje em dia, customizar o Ubuntu está uma luta, coisa que no passado era besta.
    Alguns defendem que o Ubuntu ainda roda em qualquer computador, mas eu digo, RODA ATÉ RODA, SÓ NÃO REDONDO.
    Antes o Ubuntu rodava em QUALQUER COISA de uma forma muiiiiiiito lisa, leve e linda.
    E o Ubuntu com o Unity está cada vez mais afrescalhado mas ainda está LONGE de atingir os efeitos que tinham antes com o Compiz no 10.10, no 10.10 tu tinha todos os tipos de efeitos bestas e o CPU não fazia NADA. Hoje em dia basta o usuário usar o Windows Snap duas ou três vezes seguidas que o consumo do processador já vai para 85%+. Antigamente qualquer pc porcaria fazia tudo oque um super pc faria com o Ubuntu, oque alguém com um pentium 4 e 256mb de ram e uma vga onboard fazia era o mesmo que um usuário com um Core I7, ssd,660gt e 16gb ram. Hoje em dia um pc com 256 TALVEZ dê a “partida”
    E o mais triste é que tem uma epidemia em defesa do Ubuntu mas o fato é fato e nesse caso ele fala por si só.

    O Ubuntu já não é mais uma distro leve e não é para o pc de todo mundo.
    Gosto muito do Ubuntu, sou apaixonado pelo Xubuntu e acho que são ponto que devam ser levados em consideração e peço que antes de argumentarem e discutirem comigo, que analisem oque eu falo e então façam o tal bench que eu peço, não utilizando NADA sintético, POIS TESTES SINTÉTICOS SÃO BOBAGENS, tudo real, tudo baseado em COPIAR E COLAR ARQUIVOS, JOGOS, QUANTO DE RECURSO O SISTEMA USA APÓS O BOOT, QUANTO DE RECURSO O SISTEMA USA PARA NAVEGAR, TOCAR MÚSICAS E VÍDEOS EM 1080P, QUANTO É USADO PARA EDITAR VÍDEOS, IMAGENS, ÁUDIO, CONVERSÃO DE VÍDEO, IMAGEM E ÁUDIO e suas velocidades.
    Pois eu vejo novas versões do unity saindo a cada 10 minutos, novos drivers, novo tudo, só não vejo estar mais rápido, mais leve e mais multitarefa que para mim é muito importante ser multitarefa.
    Mostrem fatos baseados em MBs, segundos e FPS.
    Do contrário é só falatório mesmo para encher linguiça.

    Façam um bench assim e mataremos as nossas dúvidas em relação ao Ubuntu em si.

    Grande abraço para todos.

    (P.S.: Detesto o windows e MS)

    Ah, seria bom também incluir nos testes outras distros como o Mint cinnamon e algumas versão do Arch como o Manjaro ou outra, além do fedora com o Gnome, sabayon, arch bang, mageia, opensuse…

  63. Tenho duas máquinas modestas: um desktop Core2 Duo 2.93Ghz+4Gb+1Tb e vídeo onboard e um netbook Acer AspireOne Atom N570 + 2gB + 500Gb.

    Em ambos o Windows 8 inicia (bem) mais rápido que o Ubuntu 12.10.

    No Desktop o uso dos dois sistemas é bem parecido, nunca enfrentei lentidão para nada, tudo muito rápido (uso players de áudio enquanto programo e faço coisas do trabalho – muitas janelas abertas).

    No netbook o Windows roda mais lento, mas nem foi feito pro meu netbook, já que a resolução dele (1024×600) não permite o uso dos aplicativos metro sem forçar a resolução.

  64. sergio says:

    ola a todos!
    socorro só novo no linux e estava a experimentar o ubunto e desapareceu tudo só tenho o ambiente de trabalho. o que faco agora? e preciso intalar de novo?

    obrigado.

  65. luis timóteo says:

    Já era esperado

  66. Alessandra says:

    É neh, mas ali o carregamento do windows 8, foi até a sua tele de aplicativos, clica ali depois para entrar na área de trabalho, está sendo carregado ainda os programas de inicialização, antivirus, office e etc, coisa que já ali no linux já está pronto, acho o windows 8 pior que o windows 7.

  67. Jaime says:

    Não acho muito proveitosa essa comparação Win x Lnx. Tem coisa que só faço no Win e tem coisa que só faço no Lnx. Cada qual escolhe um SO de sua preferência e seja feliz com seus 3 segundos a mais ou a menos.

  68. Manoel says:

    kkkkkkkkkkkkkkk. Acho legal os caras dizerem a não se pode mais usar a super popularização do win com os vírus, mas o pior que é verdade. Pensem comigo, um hack vai atacar um server onde os riscos são bem maiores(técnicos em T.I.) e o lucro bem menor ou fazer ataques zumbis pra milhões de pessoas(disavisadas) que o risco é bem menor e lucro bem maior. Hoje no mundo vocês somam só 1,2% de todos os computadores, ai fica difícil né… Opinião própria já fui usuário de lnx mas win é show.

  69. Filipe Monteiro says:

    Este método tambem funciona com o ubuntu 13.04?
    É que eu estou a ter algums problemas durante a instalação do ubuntu… Eu tenho o windows 8 instalado. Quando estou na parte de escolher como quero instalar, eu escolho “instalar juntamente com o windows 8”, e ai, o ecra fica preto, aparece um comando a dizer “exit”, e o pc reinicia… Depois, vai parar automaticamente ao windows 8, como se nada tivesse acontecido… Que faço?

  70. Alexandre Magno says:

    O vídeo fala que o HD é 5400 RPM, mas o post mostra 7200 RPM. Corrigir.

  71. Miguel says:

    O Windows é muito melhor que o ubuntu, quando se instala o sistema linux, é leve e rápido, mas depois de algum software instalado, fica preguiçoso. Prefiro o Windows, mas também uso o Ubuntu

  72. Ro301 says:

    Este artigo nada está desactualizado. É impressionante como o Pedro Pinto está sempre um passo à frente… Podemos também perguntar de outra maneira: acham normal comparar um sistema operativo que é distribuido gratuitamente com um pago e bem pago?

    Pois. É verdade que o windows é o mais usual (usuabilidade) e tem recursos incomparaveis como por exemplo a possibilidade de jogar com recursos fora de série. Porém, a um nível geral o ubuntu é comparavel. Talvez até ganhe em vários sectores.

    Há um problema em relação ao linux que venho a confrontar desde que o tenho. As empresas como a Adobe não têm versões dos seus softwares para o ubuntu. Nem pago nem gratuito.

    Por um lado adquirimos este fantástico sistema operativo a preço zero. Comparando com o w8 o valor começa a partir dos 100 euros.

    Então, posso dizer que hoje é possível ter windows. Os preços estão mais acessiveis. Pena que mesmo assim continue a insistir defender o linux.

    Talvez as empresas como a Adobe precisem de sentir isso mesmo, que existe um publico que defende e prefere o linux.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.