Quantcast
PplWare Mobile

5G: MEO com tarifário anual de “apenas” 30 euros

                                    
                                

Autor: Pedro Pinto


  1. Flávio Mascarenhas says:

    Absurdo pagar 30€ anuais apenas para acesso à rede. Tráfego não incluído….

  2. Filipe says:

    Como assim 30 Euros por ano?
    Dá €2,5 por mês.

    Tarifário por €2,5 por mês, por 5G tráfego ilimitado, velocidade máxima, chamadas ilimitadas para todas as redes, SMS’s ilimitados… quero já!

    lol Não acredito. 😉

  3. Fo says:

    Então para aceder ao 5G da meo é mais uma parcela na conta. Hehe ok é já a seguir.

    • Filipe says:

      Sim, para teres 5G da MEO, tens de activar e pagar a adição mensal, caso contrário, mesmo que haja 5G na tua região, o teu telemóvel não muda para a nova tecnologia.

  4. RatazanaDoPunjab says:

    Deixa cá ver se percebi bem, isto não é um tarifário, mas sim um add on ao tarifário existente.
    É assim ou fui eu que interpretei mal a coisa?
    Pelo que li irão existir em Portugal. além das do costume, mais duas, a Dense Air e a Dixarobil.
    Logo para começar, essas duas últimas nunca antes ouvi falar na minha vida e já levo mais de cinco décadas de existência.
    E segundo, onde andam as operadoras de topo dos grandes da Europa? As maiores redes Francesas, Espanholas, Alemãs, não quiseram nada com Portugal?
    As redes espanholas, principalmente, faz me confusão não estarem presentes em PT.
    Enfim, vai ficar tudo na mesma.
    Triste sina esta…

    • Vítor M. says:

      É um tarifário pois. Acresce a outro, mas não deixa de ser um tarifário.

      • Imf says:

        Victor, isso é um addon, ou o que quiseres chamar.
        Dizer que é um tarifário, por amor de deus.

        Tudo o que fazem para dar créditos ao €€€ publicitário!!!

        Ja não é primeira vez que fazem artigos destes, se querem partilhar notícias partilhem, se querem fazer publicidade, que metam em letras grandes “PUBLICIDADE”

        Disfarça uma notícia, com publicitário pouco clara…. por favor

        • Vítor M. says:

          É isso que tem a argumentar? Repare, se for à página da empresa, lá diz claramente tarifário, mas pode chamar-lhe o que quiser, afinal, assim com, assim, eles vão continuar a chamar tarifário, portanto…

          Quando a ser publicidade, não, se fosse estava apontada como tal. Aliás, como fazemos sempre.

          A sua argumentação é fraca e baseada em inverdades.

          • Rui Santos says:

            Isto é um addon ao tarifario. Ponto.
            Quando vai a meo lançar os tarifarios com 5G? Ou seja assim sempre, pagar a adição da possibilidade de usar as antenas 5G?

          • Vítor M. says:

            Não, a empresa chama-lhe tarifário. Addon nem existe, é uma invenção, porque é apenas mais um produto que tem um preço tabelado, um tarifário, neste caso.

          • Ei says:

            A empresa chama-lhe o que quiser, e mete o floreados que quiser para parecer bem!
            Isto para mim e para o resto das pessoas é um addon ou adicional ao tarifário!
            Não estou surpreendido com a manobra, pois há que pagar agora o leilão milionário.

          • Zaark says:

            Dizer que é um tarifário porque a empresa lhe chama de “tarifário” é o mesmo que dizer que a Coreia do Norte é uma democracia porque tem “Democrática” no nome oficial do país.

            Eles chamam de tarifário, mas concordo que é na verdade um “aditivo” (como chamam na Vodafone à net móvel extra)

      • Lourenço says:

        eu chamo uma taxa para usarem o 5g. no 4g nao houve essa taxa, 5g bullshit.
        é por isso é que deram o nome de tarifário para não ser explicito,
        queres usar 5g então paga uma taxa

        • Vítor M. says:

          O Lourenço é livre de lhe chamar o que quiser. É uma nova tecnologia e, como tal, segundo a empresa, tem um tarifário à parte para ser usada. É como se quiséssemos ativar no relógio o eSIM. É um serviço à parte. Atenção que o 5G tem uma abrangência muito diferente do 4G e foi desenvolvido para ser muito diferente do 4G, por isso não o veja como a evolução do 4G que virá substituir o 4G. Será como nos outros países, um produto à parte.

          • Imf says:

            Victor, se isto nao é publicidade então nao sei, mas claramente a Meo é vosso patrocinador.

            Mas esquecendo isto, a minha opinião como se calhar de grande parte dos leitores que ja vos acompanham a muito tempo e que no fundo deram visibilidade ao que é hoje o pplware, quero dar uma sugestão:
            Voltem as origens, as notícias tecnológicas, aoas tutoriais ( raspberry pi, impressoras 3D, agora que esta no auge a domotica)
            E ai acho que era uma boa oportunidade para fazer publicidade a links de produtos,etc.

            Juro que adorava os toturias, alguns nao eram para mim claramente, mas de certo que havia um nicho de público alvo ansioso.

            Tenho saudades disso, muitas horaa perdi nisso, e era uma grande ajuda, estavam muito bem construidos

          • Vítor M. says:

            Não não é. E nunca faças dos outros aquilo que tu és. Se não diz que é pub, é porque não é de certeza absoluta.

            Se fosse, dizia 🙂 como diz nos que são.

          • Rui Caetano says:

            Vitor desta vez terei que discordar por completo consigo. Aliás no site diz precisamente isto: Adiciona ao teu tarifário móvel MEO a opção de net móvel 5G à máxima ​velocidade.

            Ora se diz que é para adicionar ao tarifário existente, não se pode adicionar um tarifário a outro tarifário mas sim um extra/addon/treta qualquer. Agora chamar a isto tarifário, NUNCA.

          • Pedro Pinto says:

            Se não é um tarifário é o quê? Claro que é um tarifário! adjetivo
            relativo a tarifa, nome masculino tabela de preços cobrados por determinado serviço.

  5. iDroid says:

    Não sei se percebi corretamente. Quando se passou de 2G para 3G e de 3G para 4G não se pagou um pacote adicional à mensalidade. É isso que estão a tentar fazer agora?

    • Samuel MGor says:

      De quem é a culpa? Todos sabem que é da ANACOM pois mudou as regras pelos menos 2 vezes durante o Leilão e até foi criticada pelo Governo.

      • Jorge says:

        O que isso tem que ver com a ANACOM? Isto é pura e simplesmente uma decisão comercial da Altice/Meo.

        A alteração de regras do leilão, que são públicas e qualquer pessoa pode ler, têm que ver com o aumento do número de rondas de licitação diárias e com a remoção das opções de 1% e 3% para o aumento das licitações dos operadores.

        As críticas por parte do governo deveram-se à longa duração do leilão, nomeadamente em relação ao (mau) desenho do mesmo. Por exemplo, as licitações de 1% e 3% podiam não ter sido incluídas desde o início, o aumento dos lotes em vez de ser individual podia ser por grupos de caracterísiticas idênticas, etc.

    • Filipe says:

      Com a propaganda que as operadoras já andam a dar ao 5G, não me admira nada que teremos de pagar para os telemóveis poderem mudarem automaticamente de 4G, 4G+, 3G, 2G para 5G consoante o estado do sinal de rede da região.

      Se a meo faz isso, não me admira nada que as outras venham a copiar.

      • lopes says:

        Esse raciocínio não está lá muito bom, os telemoveis já mudam automaticamente de frequências de rede mediante a potência de sinal face à zona onde se encontram, há muito tempo, isto é o software, não tem nada haver com os operadores.

        Agora esta de pagar mais x para ter mais velocidade é no mínimo para rir.

        como é natural, eles vão acabar por mudar as coisas, pois o pessoal não anda a comer gelados com a testa.

    • João says:

      Não é bem assim, houve tempos em que nem todos os tarifários tinham acesso à velocidade máxima. Neste caso trata-se de um aumento no custo, pois dentro de pouco tempo o 5G será o standard de mercado

    • Ricardo Silva says:

      Sim. Basicamente querem que pagues para aceder às redes, fora o que cobram pelos dados disponiveis para usares nas mesmas. Acresce a isto os valores inflacionados dos equipamentos com suporte ao 5G à priori pagos por quem pretende aceder à nova “rede milionaria”.

      Um pouco como os direitos de autor pagos nos dispositivos de armazenamento e ainda assim as queixas de “roubo de propriedade intelectual”.

      E o tono vai atrás. E os mesmos do costume a açambarcarem o € para os bolsos.

      Não abram a pestana não. Por mim podem colocar o “5G” naquele sítio que não vê o sol.

  6. lopes says:

    Cheira-me que isto vai mudar rapidamente, pois não faz sentido nenhum, estão a ver se pega, pois existe sempre os que estão dispostos a pagar seja o que for para ser os primeiros a dizerem que tem.

  7. Fusion says:

    Alguém no seu perfeito juízo vai pagar 30€ só para ter acesso ao 5G? Bem força nisso MEO hahaha

    • David Guerreiro says:

      Duvidas? Não devem ser poucos…

      • Paulo Martins says:

        A maioria das pessoas que aderirem é por desconhecimento ou por serem enganadas pelo marketing/comerciais. Tirando algumas poucas exceções, a maioria das pessoas não terá qualquer benefício, tirando online gaming, ou alguém que realmente necessite do aumento da largura de banda não vejo nenhum benefício em pagar 30€/ano por ter 5G.

        • Swappie Guy says:

          Por exemplo, grande parte do pessoal vai aderir porque a meo chama tarifário a uma taxa ou aditivo…por consequência o pessoal pensa que é o tarifário com chamadas, sms e net ilimitadas por apenas 30€ ano.

          Grande golpe da meo para ir buscar mais uns trocos, só mesmo na tugalândia.

  8. Rui says:

    Se a estupidez pagasse imposto… na Meo parece que na Black Friday são 30 Euros

  9. Tiago says:

    Hoje é dia 1 de Abril e ninguém deu conta !:)))

  10. Francisco Esteves says:

    Ansioso por pagar esses 30eur + 30eur/mês e ficar sem dados depois de fazer um speedtest… Portugal cada vez mais ridículo na área das comunicações móveis

  11. Louro says:

    Pagar para ter acesso a rede 5G lool só mesmo em Portugal é que se ve uma coisa dessas…

    E que tal todos os clientes que tenham tarifário de dados moveis com dispositivo compativel ter acesso á rede 5G? Tal como acontece nos outros países…

    • Keyboardcat says:

      Estão a tentar lucrar com a novidade. Há sempre gente que vai estar disposta a pagar. O mesmo acontece em alguns outros países, em que só os tarifários mais caros têm acesso a 5G.

      No meu caso cobram-me 2€ extra por mês se quiser 5G, o que não vale a pena visto 4G eu já ter velocidades superiores a 100Mbps em média.

      Acredito que daqui a 1 ano todos os tarifários vão incluir 5G.

      • ervilhoid says:

        100mbps são bons, mas o 5g não é só velocidade mas sim o ping

        • Pe@ce says:

          A velocidade e o ping andam de mãos dadas. Quanto mais rápida for a transmissão menor é o tempo de resposta.

          • Keyboardcat says:

            Neste caso nem por isso. A arquitetura no 5G foi simplificada para reduzir a latencia. Por isso uma rede 5G vai sempre ter ligeiramente menos ping comparado com a rede LTE em condições semelhantes.

            Mas mesmo assim, eu tenho em média 20ms de latencia em LTE, para mim é mais que aceitável. Eu não jogo no telemóvel. E apenas para fazer stream de música, chamadas de vídeo e alguns vídeos para entreter em viagens mais longas de comboio. Para mim as verdadeiras vantagens do 5G será a capacidade extra em locais com muitos utilizadores. Eu noto as velocidades a caírem quando estou por exemplo em estações de comboio em horas de ponta com milhares de pessoas num espaço limitado.

            É verdade que latencias elevadas limitam as velocidades principalmente em conexões TCP. Mas hoje em dia existem formas inteligentes de tentar mitigar a situação.

  12. Luís says:

    Tadinha da meo, deve pensar que comemos gelados com a testa. Lol

  13. EverlastingCunt says:

    NINGUÉM DÁ NADA A NINGUÉM!!!

  14. Tito Portugal says:

    Esperar que logo estará disponível para todos. É ter paciência e eu tenho todo o tempo do mundo.

  15. Martinho Manuelito says:

    No meu pacote base tenho 500MB de dados móveis (agora pago mais 1 euro e já tenho a brutalidade de 1.5GB), Assim sendo, vou ativar o 5G para quando daqui a 10 anos essa tecnologia chegar ao interior do país eu poder desfrutar de internet móvel de alta velocidade, nos primeiros 2 minutos de cada mês…depois esgota-se o plafond

  16. Abilio Martinho says:

    Só falta começar a haver “problemas e falhas” com o 4G

  17. Rui Castro says:

    Meus caros amigos, devem retificar a notícia, pois está em desacordo com o que realmente é proporcionado. Segundo tive oportunidade de esclarecer pagamos 30€/ano para conectar a banda 5G, mantendo as demais condições do tarifário. Exemplo. Tarifário com 3Gb mantém se igual apenas pagar 30€/ano para beneficiar da banda 5G.

    A notícia está incorreta pois não se trata de nenhum tarifário.

    Com os melhores cumprimentos

    • Vítor M. says:

      Caríssimo, está correta a notícia. Além deste ser efetivamente um novo tatuo, na notícia diz o seguinte “ Obviamente que este é um tarifário a adicionar ao existente do cliente.”

      Portanto, se lesse tudo, veria que está muito bem explicado.

      Abraço.

  18. Aster says:

    Esperem sentados, numa rede que mal tem 4g em condições, pagar mais para poder vir a ter 5g……….bem podem meter o 5g num sitio que eu cá sei……

  19. Zé Colmeia says:

    Ora bem, mais uma vez querem por o povinho tapadinho a pagar o “investimento” das operadoras, como se de um aluguer de acesso à tecnologia se tratasse.

    Vai sempre haver alguém a pagar apenas para terem acesso à rede 5G, mas não contem comigo sabe deus em certas zonas ter cobertura 4G quanto mais 5G !

    O Zé Povinho lá vai na cantiga da cenoura.

  20. Eh pá... says:

    Se a concorrência “ainda” não apresentou tarifário 5G, será que a MEO não terá dado um tiro no pé? É que estar a pagar, como já estão alguns clientes, esse tarifário e ainda a rede não está a funcionar publicamente… parece-me ser um pouco descabido. Imaginemos o cenário de alguma empresa não cobrar por esse acesso? Pois…
    Quanto ao plafond se esgotar mais rapidamente, isso é de rir. O 5G permite maiores débitos. No entanto, se o vídeo só tiver 5Mb, o que acontece na prática é que o descarregas mais rápido. E apenas isso. Ponto.

    Por aquilo que vi na net, a diferença entre os débitos de 4G e 5G em algumas empresas é muito semelhante. Falta afinar a coisa, certamente.

    • Tanso Mor says:

      se tiveres um carrito com 80 cv vais na AE a 110kmh e é te suficiente, mas se compras um carrão com 300 cv já puxas mais pelo gajo, não? (pondo de parte a questão legal).
      Claro que o consumo dos 5MB é igual mas a maior facilidade vai-te levar a consumires de outra forma e veres mais tik tok’s de 5MB

  21. Tanso Mor says:

    esqueceram-se de pôr: “Conteúdo Patrocinado” mas já agora, para fazer algum sentido, perguntem à Meo se ao pagar este adicional (sim, não é um tarifário) passas a ter mais X gigas de trafego e não apenas que pagas mais para poder aceder à tecnologia 5G e mais rapidamente esgotar os plafonds ridículos em Pt…

  22. Pedro Nogueira says:

    Coitados daqueles que aderirem ao 5G. Nem o 4g têm em pleno funcionamento em Portugal quanto mais o 5G.

  23. Gil Reis says:

    Calma PPLWARE ainda falta para chegarmos ao dia 1 de Abril 😀

    • Vítor M. says:

      O tarifário não é do PPLWARE, calma Gil, o tarifário é MEO 😀

      • Gil Reis says:

        Surreal isto, mas enfim… Em PT as operadoras fazem o que querem…

        Andei a dar uma vista de olhos pelos tarifários da Europa e facilmente verifico que além de pagarem menos, têm tarifários com tráfego na ordem dos 100GB / ilimitado com chamadas e SMS

        • Vítor M. says:

          Mas isso, como sabe, não é de agora. Contudo, também é uma verdade que as empresas por essa Europa fora pagam muito menos impostos que as empresas em Portugal. Claro que não é justificação para estes preços, mas quando comparamos as nossas empresas com as de “lá de fora”, não podemos esquecer a carga fiscal que recai sobre estas. Depois quem paga é sempre o mexilhão.

          • PcRat says:

            Gil Reis, eu possuo uma Banda Larga da Meo com 100 gigas de trafego mensal… Não é só lá fora que existe, cá também existe!!

  24. Pedro says:

    O 4G, pelo menos a 12Mbits estáveis, chega a que % de território?!
    Falarem de 5G não passa de uma miragem para 90% do território e à boa moda portuguesa com limites de trafego vergonhosos. Até podem por a 10€/ mês, se o trafego se esgota em segundos …é uma bela oferta 🙁

  25. Bítor says:

    Vou esperar pela proposta da NOWO, é o melhor tarifária que temos.

  26. Nuno Miguel Fernandes says:

    entao deixa ver se percebi… andam ai a publictar o 5G a icentivara venda de tlm e depois quando a tecnologia for lançada quem tiver cartões e tlm preparados para o 5G se não pagar um destes tarifários àparte só vai ter o 4G normal é isso? olha que bem ! mais uma mama para as operadoras

  27. CMatomic says:

    Para a TDT nada ?
    Vivemos num país que nem um único canal HD tem em sinal aberto, não vou aderir a tv por subscrição, o estado arrecada milhões com a venda das frequências da TDT e tudo continua na mesma.
    5G já esta, mais canais na TDT a e tal temos que fazer estudos e mais estudos .

  28. darksantacruz says:

    Simplesmente ridículo.

  29. eu mesmo says:

    título simplesmente ridículo

  30. Maria says:

    A MEO é uma péssima companhia com ou sem 5G. Se não fosse a imunda fidelização, já não usaríamos mais essa empresa pra nada.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.