Quantcast
PplWare Mobile

Veja o crescente engarrafamento do Canal de Suez do espaço

                                    
                                

Autor: Vítor M.


  1. Cláudio Andrade says:

    os chinos nao querem pagar mais por isso é que se lembraram de criar estes “megabarcos” para poderem levar o dobre e só pagar uma vez

    • Blox says:

      Tanta estupidez de uma só vez…

      • Cláudio Andrade says:

        se não sabes eu vou te explicar, no canal do panama cada navio que passa tem que pagar taxas independentemente de levar 100 ou 20 mil contentores.. mas apenas por navio, logo quanto mais o navio levar menos navios tens que passar, menos tens que pagar.. não sei bem quem é o estupido, podes explicar agora ?

      • Samuel MG says:

        Pois é mesmo!! Olha @Cláudio o navio é japonês e for fretado por uma empresa em Taiwan portanto talvez deve-se informar antes de escrever esse comentário.

    • António Lopes says:

      Mas quem é que disse a V. Majestade que a embarcação é chinesa?

      • Cláudio Andrade says:

        V. Majestade pode me dizer onde está escrito que eu digo que é chinesa ? estes navios só tem um propósito .. levar mais carga e pagar menos .. acho que da próxima tenho que fazer um desenho como se faz para explicar ás crianças.. já vi que todos voçês trabalham em portos lol

        • LR says:

          Onde está escrito? Aqui: “os chinos nao querem pagar mais por isso é que se lembraram de criar estes “megabarcos” para poderem levar o dobre e só pagar uma vez”.

          • Cláudio Andrade says:

            entao sabe ler ? leia lá bem ? eles criaram foi o que eu disse.. é como a mercedes cria um carro.. mas se eu o comprar é meu nao é da mercedes .. aqui é a mesma coisa. os chinos criaram e ha quem use os barcos com esse propósito..

          • Samuel MG says:

            Não foram os “chinos” quem criam os navios porta contentores mas sim os EUA. Mais uma vez o conehcimento não ocupa lugar.

  2. Indignado says:

    Se fossem inteligentes começavam a mover os contentores para outro navio para remover peso e colocavam rebocadores a puxar o navio sem carga para desobstruir o caminho.
    De certeza que o custo de ter o canal parado e maior que o valor comercial do navio caso este fique danificado na remoção.

    • Samuel MG says:

      Em cheio no alvo!!! LOL!!!

    • Tiago says:

      Eles estão mesmo a evitar isso porque não é assim tão fácil de retirar os contentores sem as gruas que tens nos portos e seriam precisas muitas barcos para mover os contentores e para não falar dar logística associada a essa movimentação. Isto pelo menos foi o que os especialistas falaram. Acho que eles mais quem ninguém querem ver aquele masmorro fora dali. Se é so inteligentes e especialistas na matéria vão lá ajudar.

    • Rui says:

      não é assim tao facil, teria de ir la outro navio e outro barco com uma grua gigante e mesmo assim ia demorar semanas a tirar de um para pôr no outro e dps deste tempo todos estas quase igual tens menos peso mas o navio continua continua no mesmo sitio

    • Jorge Carvalho says:

      Nao podem , porque as gruas so chegam á parte da frente e a traseira do navio . Se descarregarem dai , o peso centra-se no meio do navio que não foi concebido para tal peso. Isso poderia levar ao que o navio se parti-se em 2 , o que seria deveras pior e poderia levar anos.

      Isto foi explicado pelo consultor norueguês das empresas que estão a tratar do navio.

      Ps: ele nao acredita em tantas coincidências para o barco ter encalhado mas não se alongou 🙂

      Abc

    • Oscar says:

      1º “se fossem inteligentes” não acha que eles têm lá pessoas inteligentes ou necessitam de opiniões da bancada

      https://www.youtube.com/watch?v=rc_89LUxaSw

  3. Ei says:

    não sabem fazer um canal mais largo?? fds…

    • Dc says:

      Vai lá tu aumentar… É com cada comentário.

      • Rui says:

        não é assim tao descabido, é muito mais decabido o teu comentario agr o homem é que tem de ir la alargar what? Agr a pessoa ou vai la ela ou nao pode dizer nada, é um facto que aquilo ja devia ter sido alargado há muito tempo passam la milhares de navios e é um trajeto fundamental para muitos paises

        • Dc says:

          1- Levares a letra a primeira parte do que eu disse… Enfim
          2- É só ir ao Google e em menos de 1min encontrars toda a informação sobre o canal.
          Ele já levou obras de expansão em 2014 e como o director executivo da I.R. Consilium, Ian Ralby, disse:
          – “By the time canals are completed, they’re always too small to handle the biggest ships.”
          Portanto não é por falta de obras de expansão.
          Podem existir N razões pelo qual o canal não é mais largo.
          O grande factor dinheiro, terreno, estabilidade económica /social da zona, etc. etc.
          Agora mandar um bitaite para o ar a dizer “não sabem fazer um canal mais largo??” como se fosse ir ali a 2ª circular fazer obras, por favor.

        • Allmighty Cláudio says:

          alargar pra que? o problema está na profundidade. o canal podia ter mais 200 metros de profundidade que se o navio esta encalhado no fundo, conforme se ouve em todos os noticiários, podiam alargar o canal até ao cabo da boa esperança que o navio ficaria sempre onde está.

          • GM says:

            Comentário parvo. O canal tem a profundidade necessária, prova disso é que até o EVER GIVEN ficar atravessado, a via fluvial funcionava. A razão do navio ter encalhado é que a profundidade navegável verifica-se apenas numa faixa da largura do canal. Pelo que li, o navio ficou temporáriamente sem energia, portanto à deriva, e infelizmente nesse período foi acometido de ventos muito fortes. Como estava sem energia não pôde utilizar leme / motores para contrariar essa força externa. E encalhou porque junto às margens a profundidade do canal não é suficiente para acomodar o calado (parte do navio abaixo da linha de água), e o próprio navio é mais comprido que a largura do canal. Essa é a razão porque estão a dragar areia junto à popa e proa do navio, para conseguir aprofundar o canal em torno do navio e, por meios próprios caso não esteja danificado, ou auxílio externo de rebocadores, rodá-lo por forma a prosseguir viagem, pelo menos até ao porto mais próximo e desimpedir a passagem.

    • GM says:

      Uma pesquisa rápida só para recordar. O canal actual não é o original. E a intervenção última intervenção não foi assim há tanto tempo que não te possas lembrar da sua existência.
      https://pt.wikipedia.org/wiki/Canal_de_Suez

  4. Petrus says:

    Dizer que a Rota do Cabo é “a rota popular de … séculos atrás” é manifestamente exagerado. O Canal de Suez fez um século de vida no final de 1969.

  5. Petrus says:

    Gerir Subscrições
    You are not allowed to access this page.
    Piorou!

  6. Sardinha Enlatada says:

    Cada vez mais nao ha nada inocente nas accoes do homem. Isto nao me parece ter sido acidental, esta na cara que foi provocado. Mas fazem-no parecendo um acidente. Isto e como uma fabrica parada, cada dia que passa sao milhoes em perdas. Na logistica a mesma coisa, os produtos devem circular e nao ficar parados.

    • LR says:

      Boa! Passaste para o nivel “Genius” em arranjar teorias de conspiração!
      Agora a sério, qual é a tua fonte de inspiração? Algo que fumas? Cogumelos mágicos? A sério, partilha com a malta…

      • Rafilda says:

        Estes gajos que não confiam na comunicação social.lol…eu leio tudo e acredito sempre a 100%. Que não o faz é maluquinho e conspiracionista!

        • LR says:

          Não, não é maluquinho e conspiracionista (seja lá o que isso for) aquele que não acredita em tudo o que vem na comunicação social.
          Mas pode ser considerado maluquinho e “conspiracionista” aquele que, perante um acidente/incidente como este, em que está explicada a causa, acha que isto é tudo mais uma manobra programada de alguém com o intuito de alguma coisa (vá-se lá saber o quê).

  7. Sardinha Enlatada says:

    Jovens mas voces estao bem ? Entao agora nao se pode ter uma opiniao diferente sobre o assunto ? Querem ver que nunca viram na comunicacao social acidentes que afinal nao foram acidentes. Assim de repente estou-me a lembrar a uns anos que aconteceu um derrame de petroleo, e que matou muita fauna marinha. E o que sao mesmo teorias da conspiracao ? Nao sei do que falam. Confiar na comunicaao social ? ha coisas que sim ha outras que nao, mas tambem para mim ja nao faz diferenca. A CS ja caiu em descredito.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.