Quantcast
PplWare Mobile

TV pirata em Portugal! Um “crime” punido com pena até 5 anos

                                    
                                

Este artigo tem mais de um ano


Autor: Pedro Pinto


  1. Miguel says:

    pplware ao serviço da (MEO) para assustar as pessoas?

    E que tal noticiarem que so a sportTV custa 25€ por mês, roubalheira.

    • Pedro Pinto says:

      O Pplware informa, não assusta!

      • Miguel says:

        Então informem como deve ser ao menos, a vossa definição de Cardsharing está errada.

        Voçês colocaram a definição de PayCS ou PaySharing, cardsharing não tem que se pagar nada!

        • Ricardo B. says:

          Nunca encontrei um serviço gratuito, como se denomina esse serviço?

          • tuga de bolsos vazios says:

            O princípio é simples: eu tenho canais de desporto e um de vós tem canais de cinema; eu pretendo ter os de cinema e não pagar mais por isso e vocês pretendem os de desporto. Eu passo-vos os dados de descodificação (que mudam a cada x segundos) que vos permitiram aceder aos meus canais e vocês passam-me os vossos, que me permitirá aceder aos vossos canais. Isto é cardsharing, sem custos adicionais, pois há benefício para as duas partes (ainda que o valor dos canais de desporto sejam o dobro dos de cinema).

          • Pedro Pinto says:

            Certo, mas há um pagamento inicial/mensal para este serviço “ilegal”, ou estou errado?

          • Miguel says:

            Estas errado.
            O termo CardSharing é quando fazemos trocas de cartões com outras pessoas e não tens que pagar nada a ninguém.

            Por exemplo eu tenho um cartão MEO e troco por um cartão SKY, ficamos os 2 a ver os 2 operadores mas não a troco de dinheiro, deveriam estar mais informados acerca das tecnologias…

            O que falam aqui é PaySharing outra coisa totalmente diferente!

          • ptpedropt says:

            não é bem mais facil usar iptv? xD

          • int3 says:

            Ninguém é perfeito. PP faz quase sempre tudo direito.

    • David Guerreiro says:

      Só paga quem quer. Se não tem dinheiro, não vê. Não é nada de essencial para a vida de alguém.

    • Pedro says:

      Concordo plenamente. Atualmente é mais.Quase 30€ apenas pelo pack Sport Tv em que a sport tv 4 e 5 muitas das vezes nem sequer está a dar nada e se quiser a Benfica TV são mais 10€.”Ladrão que rouba ladrão tem 100 anos de perdão”.

  2. Realista says:

    Até podiam custar 20 ou 100. 25 é o preço que a operadora pede se acham justo ou não, não importa…

    • Francisco says:

      Estás enganado! As operadoras não controlam o preço da Sporttv; quem decide é a empresa que a detém. Tanto é que se reparares, o preço é (sempre) igual em todas as operadoras.

      • Nuno says:

        Para Francisco: atenção que o que diz não está correcto! O preço da Sporttv não é igual em todas as operadoras, nem todas as operadoras têm a mesma oferta dos canais Sporttv! Pode confirmar essa realidade nos sites das várias operadoras! No ano passado a Sporttv negociou os contratos com as operadoras, podendo os valores variar entre operadoras… tudo depende do universo potencial de clientes que cada operador tiver para oferecer!

  3. int3 says:

    Como podem dizer que sao perdas se nem se quer são realmente perdas? Tiveram prejuízo? é o mesmo que dizem quando os lucros baixaram 1 milhão mas continuam a lucrar muitos milhões por ano. Enfim. “Perdas”.

    • José Alves says:

      Nem mais !
      As próprias operadoras ROUBAM sem se esconderem de o fazer e sem serem repreendidas por isso. É maior o valor do que roubam do que o valor que são roubadas.

    • David Guerreiro says:

      No ponto de vista dele é dinheiro que deixaram de receber, por isso assumem como perda. De qualquer das formas, muitos desses que recebem o sinal pirata não iriam pagar os valores pedidos pelas operadoras pelos canais que recebem, daí que não seria esse valor todo. Existem sempre aqueles que iriam pagar, mas nem todos.

      • jone says:

        Nem mais. Claro que para tornar a coisa mais problemática e justificar a sua posição contra a “pirataria” assumem todos os utilizadores que pagam por este serviço.

    • k says:

      É a mesma treta que as produtoras da musica e filmes usam. E é mesmo uma treta porque assumem que 100% das pessoas que pirateiam iriam pagar o serviço completo caso não tivessem a alternativa pirata, o que é tão correcto como dizer que 0% o fariam, porque é baseado em nada. Foram perguntar as pessoas que pirateiam se o iriam fazer? E elas disseram que sim?
      Pior, mesmo para chegar a um valor de “perdas” eles tem que saber quantas pessoas pirateiam. Se eles sabem quantos o fazem também sabem quem o faz. E, se soubessem quem o faz então mais depressa deitavam abaixo o negócio e acabavam com a pirataria e tal não se sucede. Ainda continua bem difundida.

      Por outro lado, é tão fácil ter acesso a um esquema pirata que às vezes fico a pensar que só não deitam mais abaixo por interesse. Afinal isto ainda é povo que tem que ter internet para o esquema pirata funcionar, e pode valer mais lucrar pouco garantido do que um talvez muito.

      Mas acho que estão a abordar o problema pelo ângulo errado. Se querem acabar com a pirataria, baixam os preços. Se o preço for baixo, não justifica o risco, a pirataria acaba e provavelmente ainda lucram mais com os assinantes extra.

    • ptpedropt says:

      será que a meo e a nos etc não percebem que estão num processo de auto destruição..
      dou no maximo 15 anos..

      • David Guerreiro says:

        Cada vez têm mais dinheiro. Famílias que pagavam 45€ de subscrição agora pagam 80€. Conseguiram fazer cada vez serviços mais caros, e vendê-los. É só ver a quantidade de portugueses com M4O e alguns 4 cartões SIM…

  4. Paulo S. says:

    TV e Internet é particularmente cara em Portugal fora dos principais centros urbanos! Conheço por exemplo a realidade de França e é mt diferente.
    Por isso …

  5. carlinhos says:

    “Crime”… de quem?

    Não perdem, eventualmente deixam de ganhar. Eventualmente porque quem “adere” a este tipo de serviço é porque quer ver F1, SBK, moto GP, futebol e entende que o serviço ilegal tem um preço razoável.
    Talvez nem seja por vezes uma questão de preço, mas de principio. Quando eu era miúdo via tudo isto em canal aberto. Espanha, Brasil e dezenas e dezenas de outros países continuam a transmitir em canal aberto.
    Por cá aparecem os paparucos e tentam fazer o que querem. Tentam e conseguem porque quem devia defender o consumidor…

    “Crime”… de quem?

    Não defendo qualquer tipo de pirataria, …

  6. André Alves says:

    Neste caso o crime compensa

  7. Paulo Correia says:

    Primeiro de tudo há que estabelecer barreiras.: –
    Se eu furtar um bem de pequeno valor «apanho» 5 anos de cadeia???
    Segundo:
    Tanto se fala de dívida e gastar mais do que o que se tem, mas tendo em conta o pais e os eu PIB o serviço de TV deveria ser pelo menos 5 vezes mais barato.
    Terceiro: quem fiscaliza as operadoras? A velocidade de internet fornecida corresponde ao que é paga??? Os canais de televisão fornecem serviço 365 dias por ano??? Na minha opinião, e tendo em conta as vezes que os programas são repetidos, talvez corresponda a 180 dias de «trabalho».

    Para terminar: Quem é que anda a roubar????

    • David Guerreiro says:

      Também só compra quem quer. Ninguém é obrigado a pagar por televisão por cabo, é um serviço dispensável. Em relação à pena, provavelmente ninguém vai preso, fica por pena suspensa.
      5 anos pode parecer muito, mas por exemplo nos EUA, roubar um funcionários dos Correios dá direito a 25 anos de prisão, por ser um funcionário federal.

      • Joao Carlos says:

        Acho que todos sabemos que “só compra quem quer”, mas o que o Paulo Correia esta a falar é que, o serviço anunciado não é cumprido por parte das operadoras.

  8. Carlos says:

    N pago nada e uso a net fibra do meu vizinho pelo wifi pois sei a pass dele, apps e programas nao pago e eletricidade agane gas tenho uma pessoa que mete os contadores ao minimo possivel

  9. Carlos says:

    Tudo o que posso nao compro, e nao declaro irs para receber tudo. roubar? Eu gozo a vida e se o pais for a bancarrota que se lixe, vou para outro

    • NewJ says:

      Deves ser Grego..

    • Nelson N says:

      Olhe que nos outros países há justiça rápida e a sério! Faça só a comparação com o Madoffe que ficou só com a roupa que trazia no corpo, e os banqueiros cá do burgo!

    • Francisco says:

      Ah, então és daqueles que não se importa minimamente com o bem-estar geral. O importante é que tu estejas bem; o resto do povo que se lixe. Deves ter 1 umbigo bem bonito…

      Podes ter muito gosto nesse teu ideal de vida. Aproveita e arranca já para outro país porque a diferença entre ti e os que estão lá em cima e que permitem situações que prejudicam constantemente o povo, não é muita.

  10. To says:

    Do meu ponto de vista as operadoras nunca ficam a perder, até porque se bem entendi para ter esse sistema é necessário internet….LOGO têm de pagar a uma operadora para ter internet! baixem os preços e a pirataria acaba. Foi uma vergonha o que aconteceu aquando da chegada da TDT em que essas operadoras demonstraram que são bem piores que os piratas ao impingirem os seus serviços a quem não tinha conhecimentos….Será que este artigo tem mão das operadoras? parece muito influenciado…

  11. Mota says:

    Lol.. ilegal pq? pq ninguém paga taxas?

    Uma vergonha é não ter jogos de futebol em canal aberto.

  12. Luis Pinto says:

    Crime? Crime é pagar o que se paga pela televisão por cabo, e ainda ter que pagar taxa audiovisual. Portugal está a ser minado por mafiosos, começando pelo governo, e acabando nos magistrados… Quer se dizer: Eu pago um serviço de cabo, da MEO, neste momento estou na Islândia, quero ver TV Portuguesa não posso? O serviço MEO GO, so funciona em território nacional? Enfim…

  13. Piratinha tuga e fofo kkkk says:

    Eu tenho a SportTv em casa, pago e divido com a rua inteira e também outros canais de filmes, etc, arranjei maneira de o canal estar sempre aberto por uma rede wifi que tem repetidores e que tem acesso a um site, ao todo somos 200 e tal e dividimos 25 euros e ainda ganho um pouco porque tenho de pagar a luz… e nunca ninguém nos vai parar! Liberdade!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

  14. R!cardo says:

    O TDT é uma autentica roubalheira e ninguém fala disto

    • David Guerreiro says:

      Roubalheira de quê? Está a pagar alguma mensalidade por isso?

      • Pintor says:

        Infelizmente por comentários destes continuo a dizer que em Portugal temos aquilo que povo merece.

      • R!cardo says:

        Não tens que pagar uma box para teres praticamente os mesmos canais que tinhas antes? Em muitas zonas do pais mal funciona e depois no final do mês lá vem a cartinha com uma percentagem para audiovisuais. Deves ainda viver de borla em casa dos teus pais? Eu compreendo… 😉

      • Nelson N says:

        Não paga mensalidade mas muita gente teve que pagar para ver TV; ninguém tinha de pagar nada; ainda há milhares de pessoas que não tem TV; Portugal é o único país que só tem 4 canais! E mesmo assim as principais operadoras queriam tudo em sinal fechado, inclusive a Tv pública. Juntamente com o aborto ortográfico, são a trafulhice do século!

      • Pedro says:

        Não se paga mensalidade pela TDT, simplesmente há situações em que não se recebe sinal de TV. E aí sim és obrigado a pagar uma mensalidade ou deixares de ver televisão.

    • Luis says:

      A TDT é uma das maiores vergonhas que ninguém pode apoiar. E se for comparado com a TDT da Europa, nem sem fala. Só possviel num país a onde a corrupção ganha sempre. Obrigaram os portugueses a gastar muito cinheiro para ficarem claramente mais mal servidos. Sei do que falo.

  15. Makvrski says:

    Qual é o pato da tvcabo (foi quando começou) que está no parlamento?

  16. Ismael Guimarães AJ says:

    Meus caros,

    Isto é tão fácil de entender o que aqui está em causa que fico tão desapontado ao ver tamanha discussão. O que se passa é o seguinte:
    ➀ Uma empresa cobra demasiadamente alto por uma coisa que todos gostariam de ter mas, a esse preço, a maioria das pessoas em Portugal não poderia pagar;
    ➁ Surge alguém que diz ser capaz de fornecer o mesmo serviço por um valor bem abaixo do preço de mercado (preço definido pelas duas principais operadoras portuguesas Meo e Nos);
    ➂ Se não fosse essa pessoa que surge a dizer que pode vender canais por menos dinheiro, essas pessoas que não tinham dinheiro para pagar a TV, não veriam essa TV.
    ➃ Se essas pessoas não vissem esses canais, a publicidade que os canais geram seria menor.
    ➄ Em suma, não há prejuízos porque muitas das pessoas que vêm TV pirata não poderiam ver outra e porque os canais ficam a ganhar porque aumentam a audiência que, de outra forma, não teriam.
    ➅ Finalmente configura-se como obrigatório perceber que Portugal tem dos preços mais elevados em TELEVISÃO e os SALÁRIOS MÍNIMOS mais baixos da UE. É por aí que tem que se ir e não pela luta contra a pirataria.
    ➆ Temos que lutar para que as estas operadoras baixem os preços para valores dignos. Esses valores aumentariam, substancialmente, o valor global a receber pois, muita gente que hoje não tem acesso à TV pirata passaria a ter à pública, bem como a TV pirata deixaria de existir.

  17. Pintor says:

    Os maiores fornecedores desse serviço que tem um numero razoável de clientes em Portugal tem as suas operações montadas fora de Portugal.

    “O card sharing representa uma das maiores ameaças ao modelo atual de TV paga, sendo responsável por grandes prejuízos às operadoras e empresas que fornecem a criptografia utilizada nestes sistemas.”
    Como contabilizam esse prejuízo? Pode ser que algumas pessoas que usam esse serviço se o tivessem de pagar aos operadores não o tinham por não terem capacidade de o suportar.

  18. Joao says:

    Ismael, correctíssimo. Podes acrescentar a 8:
    Se a 5 KM duma cidade com 200.000 habitantes existisse um serviço de fibra a preço acessível (Vodafone, por ex.), em vez de ADSL a 4/8Mb, talvez não fosse necessário poupar com o CS.

    • Joao Carlos says:

      Infelizmente conheço situações piores….exemplo?

      Imaginamos 3 ruas paralelas, a 1ª tem fibra, a ultima tem fibra e a do meio não tem fibra.

      What? it’s possible?

      Sim é possível! Ainda estou a tentar perceber o porquê, sendo que dizem que brevemente estão a colocar fibra nessa rua.

      PS: Há custa desta brevidade estou sentado há 3 anos e por este andar vou ter de ir comprar uma cama…

      • TiagoC says:

        Vergonhoso!! Será que não houve algum vizinho seu que impediu a passagem da fibra? É que eu tenho um vizinho que por manias dele e por achar que os cabos da fibra e a caixa estragavam a estética da casa dele, por pouco não impedia que na minha rua não houvesse fibra.

        • Joao Carlos says:

          Não sei qual foi a razão ao certo. No entanto sendo essa a razão denota-se que não existe boa vontade e flexibilidade de ambas as partes.
          Questiono-me eu, se essa é ( casa desse senhor ) a única alternativa para implementar o serviço.
          Não existe mais nenhuma casa nessa rua para instalar a tal “caixa”?
          Enfim….no comments.

        • Ismael Guimarães AJ says:

          Eu deixei passar cabos, da então ZON, para as traseiras de minha casa. Isso me beneficiou. Já tinha no meu terreno um post da PT (ou melhor, de telecomunicações – poste em madeira) e agora estou a ganhar pois tenho um serviço bem barato.

          Se não o tivesse feito, naquela altura, não conseguia ter as vantagens que tenho hoje no serviço.

          • TiagoC says:

            Pois mas o meu vizinho é burro a favor. Já estavam instalados cabos da cabovisão e PT. Embirrou com os da NOS e por pouco não impedia que os cabos chegassem a toda a rua.

  19. AlexX says:

    Para a polícia judiciária isto é como ir à caça; sendo caça ao pardal e havendo muitos, um único tiro e apanham uns poucos. Mas se for caça aos gambozinos, daqueles que também usurpam uns milhões por ano ao dinheiro dos contribuintes e em 10 anos ficam confortavelmente abastados, normal que não apanhem nenhum até porque os gambozinos não existem.. .. ..onde raio deixei o wiki?

  20. Guilherme Filipe says:

    Smart IPTV nunca falha, o resto procurem na internet 😀

  21. joao says:

    Não tenho Tv paga em casa porque é cara, e não alinho nos moldes em que este negocio se apresenta , eu por exemplo acho que cada canal teria um valor monetário, vamos supor o canal discovery valeria por exemplo 1 euro mensal e por ai fora e o utilizador escolheria os canais que pretendia até chegar ao valor mais ajustado para a sua bolsa, nos pacotes tv há canais que só servem para encher.

    • Carlos says:

      Por acaso já tinha pensado nisso e era uma excelente ideia.
      Dar ao consumidor a escolha dos canais que deseja ter.
      Claro que fariam um preço mais “compensador” para quem preferisse os packs com dezenas de canais.
      Se fizessem um negócio justo neste tipo de subscrição de canais a maioria das pessoas optariam por este tipo de sistema.
      O que eu acho que eram capazes de fazer num negócio destes era explorar a seu favor, como por exemplo: estabelecer um preço mais alto em canais com mais audiência. Ao final do mês, o dinheiro gasto nos canais subscritos poderia ser muito pouco compensador em relação aos packs de canais existentes e o cliente acabava por “cair” no negócio tradicional fazendo as pessoas desistirem do sistema de escolha de canais e fazendo-os pagar mais um pouco por algo que pensam que podem vir a usufruir.
      Implementar este tipo de subscrições com preços razoáveis acabava practicamente com a pirataria.

  22. manuel says:

    Acresce a isto os custos da interioridade ora vejamos: Pago só para ter net em casa uma taxa de telefone obrigatoria que no minimo sao 10 euros (pt economico) sem nunca usar um minuto + 20euros de adsl (por alguns megas visto estar longe da central). Fiquei sem tv livre pois estou em zona sombra e tive que comprar e colocar 2 receptores ( maximo que a pt permitia) pagando pela instalacao 250 euros e 75 por receptor. como tenho mais de 2 televisoes tive que fazer assinatura com a zon ( que na regiao nao tem cobertura de tlm logo nao tenho hipotese 3g ou 4g) pago por isso 22 euros mais aluguer de receptores. O cumulo da situacao é que passado uns dias de colocar a tdt tenho sido massacrado para colocar o serviço pago da meo pelos mesmos 22 euros. acresce a isso um telemovel da vodafone que é a inica rede que apanho em casa. nunca aderi a cardpay por uma questao de principio mas compreendam a injustiça de pagar imenso por algo que em lisboa ficaria por pouco mais de 25 euros e com outro tipo de qualidade. possibilitando ver em streaming quer filmes quer outros programas. sera assim um crime a partilha de canais ou net entre amigos ou seja cardsharing ou netsharing? sobre o cardpay e os vendedores ele que sejam todos presos pois esses sim pois lucram.

  23. TiagoC says:

    O pior é com canais como a Sporttv, que depois aumentam os preços sem avisar previamente os clientes que o vão fazer. Ou seja, caros já eram e mais caros ficaram.
    A melhor forma para este problema é baixar os preços. E outra é melhorar o serviço TDT bem como aumentar a variedade de canais na própria TDT como se faz em Espanha.

  24. GOD says:

    Aqui estao as tipicas discussoes tugas. Como ha uns la em cima que roubam vamos todos roubar. Se os preços estão altos é porque vocês pagam (excepto no interior)! A Vodafone esta ha anos com os 25 euros por mes em fibra, deviam ter ja metade do mercado e tem acho que 5 ou 10%. O problema de Portugal é que ha muitos muito burros. Outra estupidez é esperarem que operadores privados baixem de preço voluntariamente so porque v. exas nao podem pagar. Voces têm de ter é emprego (mas tem de aceitar o que houver e ir mudando) nao é andar a pedir subsidios e descontos. E exigam também concorrencia senao estao a prestar um favor a quem vos rouba. Se está caro e dá muito lucro deviam aparecer mais 5 empresas a fazer o mesmo serviço ate o preço baixar e ter apenas o lucro aceitavel que permita manter o negocio. E ja agora quem paga as reformas nao é a Segurança Social (esses apenas tratam dos papeis) são as pessoas que estao a trabalhar. Os descontos que os velhos fizeram ha dez, vinte ou 30 anos nao estao lá, foram para pagar as reformas dos de entao. Conclusao: Roubalheira+Desemprego = pais falido. Para os velhos (que nao gostam de imigrantes) receberem pensao é bom que haja muitos empregos nem que seja de imigrantes. Para os novos ficar a ganhar 500 euros é estupido quando se pode ganhar 1500 ou 2000 la fora mas sao os que andam nas manifs a exigir do Estado “emprego bom já e ao pé de casa e de preferencia na FP”. Enfim, é o que temos. Será que é genetico? Do calor?

    • TiagoC says:

      Mas há concorrência?! É que nem perdendo clientes a MEO muda. A Vodafone ainda está mt longe de dar luta pelo menos no interior do pais. Cabovisão que podia fazer concorrência, pouco tem feito. A NOS agora que tem mais poder faz o que quer e td porque não há alternativas sérias (pelo menos na zona onde vivo).

  25. Jaxwins says:

    Viva, a pirataria !! A ganância de certos indivíduos da nisto, a quantidade de impostos e taxas que somos obrigados a pagar para ter serviços básicos . Porquê, é considerado um luxo ver desporto ou cinema em casa?? Parece me que sim !!
    Devem fazer pirataria cada vez mais , e de forma mais agressiva como protesto.

  26. JaFoste says:

    Ora vamos lá ver então:
    1 – esta noticia conforme já foi dito está direccionada para os Payservers e não para o Crdsharing puro.
    2 – se o autor frequentasse alguns foruns onde se fala disso, saberia também que nos dias dos últimos e mais importantes jogos as operadoras decidiram em ação concertada, elas próprias deliberada e ilegalmente violar a lei, e através de snifing, tentar impedir a ligação de receptores com os ditos servidores. Assim já dão razão a quem os “pirateia”; há que continuar!
    3 – Por ironia do destino aquilo que fizeram foi imediatamente contornado, e apareceram logo soluções para resolver a repetição do problema; agora não entram na maioria destas redes que acabaram por ficar ainda mais fortes.
    4 – Isto só serve para dizer que eles (operadoras) ainda não perceberam que só quando baixarem os preços conseguem algum dia fazer frente a isto; eles podem ter 10 dos melhores engenheiros, mas no mundo “underground” existem 1000.
    5 – No país em crise, quem é o parvo que se puder pagar 10 vai pagar 40/50 € pelo mesmo?

    • Ismael Guimarães AJ says:

      Era o que eu dizia. Se eles não baixarem os preços, não conseguem fazer nada.

      Os preços agora praticados pela Vodafone (€ 25,90) ainda estão longe do ideal. Com esse valor eles apenas oferecem TV+NET+TELEVISÃO quando poderiam simplesmente acrescentar nesse valor a opção (+ TELEMÓVEL € 8,00/mês/telemóvel, até máximo 5 números – chamadas gratuitas para todas as redes nacionais). Se oferecessem este tipo de pacote, qualquer pessoa acabaria por se associar a esse pacote pois seria vantajoso.

      Além disso, levaria os preços da concorrência a baixar.

  27. Gustavo says:

    Deve ser por isso que depois roubam os clientes pagantes, vejam as margens de lucros que eles têm.

  28. Krasy says:

    bem eu espero é que de uma vez por todas acabem com a confusão entre cardsharing e paysharing.
    pois para muitos utilizadores e “investigadores” de cardsharing trata-se de um hobbie e de uma comunidade onde infelizmente aparecem sempre os oportunistas em busca do dinheiro facil e aproveitando-se do trabalho dos outros.
    acredito até que muitas pessoas k fazer CS estão sem saberem a contribuir para o PS pois stão a rocar linhas com alguém que o faça.

  29. Ppalma says:

    30 euros para ver 3 jogos por semana? disponibilizem mas é o serviço pay per view.. o problema não é as pessoas verem TV na NET, é as operadoras e os canais de TV quererem ganhar tudo de uma só vez com mensalidades estupidamente irreais para a realidade economica do pais!

  30. Ppalma says:

    30 euros para ver 3 jogos por semana? disponibilizem mas é o serviço pay per view.. o problema não é as pessoas verem TV na NET, é as operadoras e os canais de TV quererem ganhar tudo de uma só vez com mensalidades estupidamente irreais para a realidade economica do pais!

  31. nokall says:

    Ha 30 anos atras se aparece-se uma empresa a dizer que tinhas que pagar para ver televisão… Diziam que so podiam estar malucos… 🙂 Hoje compram a tv…. vão trabalhar cedo… para pagarem para verem tv… LOL tudo doido.

  32. David says:

    Não faz qualquer sentido criminalizar os utilizadores. Penso que quem vende e ganha dinheiro com esses esquemas é que deve ser criminalizado.

    Neste tema estou a favor das operadoras legais. Eles vendem um serviço e quem pensa que é caro pode procurar mais barato na concorrencia. Alem disso existe os canais da TDT e têm muitas outras opções gratuitas. Se um canal decide estar na tv por cabo se as pessoas acham caro não aluguem o serviço.

    O que não concordo é com os preços altos da internet e de existirem canais da RTP em canal fechado quando a RTP é paga por todos nós.

    Também têm os canais por satélite que eu penso que são maravilhosos. Há muitas opções.

  33. Semprea30 says:

    Sobre a pirataria da tv a culpa é dos parasitas da meo da noz etc.
    Sobre a TDT é uma vergonha fou uma maneira de sacarem mais dinheiro aos pobres.Portugal tem a TDT mais atrazada de europa vergonha.Quanto aos canais publicos pagamos duas vez basta ver a factura da luz.
    O que sei dizer os portuguêses são como os cães só passam a vida a ladrar e nada fazem.

  34. roberta says:

    a pirataria online da sport tv nao pode acabar

  35. roberta says:

    e fixe ver sport tv na net sem pagar

  36. roberta says:

    as operadoras desviam baixar mesmo os preços para toda a gente ver os canais que nao tem em casa

  37. roberta says:

    e o tribunal devia de parar de bloquear sites de televisao pirata

  38. ricardo says:

    ….só de fazer algumas contas gasto uma media de 800 euros por ano em comunicações…mais que a agua e luz (que na luz tb paga-se uma taxa para tv)juntos, mais que um seguro de um carro, resumindo é a maior despesa anual que tenho, mas a treta de disserem só compra quem quer é uma tanga…digo isto porque se pago deveria ter uma serviço como deve ser, nota-se pelo nível de reclamações que aa operadoras têm, depois 95% dos canais não servem nem para fazer zapping o que sobra, fico frustrado de ver as mesmas coisas mais de 5 vezes por semana como por exemplo series e filmes e a pior parte quando um gajo começa a ter interesse em alguma serie passa da 1 temporada para a 2 depois novamente para a 1 depois tudo baralhado que um gajo desiste…só sobra os canais de informação por isso continuo a dizer já que pago quero ter um serviço como deve ser e não a tanga de todas as operadoras por isso não concordo com a pirataria mas acho que complementa um serviço que não justifica o preço que cobra

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.