Quantcast
PplWare Mobile

Portugal: Mapa mostra cidades que podem ficar submersas já em 2050

                                    
                                

Autor: Pedro Pinto


  1. SANDOKAN 1513 says:

    “Em Portugal,cidades como Aveiro e Figueira da Foz poderão estar ameaçadas já nos próximos trinta anos.” Poderão não,vão estar verdadeiramente ameaçadas.Assim como o Estuário do Tejo,o Estuário do Sado e todo o sul do país.Mesmo as zonas ribeirinhas de Lisboa e do Porto irão estar submersas.

    • Imf says:

      Sim, como a subida do mal que ja se fala ha mais de 30 anos, mas a Holanda ainda nao virou a Atlântida a Heineken perdida no fundo do oceano.

      Comos as temperaturas que iam subir muitoooooo, que em 2020 iamos ser o deserto do sara da europa….. pois bem que este ano esta dificil escolher os dias para ir de férias.

      O clima vai mudar, como sempre mudou em toda a história do planeta terra, mas nao vamos usar tudo e mais um par de botas para meter “medo”, para no fim pagares a taxa e a taxinha extra do ambiente.
      Que é a unica coisa que eu retiro destes “estudos” é um pretexto para aplicar uma taxa amiga.
      Amiga do estado ladram

      • iDroid says:

        Podes mostrar aqui os estudos e meta-análises que suportem o que escreveste, Imf?

      • Adeus says:

        ??? Lol onde foste buscar isso rapaz? Nós últimos 30 anos tem-se falado exactamente no que está a acontecer agora. Pelo clima em Portugal não ter sido dos mais quentes não quer dizer nada. Este tipo de comentários é o que dá as pessoas poderem dizer o que lhes apetece.

      • Rui says:

        Exactamente.
        Sermos fundamentalistas do ambiente (ao contrário da China e dos EUA que até são os maiores poluidores do planeta), é uma estratégia muito bem montada do desgoverno para aplicar mais uma dúzia de taxas e taxinhas.
        Não é por acaso que os combustíveis têem 2/3 do seu custo justificado com impostos e não é por acaso que a energia eléctrica é da mais cara da Europa!!!!!

        O actual Ministro do Ambiente, essa sumidade, já referiu em plenas cheias do Mondego, que as populações deviam resignar-se e abandonarem esses terrenos que podem sofrer cheias!!!!!!

        Quem não dá ouvidos ao Ministro são os Holandeses, esse povo do 3º mundo e que vive de esmolas dos outros, quando continuam a ganhar terreno ao mar e não é que mais de 60% do território dos Países Baixos está abaixo do nível do mar!!!!!! Não é poder ser inundado, eles têem a maioria do país debaixo de água e são teimosos como um raio e não abandonam o país e vão por exemplo colonizar a Estrela, onde certamente deve morar o senhor Ministro!!!!!!

        Também de vêem notícias sem parar sobre os crimes do desmatamento do Amazónia (só com o actual Presidente, que antes dele nunca existiu desmatamento!!!!!), o Macron até refere que a Amazónia devia ser gerida pelo mundo inteiro!!!!
        Palavras tão meiguinhas….. a realidade é que o Macron e meio mundo quer é as riquezas da Amazónia sem pagar nada! Os Brasileiros que não vão na conversa e já agora perguntem como é que a França, Países Baixos….. mantêem imensos territórios e ilhas na América e nós os inteligentes entregamos todos os territórios aos terroristas de esquerda!!!!!

      • PeterJust says:

        A lógica é, 99% dos cientistas estão certos e tu é que estás errado, mas a solução era tirar as taxas para podermos poluir mais e mais barato. Faz todo o sentido ser ignorante hoje em dia. Quem diria…

    • Memória says:

      O Aeroporto do Montijo já só pode vir a servir para submarinos (no Fake News)

    • "A ver o mar" says:

      Oh… Estava à espera de ver tudo em gelo como no filme “O dia depois de amanhã” O “tempo” é lixado! Basta acenarem umas notas a determinadas pessoas e o “tempo” muda! As águas em Portugal têm subido que é um diaparate! As celebridades venderam as casas que tinham à beira mar antes que ficassem submersas!

  2. PorcoDoPunjab says:

    Pelo que me foi dado ver, em 2050 finalmente terei a praia perto de casa…

  3. rixard says:

    Vi mapas bem mais catrastofistas que esses nos anos 90 com essas mesmas previsões para 2010-2020 e a verdade é que subiu quê? 1 cm? Comecem a pensar quanto vos roubam em impostos com estas histórias e deixem de ser tolos…

    • Imf says:

      Apoiado, isto devia ser considerado, partilha de fake news.

      Por se dizer 100000vezes uma mentira nao passa a ser verdade.

      E mentiras destas ja nos contam ha bem mais de 30 anos.
      E a unica coisa que realmente mudou foi a carga fiscal, do “ambiente “…. de resto esta tudo igual

      • Adeus says:

        Fake são os seus comentários com tamanha aldrabices e pura ignorância. Se você tiver filhos espero que eles tenham juízo e não saiam a ao pai (ou mãe). E o pior é que outras pessoas que vão ler isto acreditam…depois é uma bola de neve de ignorância

      • "A ver o mar" says:

        Tenho 60 anos e a água nâo subiu coisa nenhuma

      • Martins says:

        30 anos não é nada para a idade da Terra.
        A Terra não vive como tu.
        Há cada um…

      • Fernando says:

        Eu concordo totalmente, os meus livros de ciências naturais acusavam que as mesmas áreas iam estar inundadas por 2020, agora passou para 2050 quem tiver dúvidas consulte os manuais de ciências do 5° e 6 ano de 1998 ….

    • Adeus says:

      Sim viu pois claro que viu… Eu penso é na quantidade de pessoas mentirosas….

  4. ratel says:

    Conversas da treta.
    A Holanda está abaixo do nível do mar e não estão preocupados.

    • Keyboardcat says:

      Verdade. Pareces ser uma pessoa bem informada.

      Só não percebo porque é que foram gastos cerca de 5 mil milhões de euros no programa delta works para melhorar as proteções do país contra inundações.

      Porque é que existem impostos diretos aplicados a toda a habitação relacionados com proteção contra cheias.

      E porque é que o país está a gastar cerca de mil milhões de euros anuais para combater as alterações climáticas.

      Deve ser por falta de preocupação. A gasolina a custar 1.85€ o litro, impostos sobre carros a diesel entre 900 a 1500€ por ano. Mostra uma falta de preocupação extrema.

      Partilha mais das tuas tretas. Quais são as tuas fontes? Facebook?

    • eu2 says:

      Graças ao seu muro que custou bilhões e que se falhar lá vão eles todos nadar com os patinhos…

    • Memória says:

      Interessante também é que foram obrigados a conceder que este último Inverno (e possívelmente também durante este frio, chuvoso e miserável Verão) o nível médio das águas do mar *baixou*.
      A explicação que deram/sugeriram foi que os ventos predominantes tinham vindo do Leste, e que tinha havido muitos centros de baixa pressão atmosférica ao longo da costa

    • PeterJust says:

      Tens que te informar antes de fazer uma afirmação sob pena de pareceres ridículo. Mas eu informo-te, estão de facto bastante preocupados e não são os únicos, quem tem um mínimo de cultura e procura informar-se minimamente sabe disso.

      • Memória says:

        Vivo há 50 anos na Holanda, e posso informa-lo que nunca vi nenhum holandês (ou qualquer residente das Nederlanden) preocupado (excepto q.b. para ser P.C.) com estas estórias.
        Se o nível do mar subisse (e em certas zonas da Europa desceu, devido à subida do nível da costa) os holandeses seriam capazes mesmo sem auxílio externo e Bazukas de reforçar os diques.
        A maior parte dos holandeses tem a mania contrária, onde quer que fiquem alojados querem saber como fugir rápidamente em caso de incêndio, é a obsessão nacional.

        • PeterJust says:

          Vives na Holanda e não sabes o que se passa aí?! Basta uma procura rápida no google para encontrar incontáveis resultados, só um exemplo entre milhares:

          “¿Qué hacer? En septiembre de 2019, el instituto científico Deltares –una entidad independiente que emplea a 800 investigadores– publicó un informe “exploratorio”, encargado por el Estado, que estudia varias opciones para el futuro, asumiendo una subida del nivel del mar de más de dos metros, con el fin de producir un inventario de medidas necesarias a corto plazo (los próximos 20 años) o largo plazo (después del año 2080). ”

          https://www.climatica.lamarea.com/resistencia-o-adaptacion-holanda/

          O holandês comum e ignorante pode não estar preocupado, mas o governo holandês está bastante e reforçar os diques não é solução viável a longo prazo

          • Memória says:

            O “governo holandês” actualmente não existe, há um governo demissioário, desde Março 2021 e que não tem o menor interesse em reforçar os diques ao longo do mar.
            O nível médio da água do mar em NL subiu no último século cerca de 20 cm. Não há razões para crer que suba muito mais neste século
            Se quiser ver a posição dos especialistas oficiais procure “In de twintigste eeuw is de zeespiegel ongeveer 20 centimeter gestegen” e encontra logo o site do KNMI. Use Google translate.
            (para lhe poupar trabalho: para este século previsão de subida entre 26 en 82 centimetros.
            Para um video interessante em português veja o prof João Tilly (não estou necessáriamente de acordo com as posições políticas dele), e procure “Porque é que o nível do Mar não sobe??”.

          • Memória says:

            Também interessante: Vivo numa casa ao longo de um canal, e está cerca de metro e meio abaixo do nível médio da água do mar.
            Ainda não me preocupei tanto que tenha perdido 1 simles minuto de sono com o “problema”

  5. A says:

    É dizer ao governo para aumentar os impostos. Se resolvem alguma coisa na mente deles por essa via, este problema também não deve ser excepção!

  6. Ricardo says:

    Pena, a Margem Sul parece que ainda se safa, adorava que já tivesse ido com os porcos nessa altura.

  7. Miguel says:

    Quando eu andava na escola a mais de 40 anos os livros diziam que o mar em 2020 tinha engolido maior parte das praias e casas junto ao Mar em Portugal, hoje passado 40 anos está tudo igual.

    Alguém anda a enganar alguém…

  8. Samuel Pereira says:

    Pessoal, não vai acontecer!
    Se alguém em 2050 vir isto, de nada.

  9. Filipe says:

    Em vez de se preocuparem com fake news e tópicos que exageram E MUITO aquilo que está a acontecer, lembrem-se do seguinte: existiram empresas que investiram milhares de milhões em veículos eléctricos. Agora têm de inventar desculpas para os venderem. O que é dito hoje que vai acontecer em 2050, já o diziam em 1990 que ia acontecer em 2010. Tudo isto serve para inventarem mais um ou outro imposto para irem ao bolso de todos.

    É assim tão complicado de entender? Abram os olhos antes que seja tarde.

  10. Rafael says:

    O que interessa é mudar o presente para preservar o futuro e evitar esse desastre ambiental

    • Pedro V says:

      Onde é que andaste nos últimos milhares de anos para ajudares a evitar os outros cataclismos que o planeta sofreu.
      O CO2, esse desgraçado que alimenta as plantas, é o culpado disto tudo!

  11. Miguel says:

    Primeiro foi o nuclear agora é isto. É com cada bicho-papāo wue inventam… Governam pelo medo. Porque sabem que só existe duas maneiras de controlar. Seja pela esperança ou seja pelo medo.

  12. Manu says:

    Bom dia a todos é uma vergonha a ONU vir dizer k os humanos são responsáveis pelo clima Quando deviam culpar os políticos e grandes país como a América e grandes empresários em que triste mudo vivemos

  13. Falinhas Mansas says:

    O aeroporto do Montijo vai ter como destino final, receber hidroaviões…

  14. gigbola says:

    Com tanto monte que há para construir em segurança, vão fazer cidades junto ao mar……

  15. airtup says:

    No poligrafo diz que é para 2030..
    Qual o correcto??

  16. Joao Ptt says:

    Isto são tudo estudos com bases em teorias tiradas do “rabo”, certo?

    É que já ouço há muito (+/- 20 anos) falar nestas teorias e nunca se confirmaram. Uma coisa é dizerem que videntes dizem isto e aquilo… uma pessoa aí dá o desconto, podem ser aldrabões (mais provável), ou podem de facto estar a ver as coisas mas não conseguem fazer a conversão temporal de forma correcta (menos provável, mas possível)… agora pseudo cientistas a dizer isto e aquilo quase como certezas incontestáveis e depois não se verifica nada do que dizem já me cheira a incompetência ou mesmo: aldrabice.

    Voltando às alterações globais, essas são inegáveis, os videntes há muito que previam grandes alterações globais, e hoje acontece tanta desgraça a cada dia que passa que a notícia de hoje é facilmente ultrapassada por uma nova desgraça algures em outro lugar, e ambas são esquecidas muito rapidamente por uma qualquer outra desgraça que acontecerá depois de amanhã. As alterações aí estão de uma forma global, a afectar tudo e todos, querem encontrar responsáveis, mas os responsáveis é cada um, ele(a) mesmo(a), não precisa de apontar o dedo aos outros, basta olhar-se ao espelho para encontrar o responsável… isto é válido para 99,99999999999999999% da população, sim: incluindo eu que escrevi isto.

  17. João Carlos Miroto Miroto says:

    Até pode haver todas estas alterações anunciadas, agora a comprovação que se devem as emissões de carbono aí para o baile. A ONU que eu saiba não é especialista em estudos ambientais. Deixem os especialistas falar!

  18. Adelino Santos says:

    Nunca li tanto disparate junto … de parte a parte.

  19. MalicX says:

    Nos últimos 100 o nível do mar subiu menos de um cm. Deixem de fumar essas mer#as. Vão é trabalhar. No pior cenário subirá um cm. As alterações na costa sempre existiram e vão continuar a existir. Erosão meus caros, apenas isso. Os icebergues, como o nome indica estão 90% submersos, ocupam área. Mesmo que derreta todos, o que não vai acontecer porque estão a congelar na Antártida, o impacto seria de centímetros.

  20. Joao Silva says:

    A minha reforma daqui a 20 anos vai ser na minha Figueira. Ia ser tão poético eu desaparecer junto com ela…

  21. Rui says:

    Não consigo entender como é que há tantas pessoas descrentes em algo que se vê no dia-a-dia. As alterações climáticas provocam fenómenos atmosféricos anormais para a época. Ninguém deu conta das notícias sobre o centro da Europa e a quantidade de inundações? Em pleno Verão assistimos a um tempo atípico, algo que é cada vez mais comum em todo o planeta.
    Só quem não quer é que não vê. A solução não passa pelo estado cobrar taxas, passa por todos nós responsabilizarmo-nos por isto. Reduzir, reutilizar, reciclar. Evitar transportes poluentes. Reduzirmos a nossa pegada ambiental não apenas a nível profissional mas também a nível pessoal. Temos todos que trabalhar para um planeta melhor pensando nos nossos filhos, netos e gerações seguintes que vão certamente sofrer muito mais do que nós já sofremos.

    • Jorge says:

      Haja alguém sensato. Lê-se tanta barbaridade… não admira que estejamos condenados. O conhecimento tem dessas coisas, quando não se tem tudo parece mentira sendo mais fácil acreditar nas teorias da conspiração.

  22. kodiakshadows says:

    Ides ter água com fartura. Isto é cíclico, depois vem uma reviravolta e no próximo seculo andam todos a morrer de frio

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.