Quantcast
PplWare Mobile

Pfizer: Eficácia da vacina cai ligeiramente ao fim de seis meses

                                    
                                

Autor: Pedro Pinto


  1. PORTUGAL says:

    Uma pergunta, quando é que vamos descobrir quais sao os efeitos a longo termo desta vacina?

    • Spoky says:

      Nunca, porque cada corpo é diferente e eles não têm como saber isso.

      • R says:

        Não vi a citação que diz que a eficácia cai após 6 meses nem link para o estudo/comunicado.

        • Paulo Martins says:

          O estudo é da própria Pfizer, eles querem convencer os governos a encomendar uma terceira dose mas mesmo com os nova eficácia calculada os especialistas são da opinião que não justifica uma terceira dose, mas ainda assim estão-se a fazer mais estudos.

      • ToFerreira says:

        Tu és especial de corrida… Não há ninguém como tu! Antes fosse assim…

    • O pratico says:

      Quando as pessoas vacinadas atingirem o longo termo.

      Obrigada e um bom dia

    • Cláudio Andrade says:

      vais descobrir como se descobriu com as outras vacinas que faz quando nascemos.. estas nao vao ser diferentes

      • DataSmurf says:

        Estas são vacinas experimentais, onde está envolvido outro tipo de tecnologia, manipulação genética! Estas vacinas são iguais às outras apenas no método usado para a injeção das mesmas, a partir daí estas vacinas são iguais em… NADA!

        • Chalupa pela verdade says:

          Ahahahahahahahah não sei como é que ainda não cresceu um braço extra a quem já tomou..

          E se não queres tomar a mRNA, tens AstraZeneca e a Johnson que são feitas à maneira “antiga”

    • Zé Fonseca A. says:

      Possivelmente se tiver efeitos a longo termo só vais descobrir daqui por uns 3 a 5 anos que é o tempo dos ensaios clínicos fase III e IV.
      Não vejo mal nenhum nisso, é como tudo na vida, consomes N coisas todos os dias que não sabes quais os verdadeiros efeitos no teu organismo, toda a informação que temos hoje é apenas uma questão de tempo até ser refutada com novos dados científicos, por isso nada importa, cause o que causar cá estaremos nos e a comunidade científica para resolver quando for descoberto, pior será não estarmos todos vacinados, se não pior para a saúde individual de alguns, certamente pior para a saúde mental e decrescimento da economia e dos cuidados de saúde non covid, falta de dinheiro essa sim seria a pandemia fatal.

    • Chalupa pela verdade says:

      Nunca vais descobrir quais são os efeitos a longo termo desta e de outra vacina porque a probabilidade de existirem efeitos a longo prazo em vacinas é menor do que ganhares o euromilhões.

    • Sergio says:

      Provavelmente é o mesmo efeito das outras 5 que ja levei

    • lapizazul says:

      Uma pergunta, quando é que vamos descobrir que não tens nenhum conhecimento cientifico em que te apoies sem ser o YT?

    • MamaDoPovo says:

      Nao vai descobrir. Se for bastante saudável e daqui a muitos anos sentir qualquer coisita nem vai associar a vacina pq ja nem se vai lembrar que a tomou.
      Mas uma coisa é certa. Quem não aceita a vacina vai sentir os efeitos a curto, médio e longo prazo enquanto o COVID ca andar. Se chegar a longo prazo…
      Aceita que é gratis e ficas protegido ou vais pagar por ela em impostos de qualquer das maneiras.

    • Filipe Lopes says:

      A vacina não fica no corpo durante anos, o que vai na vacina é eliminada pelo corpo em pouco tempo.
      O que fica é a “memória” de como combater a infeção.
      Portanto se tiverem de existir reações é a curto prazo.

    • eu2 says:

      Tudo na vida tem efeitos a longo termo, sabia?

  2. Joaquim Sobreiro says:

    Pelo que aprendi a eficácia de uma vacina é medida pela imunidade que cria.
    Como se está a tratar de um produto químico experimental em humanos, (será que passaria o teste em animais irracionais? ) a eficácia deve ter uma nova definição, como a OMS fez com a definição de pandemia.

    • jorge santos says:

      Os testes foram feitos ANTES de se começar as vacinações, em voluntários.
      O que estão a fazer agora é um acompanhamento aos vacinados, por causa da GRAVIDADE deste vírus e do facto da vacina não ter sido testada durante muito antes.

    • lapizazul says:

      Pelo que aprendi a ler o teu triste comentário, deu para perceber que tens pouco ou nenhum conhecimento cientifico em que te apoies a não ser videos no YT

  3. R says:

    Não vi a citação que diz que a eficácia cai após 6 meses nem link para o estudo/comunicado.

  4. Joaquim Sobreiro says:

    Se foi vacinado com Pfzier, embora eles não o façam pessoalmente, eu mesmo agradeço em seu nome por ter contribuído para esse feito milionário. VOCÊ É UMA PARTE DE SOLIDARIEDADE
    “O laboratório norte-americano Pfizer espera faturar US $ 33 bilhões este ano com a venda de 2,1 bilhões de doses mundialmente de vacinas COVID-19 desenvolvidas em colaboração com a empresa alemã BioNTech.
    Este número está bem acima dos US $ 26 bilhões que a empresa disse em maio que estava entrando neste ano fiscal. ”
    Aliás, tudo que prometeram de imunidade, fim de restrições e doenças e blá, blá, blá … Nada mesmo, caso ainda não tenha ouvido falar.
    Talvez aquele milionário os conheça aos poucos e logo vão propor novas doses. Não se esqueça de sua solidariedade.

    • paulo says:

      e eles ja estam a fazem campanha para as 3´ dose !

    • ToFerreira says:

      Antes dar lucro a uma farmaceutica que a uma funerária
      https: //www.istoedinheiro.com.br/covid-19-lota-funerarias-em-portugal/

      Isto, para não falar dos espertos que não queremd ar lucro de centimos por uma vacina, mas depois vão dar lucro de centenas de euros em tratamentos nos hospitais, ás mesmas farmaceuticas.

    • Toni da Adega says:

      E aqueles que são solidários sempre que comem e bebem. E esses são solidários todos os dias.
      Os milionários portugueses agradecem.

    • lapizazul says:

      Felizmente a estupidez mata… É melhor não tomares a vacina e desta forma ajudares o Planeta.

  5. Samuel MG says:

    Não se escreveu o importante 🙁 Vacinas de Pfizer perdem 6% de eficácia a cada 2 meses (Fonte: Pfizer).

  6. Naopossodizer says:

    Mas onde foram buscar esse estudo fantástico que vem contrariar o estudo da Pfizer que diz que a vacina perde 6% de eficácia a cada 2 meses e sim vai ser necessário 1 terceira dose!!!!

  7. Sardinha Enlatada says:

    Como nao concordar com esta pandemia ? Da muito dinheirinho a ganhar a muita gente. Eu e que nao sou parvo. Dizem eles. Va todos em fila indiana a levar a pica.

  8. João Machado says:

    Há um mês atrás a imunidade durava 3 anos.
    https ://www.istoedinheiro.com.br/imunidade-das-vacinas-pfizer-e-moderna-pode-durar-ate-tres-anos-aponta-estudo/

  9. Paulo Camarao says:

    Um negocio dizem eles, nem vou ao supermercado para nao alimentar o negocio do pingo doce. Gente apanhada so pode

  10. Sardinha Enlatada says:

    Voces ficam a comparar alhos com bugalhos que e uma coisa louca. Doeu ai em todos voces ? Nao sejam piegas e so uma pica enquanto se vai facturando. Livre de impostos lol

  11. robin says:

    Pfizer aquele lab que a 4 semanas levou uma multa brutal por comprar médicos para adulterar os resultados na eficácia da vacina contra o covid

  12. PorcoDoPunjab says:

    A um conhecido aqui da rua quando tomou a vacina ao voltar para casa furaram-se os 4 pneus mais o sobressalente, tudo ao mesmo tempo.
    O tipo do reboque disse que nunca viu nada assim.
    Já começo a desconfiar destas cenas.
    A mim, enquanto puder evitar, largueza dessas vacinas ranhosas.

  13. CRP says:

    O meu problema não é os negacionistas (com esses posso eu bem), o problema é os Covideiros.
    Vale a pena ver esta opinião (No inicio).

    https://bit.ly/3zSuJ7z

  14. YouTube para presidente says:

    https ://sicnoticias.pt/especiais/coronavirus/2021-07-30-Vacinados-infetados-transmitem-a-variante-Delta-tanto-quanto-os-nao-vacinados-a1c631f4

    Fresquinho do YouTube

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.