PplWare Mobile

Microsoft confirma que todos vão poder testar o Edge baseado no Chromium


Apaixonado por tecnologia, encontro no Pplware a forma ideal de mostrar aos outros os meus conhecimentos e de partilhar tudo o que me interessa neste intrincado universo

Destaques PPLWARE

  1. Vitor says:

    Espero que a Microsoft não faça com o “Edge” o mesmo que fez com o Windows Phone…”acabou” com o que era (na minha opinião,claro) com o melhor SO móvel. Veremos se não vai fazer o mesmo ao melhor (na minha opinião,claro) browser da atualidade…quando se vão convencer que o ter uma loja com “milhões” de apps não é sinónimo de qualidade?! Enfim…

    • Maria says:

      Concordo consigo no Mobile. O Edge tinha potencial, mas manterem-no preso ao SO assim como os comportamentos da MS (os mesmos que tiveram com o W10M) ditaram que nunca iria concretizar o potencial que tinha.

      A Microsoft de agora mudou completamente de mentalidade. Quer agradar a todos sacrificando os fans pelo meio. Como mulher que trabalha com tecnologias Microsoft, nunca vi as coisas tão más (pelo menos numa perspectiva de Frontend).

      Windows Phone, Cortana, UWP, XAML … não faltará muito para a Store e o próprio Windows ficarem em causa. Hoje a MS é totalmente irrelevante para as novas gerações.

      Pode ser muito forte com o Azure, mas fora da vista, fora do coração! É o que dá viver na sombra dos outros.

      Tristes dias em que a empresa mais valiosa do mundo não desperta qualquer excitação a ninguém. Este ano, novamente, a Build será na mesma altura que a Google I/O. Qual das duas desperta interesse?

      Spoiler: a segunda.

  2. sakuara says:

    F ou ms…………………

  3. Fernando Gonçalves says:

    É pena. Gosto do Edge tal como é. É o meu brouser pré-definido

  4. KodiakShadows says:

    Os dois Browsers ficam tão bem juntos. Não obrigado, continuo no meu Firefox.

  5. Carlos Costa says:

    Monocultura web? não. obrigado.

    Firefox é o caminho

  6. miguel says:

    Chrome é outra fruta, ganha em todas as frentes!

  7. Alucard says:

    Assim sendo, como utilizador do Edge agora, vou preparar-me para voltar ao Firefox.
    A Microsoft toma sempre a decisão contrária ao interesse da Web livre e aberta. Não quero uma repetição dos anos 90, monoculturas são péssimas.

  8. Peferreira98 says:

    Chromium é open source. Se a ms quiser, poderá fazer um browser suberbo e rápido que nada tem a ver com o Chrome. Basta ver as diferenças entre Vivaldi e Chrome para já ter a noção.
    A nível de web Development vai ajudar e muito a comunidade.
    No entanto gosto do edge atual pela sua simplicidade. Espero bem que a centralização de dados atual se mantenha.

  9. Ribeiro says:

    Esta nova Microsoft impressiona cada vez mais, e vai ser uma grande mudança. só espero que mantenham as capacidades do edge atual no novo edge como a edição de pdf e de paginas web. Passar a usar um motor de desenvolvimento open source e usado pela maioria e não tentar ser diferente dos outros, vai ser uma mais valia tanto para a web como para o utilizador. Mais uma vez a Microsoft a mostrar que apesar de tarde está a saber o que fazer.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.