PplWare Mobile

Fidelização com operadoras: Saiba o que vai mudar já em Julho


Pedro Pinto é Administrador do site. É licenciado em Engenharia Informática pelo Instituto Politécnico da Guarda (IPG) e obteve o grau de Mestre em Computação Móvel pela mesma Instituição. É administrador de sistemas no Centro de Informática do IPG, docente na área da tecnologia e responsável pela Academia Cisco do IPG.

Destaques PPLWARE

  1. Frebles says:

    “Até agora a lei indicava um o prazo máximo de 12 meses.”

    Uma vez pedi gravação à NOS/0ptimus e disseram que so eram mantidas 30/90dias…

  2. Khidreal says:

    é a mesma coisa que eu ser da companhia X, colocar um pacote com fidelização de 2 anos a 35€ e colocar o mesmo pacote sem fidelização a 50€. qual escolherias?
    eles deviam é ter feito como os outros países da europa já fizeram: dizer não à fidelização, se as empresas querem clientes, que trabalhem para os ganhar mas o problema está é na Anacom, que os limita por tudo o que é canto, por isso todas as operadoras têm os mesmos serviços e praticamente os mesmos preços… pra não haver fidelizações (acho que o nosso país é o unico da europa que ainda tem esta politica) das duas 1: ou a anacom é fechada, morre, finito, ou adota politicas mais liberais. mas quando é que teremos um portugal livre de fidelizações? aposto que vamos estar em 2050 e ainda vai haver esta treta…

    • nocode says:

      Todos os paises tem fidelização.Com periodos maiores ou menores. Tem a opção sem fidelização mas ninguem esta disposto a pagar mais 30 euros por mes para nao estar fidelizado ou esta?!

      • luislelis says:

        Vou contrariar o que dizes com factos. Tenho contrato com Giffgaff pago 12£ por mês 1000 minutos 2g. Tenho outro com id 500 +5g 15£mês. Nao tenho contrato posso interromper quando quiser e retomar quando quiser. Giffgaff. Co. UK, Id. Co. UK.
        A tua informação está incorrecta e induz em erro.

        • Diamantino says:

          Estas a dizer que pagas por volta de 50 euros por 2 cartoes.Aqui em portugal pago 50 por todos os servicos.Mania de que no estrangeiro é que é bom.Não me importo de estar fidelizado.Fiz contrato por um preco que acho atrativo e que posso pagar.

          • Pål says:

            Mas no estrangeiro ganhas 3-5 vezes mais do que a maioria do povo em Portugal. Se ganhas mais também podes pagar mais. Qual o problema? O Luís até podia ter 50 contratos, o dinheiro não é dele? A questão aki era se há ou não há fidelização. A questão não era se o serviço é mais barato em Portugal ou não. O Luís também pode dar baixa dos contratos quando quiser porque tem um contrato sem fidelização o que até agora não existia em Portugal.

        • VC says:

          Luis, o que não falta são solções pré-pagas (yorn x 5GB, wtf, etc) +/- 15€ com mais do que o q disseste… e sem fidelização e muito mais barato!!!!

      • Khidreal says:

        nenhum país tem fidelização afaik!!! o meu irmão está em espanha, disse-me que lá não existem fidelizações.
        um primo na frança, um tio na suiça: sem fidelizações. conheço um tipo de inglaterra, ele até ficou surpreso ao saber que ainda existem países que praticam fidelização…

        • VC says:

          Mais um que fala do que não sabe LOL incrivel a capacidade dos portugueses debaterem sobre um tema que desconhecem com forte convicção… tanta asneira que leio aqui! (não defendo os operadores, mas não lido bem com tanta asneira dita)

      • manuel says:

        nao fale daquilo que nao sabe , em França ja nao existe prazo , voce sai quando quizer

    • Joaquim Andrioleta says:

      Está descansado que até 2050 vai haver internet por satélite num mercado global. Aí é que elas vão piar fininho…

    • lol says:

      (acho que o nosso país é o unico da europa que ainda tem esta politica)

      não pelo menos na Holanda também há… e penso que é mesmo pratica comum na Europa.

      • diogo jose says:

        nao en frança a operadores que nao ten fidelizaçao a free pacote telemovel ilimitado 15.00 eoros mes chamadas para todas as redes icluindos os fixos internete e ainda se fores visitar outro pais tens 35 dias de chamadas a 0 custo para todas as redes
        pacote tv telefone fixo con chamadas para 52 dois paises sen quaisqueres horararios ou seja a qualquer hora do dia gratis

    • APereira says:

      Quais os paises da Europa que nao tem fidelizacoes?
      Diz-me por favor que estou curioso.

      • luislelis says:

        Quase todos de dão opção sem fidelização. Ou seja tens a opção com ou sem.

      • Khidreal says:

        vou dizer aqueles que sei, ou pelo menos que é raro: espanha, frança, suiça e aparentemente inglaterra. todas as operadoras nestes países têm pelo menos pacotes sem fidelização. desde que sou gente, nunca vi a MEO, vodafone ou outras empresas a terem pacotes sem fidelização, e mais, quando os confrontamos com isso, eles dizem logo “isso é impossivel, todos os pacotes de todas as empresas têm fidelização” e falou também de ser por causa da anacom ou algo assim lá o assistente da MEO…

    • Costa says:

      Na minha opinião, o custo dos equipamentos e da instalação não devia ser imputado ao cliente, as operadoras que forneçam os serviços sem os equipamentos. Se não é possível, então faz parte do serviço que estão a vender.

      • Jorge Vieira says:

        Costa, na minha opinião os serviços deviam ser todos gratuitos. Mas vocês querem tudo? Pacotes com preços baixos, sem fidelização e sem pagar os equipamentos/instalação. Maravilha!! Depois também querem ordenados altos lol

    • Sujeito says:

      Não são eles que deviam ter feito. Mudanças dessas só se reflectem perante vontades dos consumidores.

    • Bacalhau do Tejo says:

      Por mim a ANACOM já tinha dado o bafo!

    • VC says:

      Eu se fosse aos operadores em PT tratava bem do assunto por causa da vossa mania… Acabava fidelizações e começava a cobrar tudo (como antigamente). Instalações e equipamentos… Simples!!! Já somos os mais baratos da europa e ainda reclamam lol tristes!

  3. DoContra says:

    Ainda não percebi essa dos «custos dos equipamentos, como as boxes ou telefones»? Isso faz sentido?
    Da última vez que mudei de operador entreguei o equipamento todo (ONT, e router). Não faz sentido “coleccionar” tralha se o novo operador vai instalar equipamento novo.

  4. Pedro says:

    O que acontece aos contratos em vigência? São alterados automáticamente?

  5. Edgar says:

    Basicamente nada muda.

    • Grinnuk says:

      A única coisa que muda é que eles são obrigados a ter 6, 12 ou sem fidelizaçao ..

      • Edgar says:

        Cabovisão já tem a modalidade de “sem fidelização”, o que acontece é quem aderir paga tudo e mais alguma coisa, ficando ainda mais caro do que estar fidelizado.
        O mesmo se vai passar com as ofertas de 6 e 12 meses, vão aumentar os custos para o cliente e acabará sempre por compensar estar vinculado 24 meses.
        O que está escrito em diário da republica está feito para ser contornado pela(s) operadora(s).

        • Jorge Vieira says:

          Mas é normal que assim seja. Quem presta um serviço não quer ter prejuízo, não são a Santa Casa. A minha mãe instalou a MEO há uns meses. Esteve lá um técnico da operadora 2 dias inteiros a fazer a instalação. Ora vejam lá quanto custa à operadora ter 1 técnico durante 16 horas ocupado numa só casa e em quanto tempo esse custo pode ser recuperado pela operadora com uma mensalidade de 30€. Estamos a falar de mão de obra, equipamentos, cabos, conhecimento, investimento. Nada disto é gratuito e acho bem que seja pago, tal como em qualquer outra actividade

    • Filipe says:

      Muda muda. Se terminar o contrato antes do fim da fidelização em vez de ter de pagar as mensalidades em falta até final do contrato apenas tem de pagar os custos da “instalação da operação” (a Meo 80€ como o valor de oferta de instalação, para mim é esse o custo de cancelamento do contrato).

      • Paulo Santos says:

        tsss tss “valor para rescindir o contrato ter de estar previamente indicado à data da assinatura do contrato, o montante não pode ser superior ao valor em falta até ao final do contrato em curso”

    • Rui M says:

      Sempre muda alguma coisa. Por exemplo, se antes tinhas uma fidelização já decorrida de 12 meses, a mudança de tarifário (exemplo) requeria uma nova fidelização, novos 24 meses. Agora a mesma ação só pode ser prolongada por 12 meses acrescida aos 12 remanescentes. Além de outras coisas bem mais benéficas para o cliente. Basta ler a Lei 15 de 2016, publicada hoje no DR.

    • pedro says:

      Parece-me que estas novas regras é so para novos contratos feitos a partir da data de entrega em vigor da nova legislação!!! só assim faz sentido, pq senão estavam-se a alterar as relações contratuais que foram celebradas ao abrigo de um determinado regime.

  6. neapo says:

    o que vao fazer é não incluirem equipamentos e cobrarem a instalação para quem optar por valores mais baixos.

  7. PG says:

    Na prática nada muda e assim fica feito o geito aos operadores, é uma vergonha até porque conseguem sempre ter argumentos para não darem razão aos clientes se estes reclamam.
    Num pais normal a maioria dos cliente conseguiria rescindir o contrato por por exemplo a operadora não cumprir com a velocidade contratada para a internet, mas nesta país as operadoras aplicam um “até” antes da velocidade publicitada e assim estão sempre salvaguardadas.

    • Daniel Pinto says:

      Em que país?
      E eles dizem “até” por isso estão sempre salvagaurdados.

    • Bruno says:

      Se não queres “até” tens duas hipóteses, ou mudas de casa para um zona fibra FTTH ou não compras o serviço. Os atés existem em Portugal como em qualquer país.
      Até te dou um exemplo, em Inglaterra compras um pacote fibra de 50Mbs e podes receber “até” os 50Mbs, no real deverás ter perto dos 40Mbs, usam VDSL2.

      • André says:

        Viva,

        Segundo interpretei as suas palavras, quer dizer que se por exemplo a minha fidelização da NOS atualmente que termina em setembro deste ano, e eu quiser terminar o contrato ao dia de hoje, só pago o valor da instalação e não as mensalidades remanescentes ?

      • Khidreal says:

        pois é mas vou-te explicar um caso que aconteceu com o meu irmão: ele está em espanha, por 40€ mensais tinha 200GB mensais de fibra otica. a operadora disse-lhe: no seu local vc irá apanhar uma velocidade de 60Mb/s. o serviço fica instalado, o meu irmão descarrega um arquivo de fotos de 1GB e novidades: estava a sacar com 60Mb/s… quando isso acontece em portugal? aqui dizem: na sua zona apanha 50Mb, o que deve dar uma velocidade de download de uns 4MB/s e na realidade a tua net saca a 2MB/s… eles usam argumentos como montanhas e paredes e tretas dessas para dizer que o consumidor está errado, mas guess what? o meu irmão vive numa cidade rodeada de montanhas e apanhou a velocidade prometida… sabes a diferença? eles usam cabos de alta velocidade debaixo de terra para enviar os serviços ao cliente, e não difundem através de uma estupida antena.

      • Xis says:

        Errado.
        Quando vivi em Inglaterra, liguei para várias operadoras para me informar de preços e condições.
        Todas elas fizeram testes de velocidade á minha linha, e disseram logo quanto é que eu poderia ter. Acabei por ficar na Sky, o pacote que eles tinhas era de 16 megas, mas eles só conseguiam fornecer-me 9 megas em casa. Logo o preço foi ajustado a esses 9 megas. Estive um ano e meio com eles e deitei abaixo o serviço.
        Não paguei nenhum extra por rescindir contrato, portanto suponho que não tinha fidelização. Isto foi há uns 4 ou 5 anos.

    • Joao says:

      Confirmo. Já me aconteceu e foi um 31 para conseguir cancelar.

  8. André says:

    Estou mesmo a ver o que vai acontecer: mensalidades mais caras, não há aluguer dos equipamentos e é cobrada a instalação do serviço.

    • Bacalhau do Tejo says:

      Ora nem mais! Querem ver que os operadores são tontinhos! Eles tem a faca e o queijo na mão e o consumidor contenta-se com o pão! E já vai com sorte!
      Como já aqui foi dito, a Cabovisão tinha um pacote sem fidelização em que o cliente aderia, não pagava instalação nem equipamentos e era “obrigado” a permanecer 5 trimestres como cliente.
      Se rescindisse antes de cumpridos os tais 5 trimestres, pagava á Cabovisão, salvo erro, 15€ por cada trimestre até prefazer os 5 trimestres. Agora o pacote sem fidelização continua a existir mas paga-se logo á cabeça 150€ e a Cabovisão credita 10€ por mês na factura até prefazer os 15 meses (5 trimestres). Quem é que ficou a perder? Foi a operadora? LOL

  9. Não sei says:

    Basicamente fica tudo igual…
    Nada de novo, mas devem ter sido forçados a fazer de conta que iam fazer algo.

  10. Jony says:

    Lei feito pelo lobys… e se o contracto não for o primeiro? Os tais custo com a instalação já estavam diluídos, com vai ser aí? Não direito a compensação?

    • Jorge says:

      Exactamente. Não podem imputar custos no segundo contrato que já tenham sido cobrados no primeiro. É preciso é ter atenção para o caso de a operadora querer introduzir novos equipamentos aquando da celebração do novo contrato.
      Pessoalmente acho esta lei um passo na direcção certa, mas é normal que as operadoras consigam encontrar pontos onde a lei não seja clara e aproveitar-se disso, tal como fizeram em alguns dos pontos que foram alterados agora.

  11. JDG says:

    Bela treta, vão criar uns pacotes com fidelizações mais pequenas e depois aplicam a faca nos equipamentos desses mesmos contratos…Nada muda, o cheiro é o mesmo e a entidade que devia regular para variar não regula…nada de novo! Enfim…

  12. Hélder says:

    Há alguma alteração em relação ao prolongamento do contrato por mais 2 anos sempre que um cliente muda qualquer coisa no tarifário? Há conta disso estou preso à MEO e na altura não me disseram que por ter negociado uma redução no que me estavam a cobrar ia ter que ficar mais 24 meses, por isso até ao final do ano estou “agarrado”.

    • Rui M says:

      O que menciona a Lei é que não pode ser superior a 24 meses. Logo se tens uma fidelização de 24 meses e fazes uma alteração ao contrato, seja porque motivo for, é adicionada ao novo contrato os meses em falta para os 24 meses restantes, continuando assim a vigorar o tempo de fidelização inicial.

  13. Carlos Forte says:

    Tou mesmo a ver as operadoras: “Só se aplica a contratos iniciados depois da aplicação da lei”.

    • Rui M says:

      O regime transitório da Lei 15 de 2016 refere que também se aplica aos contratos já celebrados ao abrigo da Lei anterior. Logo, como é habitual, a lei só tem efeitos retroativos se for para beneficio do cidadão, o que é o caso. Lê o artigo 3º – Regime transitório da nova lei.

      • Miguel Marta says:

        Vi o tal artigo 3º e efectivamente confirma-se o que diz, mas pondo este caso:

        2 números meo light, acaba a fidelização em 21/01/2017, como se processa neste caso, quando a lei entrar em vigor daqui a 30 dias?

        Não temos equipamentos, não temos instalações, apenas a mensalidade dos números.
        A minha curiosidade, é como é feito os cálculos nestes casos.

        Obrigado

        • Rui M says:

          Boas. Por experiência própria, mudei de box e mais net nos telemóveis há cerca de 1 mês e a NOS fez exactamente o que lei que foi publicada ontem prevê. Simples assim. Penso que será o mesmo com as outras operadoras.

  14. Simoes says:

    Sim senhor, tudo na mesma. Neste pais aplicação o factor de não concorrência, ou seja, os monopólios das energias (edp e galp), comunicações (meo, nos), panificadoras, agua, … soluçâo, TODOS devemos passar para as ENDESAS, vodafone… talvez com a quebra dos negócios as coisas mudem (é difícil endividaram o estado e agora necessitam dos impostos destes…).

  15. F Soares says:

    Os custos referidos, deveriam ( se o não são, não li o decreto) ser obrigatoriamente expressos no contrato. Só assim a situação é clara ou estaremos a assinar um contrato em branco..

    • Rui M says:

      Essa é uma das melhores alterações à lei. Tudo tem que estar bem explicito. Até aquelas letrinhas pequeninas que nunca se consegue ler. 🙂

  16. Algarve says:

    Para quê tantos canais? A maioria são para encher chouriços. A maioria dos canais em HD teem de ser adquiridos num pacote à parte que são mais 6€ e tal.
    Não há almoços grátis.

    • joao correia says:

      e tens o caso de ter canais HD e a tua televisão é CRT… A NOS usou isso para me tentar convencer, e eu tive que perguntar à operadora para que queria eu os canais HD se a minha televisão não tinha essa capacidade?, ou seja, vendem-nos 80 canais, 10 são repetição mas em HD, passa a 70, e tu só queres mesmo ver 10 ou 11, resultado, pagas por 6 ou 7 (tens 4 de “graça” que pagas na fatura da eletricidade, mas que voltas a pagar na operadora…) o valor de 80…

  17. Proud Troll says:

    Nada contra as fidelizações de 24 meses a troco dos custos de instalação. Ou, no caso de planos de comunicações móveis, com ofertas de equipamentos quer a preços simbólicos quer sem custo. Aí compreendo e desde que se ponhas as coisas às claras, tudo bem.

    Agora casos como ofertas mínimas de serviços ou adicionar um número móvel a um plano e ficar atado por mais 24 meses? É a suprema verdadeira vergonha e continua a ser possível. E o maior problema continua a ser mesmo esse: as refidelizações abusivas. O meu corrector ortográfico até dá erro na palavra refidelização, pois tal nem deveria existir no vocabulário.

    Um exemplo gritante é a NOS: boxes de TV a carvão, serviço de gravações e “voltar atrás” muito pouco fiáveis, etc… Actualizar equipamentos e sistema para estar a um nível actual e ser viável por mais uns anos deve ser muito caro, mas gastar perto de 900 milhões com duas instituições de cromos da bola, já tá tudo bem.

    Mas eu é que sou o Troll.

    • Khidreal says:

      mesmo, e tipo, 80€ uma instalação na MEO. o que eles fizeram cá em casa, até eu faço… que me dêm a porcaria do router e da box que o resto faço eu… é que é muito dificil furar uma parece, comprar o cabo e ligar no poste e em casa… e mais, demoraram 2h a fazer isso LOL, até fiquei de boca aberta!

  18. Pedro says:

    Ainda andam a perder tempo com isto?
    Deviam era no máximo permitir 1 ano de fidelização e obrigar operadoras como a NOS a cumprir a lei das garantias do equipamentos, e velocidades mínimas de download (o até xMb é muito relativo).
    Mas vai-se aprendendo e continuando. Com eles, nunca mais.

  19. PATRIOTA says:

    NOS CONTRATOS A 24 MESES NÃO MUDA NADA. MAS NOS CONTRATOS VIA TELEFONE A NOTICIA É ENGANOSA OU MELHOR É ENGANADORA, POIS NÃO HÁ CONTRATOS VIA TELEFONE SEM ENVIAREM OS PAPEIS PARA CASA DOS CLIENTE, POIS É ISSO O QUE DIZ NO DIARIO DA REPUBLICA, QUE DEPOIS DO CONTRATO TELEFONICO A OPERADORA TEM X DIAS PARA ENVIAR OS REFERIDOS CONTRATO PARA CASA DO CLIENTE SO DEPOIS DE ESTE REENVIAR OS INFORMAR QUE OS ACEITA É QUE O CONTRATO PASSA A SER VÁLIDO.

  20. Nuno says:

    Haverá sempre a jurisprudência em casos de “chica espertice” das operadoras.

  21. Ricardo Costa says:

    Mal fazes uma alteração de titularidade ficas fidelizado!!!
    Mal fazes uma alteração de serviço seja up ou downgrade de serviço ficas fidelizado!!
    Se fizeres mudança de morada, ficas fidelizado!!! isto tendo em conta que o cliente é que leva os equipamentos para a nova morada!!

    Onde isto está contemplado na nova lei???

  22. Dinamo Faísca says:

    Quem ficou a perder foi o consumidor…nada mudou no reino do monopólio! A fidelização nem com a mulher, quanto mais com oportunistas!

  23. Nogueira says:

    Fica tudo praticamente na mesma, mais uma vez cederam a estas empresas e que se lixe o consumidor continuam as fidelidades e liberdade para abusos que era o que originava as queixas

  24. Luis says:

    A esta hora está a Meo e Nos, e talvez também a Vodafone e a Cabovisão a terem uma reunião conjunta para ver qual a melhor forma de lixar o cliente…

    • Zefra says:

      Em Portugal infelizmente usemos essa maneira de falar das coisas na realidade um lanca um preco os outros seguem a mesma coisa. Alguma vez ha alguem que se estique e ponha um preco imbativel? Nao simplesmente porque temos de ter o mesmo dinheiro que os outros. Se for assim ponham so um operador porque na balanca isto vai dar tudo ao memso.

  25. Paulo says:

    O melhor de tudo é porque razão temos de pagar equipamentos se sem os mesmos não temos tv, eles deviam era estar contentes por a malta estar na rede deles e tratar os clientes com mais respeito

  26. daiquiri says:

    Quando entra em vigor esta lei?

  27. Rui Rocha says:

    Agora so falta criar equipamento standard que dê para todas as operadores existentes no país. depois os equipamentos queimam ficam a conta do cliente!
    Só aí irá haver realmente algum interesse, o cliente paga a activação do serviço ja tens os aquipamentos e paga tanto como os outros ou mais um bocado, não pode ser como vi na meo a uns meses atras.. logo que foi aprovado esta lei, ele meteram logo tarifarios para todos os gostos e um serviço que com fidelização custava 30€ sem qualquer fidelização passava os 74€ eu mesmo assim preferia a fidelização!!!
    mais uma lei para entreter la os gajos no parlamento e cumprir com mais umas regras de UE!

  28. viscodne says:

    o meo cobra a instalacao na primeira mensalidade entao eu nunca devolvo e se o equipamento estraga em menos de 2 anos eu exijo a reparacao ou substituicao do mesmo sem pagar pois eles me venderam um equipamento eletronico novo logo esta coberto pela garantia padrao de 2 anos

  29. Boxexas says:

    Boas
    Já agora, eu estou em final de contrato, o que necessito de fazer para manter o serviço atual mas sem ter que me fidelizar novamente durante 2 anos? Se não disser nada eles fidelizam novamente durante 2 anos ou continua sem contrato?
    Atentamente

    • Pensar com lógica says:

      Caro Boxexas, não precisa de fazer nada.
      Após o término do contrato continuará a desfrutar do serviço que já tem, mas sem fidelização. Assim é livre de continuar com o operador atual ou escolher outro.

      Apenas não mude o tarifário atual até ao fim do contrato, pois assim é que fica novamente fidelizado. É expectável que durante os meses que faltam para terminar a fidelização, o operador lhe venha propor um novo tarifário mais barato com o objetivo de o “fisgar” numa nova fidelização.

      Se tal ocorrer deverá ter em conta se vale a pena uma nova fidelização com valores mais baixos, o que poderá ser mais interessante do que mudar para a concorrência.

  30. says:

    Tudo na mesma, os pacotes sem fidelização já existem há quase 2 anos, a diferença é que se paga a taxa de instalação , activação de serviço e a mensalidade é mais alta , a única coisa que muda é a possibilidade de ter fidelização só de 12 meses ou 6 meses.

  31. Paulo Pires says:

    E alguém sabe alguma dois dos equipamentos da MEO serem agora todos desbloqueado?
    Recebi ontem um e-mail com essa informação.

  32. MauFeitio says:

    Mas será que alguém tem noção que as administrações consecutivas da Anacom, têm vindo de ex administradores da TMN, Telecel, Optimus, Meo, vodafone e Nos, ex-administradores de grupos económicos a gerir reguladores… Por isso é que se vê a ex-ministra das finanças a ir trabalhar para uma empresa de créditos, devia ser proibido por lei estas transferências, estas jogadas, mas não é… A Anacom nunca será isenta, e esta lei, alguém meteu muito ao bolso para não mexer nela… Até porque a casa do povo como chamam há Assembleia da Republica é o maior antro de corrupção do XXI… Mas o povo é que foge aos impostos…

    • joao correia says:

      sempre ouvi dizer que “cães e lobos, comem todos”…

    • Pff says:

      Mas se sentem que estão indignados porque não reclamam diretamente por carta ao respectivo governo, porque não se juntam façam uma proposta melhor, sejam adultos, que não passam de comentários esquecidos… Podem e devem fazer frente, que quem manda no país é sempre o povo unido. E não estes comentários esquecidos

  33. Rui Dias says:

    Partilho aqui a minha situação e, já agora, pergunto se alguém teve o mesmo problema. Fiz um contrato de uma banda larga com a MEO de MAR2014 a MAR2016. Como não a cancelei logo, aumentaram a prestação. Mandei cancelar no dia 19MAI2016 e os FDP dizem que tenho de pagar até 30JUN2016. Disse que pagaria até 19MAI2016 e nem mais um dia. Alguém teve alguma situação semelhante e como é que a resolveu?

    • Bacalhau do Tejo says:

      A regra é:
      – O cliente é responsável pelo pagamento de 15 dias subsequentes á data em que a operadora recebe a comunicação escrita de rescisão. Se a MEO recebeu a tua comunicação escrita a 19 de Maio de 2016, só és obrigado a pagar até, se fiz bem as contas, até 3 de Junho de 2016.
      Agora para provares as datas tens que ter uma cópia do pedido de rescisão, se foi feito ao balcão da loja do operador, comprovativo esse que muita gente se esquece de pedir, ou então teres, se tiveres rescindido por carta, normalmente registada com aviso de recepção, o aviso de recepção assinado pela operadora. Se rescindiste por carta normal, vais ter problemas pois não tens como provar em que data a operadora recebeu a tua comunicação escrita.
      Para atirares o barro á parede, manda um mail ao Provedor do cliente PT e pergunta quanto tempo, a seguir á rescisão, és responsável pelo pagamento. Pede para te responder por mail pois normalmente fazem-no pelo telefone e guarda o mail deles.

      • Rui Dias says:

        Não rescindi um contrato. Cessei a utilização de um serviço. Mas fi-lo por telefone. Enviaram-me uma SMS no mesmo dia a confirmar a data a cessação do serviço.

        • Bacalhau do Tejo says:

          Presumo que seja um contrato, apenas, de banda larga. Quando dizes que cessaste a utilização de um serviço, associado a essa utilização do serviço existe com 100% de certeza, um contrato. Esse contrato, se a banda larga que indicas era um serviço isolado, então quer queiras, quer não, rescindiste um contrato e fizeste-o por SMS no dia 19 de Maio de 2016. A MEO enviou-te um SMS de confirmação a aceitar a cessação do serviço (Contrato). Insisto e por aquilo que sei, só és obrigado a pagar até dia 19 de Maio de 2016, data em que finalizaste a utilização do serviço. O que disse no meu post anterior está errado sobre os 15 dias posteriores. Guarda religiosamente esse SMS que a MEO te enviou pois se o perderes ficas sem nada nas mãos. É por essas e por outras que para rescisões ou cessações de serviços/contratos, continuo a ser adepto da antiga carta registada com aviso de recepção. A factura que te enviarem só pode reflectir no preço a pagar a utilização do serviço até 19 de Maio 2016, inclusive. Envia um mail para o Provedor do cliente PT tal como te disse anteriormente e informa-te. Ainda assim podes recorrer em caso de litigio ao CNIACC (Centro Nacional de Informação e Arbitragem de Conflitos de Consumo) em _http://www.arbitragemdeconsumo.org e vê qual fica mais perto da tua área de residencia. Atenção que CACCL de Lisboa cobra 10€ para tentar resolver a situação por ti e muitas vezes tem um péssimo desempenho em desfavor do cliente/reclamante. Se fores da zona de Lisboa, podes sempre recorrer ao proprio CNIACC em:
          CNIACC – Centro Nacional de Informação e Arbitragem de Conflitos de Consumo
          Telefone: 21 384 74 84 (das 15h às 16h).
          Para informações gerais sobre questões de consumo ou sobre a entidade de resolução alternativa de litígios adequada no seu caso deverá contactar o número de atendimento telefónico da Direção-Geral do Consumidor (707 788 787).
          E-mail: cniacc@fd.unl.pt
          Facebook: http://www.facebook.com/cniacc
          Correio: Faculdade de Direito da Universidade Nova de Lisboa
          Campus de Campolide
          1099-032 Lisboa
          O Centro não dispõe de atendimento presencial.

  34. CODRIVER says:

    Resumindo e concluindo, a MEO anda farta de me ligar pra casa a tentar convencer-me a renovar a fidelização….NÃO O VOU FAZER (isto se o fizer) antes do inicio do próximo mês de julho, assim já estarei dentro das novas regras de contratos! 😉 Boa 😉

  35. Paulo Santos says:

    Resumindo…. tal como já estava previsto quando anunciaram estas balelas faz uns meses, isto é literalmente “nada de nada”.
    Parece que muda, mas não muda.
    Faz lembrar aquela de quando se andaram a gabar de acabar com os alugueres dos contadoes e depois ficou ainda pior.

  36. Vitor says:

    Tanta gente inteligente.
    Então não muda nada?
    Que grandes juristas.

  37. Sujeito says:

    Felizmente, “o período de fidelização nas telecomunicações ” não vai-se manter. Ele só se vai manter. Ou vai manter-se. Mas não vai-se.

  38. NOVO MUNDO says:

    FACIL, UMA BOMBA NA ANACOM.

  39. Filipe Neves says:

    Penso que na Vodafone nao vai haver grandes mudanças… Eles sempre tiveram tarifários para 24, 12 6 e0 meses, na própria página tem os preços todos bem descritos… Claro que n fazem ao preço de 26,90, mas é compreensivel…

  40. SoulReaver says:

    Infelizmente a ANACOM é uma vergonha… há pouco tempo apresentei uma reclamação devido ao facto da MEO estar a servir-se da fidelização para me cobrar um valor indevido relativamente á substituição de um equipamento que, com base nos serviços contratados, a MEO tem por obrigação substituir sem imputar qualquer custo adicional ao cliente, e a resposta que me deram passados alguns meses, foi que, se não estava satisfeito com o preço do serviço era com a MEO que tinha que reclamar, e que o assunto em questão não lhes dizia respeito… ora isso foi a primeira coisa que eu fiz… a empresa serve-se da fidelização para cobrar indevidamente e abusivamente ao cliente valores indevidos com conhecimento e autorização da entidade reguladora… enfim….

  41. Marco says:

    Quem quiser acabar com os periodos de fidelização, arranjem um comprovativo de uma morada onde o serviço não exista, argumentem que devido a situação profissional irão mudar para lá … e livro de reclamações … eles vão tentar tudo para não vos cancelar a fidelização, daí o livro de reclamações.

    Ou argumentem que vão viver para o estrangeiro. E livro de reclamações novamente.

    Se for preciso, fazer reclamações consecutivas. Tenho amigos que se safaram assim 🙂 Se uma operadora não vos consegue fornecer um serviço noutra localização, não somos obrigados a continuar contracto. Usem é bastante o livro de reclamações.

    • Khidreal says:

      explica lá isso melhor??? então, segundo o teu raciocinio, se eu mudar para um sitio sem cobertura, posso cancelar o serviço atual com uma especie de cancelamento por justa causa que impede a operadora de cobrar seja lá o que for?

    • Aristides Silva Pedrosa says:

      Este caso já passou por mim, mudei de casa para um sitio onde a Nos não tinha capacidade para me fornecer os mesmos serviços , e apos visita de um tecnico da Nos que constatou a impossibilidade de instalação de qualquer serviço, avancei para rescisão do contrato com justa causa , resposta da Nos teria que efetuar o pagamento dos meses restantes até final do contrato, e tive que pagar durante varios meses, a fatura habitual do serviço numa morada que já não era a minha, e do qual eu não usufruia.

      • qwerty says:

        mas isso é por justa causa! segundo o que me disse uma senhora da NOS, quando eu tinha internet MEO, que era muito lenta, ela deu-me a perceber que se o cliente tem uma internet demasiado lenta que não cumpre os requisitos de velocidade minimo especificados no contrato (que era o meu caso), pode-se cancelar o serviço por justa causa em qualquer altura. falei com o meu advogado e parece que quando se cancela por justa causa, NÃO temos de pagar qualquer valor por estar dentro da fidelização, é cancelamento por justa causa, eles não podem fazer isso, e se tentarem é só falar com a Anacom e pedir ajuda na Deco protest segundo o que li na internet à uns 2 anos. se eles não tinham cobertura, vc nao tinha de pagar nada!

    • VC says:

      Eu que te apanhe que tu vês se te livras da fidelização ou não LOLOL… Quando fazes um contrato é para a morada A e não a morada B, por isso esse argumento é “mito” e é garantido que não te livras da multa 🙂

      • VC says:

        E ainda acrescento mais… já deves ter um histórico muito bonito por causa das “tuas inteligências”, não duvido nada que daqui para a frente te comece a ser bloqueado algumas adesões, promoções, etc 🙂 e agora a informação é toda partilhada por causa de “inteligentes” como tu que têm a mania que são conhecedor de algo, mas só se for de burrice lolol

        • Mig says:

          Em setembro de 2015 tinha fibra meo (M4O) com quase um ano de fidelização ainda pela frente. Mudei de casa pedindo transferência mas a meo não conseguia instalar fibra na nova casa, apenas ADSL. Durante a mudança fui contactado por telefone por um colaborador da própria meo a informar que, se a operadora não conseguir migrar o mesmo serviço que tinha eu poderia rescindir o contrato sem pagar rigorosamente nada por isso, independentemente de qualquer fidelização em vigor. Era so o que faltava, pagar por um serviço que não tenho…!

        • Mig says:

          Já agrora a loja de informática da esquina cobrava-me por um portátil que nunca tive, ou o patrão obriga-me a trabalhar sem me pagar por dificulades financeiras, só porque tenho um contrato com ele. Os contratos podem ser terminados sempre que haja justa causa, por ex incumprimento de uma das partes, neste caso da meo. Tinha fidelização num serviço com fibra, mas a meo não conseguia honrar o contrato, logo ele fica nulo.

  42. Macaco says:

    Eu queria ter fidelizado 2 anos, mas operadora só quis um.
    Nos 120megas, 150canais (sinceramente já nem sei) e telefone, por 30e já com box incluída.

  43. VC says:

    Exemplo:
    Tarifário x sem fidelização custa: 65€
    Tarifário x com 6 meses de fidelização custa: 50€
    Tarifário x com 12 meses de fidelização custa: 40€
    Tarifário x com 24 meses de fidelização custa: 26,90€

    Simples… Já cansa ver as pessoas a reclamar sobre tudo principalmente sobre algo que não percebem… Para além disso adesões sem fidelizações sempre houve, os valores é q em vez de ser 25€ eram 50€ e não interessava, por ex…

    Agora vão começar a reclamar de quê?

  44. Teixeirinha says:

    Tanto choro e eu não entendo.. onde é que alguém vos obrigou a fidelizar o que quer que seja? Só o fazem se quiserem, se não quiserem não têm o serviço, simples. Além disso trabalho em telecomunicações já a algum tempo e as opções de 12 meses e até sem fidelização sempre existiram… Agora se os preços que pagam compensam o facto de ficar sem fidelização fica na opinião de cada um. Eu pessoalmente até posso não concordar com isso mae a realidade das operadoras são adaptadas a cada país

    • António Calado says:

      Sr. Teixeirinha, felicito-o por trabalhar em telecomunicações e faço votos para que seja numa empresa séria. Se porventura for a MEO, então desculpe, deve ter havido algum engano.
      Se as fidelizações de 12 e zero meses sempre existiram, isso é só pra si e para os vossos serviços, porque divulgação não há nenhuma.
      Queria aqui deixar uma pergunta: Na resposta a uma das minhas reclamações, (foram muitas), fui contactado telefonicamente pela MEO para me darem um “banho de qualquer coisa” o operador perguntou-me se, para segurança dos serviços, autorizava a gravação da chamada; eu respondi: sim, autorizo porque eu pretendo ter na minha posse o conteúdo da chamada; tudo bem, vamos proceder à gravação. Acontece que pedi no final o conteúdo da dita e o operador/funcionário informou que deveria pedir por escrito ou ao balcão de uma Loja, coisa que fiz 3 dias depois no Balcão de Oeiras Park por coincidir com uma deslocação ao Hospital da Luz, onde infelizmente tenho que ir muitas vezes, e a resposta foi: ESSA GRAVAÇÃO NÃO TEMOS, NÃO ECONTRAMOS, NÃO EXISTE”. PERGUNTO: isto é sério?
      Cumprimentos

  45. fernando lopes says:

    tenho um contrato já com 16 meses, se o cancelar agora que penalização tenho?
    obrigado

  46. Paulo says:

    Tantos bitaites é só iluminados. Se houvesse almoços gratis ia la comer todos os dias.

  47. António Calado says:

    Tenho a MEO que terminará em Setembro a vergonhosa fidelização”. Fiz várias reclamações à MEO, quer por telefone, cartas registadas com avisos de receção, diretamente aos balcões das lojas escritas e no livro de Reclamações, e por email ao Conselho de Administração e as respostas foram sempre negativas, não obstante todas elas serem fundamentadas com o péssimo serviço prestado. Inclusivamente reclamei duas vezes perante a ANACOM e duas à DECO e o resultado foi sempre o mesmo: “O SERVIÇO ESTÁ BOM, TEM QUE CUMPRIRI A FIDELIZAÇÃO OU ENTÃO PAGAR ATÉ FINAL, mesmo que cancele já o contrato.
    Perante isto, e a mensalidade a subir, porque a MEO não respeita um contrato celebrado, o cliente é que é obrigado a cumprir, isto na ótica da MEO, acabei por me “oferecer” ao cumprimento da fidelização para ajudar a MEO/PT que tem andado um pouco debilitada devido às más administrações e não queria ser acusado por não contribuir para matar a fome à MEO. Tudo isto teria sido cancelado por “Justa Causa”, mas como os comilões são tantos, arranjam as mais diversas artimanhas para nos papar os euritos que cada vez estão mais caros para nós, pov8inho.
    Estou já a fazer a carta de cancelamento para dar o grande Xuto no Cu dessa canalhada que não respeita os clientes que são o suporte das empresas.. O serviço a que me refiro é no interior e nem sequer o cartão do telemóvel afecto ao pacote funciona neste local. Pura demagogia da MEO quando diz que está tudo bem…. claro, entrando os euros, borrifam-se no resto.
    Obrigado por me darem esta oportunidade de expor aqui a minha indignação quanto à MEO/PT que para mim vai morrer dentro de pouco tempo.
    Cumprimentos

  48. joao correia says:

    para mim o maior problema das fidelizações, é que depois de um contrato assinado, estamos esquecidos até a aproximação do fim do contrato, em que nos começam a ligar para propor um novo serviço, as operadoras deviam fazer como as outras empresas, lutar para manter clientes, e para mim essa é a melhor fidelização.
    Desde sempre que estou insatisfeito com o meu serviço de Internet da NOS, já reclamei varias vezes, resultado? Nada, tenho que aguentar até setembro, tenho um contrato de fidelização…, eles bem andam a ver se me vendem algo, mas eu não vou mais em cantigas, se não têm para me vender o que eu quero, eu não compro o que eles têm para vender, exemplo:
    Porque tenho que pagar 4 canais de televisão duas vezes?, e se quero ver 10 canais, porque tenho que contratar 80?
    Não meus amigos, se todos fizessem como eu, eles tinham que mudar as regras, infelizmente acho que estou sozinho nesta luta, eu sei que a seguir vêm os argumentos dos preços e tal e coisa, mas se havia uma maneira de bem servir o cliente, era assim, vender ao cliente o que ele precisa e não aquilo que querem, se levarem o carro à oficina para mudar o óleo e eles mudarem o motor porque acham que ficam mais bem servidos, vocês calam-se? não, mas porque não fazem o mesmo com as operadoras?

  49. A Cardoso says:

    Sou cliente de uma operadora há mais de 20 anos (vinte anos).
    Na altura paguei instalação mais activação mais aluguer de box durante alguns anos
    Nunca me devolveram esses valores
    O que vai acontecer agora com este tipo de clientes?
    Vão continuar a roubar?

    • André says:

      O que tem isso a ver? Se na altura não ofereciam, não têm nada que devolver os valores.
      O máximo que poderão fazer é não cobrar aluguer da box, mas segundo leio, agora já não deve pagar (“Na altura paguei (…) aluguer de box durante alguns anos”).
      Os valores cobrados anteriormente não os devolvem, o que pode fazer é ligar para a operadora e ver se têm alguma promoção que se adeque às suas necessidades.

      • A Cardoso says:

        Eu só falei na devolução com exemplo porque não estando neste momento fidelizado e querendo mudar para outro pacote sem fidelização eles pedem-me uma determinada quantia que dizem que é para a instalação e activação. DE QUÊ??
        O que diz a lei sobre este assunto?? Ficou pior ou não?

        • Vitor Filipe says:

          Sim companheiro, pelo que parece e eu também sou testemunha disso, ficou pior. Neste país da treta, é assim, as coisas mudam mas a mudança é só cosmética. Os protegidos são sempre os mesmos.

  50. Vitor Filipe says:

    Contrariando o nº6 do Artº 48, a Meo está a obrigar a um período de fidelização de 24 meses apenas porque o contrato foi renegociado (manteve rigorosamente o mesmo serviço, apenas houve diminuição da mensalidade). Não houve actualização de equipamentos nem de infraestruturas, apenas e só redução de preços.
    Será isto correcto?

  51. PF says:

    Em França por ex. há serviços de qualidade, SEM FIDELIZAÇÃO e preços muitissimo acessiveis:

    https://www.bouyguestelecom.fr/forfait-sans-engagement

  52. João Ramos says:

    Incrível… INCRÍVEL !!!… Tudo isto porque a DECO conseguiu este feito com as nossas assinaturas (democracia). O ponto era os contratos passarem para 12 meses no máximo, e afinal, apesar destas alterações, no fundo acabaram por não cumprir o que foi rendivicado. No fundo o monopólio continua o mesmo, e o que estava a acontecer vai continuar. OBRIGADO POLÍTICOS, A DEMOCRACIA SÓ ESTÁ LIMITADA AOS DEPUTADOS E AOS LOBBYS… NÃO SEI PORQUE CONTINUO A PAGAR IMPOSTOS!!!

  53. dias oliveira says:

    Durante o contrato de fidelização, pode a operadora aumentar o preço que tinha sido estipulado quando da assinatura do contrato.

  54. Ana Rosario says:

    Boa tarde será possível cancelar o contrato com a meo? pois já a tenho a 1 ano e 1 mês

  55. Antonio says:

    Ola a todos recentemente fiz um abonamento com a internet da Nos ou seja so um aparelho ligado a luz por 25 euros mes nos primeiros 15 20 dias deu muito bem passado umas 4 semanas comecou a falhar muito nem da para fazer video chamada e pesquizar tambem muito lenta .dirigime a loja onde adquiri o equipamento onde me disseram que tinha que reclamar por telefone visto isto la tive de telefonar onde me fizeram fazer um teste que deu pouco mais de 1 mega de velocidade quando deveria ser ate 12 megas a desculpa deles foi a seguinte vamos ver se existe alguma antena avariada por perto ja la vao 4 dias e nenhuma resposta.
    A minha pergunta e a seguinte posso eu anular este contrato visto que eles nao estao a cumprir com o que me venderam

  56. miguel machado says:

    um pacote MEO com net ATE 24 mgb mas com cabo que so da ate 6 mgb,isto e um estilo de contrato vigarista,em resumo uma operadora que nao esforca em por fibra em todas as casas mas se esforca em abrir contratos vigaristas ,cheio de trocadilhos apoiada em so called advogados,mais ,com um cabo que tem varios problemas que nao querem reparar e muitas vezes so consigo 2 mgb ,eles e que me deviam reembolsar pois fui aldrabado
    E mesmo assim nao me deixam cancelar o contrato gratuitamente?!ou pensam que se podem apoiar numa lei que favorece empresas de vigaros?!!!

  57. Diogo says:

    Boa noite eu mandei instalar a vodafone na minha casa com os aparelhos e assinei mas nao tava la a viver uma pessoa amiga ia ficar responsavel em pagar mas ela nunca pagou ninhuma fatura durante 7meses ate que curtaram tudo eu fiquei a saber fiquei muito chatiado e fui entregar os aparelhos todus e tenho de pagar 990€ ja com multa de ter dezistido do servico que sao 300€ eu chegai a fazer um acordo com eles em prestacoes mas nao pagai ate hoje ja passo 2 anos e nao estou a viver naquela casa eu agora gostava de saber o que podera acontecer e se vai dar problemas com tribunais o prisao alguem me pode ajudar??

  58. Carlos says:

    Boa tarde!! Tenho um plano Corporativo de 12 meses com renovação automática de mais 12. O meu questionamento é: A Fidelidade permanece por mais 12 meses, ou as linhas já estão liberadas e os próximos 12 meses é só prestação de serviços sem fidelidade??

  59. João Matos says:

    boa tarde tenho um serviço Vodafone TV net telefone em período de fidelização subscrito com uma promoção de 26,89 euros durante 2 anos. estou desempregado, recebo subsídio de desemprego de 493 euros. pago renda de 300 euros. Neste momento não consigo pagar estes 26,89 euros. O que fazer? Ouvi dizer que se a Vodafone resolver o contrato por falta de pagamento tenho que indeminizar. o que faço?

  60. Dina says:

    O meu SEGUNDO contracto com Fidelização (cada um de 24 meses) com a Vodafone termina em Fevereiro de 2018. Só houve instalação em 2014. Gostaria de me manter com eles mas não sei o que fazer. Acho injusto se eles quizerem “impor-me” nova fidelização com a mensalidade de ca 27€ pois a instalação está mais que paga. Gostaria de saber a vossa opinião. Obrigada.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.