Quantcast
PplWare Mobile

Dieselgate: Donos de carros gastaram quase mil euros na oficina

                                    
                                

Autor: Pedro Pinto


  1. Pedro Pinto says:

    Eu vou ser mais um a tirar esse veneno chamado fix do meu VW!
    Só espero que a VW seja bem penalizada por nos enganar duplamente.

  2. censo says:

    Outra vez? A Deco agora? O que é que fez pelos seus associados? Enfim. Eu não gastei nada pelo update da minha viatura. Já fiz revisão depois do dito, tudo normal. Aliás, os consumos melhoraram.

    • badsector says:

      Ora portanto aqui o engenheiro tem agora um carro que polui menos e tem menor consumo. Estranho os engenheiros da vw terem adulterado o software para pior…

    • Luís Pacheco says:

      Eu a uns anos atrás percebi, em em um assunto onde trabalhava diretamente, que a Deco estava totalmente enganada e aos poucos comecei a perceber que sempre que saia uma notícia não estava totalmente certa e em alguns casos totalmente errada, este é mais um caso desses…

      • Rui says:

        Eu tenho esse mesmo exemplo, mas nas tarifas de electricidade. Mas no meu caso o simulador do regulador também estava errado. Eu gosto de ver os estudos, mas depois vou eu fazer as contas sobre aquilo que escrevem!

      • Gonçalo Santos says:

        É caso para perguntar que é que nos defende da Deco, ela própria que faz marketing agressivo, vai buscar os nossos contactos sabe-se lá onde, impinge brindes para convencer a subscrição das suas revistas (ilegal), e existe um processo em tribunal bem mediático sobre favorecimento nos seus pseudo-estudos comparativos. Gente dessa, que se auto intitula defensora do consumidor e faz o contrario, so por isso já deviam estar atras de uma jaula.

    • Ze Nandooo says:

      Tu que carro tens censo?
      Efetivamente os relatos de problemas são mais que muitos para ser ignorados. Já coloquei a minha experiência numa outra notícia, mas fico curioso e gostava de saber se há modelos ou motorizações em que as atualizações são prejudiciais e se há outros que não.

      • censo says:

        Estás a ser influenciado pelo que te dão em termos de notícias. Estás a ser vitima de generalizações que ao abordar um tema de forma negativa, tocam em muita gente. Na realidade há casos e casos. Há muitos casos com problemas, mas outros há que nada tem. Normalmente ninguém diz nada por estar a correr bem. Ninguem reclama por estar a correr bem. Ninguem partilha o lucro que está a ter com uma investimento financeiro que fez. Se o investimento correu mal, vem para a praça publica. É mesmo assim. Quando corre mal…acudam, acudam !! Mas também te digo, se tudo corresse bem…não haviam oficinas ! São máquinas. Eu não me queixo.

        • Ze Nandooo says:

          Continuas sem me responder acerca do teu carro.

          Eu falo do meu caso, em que foram injetores e EGR para substituir. Como eu ha outros, e nao acho correto estar a sugerir uma intervenção para resolver um problema se ela vai criar outros.

          Mas ok, podes ficar com a tua ideia de que so teve melhorias o teu carro. Foste enganado à mesma, porque se viesse de.origem como o tens agora tinhas gastado menos 1lt a cada 100km. Entao a VS fez-te gastar mais que o que devias.
          É só fazeres as contas!!

          • censo says:

            O que interessa a viatura que tenho ? Não te dou isso. Não te interessa para nada. Tu preferes veres as coisas assim. Para ti tudo está mal, principalmente quando para os outros está bem. Isso é mesmo típico do desgraçadinho português que agora anda a choramingar pelos cantos só porque sim!! Ficas contente racionalizas ao teu jeito e achas que mesmo assim eu fui sempre enganado. É a tua visão das coisas. Assim vais dormir descansado não é ? Correu bem comigo. Custa a admitir não é ? É ! Mas correu bem. E foi comigo. E não sou o único. Ok ? E não estou satisfeito por ter corrido mal a outros. Confio na marca ? Sim, confio.

          • Ze Nandooo says:

            Se achas normal que uma atualização (supostamente “obrigatória”) tenha uma percentagem razoável de te dar problemas e teres de assumir custos elevados que nao se devem ao desgaste normal do carro então está bem.

            Nao sabemos se os problemas estão resolvidos a 100% ou se teremos de trocar peças mais rapidamente (inclusive a quem tudo correu bem).

            Tomara que todos corressem bem, e se achasse que eu tinha sido um caso pontual nao me dava ao trabalho de aqui vir escrever.
            Mas se confias cegamente numa marca, e aconselhas vivamente a fazer uma atualização ignorando os riscos potenciais – quando podes ate nem ter um carro/motor dos (mais) afetados – fico-me por aqui.

          • censo says:

            Mas quem sou eu para aconselhar vivamente o que quer que seja. Não. Cada um faça o que quiser. Se tu escreves porque correu mal, porque raio não posso eu escrever porque correu bem, ainda que tu faças reservas e suposições que não sei em que estão baseadas? Também eu não sou um caso pontual, ou sou?

          • Marta says:

            Eu tb tive que pagar quase 900euros por sistema de val. EGR.

        • Joao says:

          Amigo, não seja burro .. mais enganado e você que vive no mundo das maravilhas. Eu trabalho directamente com várias marcas VW, BMW , entre outras, que também não interessa. E se você soubesse a quantidade de vezes que material e facturado novo ao cliente, e nem sequer é alterado. Secalhar iria acreditar que a VW pode perfeitamente invertar uma actualização para com erros quem sabe propositado. Contra mim falo pq tenho golf 6 250mil kms com 0 problemas e fix evitar ao máximo.

  3. Hefesto,o Grande says:

    “Dieselgates”,”Samsungates”,Intel/AMDgates”,e por aí fora !! Tudo a lixar o consumidor e utilizador final.No meu caso estou à espera da tal actualização da Intel(por causa do Spectre),para o processador do meu PC Desktop.Mas sinceramente se a actualização abrandar o processador e torná-lo mais lento e ele perder performance não sei o que vou fazer !! Ainda vou partir é o PC todo !! Já estou pelos cabelos !!

  4. Tiago says:

    Tenho um VW Golf 6, fez a intervenção exigida pelo IMT e Volkswagen e não tenho nada a declarar, aliás, o carro sempre teve um bom desempenho, e sempre fez boas médias de consumo. Notei que após a intervenção teve mais aceleração e quanto a consumos, igualmente impecáveis.
    Tanta azia sobre os VW, o meu de 2009 já ultrapassou os 100mil km e a única coisa que tive que avariou foi a bateria que durou quase 8 anos.

    • Belmiro says:

      Já ultrapassou passou os 100 em 8 anos? Isso não é nada, nem diesel devias ter comprado. Um diesel deve fazer 300 sem problemas e só substituindo o habitual nas revisões.

    • Prof says:

      A minha durou 12 anos, mas é um Honda.

    • L_730 says:

      o meu Fiat Panda multijet de 2004 está a fazer a revisão dos 500000.

    • Gonçalo Santos says:

      O meu astra 1.2 de 2000 (a gasolina) já vai com 320.000Km. Tirando as coisas normais de desgaste, a única anormal que levou até hoje foi um alternador. E faz 5.8L em cidade. Não percebo para que compra, essas sucatas de 30, 40 ou 50 meil euros a diesel que só servem para destruir capital.

      • Carcaça says:

        Sucata! Eu tenho uma vw transporter de 91 comprada em segunda mão nunca me deu problemas de motor, já a comprei com 275.000.00 já a tenho há 5 anos e passa na prospeção á primeira. Isso de serem os computadores ou Centralina é treta os automóveis de hoje em dia,em questões de motores não são tão resistentes como os antigos, vasta que puches por ele e começam logo a dar problemas.

  5. sabichão says:

    E os Renault 1.6 dCi com 160 cavalos? Como fazem?

  6. Ares Portugal says:

    Um tema a investigar ate ao fim custe o que custar.
    Os cidadãos Europeus são de 2 Class e os Portugueses de 3 Class.
    Pois são obrigados/Ameaçados a ir fazer um update que o mais provável e levar a grandes prejuízos querer no Bem querer na Vida pessoal. Um obrigado ao PPLWARE por mostrar a parte mais importante, a do consumidor.
    FB: Dieselgate.PT – Lesados do Grupo Volkswagen

  7. Carlos M says:

    O pessoal que fez o fix e vem para aqui dizer que tá tudo bem, esperem mais uns meses e pode ser que se lembrem do que falaram.
    Vw esteve muito mal nisto e o nosso país como cá tem a auto Europa baixa as calças aos alemães. Apenas 3 ou 4 países obrigam à actualização. Os portugueses como têm grande poder económico (ahahah) podem dar ao luxo de serem enganados, serem obrigados a fazer o fix com alta probabilidade de ter avarias passado uns meses.
    Espero bem que para quem não fez ainda a obrigatoriedade seja SUSPENSA!

    • censo says:

      Ainda não há muito tempo, também alguém disse que vinha aí o diabo…enfim. Desejas que tudo corra mal, é isso? Tudo tem de ser mau. Isso é patologia que carece de tratamento. Mas que raio de base é que tem para vir para aqui apelar a que não se faça a reparação? Há bons resultados, há bons exemplos e pronto! Fique com isso, e deixe-se de azias.

      • Carlos AC says:

        ” Desejas que tudo corra mal, é isso?” onde é que no comentário dele sugere que deseja que corra mal? intendes o que queres sem o leres em lado nenhum, isso é que é patologia. Ele diz apenas que é provável que tenha problemas, como as estatísticas o dizem, à minha irmã correu mal, por exemplo, e pelos vistos em 48% dos casos, há maus resultados, há maus exemplos e pronto, falas de metade e ignoras a outra? tu é que tens uma patologia grave.

      • Rui says:

        Pode não ter vindo o diabo para todos (funcionários públicos e reformados), mas para os outros todos acredita que as coisas não estão melhores. E….. para mais de 100 pessoas veio mesmo o diabo e os irresponsáveis que nos governam assobiaram para o lado (não era em Lisboa o resto que se lixe, como sempre).
        Quanto ao caso em questão, há casos concretos de correcções da VW que lesaram os clientes, já foram retratados muitos exemplos, qual é a dúvida? Achas que devem comer e calar? Achas que quem investe 30.000€ num carro pode andar eternamente na oficina a resolver problemas que não foi o dono que os provocou? O dono é que tem de pagar pelos erros dos outros?

        • censo says:

          As coisas não estão melhores ? Pois, nunca estão. Isso é verdade. Mas não estão melhores ? Adiante…não vou entrar em questiúnculas politiqueiras. Quanto ao caso, já disse que não tenho dúvidas de que haverão casos com problemas, mas não são todos, ok ? O meu caso correu bem. Ou és tu que tens dúvidas de que existem casos em que correu bem ? É a velha questão do copo meio cheio ou meio vazio. Também já disse que seria mais sério perceber o que há de comum nos casos que correram mal, encontrar um padrão e resolver o problema, em vez de andar a inundar a opinião publica com generalidades. Não achas ?

    • Toder says:

      típico hater que só tem negatividade, a tua vida deve ser positiva deve

    • Luís Pacheco says:

      É espantoso como as notícias são lançadas e as pessoas vão atrás…
      Trabalhei diretamente nessa situação e não conheço ninguém que tenha pago por isto, agora se na mesma altura meter pneus novos ou fizer revisão tem que pagar. O aumento de consumo é totalmente psicológico e o barulho então é uma anedota. Mas claro que a maioria dos portugueses que por natureza são especialistas em tudo se lhes fizerem um inquérito tem sempre algo a apontar e depois há os analistas especialistas, como a maioria nos fóruns que também têm algo a dizer.

      • Respeito says:

        Espantoso é ter trabalhado diretamente na situação e dizer que ninguém pagou; Espantoso é então ter trabalhado em algo sem saber no que se esteve a trabalhar;
        Espantoso foi ter ligado o carro a máquina e ter me dado a avaria do 4 injetor poucas semanas após a atualização;
        Espantoso foi fazendo semanas consecutivas o mesmo trajeto semanal e determinado valor de combustível dar para esse mesmo trajeto e após a atualização já não chegar;
        Espantoso foi um relantim até então estar imaculado e agora parece que me colocaram um mau DJ debaixo do capot.

        Pois é… espantosas estas patologias!

    • Pedro Pinto says:

      Deixa lá Carlos M.
      Apesar de eu também não ter tido nenhuma avaria depois do fix, tirando aumento do consumo, tremideira e consecutivas regenerações, sei que aos poucos as peças se vão degradar com o dobro da velocidade para o que estavam programadas.
      Mas é como disseste, deixa andar que mais para frente se vê!

  8. Unknown says:

    Estou a imaginar.. Muitos acabam de fazer a actualização e começam a puxar pelo carro aqui e e ali a ver se perdeu potência e depois reparam que aparentemente a actualização também aumentou o consumo Lol
    Epah é muita gente a dizer o mesmo provavelmente é verdade mas custa me acreditar como que meia dúzia de linhas de código tragam tantos problemas

  9. Miguel Silva says:

    Tenho um Nissan LEAF de 2011 e posso garantir que com a ultima atualização manteve a potencia original, continua a não fazer barulho e os gases de escape continuam ser nulos.

  10. Tiago says:

    Tenho um Audi Q3 140cv que sofreu a actualização de software á mais de um ano e tanto antes como depois da actualização nunca me deu problemas. Após a intervenção o carro ficou a gastar menos 1l e ficou com a aceleração mais agressiva, por isso na minha opinião ficou melhor que quando saiu do stand com 0km.

    • censo says:

      Não digas isso, que ainda te caem em cima… Vê lá bem isso, que aqui só podes dizer mal.

    • Nuno Oliveira says:

      Até parece estranho a VW ter intencionalmente feito este software que pelos vistos só faz o carro gastar mais e acelerar menos…
      E eu a pensar que eles eram espertos e estavam a aldrabar para os carros ficarem melhores, mas afinal não.
      Ainda bem que a correção do software torna os carros em máquinas potentes e a consumir menos…

      • Rui says:

        Exactamente 🙂
        Acho que há condutores que terem um carro de 700cc e 30 cavalos ou ter um de 2000cc e 200 cavalos é igual, andam à mesma velocidade 🙂

    • Francisco says:

      Tiago, o problema afecta principalmente os 1.6TDI do EA189, que não é o seu caso.

    • Tiago says:

      Eu estou a dar o meu feedback que é bastante positivo em relação à actualização do software e o carro faz apenas 2km diários durante a semana, só ao domingo é que anda mais.

    • Paulo Jorge says:

      Tenho um Q3 e ainda hoje um mecânico da Audi off record me confirmou que a alteração tira potência e aumenta o consumo

  11. Rui Nunes says:

    É fácil resolver o problema: basta ir a uma oficina não oficial e repor o software antigo. É melhor do que as pessoas sujeitarem-se a problemas. Os centros de inspecção automóvel não vão ver se o software foi alterado.

  12. Marco says:

    Bons dias… Então é vermos estes valores mas em relação às motorizações? Pelo que tenho lido, os 2.0tdi não têm problemas com a actualização, os 1.4 também são mais ou menos pacíficos… Já os 1.6 todos os que têm e fizer update têm queixas graves, e estão a pensar vender…

    • censo says:

      E isso sim, seria sério. Agora ver reportagens de TV e artigos alarmistas que só servem para lançar ódios, invejas e mentiras é que não. Há problemas? Há. Como em tudo na vida. Mas vamos lá ver então o que se passa, sabendo que outros não têm qualquer problema. Agora, generalizar como se tem visto é que não.

      • Pedro says:

        Sim as pessoas compram um carro, que a marca que que propositadamente “alterou” para poder aldrabar a legislação Europeia e Portuguesa. São chamadas a “corrigir” mas essa alteração dá-lhes cabo do carro, mas é como tudo na vida!… Ainda temos que estar com panos quentes com a pobre da WV. Que se lixe o consumidor. Olha nos Estados Unidos eles vão ser obrigados a pagar uma compensação aos afetados . Mas na Europa, santa WV, os cidadãos que se lixem…

  13. AJMS says:

    Não basta dizer que ficou melhor ou ficou pior e depois entrarem em conflito de opiniões, é quem tem o motor 2.0 não notou diferenças, agora que tem o motor 1.6 aí sim as evidências são mais que muitas, perda de potência, motor a engasgar, aumento de consumo e regenerações à parva, conclusão viatura a despachar rapidamente antes que comecem as ditas avarias.

  14. António Santos says:

    Tenho um Golf 1.6 TDI serie 6 de Junho de 2012, foi chamado á Oficina em Fevereiro de 2017 para actualizar o tal Software. Não tenho notado nada fora do normal depois dessa intervenção. Em Junho de 2017 quando viajava do Porto para o Alentejo o carro perdeu potencia e tive de chamar o Reboque para o colocar na Oficina Oficial em Setúbal. Foi feita a reparação em que foi substituído o 4º injector que tinha defeito e que a Oficina prontamente assumiu a responsabilidade, não paguei qualquer despesa pela intervenção.

    • censo says:

      E agora como se associa isso ao fix? Podia ter acontecido antes, como acontece em milhares de outras viaturas. Certo?

      • J T says:

        Meu, tu tens respondido a toda a gente neste post, a defender com unhas e dentes a VW, algo que não tem defesa possivel, nem se compreende como pode alguém perder tanto tempo a responder a tanta gente com algo que nem lhe afectou. Ou a VW te está a pagar pelo serviço de relaçoes publicas ou és um maluquinho que não tem mais nada para fazer. Em ambos os casos sugiro a todos que ignorem este censo, que nem quer divulgar o carro que tem…

        • censo says:

          Esse é o teu maior problema : querer bisbilhotar a vida alheia. Tá descansado que também não vais saber que carro tenho. E não respondi a todos. Tal como os outros, também generalizas. Não podes generalizar. Mas por detrás da tua aparente atenção, cometes uma gafe : eu nunca defendi a marca com unhas e dentes. Ora lê lá tudo o que escrevi. E não te deixes levar pelas aparências. Ah…e já agora…não tens outros argumentos ? É que isso de chamar de maluquinho …fica mal.

  15. Rui says:

    Meus caros, um conselho para testarem a média de consumo de um carro e até medirem o erro do computador de bordo, e comprovarem se realmente o fix fez subir ou baixar o consumo (o ideal era testarem antes e depois do fix):
    1º Atestem o depósito e coloquem a zero o conta-quilómetros parcial e a média de consumo;
    2º Quando o carro estiver na reserva ou quase na reserva, voltem a atestar o carro e tomem nota dos quilómetros que percorreram com o depósito e aos litros que levou o depósito.

    Com estes 2 simples dados sabem exactamente qual a média longa e muito mais fiável do vosso carro e até o erro de leitura do computador de bordo! É com distâncias de 800km ou mais km que devem fazer as médias e não como vejo a fazerem com 100km exactos. Quantos mais km percorrerem, mais fiável vai ser a média medida, incluindo percursos urbanos, auto-estrada, etc…..

    • censo says:

      Isso quando assumes que ninguém o faz. Eu já o disse que o fix no meu caso melhorou muito os consumos. E o resto está igual. Ou queres vir fazer as médias comigo ?

      • J T says:

        Gostava imenso de fazer essas medias contigo. Podes enviar um contacto pf?

        • censo says:

          Mas porquê ? Não acreditas ? Também pensas que por haver tantos casos com mau resultado não possam haver mais casos com bons resultados ?

          • J T says:

            Tu é que te ofereceste para fazer as medias contigo, afinal era so garganta? Nunca disse que nao acredito que nao haja bons resultados, alias os graficos mostram que em media 50% dos clientes nao sao afectados, tu é que nao acreditas nos restantes 50% e ainda achas que nao teem direito a reclamar. Mas mesmo nesses casos em que o carro nao fica pior, o cliente fica a mesma prejudicado porque estes carros desvalorizaram todos e nao foi pouco. Mas isso tambem nao faz mal pois nao? Tal como nao faz mal andar a perder tempo a ir a oficina, porque a malta nao tem mais nada para fazer e so tem que comer e calar. P.S. volta e meia apanha-se aqui malta do mkt de guerilha, mas ja percebi pelo teu dialogo que nao tens skill para isso…

          • censo says:

            Claro que era garganta. Aliás, se há coisa que eu faço é com frequência é convidar desconhecidos para encontros privados … Enfim. Mas …nunca disseste que não acreditavas ? Então porque começaste a criticar os meus comentários ? Eu também nunca disse que não tinham o direito de reclamar, e sempre admiti que houve casos em que as coisas correram mal. Já te deste ao trabalho de ler os meus comentários todos ?

      • Nuno Oliveira says:

        Os consumos melhoraram e o resto está igual.
        Só não consigo perceber então para que tinha a VW alterado o software deste carro… Pelos vistos foi só uma alteração para aumentar o consumo. Alguém acredita nisto?
        Manipular 11 milhões de carros de forma negativa?
        Isto é como subornar um árbitro para perder!

  16. Sergio says:

    Se ninguém compra carros a gasolio e compra a gasolina poupa logo porque um carro a gasolina tem menos manutenção e é menos poluente

    • Tiago says:

      Isso não bem verdade, tenho uma A4 e um Citroën c3 e a as gramas de poluição são as mesmas. O Citroën é um 1.1 e a A4 uma 2.0…
      A nivel de manutenção ambos vão à marca de 15 em 15mil km e a maioria das vezes a Citroën é mais cara

      • Icaro says:

        Eu não acredito que a manutenção de um citroen seja mais caro que um audi. Mais ainda que fosse… tu queres mesmo comparar a fiabilidade de um motor PSA com um motor VW? É que a PSA ganha em todos os pontos.

        • Tiago says:

          Não aja duvidas, o motor PSA teve de ser todo revisto 2x aos 80mil pois pedia óleo por todo lado e queimou duas colaças enquanto que o Audi com com o dobro e nem óleo consome… só por ai consigo tirar as minhas conclusões de qual é mais fiavel 😉
          Manutenção normal da Audi ronda os 150€ óleo e filtros já a da citroen com um simples motor de tirar agua (1.1 a gasolina) ultrapassa os 200€ e apenas revisões normais

          • censo says:

            Houve um momento da minha vida em que convivi com ambas as marcas e o francês era muito mais dispendioso na oficina que o alemão. Por isso agora é tudo alemão.

        • Anonimo says:

          Deixa-me rir

          • J T says:

            Tenho BMW serie 5, 2 Audi (A3 e A4), 1 Polo e 1 Citroen. Este ultimo é de longe o mais barato em manutenção. E adoro o BM, mas se o tratasse como trato o C3 (nem agua lhe meto!) tinha que lhe trocar as peças todas! Isto na net vale de tudo, podem dizer o maior disparate do mundo, como não têem de mostrar a cara não têem vergonha nenhuma de dizer as mentiras que lhe vêem a cabeça. Só uma bateria para BMW, Audi ou Mercedes são logo 300 paus! E em media levam uma nova a cada 4 anos! Eu nao gasto isso no citroen em toda a manutenção no mesmo intervalo tempo.

          • Tiago says:

            A minha A4 tem 18 anos e vai na segunda bateria, metida na Audi por um valor a rondar os 140~150€. O Q3 com 5 anos ainda esta com a de origem. o Citroen as duas ultimas baterias duram apenas 2 anos e o preço delas somada ultrapassa o da minha A4…
            Se fizer as manutenção nos mecânicos da esquina ou em casa acredito que não gaste nas eu faço isso, como disse vou sempre as marcas…

          • J T says:

            Queres comparar o desgaste de um carro com 20 anos com carros novos? E o preço das mesmas? E mesmo assim, 180 ate me parece puxado para um carro dessa altura. O meu C3 tem 15 anos levou 2 bateria e a ultima foi o ano passado, por menos de 50. O BMW de 2008 aguentou mais de 6 anos (e tem tecto de abrir, gps, ecra 9″, um monte de cenas continuamente a gastar bateria, mesmo com o motor desligado). E eu nao me queixo disso, nem dos preços, mas nao me venham dizer que a manutenção de carros do German3 (audi, merc e bmw) que é mais barato que um PSA ou equivalente, isso é um enorme disparate. P.S. também fazia as manutençoes na marca ate descobrir que os mecânicos regra geral sao muito mais desleixados, por isso nao vas por ai.

          • censo says:

            Lá está, para ti, é um disparate o que se diz, mas é a tua experiência. Como já referi, houve um tempo em que tive um carro francês e outro alemão, e de longe, o francês era muito mais caro na oficina. Revisões sempre nas respectivas marcas. Foi a minha experiência.

          • Tiago says:

            No caso do C3 a segunda colaça foi por negligencia do funcionário mas que a marca que se queria descartar embora o problema tenha reaparecido no final da primeira semana… Já na A4 a marca cobriu peças defeituosas (quadrante) fora da garantia sem qualquer custo para o utilizador e sem descartar responsabilidades dai ter optado novamente pela Audi na compra do Q3.
            Para o preço da bateria da minha A4 e para os anos que tem durado não me posso queixar, tem sido o carro que tenho acrescentado extras ao longo do tempo, como subs, amps, xenon, n extras que puxam pela bateria e ela continua sempre na mesma, agora dar 80€ que ao fim de dois anos vai à vida num carro que não tem nada isso é que não…
            A nível de manutenção o PSA e não sou o único que se queixa do mesmo entre os meus amigos

  17. zé tuga says:

    tenho um A4 2.0 sedan de 2008 já foi reprogramado pela marca há 1 ano e pouco e já leva 30.000km’s depois do update do software e sem quais quer problemas a apontar, tanto a nível de performance, ou consumos, nem de outra origem, não notei quaisquer diferenças , e o carro continua a andar para as curvas….

    agora sim as versões abaixo dos 2.0cc é que o pessoal se tem queixado mais do update ter dado origem a situações como as referidas no artigo, e para as resolver tiveram de repôr o software anterior e acabou-se os problemas….

    seja como for há muita gente que se está a recusar ir á chamada, então eles resolveram isto da forma, não vais a bem vais a mal…

  18. Sergio says:

    Isto é uma vergonha. Onde esta defendido os direitos do consumidor? Eu gostava é que a VW me contacta-se após actualização feita! Ninguem foi contactado pela Siva depois da dita actualização. Fiz 300000kms sem actualização e 20000 após actualização tive que substituir os 4 injectores! Não me preocupa se gasta mais ou menos 0,5l/km ou se faz mais ou meno ruido, o que me preocupa mesmo é os gastos na oficina e como fica o motor após essa actualização… Basta pensar um pouco como é reduzido as emissões de NOX. Temperatura??? Se assim for o que acontece ao material que esta fabricado para funcionar a uma temperatura x e vai passar a trabalhar a uma temperatura y (mais elevada)??? E a incompatibilidade entre o software, o material em questão e outros??? Tudo isto foi resolvido por uma atualização de software feita num tempo record sem trocar um injector, um medidor de massa…
    Gostava mesmo que algum entendido ou responsavel da VW me explica-se isto bem explicado.
    Tenho uma frota com carros do grupo VW e seguramente não voltarei a comprar mais nenhum.
    Alguem aqui falou da Samsunggate e eu so gostaria de comentar o seguinte, a Samsung quando teve o seu problema pelo menos retirou do mercado os seus equipamentos e devolveu aos seus clientes o dinheiro… Uma grande parte dos clientes do grupo VW foram enganados (incluindo eu) e depois discute-se se gasta mais ou menos. Gostava era de ler ideias como resolver o problema que afeta todos, isto bem visto é uma questão de burla!

  19. Rui Farpa says:

    Tenho um Golf 1.6 TDI serie 6 de Dezembro de 2011, foi chamado á Oficina em Janeiro de 2017 para actualizar o tal Software. O carro comecou a consumir mais, ao desligar o carro estremece todo parece os carros antigos a gasoleo, reclamei o carro ficou la para resolver, o consumo resolveram e o estremecer nao a nada a fazer a muitos assim disse me o eng da vw. E anda asim ate um dia o motor cair ao chao. VW para mim acabou.

  20. J B says:

    Temos na família só vw desde Touareg até golf 1.6 diesel todos os que precisaram foram atualizados sem qualquer queixa exceto o 1.6 que passado poucos km voltou à oficina para levar a válvula egr mas foi tudo gratuito só fiquei com o incômodo por isso vou continuar fiel à vw que já vem dos famosos carochas

  21. Fiuza says:

    Eu tenho um Passat CC e um Golfe

    O golfe noto bem a diferença… Bebe mais que eu!!!
    Desde a actualização.

  22. M says:

    Os carros actualizados passaram a ter os mesmos problemas que os das outras marcas: problemas relacionados com as EGR, regenerações, filtros de partículas. Nada de novo.
    Mau mesmo é a marca ter enganado os clientes.
    Os que estão insatisfeitos com a marca podem mostrar o vosso descontentamento na próxima vez que forem comprar carro: comprem de outra marca.
    É o que eu faço sempre que não estou satisfeito com uma marca.
    Já desisti da Renault, da Nissan e da Mitsubishi (agora até fazem todos parte do mesmo grupo). Estou na Toyota/Lexus. Quando me desiludirem mudo novamente.

  23. Ricardo says:

    Estes fóruns de discussão… enfim penso que devíamos olhar sim para esta questão mas afinal no que se traduz a actualização que a vw faz… bem no caso do motor 2.0 unicamente um update à centralina no motor 1.6 para além da atualização de software é ainda colocado um estabilizador do fluxo do ar, este update ao software altera a forma como a válvula EGR se comporta fazendo com que abra mais cedo e se mantenha aberta durante mais tempo e sim provoca um desgaste mais acelerado, o mesmo se passa com o filtro de partículas uma vez que os ciclos de regeneração são mais frequentes e os ciclos interrompidos deverão ser muito superiores, no fundo o update faz uma utilização mais intensiva para a qual estes componentes não foram projetados provocando um desgaste prematuro, o que devia sim ter sido feito além do update preconizado pela vw seria a substituição dos componentes referidos por outros preparados para a nova exigência de utilização, mas isso naturalmente iria aumentar o custo da reparação… moral da história paga o consumidor os erros e a falta de valores das grandes corporações…

  24. Paulo says:

    Em ralhaçao a opel astra 1.7cdti.alguem sabe me disser alguma informação

  25. Paulo says:

    Em ralhaçao opel 1.7 cdti,gostava informação.por exemplo de problemas se insiste.obr

  26. Marco says:

    Boas. Fizeram actualização meu skoda e não tive e não tenho qualquer problema. nem aumento de consumo, ruído e nem perda de potencia. esta mesmo carro que comprei a 4 anos. Mas não quero dizer com isto que hoje não comprava de outra marca. Na minha opinião grupo vw na Europa lidou muito mal. do outro lado do oceano fizeram todo para não perder (ou tentar) o mercado do Estados Unidos.

    • Rui says:

      Na minha opinião, o caso VW não foi mais que uma guerra comercial entre EUA-UE (mais concretamente Alemanha), em resposta à coima colossal aplicada à Apple! E digo-te mais, também não é inocente o ataque americano ao Deutsh Bank. Basta ver que as coimas iniciais andaram todas em valores próximos…..

      Depois eu não acredito que a VW seja a única marca que manipule dados, para melhorar a imagem, acredito mesmo que todas as marcas o façam. O que também acredito é que a VW levou o caso das manobras longe demais! Para tirarmos dúvidas, basta tentarmos nós mesmos igualar as médias que as marcas dizem que os nossos carros fazem!!!!!!

      • Nuno Oliveira says:

        Para melhorar a imagem? Então mas se há quem diga que o carro está na mesma ou que ainda consome menos, afinal para que foi que a VW fez esta aldrabice em 11 milhões de carros???
        É só isso que não percebo.
        Alguma coisa não está tão boa nos carros após a actualização. Se reduziram emissões, alguma coisa foi feita. Ou à conta de perca de performance, ou de consumos, ou algo…
        Não acredito que a VW tivesse feito isto a não ser para os carros terem alguma melhoria que de outra maneira não teriam… Essa melhoria, com a correcção foi-se embora…

  27. Jovatica says:

    Olá caros utilizadores,

    Acho que aqui pelo meio, andamos a misturar muita coisa.
    Eu tenho um golf VI 2010, com 227k km e ate agora 0 problrmas, à exceção de um radiador substituído aos 60k km ao abrigo da garantia.
    Tenho pé pesado, e misto faço 5.1, normal, em passeio, faço bem os 4.5.
    E verdade que a dita atualização obrigatória ( a partir do momento que o imtt exigir), poderá trazer problemas, mas naquelas viaturas que tenham alguma anomalia antes da atualização.
    Tenho casos de amigos e conhecidos, que têm viaturas dentro do grupo VAG, e antes da atualização na tinham substituído EGR FAP entre outros, mas depois questionei lhes o que faziam com os carros, e alguns faço isto isto é isto, não admiraria que algo desse gênero acontecesse, outros que fizeram a alteração e nada lhes aconteceu. Os utilizadores que fizeram a dita atualização, fazem as revisões todas na marca, todos os diagnósticos estão limpos, antes de terem efetuado a dita “CAMPANHA TECNICA”?
    Por vezes temos que medir, e deixar a hipocrisia de parte, quando apontamos um erro, ou nos agarramos a esse mesmo erro, para culpar de nossos próprios erros.

    Obrigado
    Tiago Cardoso

  28. Daniel says:

    Tenho um toyota corolla com 320mil km.
    Tá pago, 0 problemas, é economico e tem 23 anos 🙂
    Quanto ao caso em questao.. As estatisticas nao mentem. Ha gente satisfeita e gente instisfeita. A vw esteve mal, ponto final.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.