PplWare Mobile

Ciberataque para Ucrânia atingindo governo, bancos e aeroporto


Responsável pelo Pplware, fundou o projeto em 2005 depois de ter criado em 1993 um rascunho em papel de jornal, o que mais tarde se tornou num portal de tecnologia mundial. Da área de gestão, foi na informática que sempre fez carreira.

Destaques PPLWARE

  1. #Blametherussians says:

    Agora também qualquer coisinha, a culpa é dos russos…
    Já começa a cansar um bocado esta retórica!

    • Vlad says:

      Porque o imperialismo americano e eutopeu precisam de criar na mente das pessoas que os russos são o demónio em pessoa para eventualmente justificar uma guerra contra estes, quando esta vier.

      • lmx says:

        correcto…
        No entanto a NSA com estas tools tem-se sagado bem 😉
        Espiam tudo e todos e são os maiores da aldeia..mas não me admirava nada que fosse um virus talhado ao mercado energético Russo…e quem anda a sancionar o mercado energético Russo/Europeu??exacto os EUA…
        Basta ver pelas empresas Russas atacadas como a Rosnef.

  2. RIP ucrania says:

    É só +1, não têm mais nada que fazer do que lançar ransomware fds

  3. EsPoNjOsO says:

    Virus … Ataques … Trojans …. backdoors …. Malware … aprendam a viver com eles … fazem parte do contexto!
    Sempre funcionou da mesma forma …. aparecem … aplica-se a cura …. é alterado o ADN …. volta a aparecer …. aplica-se novamente uma cura …. e por ai fora!
    Quem cresceu com PARB, Backoriffice, netbus, … tem vindo a aperfeiçoar a sua segurança, ou seja tornou-se mais consciente. Porque sou da opinião que o maior perigo continua a ser o tradicional utilizador que só vê vantagens no uso de um simples computador, e esquecem tudo o resto.

    • Antunes says:

      netbus 😀

      O que eu adorava de abrir a porta do leitor de CDs do prof na faculdade, os leds do keyboard pareciam um piano.

      E já la vão mais de 20 anos 😀

  4. Joao Moura says:

    Agora é que é bom investir em bitcoins

  5. Carlos says:

    Estamos a aprender a viver com isto mas não é um processo facil.

  6. Augusto says:

    Este artigo da Wired descreve muito bem o que se passa na Ucrânia. É o campo de treino dos hackers russos!
    https://www.wired.com/story/russian-hackers-attack-ukraine/

  7. Jaquim says:

    Havia de haver un ataque destes e de todos os outros tipos possíveis, que afetasse o mundo inteiro e especialmente os EUA,que ficassem em baixo todos computadores, a internet, smartphones, servidores e todos os tipos de serviços que dependem de infraestruturas informáticas, etc…
    Era ver todos os países a colaborarem e a pressionarem as empresas que fornecem software e hardware
    Acabavam se logo os backdoors e de certeza que com todos a colaborarem acabavam-se estas palhaçadas e os sistemas tornar-se-iam mais robustos e mais difíceis de penetrar no futuro.

    Sinceramente, parece-me a mim que a única solução para sairmos da cepa torta, tal como a história o tem demonstrado até aqui, é mergulharmos no caos profundo.

  8. Trabalhador says:

    A empresa (Espanhola) onde eu trabalho tem o sistema e servidores todos em Espanha, e por causa deste ataque, fomos obrigados a desligar os computadores e todo o sistema informático da empresa por precaução. Conclusão, 1 dia de folga remunerado.

  9. Diogo Sousa says:

    Esta não é uma variante do WannaCry mas aproveita a forma de propogação do WannaCry. Quer isto dizer que para já, até novas indicações, é preciso instalar hotfix de Microsoft Office mas especialmente em ambiente empresarial, uma máquina que seja afectada mas que tenha o hotfix para o WannaCry (MS17010) não vai dissiminar o virus para o resto da rede. Esta é para já a Informação preliminar que se sabe. Outra questão que ainda não confirmei é que à indicações de que criar um ficheiros em C:\Windows com o nome fc.dat evita o ataque.

    Entretanto mais info em: http://front-slash.blogspot.pt/2017/06/petya-ransomware-protect-yourself.html

  10. Minuto 1 says:

    não obstante da polémica continuo a achar que isto é de origem russa… estive a ler este post e concordo com o autor.
    https://www.linkedin.com/pulse/petya-notpetya-goldeneye-diabo-4-nuno-mateus-coelho

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.