Quantcast
PplWare Mobile

A utilização do telefone associada ao desemprego

                                    
                                

Este artigo tem mais de um ano


Autor: Maria Inês Coelho


  1. dajosova says:

    interessante

  2. Joselito says:

    Uau! Grande estudo…
    Dizem que as chamadas passam a ser feitas maioritariamente a partir de casa e há a possibilidade de se passarem a fazer menos chamadas. Aposto que o impacto dessas mesma pessoas que perdem o emprego passem a comer mais em casa do que em restaurantes , ou que passem utilizar mais a internet em casa do que nos telefones, ou que passem a ver mais televisão… Que eu saiba as pessoas desempregadas já não estão no seu local de trabalho e, de facto, passam mais tempo em casa.
    É um estudo à “La Palice”

  3. Iurie Solomon says:

    eu só leio os artigos da pplware usando o tlm, será k isto é o motivo de eu estar desempregado?

  4. Homo Erectíssimo says:

    Excelente artigo,Maria Inês Coelho.Muito bom. 🙂

  5. Benchmark do iPhone 6 says:

    Façam de conta que eu percebo disto (realmente não percebo).

    Mas sei que há sistemas de informação geográfica (SIG) e informação socioeconómica de base geográfica.

    Um elemento é o código postal. Pode-se saber quantas empresas abriram, quantas empresas fecharam – mas conhecendo o seu código postal pode-se-lhe dar uma dimensão geográfica.

    Nos telefones do post obviamente está-se a dar um tratamento estatístico a dados fornecidos pelos operadores. A localização geográfica dos telefones fixos é conhecida. Quem ficar desempregado (ou se reformar, ou estiver de férias “cá dentro”) telefonará mais de casa, às horas normais de trabalho.

    Não me custa a acreditar que haja uma forte correlação entre o desemprego e o número de chamadas feitas a partir de casa em horário normal de trabalho – quando o desemprego aumenta o número de chamadas aumenta, quando diminui é porque o desemprego diminui.

    Este tipo de informação pode não ser fácil de recolher, atempadamente, por outras vias. Acho que o que o que se diz no post faz sentido.

  6. Techjobs.pt says:

    Será mesmo que se aplica em Portugal ?
    Comba-te o desemprego em http://www.techjobs.pt

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.