PplWare Mobile

5G Hub: A Vodafone abriu a porta ao 5G em Portugal


Pedro Simões

Apaixonado por tecnologia, encontro no Pplware a forma ideal de mostrar aos outros os meus conhecimentos e de partilhar tudo o que me interessa neste intrincado universo

Destaques PPLWARE

26 Respostas

  1. Adalberto says:

    Nem 3G tenho, nem ADSL e vai haver pessoal já com 5G ?
    e apostar um pouco no interior ?

  2. Rodrigo says:

    No geral nem o 4G conseguem tirar partido da sua totalidade e já querem saltar para o 5G. Aprendam e ponham primeiro o 4G a funcionar na sua totalidade e depois pensem no 5G. Não se ponham a dar um passo maior do que aquele que podem dar.

    • José Tomás says:

      É triste mas como é normal quem vai sair beneficiado é o pessoal/empresas nas grandes cidades que vão ter acesso a tudo, desde fibra até 1gbps como a 5G que supostamente pode chegar a valores superiores.
      Eu, que moro numa pequena aldeia, fibra nem em sonhos, mas ainda me safo com o 4G por ter auto-estrada perto

    • Luís Man says:

      Verdade. Uma vergonha a cobertura 4g

  3. Klol says:

    Éna altamente 5G! (limite 100gb mensais)

  4. Victor says:

    Excelente! Mal posso esperar para estoirar 100GB em 20 segundos

  5. nuno a says:

    em portugal temos 3g com velocidades de 2g, 4g com velocidade de 3g portanto que venha o 5g, assim já conseguimos velocidade do 4g 🙂

  6. Carlos says:

    Boa tarde @nuno a , reconhecendo grande parte dos comentários que aqui foram postados de facto só mesmo o interior e não será todo é que se pode queixar de falta de cobertura ou de velocidades baixas, pelo menos na Vodafone que eu tenho vai agora fazer 2 anos e embora viva na cidade e tenha acesso a fibra e 1 gb de velocidade , no 4 G eu tenho quase em todo o País por aonde ando e posso dizer que faço muitos kms e vou a muitos lugares , por vezes tens dificuldade de apanhares o 4 G , mas se for esse o caso provavelmente nem o 3 G terás é mesmo uma zona com cobertura muito fraca, acontece , mas não me acontece muito , já com a NOS que era o operador da minha antiga empresa , eu tinha o equipamento ligado por bluetooth, e levava sempre visível num dos displays do carro o menu do telefone aonde verificava vários parâmetros, aí o problema era mais grave, não se tratava só de não apanhar o 4 G , era mesmo ficar constantemente sem cobertura de rede telefónica, sem dúvida o pior operador neste momento dos 3 grandes em Portugal .

    Agora a Vodafone tem é que pensar em outros planos de dados, os que tem já não servem para a actualidade quanto mais para o 5G .

  7. Belmiro says:

    As empresas deviam ser obrigadas a prestar um sinal de qualidade no país todo antes de avançarem para mais velocidade apenas num par de cidades; eu moro numa grande cidade e mesmo assim se não estou no centro tenho só 4G baixo ou mesmo 3G. Numa cidade mais pequena nem quero imaginar…

  8. Jorge says:

    Vocês queriam era a velocidade que tenho em casa… 6 sim 6 mb

  9. Sujeito says:

    Todos os dados a irem para os chineses.

  10. Portugues100porcento says:

    Dava jeito as pessoas irem trablhar para Africa uns anos para dar valor ao que tem.
    Pelos vistos é só empresários de sucesso aqui com estas velocidades. É de um aproveitamento !

  11. Joao Ptt says:

    Sendo governante a primeira medida na área será proibir todas as empresas privadas de actuarem no sector das comunicações móveis.

    – Elas querem distinguir tráfego e cobrar mais por acesso prioritário a determinados locais da Internet.
    – Elas recusam-se a cobrir 100% do território! Temos 3 empresas a operar e nem entre as 3 é possível captar sinal em todo o país com qualidade… logo concorrência não significa melhor serviço coisa nenhuma. Os aparelhos são muito caros mas depois metem todos nos mesmos locais às vezes ao lado uns dos outros ao mesmo tempo que outras localizações não têm cobertura ou têm uma má cobertura de sinal.
    – Elas recusam-se a ter planos de tráfego verdadeiramente ilimitado e com largura de banda garantida mínima sempre elevada (digamos que para os dias de hoje 8 Mbps/ 8 Mbps mínimos) a preços baixos.
    – Elas recusam-se a resolver de uma vez por todas todas as vulnerabilidades das redes de comunicações públicas… sendo que não garantem sequer a segurança e privacidade das comunicações pelo menos até aos servidores centrais deles (tendo em conta as leis que todos os empregados dos povos pensam poder impor sobre os seus patrões de os poder espiar quando bem lhes apeteça desde que algum dos empregados diga que sim que podem espiar este ou aquele patrão… caso contrário deveriam até garantir a segurança e privacidade de ponto-a-ponto).

  12. Paulo says:

    Em Portugal até poderia haver 50G, com os limites de tráfego miseráveis atuais essas tecnologias é só para Inglês ver. Não me importava de poder ter apenas 3.5G com limites de tráfego ajustados à realidade actual.

  13. João says:

    Nem a Vodafone nem a NOS me dá 3G e para não falhas de rede só mesmo 2G na minha residência e em redor, lamentável a 40 kms da capital

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.