Quantcast
PplWare Mobile

Google Meet ganha salas temáticas para um maior acompanhamento dos estudantes

                                    
                                

Autor: Maria Inês Coelho


  1. José Viegas says:

    Quem escreveu este artigo esqueceu-se, salvo o devido respeito, dum pormenor essencial, e que torna esta plataforma insusceptível de poder ser usada por alunos e professores. É que é impossível usar-se esta plataforma sem transferir e colocar à disposição da Google uma enorme panóplia de dados pessoais, tanto de alunos como de professores: nomes e elementos identificativos de alunos e professores, locais, fichas de avaliação, trabalhos e relatórios, classificações, ensaios, áudio (voz), vídeo (vídeo-conferências), horários, contactos, etc, etc.
    Muitos desses dados permitem aliás, lógica e inexoravelmente, a recolha directa, ou a inferência, de um sem número de elementos relativos quer a alunos quer a professores: interesses e gostos; empenhamento, brio, zelo ou falta deles; competências e incompetências, conhecimentos e ignorância; imaginação e criatividade ou sua falta; capacidades ou falta/insuficiência delas; traços de personalidade; aprumo, aspecto e traços físicos; características emocionais; aspectos ou factos da vida particular; etc.
    O uso de uma plataforma deste tipo, além de ser uma irresponsabilidade, pelo que implica de ofensa a direitos como os de privacidade, protecção de dados pessoais e propriedade intelectual, constitui ainda, se feito sem o consentimento expresso dos afectados (professores ou alunos), uma violação flagrante tanto da Lei de Protecção de Dados Pessoais como do respectivo Regulamento, consubstanciando, nesta última hipótese, a prática de diversos crimes, tipificados na aludida legislação…

    • Vítor M. says:

      Se não disponibilizar à Google vai ser à Microsoft ou a outra qualquer que faz comércio com essa informação. Venha o diabo e escolha.

    • Filipe says:

      Sempre foi assim e sempre será! Eu administro a rede onde trabalho e tenho acesso à base de dados com informação dos funcionários… É tudo apenas uma questão de ética e escolher a empresa que melhor nos serve porque nenhuma no mundo pode prescindir de armazenar informação! A diferença entre empresas está apenas no que cada uma faz a seguir com o que tem nas mãos…

      Apesar de tudo, a Google ainda é uma das empresas que não está envolvida em grandes problemas com a proteção de dados. Por exemplo, não quer exportar a base de dados europeia para os EUA, como o facebook quer. A Google usa os dados para nos vender publicidade, que é o que todos sabemos que sempre fez e aceitamos quando acordamos os termos de utilização!

      • Filipe says:

        E falta referir uma coisa, quando fala de escolas. O preço de colocar à disposição da Google uma enorme panóplia de dados pessoais nas escolas é a utilização do G-Suite, uma plataforma totalmente profissional, de uma forma totalmente GRATUITA!!!! kkk

    • Ricardo says:

      Que rir oh José. Se tens assim tanto medo da google cria uma conta falsa, mete um nome falso, morada falsa tudo falso. e tentas usufruir dos serviços da google assim.

      Ainda bem que a google usa todo o tipo de informação que tem sobre mim para poder trazer me melhores funcionalidades para me facilitar o dia a dia, coisas como recomendações baseados nas minhas pesquisas e gostos, baseado nas minhas visitas do google maps, etc etc. A google usa dados de todos “em estatistica anónimizada” para trazer novas funcionalidades ou informação para o publico. por exemplo o google maps vê que se muitos utilizadores estão a andar devagar numa determinada estrada coloca a estrada em vermelho para outros saberem em tempo real que há congestionamento naquela rua. São dados de utilizadores utilizados em prol de todos e ninguém está em perigo com essa informação.

      Deixa de ter uma pala nos olhos e tenta perceber quais os objetivos de uma empresa. Deixa de ser mais um trol na internet. Ou deixa de usar a internet por completo, porque estás a expor a tua informação por ai, se fosse a ti cortava tudo o que era internet telefone e fechava-me em casa. porque na rua podes ser visto em cameras de segurança também. Cuidado. Não estás seguro em lado nenhum.

  2. Albina Bessa says:

    Para mim é uma mais-valia!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.