Quantcast
PplWare Mobile

Google lança novidade para ajudar a enfrentar a crise de energia na Europa

                                    
                                

Autor: Pedro Simões


  1. Transição says:

    Em termos de gás natural, já há tanto, desde armazenamento a 95% a dezenas de navios metaneiros à espera para descarregar, que falta, não vai haver. carvão, já é pouco usado, petróleo está em transição e fornecedores não faltam. O maior problema é a especulação. a coberto da conversa da Guerra, há quem se esteja a encher, duma maneira que é um escândalo. E os governos a assobiar para o lado, contentes com os impostos que isso lhes traz. depois admiram-se de os populistas estarem a ganhar terreno e veem falar em “cercas sanitárias” – as Verdades doem, não é?

    • Castro says:

      os governos podem fazer pouco quando grande parte da especulação é alimentada junto dos produtores de petróleo e gás pela procura desenfreada de vários países concorrendo entre si por stocks limitados. Não podes esperar que sejam os países europeus a impôr unilateralmente aos produtores qual é o preço que vão pagar.

    • Ze Manel says:

      A Espanha ainda agora reativou a central a carvão da Endesa.
      Nós neste momento, num dia sem vento, temos todos os grupos a gás natural metidos á rede, se houver um disparo… temos que nos contentar com a boa vontade de espanha.

    • David Guerreiro says:

      Especulação de quê? Se há menos gás e petróleo no mercado, visto que a Rússia já não fornece ou não compram, os concorrentes ficaram com uma maior procura, e a oferta mantém-se ou até diminuiu, logo os preços têm de subir, é a economia de mercado a funcionar.

  2. Jon says:

    Eu frio não passo!!
    Tenho fugao a lenha cozinho e aqueço a casa

  3. Pensandor says:

    Economia de mercado…oh pá, desde que estou neste mundo só vejo é ganância, por uns terem tanto ,faz com que outros não tenham nada…no papel, na tv, querem construir um mundo melhor para que a sociedade seja organizada e viva melhor… mentiras ,nos nen vivemos em democracia mas sim numa plutrocacia …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.