PplWare Mobile

Ataque ao YouTube apaga Despacito e outros vídeos populares

Maria Inês Coelho

Gestora de conteúdo e de redes sociais do Pplware. Mestre em Economia, foi o fascínio pelo universo da tecnologia e da comunicação que falou mais alto.

Destaques PPLWARE

44 Respostas

  1. Cortano says:

    Fizeram uma boa ação, a malta agradece.

  2. Helder says:

    Segurança da Google é isto…

  3. Youtube Clean says:

    Obrigado! Agora levem o resto dos youtubers portugueses e fazem um favor à sociedade!

  4. Eric Mac Fadden says:

    Bem, e os vídeos importantes? Estão bem?

  5. Não Interessa says:

    Eu percebo-os, também apagava o Despacito de boa vontade 🙂

    • Sxac says:

      Tomarias tu que esse vídeo fosse teu…, dor de corno é f¥D! D@… Eheheh

      • Não Interessa says:

        Muito pelo contrário, não trocava o dinheiro que o gajo ganhou com o vídeo pelos milhares de vezes que tive que ouvir a FDP da música.

        E mais quase que aposto que tu foste mais 1 dos que contribuiu para lixar a cabeça a muita gente com essa M***A

    • Vítor M. says:

      😀 todos odeiam a música, ninguém bateu o pezinho e ninguém cantarolou. Nada, aquilo era abominado por todos… enfim, mas quando dava na rádio, até aumentavam o volume 😉 por isso o tipo levou a música ao nível de popularidade que sabemos. Mas shiiu… não foi ninguém, caluda que é um desaforo tal blasfémia. 😀

      • ervilhoid says:

        Vítor, Desculpa mas há muita gente que não pode com aquilo, eu inclusive, muitos nunca iriam ouvir ou sequer procurar, o mal é que aquilo dava em todo o lado, é impossível não ouvir.

        No local onde passo o dia, tem o rádio sintonizado numa estação que passa essa e outras como essa, vezes e vezes sem conta ao longo do dia, já tive vontade de partir o rádio

        • Louro says:

          E porque nao ao invés de partir o rádio nao decides por algo mais simples e menos violento tal como mudar de estacao?

          Se nao mudas é porque afinal de contas gostas do que lá passa. 😉

  6. Hugo Gomes says:

    Libertem la aquilo para eles libertarem os videos pá 😀

  7. Andree says:

    Mas apagaram mesmo os videos? é que esse despacito continua lá infelizmente

  8. João P says:

    Mas qual é o problema do Despacito (e outros do género) estarem no youtube? Alguém os obriga a ver? Eu estou a usar o Google Chrome, já usei Firefox e Internet Explorer, e nenhum destes browsers, sempre que ia ao youtube, me obrigavam a ver esses videos. Que browser estão a usar?

  9. César Oliveira says:

    Free Palestine. Free Palestine. Free Palestine.

    Apoiado

    Os judeus estão a fazer a mesma coisa que Hitler lhes fez. Isso é absurdo.

    Viva a Palestina. Viva a Palestina. Viva a Palestina.

  10. César Oliveira says:

    Já agora, quando um grupo de hackers vai tomar medidas para a libertação do Tibete ?

    Viva o Tibete, Viva o Tibete, Viva o Tibete.

  11. JCFB says:

    Não se perdeu nada da especial…

  12. Filipe F. says:

    Ja se sabe que foi só a conta da Vevo que foi acedida. Nao foi o youtube atacado nem perto disso. É uma especie de Fappening mas a uma conta do youtube que gere centenas de artistas populares. https://twitter.com/TheHackersNews/status/983630173584154625

  13. Hefesto,o Grande says:

    E pronto,mais uma vez uns mentecaptos SEM NADA PARA FAZER NA VIDA decidem novamente fazer das deles.Não arranjam trabalho nem ninguém os grama e toca a fazer asneiras.É esta a vida destes bandidos acossados.Mas um dia a justiça chega(chega SEMPRE !!),e estes criminosos têm que as pagar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.