Quantcast
PplWare Mobile

Afinal, para que serve o botão “Não Gosto” do YouTube?

                                    
                                

Autor: Maria Inês Coelho


  1. O da casa says:

    Ao contrario do que é sumariamente dito como os “dislikes” serem devido à cor da sereia, é simplesmente entrar nas discussões woke em que se se discorda dum filme desinspirado e que altera personagens para preencher uma agenda é pq se é racista e se vota em Trump… ou algo do genero. Este modus operandi foi usado com o filme caça fantasmas de 2015, mulan, star wars, a nova producao tolkien da amazon etc. Estas adaptacoes são preguiçosas e subvertem a historia original. Quem nao se lembra do blade? Preto e ninguem deu down votes. Porque? Pq e fidedigno a personagem. Agr se criassem um blade branco e que em vez de beber sangue fosse mais cha de tilia, gostava de ver as reaccoes.

    • Sergio says:

      não diria melhor

    • Johs says:

      Top e quanta verdade. Se querem filmes com cor escura, vão aos países nativos procurar dessas histórias. Se querem gays lesbicas non binarios e o raio parta, vão procurar histórias reais e não vestir estas peles nos atores de filmes conceituados só com intuito de likes, clicks e repercursão para fins monetários.
      Netflix está a ficar um degredo nos lançamentos novos 2021/2022 que estou aqui estou a sair(quando a minha equipa concordar terminar).

  2. Godlike says:

    Pode não influenciar as recomendações, mas ajuda o utilizador a decidir se valerá ou não a pena investir o seu tempo a assistir o vídeo.

    E em relação ao motivo de terem removido o botão de dislike foi óbviamente por questões políticas, assim como tudo hoje em dia.
    Basta olhar para os dislikes no canal da Casa Branca desde que o Biden “assumiu” a presidência.

  3. john says:

    O botão “Não Gosto” do YouTube serve para fazer de conta que o YouTube se preocupa com a opinião das pessoas, mas no fundo o que o YouTube pretende é que as pessoas alinhem com a narrativa que eles alimentam. Se pensas pela tua cabeça o YouTube silencia-te! Tão simples quanto isto!

  4. Sergio says:

    Volta youtube de 2006..
    Serem eles a decidir se ocultam a minha opinião negativa ou positiva é surreal.
    Estarem a deduzir que por colocar um like quero ver mais conteúdo daquele género, ou ao contrario um unlike deduzir que não quero ver mais aquele criador, que pode ter tido apenas um vídeo infeliz.. é ridículo.

    Mas pronto, no meio disto tudo só me custa ver as novas gerações a comerem o lixo e tudo aquilo que eles sabem que é oportuno exibirem em 1º lugar. Em vez de serem os próprios a fazerem uma filtragem pura e dura com a sua própria cabecinha.

  5. zecouves says:

    “gosto” e “nao gosto” no youtube? nunca nem vi isso

  6. Joao Ptt says:

    Eles podiam ir um passo além e tirar os botões todos de “gosto”/ “não gosto”, não aderirem à moda das reacções com emojis ou similares, removerem o número de visualizações e o número de comentários… e os números removerem-nos até para os criadores, para não serem influenciados por números.

  7. AlexX says:

    Serve essencialmente para ocultar o número crescente de descontentamentos por vídeos com manobras de propaganda pró regime/matrix protegendo dessa forma os influencers a quem chamam de “shills”.

  8. Daniel says:

    Só falta impossibilitar a visualização dos likes. Afinal sem uma comparação com os dislikes não me serve para nada uma inutilidade .

  9. Luís Costa says:

    Há extensões que conseguem na mesma mostrar os dislikes.. o Google bem que quer seguir a maluquice dos nomes mas não tá fácil

  10. Jane Doe says:

    Hoje em dia não se pode não gostar, temos de gostar de tudo e todos.

    • Vasco says:

      O melhor é seguir o princípio do confucionismo e não tomarmos grandes partidos nas redes sociais. Temos de reaprender a escutar as opiniões dos outros sem nos exaltarmos e sobretudo sem tomar partidos que tenham raízes nas emoções, para não sermos manipulados.

  11. Vasco says:

    O ideal é não reagir com likes ou dislikes que não passam de mecanismos de recompensa básicos ao nível psicológico, e existem muitos, para causar dependência no uso das redes sociais. Esse é o grande objectivo, que se sobrepõe a outras métricas que também podem ser extraídas pelas plataformas a partir desses indicadores. As reacções com emoticons são exactamente a mesma coisa. Viciar.

  12. Profeta says:

    Ha videos engracados que tem “nao gosto” por isso cada um da a sua classificacao mas no fundo nao serve de nada. A pessoa se estiver mal disposta vai dar um “nao gosto” so porque sim.

  13. Rodrigo says:

    Qual é o problema de a pequena sereia ser negra desta vez? É o wokismo? E porque n dar a oportunidade de reinventar a caracterização da personagem? Onde no livro original diz que era branca??? Os negros tiveram acesso restrito à sua representação cultural durante séculos sobretudo no mainstream. Nalguns países foram escravizados apenas por causa da sua cor. Digam me uma coisa o vosso Jesus Cristo loiro e alvo como o leite não sera Uma fantasia imposta? Ele era escuro e não vos Vejo a protestar. Maldita gente racista no armário !

    • V.T. says:

      Quer dizer, és partidário dos brancos pagarem o que os seus antepassados fizeram há 300 anos é isso?

      Não será esse o racismo do século XXI? Ou seja, hoje, somos simplesmente obrigados a que os heróis ou super heróis sejam todos pretos! Isso é uma imposição, e a meu ver é uma forma de racismo!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.