Quantcast
PplWare Mobile

Um regresso às aulas com tecnologia de baixo custo

                                    
                                

Autor: Maria Inês Coelho


  1. Luna Pacheco says:

    Gostava de deixar uma sugestão para quem quer poupar dinheiro. Não comprem portáteis caros, não vale a pena. Em vez disso, montem um desktop e arranjem um chromebook. Porquê? Porque:
    – Para o trabalho pesado, um desktop não só sai mais barato como também tem acesso a gráficas muito mais poderosas que as versões M que estão nos portáteis.
    – Para o trabalho escolar, um chromebook é mais que suficiente. São feitos mesmo para o uso do dia-a-dia e são muito rápidos a carregar aquilo que realmente precisa.

    Relativamente ao chromebook, recomendo em particular o Acer CB3-131-C3VC

    • Anónimo says:

      – Em termos de potência, as últimas gráfica da Nvidia são prova do contrário. Em termos de preço, não faltam portáteis em promoções agressivas que ficam mais baratos que desktops “às peças”.
      – É muito arriscado achar-se que se sabe o que os outros precisam. Contudo, com um Chromebook precisam de certeza de ligação à Internet… e não podem precisar de aplicações especializadas (que são usadas na educação) como AutoCAD, Matlab, Visual Studio e até mesmo partes do Microsoft Office para as quais os manuais foram feitos (como Access ou Excel).

      Em suma, Chromebook é um brinquedo giro, mas o trabalho é feito noutro lado (seja Cloud seja PC “a sério”).

    • Pinto says:

      chromebook num curso n da…office microsoft essencial entre outros softwares que precisam de windows. Nao vou entrar na discussao de qual é o melhor SO mas para estudar ou trabalhar a serio so windows ou macOS funcionam.

    • Miaggy says:

      A ideia do desktop é boa, mas o chromebook é uma péssima opção. Aqui em Portugal tudo gira e trabalha em roda de MS office. E quando trabalha-se e abrem-se documentos feitos em MS office noutro programa qualquer as desformatações são constantes. além disso o chromebook depende de ligação constante à internet (é basicamente apenas o browser).
      Mas um exemplo de uma boa opção poderia ser um desktop com um tablet a correr windows, como o referido no artigo.
      Na verdade tudo depende das necessidades da pessoa.

  2. Myself_PT says:

    Tablet muito interessante mesmo…

  3. censo says:

    Para o trabalho escolar basta lápis, caderno, livros e muita vontade de aprender. Tudo o resto é consumismo. Ah…a calculadora cientifica pode fazer falta em alguns anos. O resto é desnecessário.

  4. Homo Erectíssimo says:

    Só faltam 16 dias exactos para o dia 12 de Setembro,uma Segunda-feira,para que comecem as aulas em todo o país !! Eu até conto os minutos,podem crer !! Mais 2 semanas e tá tudo dentro da “pildra” das escolas,mainada !! Acabaram-se as férias.finalmente !!

  5. Tiago M says:

    E para quem vai estudar para fora, que sugere?

  6. Freitas says:

    Para quem quiser poupar um pouco o Teclast X22 Air está mais barato a na gearbest durante 3 dias e mais umas horas 😀

  7. jaquim says:

    O Teclast X22 Air parece boa compra, mas atenção aos menos atentos pois parece me a mim que vem sem sistema operativo e isso não vem referenciado no artigo

  8. joao says:

    Em alguns fóruns falam muito mal da fiabilidade do chuwi, com várias pessoas a comentar que avariam na 1a semana…..

  9. Jeton90 says:

    Mas ainda há o problema das garantias da GB, ou temos sorte com os tablets ou xau.

    Só ainda não comprei tablet na gearbest porque o que se tem lido por ai a nível de garantia não é nada famoso.

  10. Joao says:

    Para quem quer poupar que compre apenas os livros que isso é que é importante para os miúdos

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.