Não será fácil comprar o iPhone X antes de meados de 2018


Destaques PPLWARE

30 Respostas

  1. QuimRoscas says:

    A barraca do Face ID tem que ser corrigida é óbvio!

    • Pedro S. says:

      Mas que barraca? Eu até sou utilizador de Android, nunca irei comprar da Apple, mas aquilo foi somente a funcionalidade a funcionar a nível de segurança… Há que ler as notícias correctas…

    • Belmiro says:

      Não houve barraca, qualquer modelo que se preze, seja que OS for, pede pin no arranque ou caso a face, Iris ou impressão digital falhe mais que um x número de vezes. Mas é mais que óbvio que ninguém espera que o software esteja já a 100% na altura do lançamento.

      Em todo o caso muitos clientes (em especial os mais velhos e conservadores) estão satisfeitos com o modelo tradicional que custa um bom pedaço menos, tem o mesmo chip e as câmaras são de topo.

      E as alternativas da Samsung e LG são bem mais econômicas e só ficam atrás em números, na realidade tem mais funcionalidade. Já para não falar que está na calha um update para o Note 8 com gravação de vídeo 4K 60 fps, a única coisa que se poderia sentir em falta (à parte duma bateria de 4000 mAh não explosiva)

  2. Bruno says:

    Onde é que foi revelada essa razão? Isso nem bate certo com o que o Ming-Chi Kuo diz na citação, e tem vindo a dizer nas últimas semanas!

  3. Ahahah says:

    O mais provável é aquilo usar um modelo matemático que se treina a ele próprio ou seja quando for massivamente adoptado vai receber milhões de caras (número de telemóveis vendidos) resultado vai melhorar imenso o sistema que por agora tem falta de informação para apreender completamente.

    Eu não tinha medo deste aspeto.

    • Bruno says:

      O que é que estás para aí a inventar? Isso vai completamente contra a descrição dada pela Apple. O sistema de autenticação é fechado e processado à parte do resto do sistema operativo num processador próprio no SoC.
      O sistema já é treinado, não é preciso “surripiar” milhões de caras pelos aparelhos para arranjar imagens de pessoas para treinar o sistema, até porque os maiores problemas não serão com a diversidade de caras, mas com as condições em que os sensores captam imagens, o que requer testes mais controlados.

  4. Miguel says:

    Se eu vir alguém na rua com um mando o ao chão por protesto. Ha androids mais baratos que fazem o mm

  5. Filipe F. says:

    Só pergunto, com tantos milhões porque é que a Apple não contrata um designer de telemóveis decente? Porque aquela traseira que deve ser a mais feia de todos os telemoveis atuais? Porque não um design simétrico e não algo que sem capa fica a baloiçar numa mesa?
    Porque um ecra com cortes do que um ecrã simetrico para dar uma experiencia igual seja o telemovel rodado 90 ou 270 graus (da vertical para a horizontal) do que ficar sempre um lado com uma barra preta a cortar conteudo?
    Custa muito fazer um telemóvel com um design uniforme e equilibrado?

    • Bruno says:

      Mas não se fica normalmente com uma barra preta a cortar conteúdo, apenas se se fizer zoom para full screen, sendo que isso por si só já cortaria conteúdo em 2 dos lados mesmo sem a barra.

      • Joel Reis says:

        Pelos vistos tens duas opções por exemplo num vídeo, ou a jogar, ou ficas com uma barra preta e aquele espaço torna-se inútil, ou ocupa o ecrã todo e perdes aquela parte da imagem, portanto, nenhuma das opções é boa, revelando um compromisso que a Apple, ou na verdade os utilizadores têm de assumir, foi uma jogada de marketing para poderem anunciar um screen to body ratio maior do que aquele que em grande parte da utilização será real.
        A câmara de trás saliente, é outra falha que ainda não foi resolvida e se não me engano ainda piorou. Outra foi a traseira em vidro, supostamente ainda não tinha adoptado carregamento wireless para não fragilizar a traseira com vidro e agora fazem esta jogada… É mais duro, OK, mas não deixa de ser vidro. Penso que o X revela uma mudança de paradigma na Apple, deixou de jogar pelo seguro, assumiu compromissos para quebrar com o mesmo de sempre, vamos ver como reage o mercado.

        • Bruno says:

          @ Joel Reis, conteúdos video e imagens não têm rácio de dimensões capazes de encher a 100% um ecrã com aquelas proporções quer tenha barra ou não, quer seja o iPhone X ou Samsung Galaxy S8 ou outros, sem que haja perda de parte da imagem! Também chamas inútil aos outros?
          Segundo ponto, haver situações em que pode não ser utilizado não o torna inútil, pois é aproveitado em muitas outras, e tens uma noção deturpada do que é grande parte da utilização.
          Terceiro ponto, a Apple não anunciou nenhum “screen to body ratio” em lado nenhum!
          “supostamente”? Engraçado como constróis a falácia, como se a Apple não tivesse usado vidro na traseira durante anos noutros modelos de iPhone, aliás o iPhone SE que está à venda até tem dois vidros na traseira.

          • Belmiro says:

            Num S8 podes aumentar a imagem (cortando parte da imagem) mas até agora ainda não vi problemas nisso ou perda de qualidade perceptível, além dos 4K HDR estarem brutais …

          • Joel Reis says:

            É claro que qualquer área não aproveitada é inútil! E no bowser, em que fica com uma barra branca? Ridiculo! “Aproveitado em muitas outras”… lol!
            A Apple não anunciou, nem precisa, outros anunciam por eles, para os compradores verem e acreditarem….
            Portanto a traseira em vidro não foi para o carregamento wireless, foi para ficar bonito… ou resistente?

          • Bruno says:

            @ Joel Reis, continuas com as falácias! A “área” é aproveitada para os elementos da barra de estado, que está presente todos os iPhones quando se usa a grande maioria das aplicações, ou seja, é útil pois liberta o resto do ecrã desses elementos, dando mais espaço às aplicações.
            “uma jogada de marketing para poderem anunciar ” Falso!
            Portanto, falácias desmascaradas!

    • José Carlos da Silva says:

      Acho qualquer S8, V30 ou Mi Mix muito mais apelativo e equilibrado esteticamente. Tinham tudo para fazer um design perfeito e não deixar ali aquilo no topo do ecrã. O X parece mais um protótipo/concept, do que um produto final e pronto a comercializar.

      E… Só para meados do próximo ano? Por essa altura já estará tudo à espera do iphone 9 (?) ou XI (?) (ou talvez acabem com a numeração, e passe a ser apenas iphone, sendo identificado pelo ano).

  6. Julinhe says:

    Já está disponível para reserva em Portugal no site oficial, pena é os 1179€ que custa, mais vale esperar uns 6 messes até baixar numa das lojas europeias da amazon para uns 800€ quando isso acontecer penso em trocar .

  7. UmRevoltadoComOMundo says:

    Não será mesmo fácil comprar! Principalmente por causa do preço… Lei da oferta e da procura… O que é difícil de conseguir é mais caro- Primeiro vende o 8 que é quase igual ao 7 e depois vende o X. Apenas marketing.

  8. helioM says:

    Para mim deve ser lá para 2058, quando ele estiver a apenas 500 paus

  9. Hugo Gomes says:

    Sim não será facil nao nem antes nem depois, com aquele preço

  10. Daniel says:

    A Apple no último trimestre tem vendido uns 70 milhões de equipamentos. Se os 40 milhões de Iphone X em 2 meses estiverem corretos, ou a Apple vai vender poucos iphons 8, ou as vendas vão aumentar muito.
    Tenho muitas dúvidas no valor de vendas do iphone X a estes preços. A apple arriscou ao ter lançado um Iphone prémio a estes preços passando a sensação de equipamento banal ao Iphone 8. O face ID sem touch ID é também arriscado.
    Tendo em conta o preço do Iphone X e do 8, a venda de carregadores rápidos, etc, não tenho dúvida que o Lucro da Apple vai aumentar, mas quanto ao volume de equipamentos tenho mais dúvidas, em particular em 2018.
    Vamos ter de esperar para ver se a aposta da Apple foi certa ou errada.

  11. NG says:

    …”A Apple não defraudou as expectativas “… ??? ! lol

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.