Quantcast
PplWare Mobile

Maioria diz que os novos iPhone 14 da Apple “não são nada de novo”

                                    
                                

Autor: Marisa Pinto


  1. Joseph Goebbels says:

    novidades novidades so no continente

  2. JRV says:

    Desiludido, entre outros pontos, a falta de alteração de design (prefiro design do XS), usb-c, Pass-through Charging e para mim o principal, fingerprint sensor.
    Não esquecendo o aumento do preço…

  3. Honorato says:

    Mas é alguma mentira

  4. OrioN says:

    só alguém muito doente defende a inovação entre gerações destes dispositivos.
    Desde o Iphone 12 ao 14 pouco mudou, interna e externamente.
    A questão mais grave prende-se ainda com a implementação de tecnologia previamente existente no mercado e anunciada como inovadora, e mais grave ainda, afirmando que são lideres em segmentos em que os benchmarks provam o contrário.
    Nada contra, o mercado é livre, mas o consumidor é infelizmente muito pouco exigente.

  5. David says:

    Ninguém obriga ninguém a comprar!
    Quem estiver insatisfeito, escolhas não faltam! Então é mudar!
    Quero é que me digam uma marca/modelo, tirando os modelos de ecrã curvo que é uma inovação fantástica, algo que vamos todos utilizar e que é verdadeiramente útil para a sociedade…
    É que eu não consigo ver uma… mas aguardo os comentários! Ou eu ando distraído!
    A única coisa que eu gostaria de ver mas ainda falta muito e está longe de uma verdadeira revolução é a câmera por baixo do ecrã… mas não isso seja algo Uau, não é!
    Evolução é retirar o aço inox e colocar titanium já que aumentaram de preço! Isso sim seria inovação, inovar no peso mas concordo que o design do iPhone XS era melhor, mais prático, mais fácil de usar!

    • Tony says:

      Já varias marcas começaram com inovações. Ecrãs curvos ainda nao percebi bem qual é a utilidade, mas nao deixa de ser inovador.
      Ecrãs dobráveis acho uma inovação primórdia do que aí vem, mas nao deixa de ser uma inovação. Já se consegue “dobrar um ecrã”! Para além do facto de ser dobrável vejo aqui um potêncial para muitas outras coisas, ecrãs maleáveis que partem mais dificilmente, que poderão ficar maiores/mais pequenos.

      Uma inovação que está esquecida, provavelmente pelo facto da Apple não o ter feito ainda são as cameras retráteis.

      • David says:

        Não irá haver câmeras retrateis nos iPhones! Com o Face ID não dá…
        Não digo que não tenha aplicações importantes em relação aos ecrãs que se dobram… mas estamos a anos luz de algo verdadeiramente útil e pratico!
        Precisamos de baterias pequenas e de longa duração… o carregamento rápido foi uma evolução mas não resolve o problema… elas continuam grandes e viciam…
        A Samsung já usa ecrãs que não partem nos telemóveis… o que se danifica maioritariamente é o vidro que está pela frente… o ecrã por detrás é em plástico…ou um material maleável…
        Os Fold 4 são inovadores mas serão eles realmente práticos no uso como telemóvel ou no uso como tablet? O S22 Ultra é extremamente prático como telemóvel! O Note tb era extremamente prático mas o ultra e o Note só diferenciavam pela caneta e software… o Note era a Samsung ganhar dinheiro com HW com quase um ano… pq era igual ao S ultra ou o Plus só que com um aspecto exterior um pouco diferente e com a caneta… digamos que um S22.5 ultra…

  6. José Fernandes says:

    Bom dia a todos.
    Queria começar por dizer que os intendidos nos iPhones, só olham para a rapidez de processamento, memória e pouco mais! Pois deixe-me voz dizer o iPhone em termos de captação de sinal terrestre é muito fraco, em relação a outros smartphones, também na captação de Wi-Fi tem deixado muito desejar! Outro factor importante é que o iPhone faz downloads sem o proprietário saber, seja das aplicações ou de backups, nos outros smartphones o utilizador vê quando o download está a ser feito e pode interromper se assim o quiser, isto porque se tiver que pagar por um pacote de gigabytes limitado, vai ter consequências monetárias para o utilizador!
    Sou um utilizador da Apple, desde iPhone, Apple Watch, MacBook, etc, e nas minhas viagens de trabalho tenho que optar por utilizar um smartphone de sistema Android para não ter muitos dos inconvenientes acima descritos!

  7. Johnny Barbosa says:

    A Apple está transformar o iPhone normal no SE.
    Toda a inovação, mas mesmo toda a inovação sai na versão Pro. Antigamente não era assim. O Pro tinha uma ou outra inovação disruptiva, mas que só fazia falta aos Profissionais.
    Infelizmente a Apple está querer ganhar muito dinheiro assim. Porque vende o normal muito caro praticamente sem evolução. Ganha muito mais pelo mesmo hardware que já tem pelo menos 1 ano.
    Das duas uma. Ou as pessoas vão passar para os Pros ou não vai haver a mudança que havia para os novos iPhones normais porque o pessoal não vai ver razão para mudar.
    Já no relógio é igual. O Ultra tem 1000 coisas novas, o normal quase nao tem nada.
    Muito desiludido com a Apple.

  8. Dalex says:

    Que mais existe para inovar nos smartphones? O mesmo pode ser dito das Tvs, consolas de videojogos etc.

  9. SANDOKAN 1513 says:

    Na questão desta semana nem posso votar.Eu nem sei o que é um cheat nem tão pouco jogo jogos electrónicos.

  10. PM says:

    Não comprem. Ninguém obriga a comprar. Os preços ficaram bem mais caros e as jogadas de marketing da Apple estão a esgotar com a falta de originalidade da marca. Tenho iPhone desde 2010 e sempre fiquei contente com os equipamentos, mas neste momento sinceramente, parei no 12, porque tem 5G.

    • David says:

      Mas vale a pena mudar? Não
      Ter um Note 10 vale a pena mudar para o S23? Não …
      A malta quer e coisas novas pq a partir de uma altura todos os anos tinham algo novo e diferente mas não HÁ NADA HOJE QUE SE JUSTIFIQUE… simplesmente não há!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.