Quantcast
PplWare Mobile

COVID-19: Há uma vacina direcionada à variante Ómicron

                                    
                                

Autor: Pedro Pinto


  1. SPr says:

    A Madeira não pode dizer o mesmo… Mais internamentos e mais mortes do que antes da Vacina!

    Fonte: Dados divulgados oficialmente do SESARAM, população vacinada com uma taxa de 99% ou ai perto.

    E a maioria é vacinados com dose de reforço que morrem.

    Ahahaha só não vê quem, não quer.

    • Miguel says:

      A Madeira devia ser estudada, graças à elevada taxa de vacinação.
      É um bom caso de estudo para saber se realmente surtiu efeito ou avaliar as doenças que têm surgido e mortes sobretudo devido a problemas cardiacos.
      A mim parece-me que as hospitalizações diminuiram não devido à vacina mas sim, devido à variante menos agressiva “Omicron”

  2. SANDOKAN 1513 says:

    Esta dose de reforço preferia antes que fosse da Pfizer do que da Moderna.Não confio muito na Moderna.

  3. AlexS says:

    Já estamos há 10 meses continuos com mortes em excesso, nunca aconteceu. Em Julho 21% mais do que no mesmo mês do ano passado.
    Isto depois do Covid ter levado muitos dos mais vulneráveis.

    E ninguém excepto os “negacionistas” tem curiosidade sobre tal facto extraordinário.

    • rSP says:

      Os anti-teorias que respondam ao meu comentário relativamente a Madeira, números maiores (e antes que falem da mascará já existia números assim mesmo uso de mascará obrigatório).

      Respondam, falem. São dados oficiais! Morrem mais gente vacinada com dose de reforço ou apenas com vacinação completa do que não vacinados. E estamos a falar de a volta de 80 a 100 casos diarios ou mais!

      Como explicam isso? Onde andam os anti-teorias? Antes das vacinas, a Madeira era a que tinha menos mortes!

    • UnhuzPT says:

      Que tal estudar os assuntos antes de escrever estas coisas?

    • Paulo says:

      imagino portanto que ainda estas fechado em casa e vais ao mercado de mascara e com garrafa de alcohol gel? Corrige-me se estou enganado.

    • Rui partes says:

      VAIDS. Preparem-se

      • Miguel says:

        O que é isso?

        • Rui partes says:

          Vaccine Acquired Immune Deficiency Syndrome (VAIDS). “Vacina” reduz drasticamente o seu sistema imunológico. As primeiras publicações nas revistas médicas de peso estão a aparecer.

          • Miguel says:

            Obrigado, vou estar atento a esse acrónimo

          • Luis Rosalino says:

            Mas a vacina do COVID é a unica a fazer isso?

          • Rui partes says:

            Sim. o sistema imunológico comprimido = morte. A taxa de mortalidade: Portugal + 21%, Noruega + 17%……

          • Luis Rosalino says:

            Mas é mesmo a única? Então só pode ser teorias de conspiração, seria muito imprudente a humanidade colocar em risco a sua existência dessa forma negligente.

          • Rui partes says:

            Não sei. È primeira “vacina” de MRNA. Hoje em dia não se pode acreditar em nada, especialmente na “ciência”. Muita gente morre acima da média especialmente nos países onde tem muitos vacinados.

          • Luis Rosalino says:

            Ahhhh, entao “não se pode acreditar em nada” mas é preferível acreditar em suposições, esta certo! A evolução da capacidade de pensamento humanística está negativa! Enfim, culpa das automatizações e a entrega à tecnologia das coisas “simples”

          • Ze says:

            Jjá agora podias colocar aí uns links para as revistas médicas de peso.
            Mas peso científico ou peso… físico? É que se tiver muito para ler é melhor um vídeo do youtube.

            O vírus da COVID existe e mata. Mata mais que a gripe. Tem mais efeitos secundários e as vacinas alguma coisa fazem. E não, não vi na TV, no facebook ou no youtube. Vi no meu local de trabalho nos últimos 2 anos e meio! Mais respeito pelos que morreram e pelos que ficaram com problemas de saúde após!
            A seguir ainda pedem para queimar em praça pública esses malandros (e malandras) dos profissionais de saúde.

  4. Paulo says:

    Eu acho que vou esperar pela a seguir a Omicron.. o que acham? É melhor ter a mais atualizada não? Ou da depois para atualizar?

    • Godlike says:

      O melhor mesmo é fazeres um Hard reset ao cérebro.

      • Paulo says:

        Power mais tecla do volume?

        eu gosto de ter tudo atualizado. O antivirus atualiza todos os dias pah! qual o teu problema de existência diz la. XD Ou é so comichão de pandémica?

    • RicM says:

      Isto não é conselho médico pelo que não me responsabilizo por ações tomadas mas a meu ver não há vantagem nesta vacina pois é para uma variante (praticamente) extinta.
      A Omicron BA5 veio fazer o que as vacinas nunca fizeram: gerar a tão ambicionada imunidade de grupo.

  5. Tonheco says:

    Covid? Omicron? Isso é o quê mesmo?

  6. Rui partes says:

    VAIDS = o que vais acontecer.

  7. 1984 says:

    Sim pois.
    depois dizem que a mortalidade está a aumentar e não sabem o porquê, ficaram estupidos, a solução está na ponta da agulha.

    • João says:

      Toda a gente sabe que é o aquecimento global que está a causar a mortalidade em excesso. Que a grande barreira de coral comece a crescer se não é verdade.

  8. João says:

    Temos que zerar a contagem ou podemos continuar a contar a partir da dose 3 ou 4?

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.