Quantcast
PplWare Mobile

Firefox volta a perder terreno para o Edge e Chrome mantém-se no topo

                                    
                                

Autor: Pedro Simões


  1. Joao Marques says:

    Coincidentemente com a época em que declarou Donald Trump “culpado” pela invasão do Capitólio, que o Firefox teve uma queda mais acentuada.

  2. AJMS says:

    São as plataformas que estão por detrás desses 2 browsers que fazem que sejam os mais usados, para mim felizmente existem browsers bem melhores só que não têm esse suporte aliado a uma marca tipo Google ou Microsoft. Aliás o Chrome sendo o mais usado é um dos mais limitadinhos que atualmente existe, daí começou agora a copiar funcionalidades dos browsers que nem aparecem nas estatísticas.

  3. Bruno says:

    Mas o Firefox não tem um sistema que impede o tracking do Google Analytics, StatCounter e afins? Logo é normal esse valor tão baixo.

    • :-) says:

      O Firefox utiliza uma versão shimmed de alguns scripts (nomeadamente do Google Analytics) para impedir tracking, no entanto, o marketshare é medido através do User Agent o que não afeta esta contagem.

      E sim, eu sei que há pessoas que alteram o UA para o do Chrome para poder utilizar certos sites que bloqueiam o Firefox devido a “compatibilidade”.

  4. :-) says:

    Esta notícia não está correta, o Chrome é que perdeu marketshare para o Edge, não o Firefox.

    https://www.reddit.com/r/firefox/comments/mkig88/microsoft_edge_browser_now_is_the_third_most/gtg24ll

    • palerma says:

      Muito bom!
      Obrigado pela partilha e pela reposição da verdade!

      • zequinha says:

        Quem usa o Chrome, não se importa de usar o Edge, pois é farinha do mesmo saco. O Windows está sempre a empurrar o Edge, por isso…

    • FAR says:

      Os títulos dos artigos tendem a ser propositadamente “inflamatórios”. É assim 😛

      Disto isto é realmente de lamentar a info-exclusão que se reflete nestes números: o pessoal não tem noção do valor da sua privacidade. Está mais do que comprovado que o Edge recolhe ainda mais informação sobre o utilizador e pior agrega-a ao mesmo. Mas pronto, as coisas são como são /shrug

      • Blox says:

        ” Está mais do que comprovado que o Edge recolhe ainda mais informação sobre o utilizador e pior agrega-a ao mesmo.”
        Mostra provas concretas do que dizes!

        • Joel says:

          Há vários sites internacionais de tecnologia a reportarem isso. O Edge vai agregar vários dados sobre os usuários e a sua utilização no Windows 10 e enviar à casa mãe.

        • FAR says:

          Basta escrever “edge privacy” em qualquer motor de busca, mas deixo aqui dois:

          www. zdnet. com/article/a-professor-says-edge-is-the-worst-for-privacy-microsoft-isnt-happy/

          www. reddit. com/r/sysadmin/comments/fgvyju/microsoft_edge_browser_is_more_privacyinvading/
          (este no fim tem uma ligação para um paper publicado pela Trinity College Dublin)

        • FAR says:

          A seguir vai querer que lhe apresente também provas concretas de que a terra é redonda? 🙂

      • zequinha says:

        Não se importam com isso, mas depois são os primeiros a reclamar!

    • AqueleAmigo says:

      *clap clap clap*
      Obrigado

  5. Carlos Santos says:

    Topo: blink, blink e blink

  6. Wagner Albuquerque says:

    Tudo é a mesma coisa: BLINK

    Firefox é o que mais pensa no usuário. Simples assim.

  7. SANDOKAN 1513 says:

    Pale Moon e está feito. 🙂

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.