Quantcast
PplWare Mobile

Magsafe: Funcionalidade exclusiva do iPhone 12 afinal funciona no Pixel 5 da Google

                                    
                                

Autor: Pedro Simões


  1. Sílvio Pinto says:

    iMagSafe ahahaha

  2. B@rão Vermelho says:

    Estava eu a achar que era uma das novas funcionalidades que mais interesse tinha nos novos Iphones e afinal é uma cópia?
    Acho que aos poucos se vai ver que há mais para fazer com o Megasafe.
    E atenção ñ sou fanático por marca nenhuma em especial, uso Ipad, Ipode e Imac e o meu tlf é um Samsung Note 8, e acabei de comprar o Note 10 Plus, adoro tecnologia seja ela de que marca for, há boas ideias em todas as marcas e produtos fantásticos.

    • Lucas says:

      O MagSafe usa o standard de carregamento wireless Qi, como tal pode carregar qualquer aparelho que suporte o standard. Quanto à questão magnética, os magnetes estão lá principalmente para optimizar o alinhamento com a bobine do carregamento wireless. Não é o primeiro a fazer isso (a Palm fez isso há 10 anos atrás), mas o Pixel 5 agarrar não quer dizer que este tenha implementado uma forma de alinhamento magnético para o carregamento.

  3. EM says:

    Isto agora está um espetáculo, um gajo para roubar já só tem que dizer “Passa o telemóvel!” que já vem com carteira e tudo!

  4. Lucas says:

    segundo o video também consegue agarrar a outro iPhone, não é apenas o Pixel!

  5. iDespairing says:

    Who cares, tenho um 12 pro encomendado, por mim desde que funcione com os 3 carregadores existentes incluido o do carro. Nao vou gastar mais dinheiro num carregador Magsafe.

  6. Cicrano says:

    A IKEA roubou esta ideia do MagSafe á Apple… em 2018!

    • Vítor M. says:

      Bom dia. O MagSafe é um conector de energia elétrica da Apple introduzido em conjunto com o MacBook Pro em 10 de janeiro de 2006. Depois disso, a Apple já o adaptou a vários dos seus dispositivos. Este é mais um 😉

      • Manekas says:

        Porque não foi isso referido no artigo? Veneno editorial?

        • Vítor M. says:

          Não, porque no artigo a ideia não era aquela que o Cicrano (porque desconhece certamente a história da tecnologia) estava a tentar passar. A ideia do artigo, e bem, era dizer que estes dispositivos agora lançados pela Apple, não sendo para outros smartphones, também funcionam mais ou menos. No iPhone 12 estão talhados para estar totalmente funcionais, mas outros podem também ser usados. A ideia no artigo não era dizer que o Magsafe só apareceu agora e que era ideia de terceiros.

          A cabeça de alguns é que tem muito “beneno” 😉

    • Lucas says:

      A IKEA tem carregadores wireless que se agarram magneticamente?

    • Guile says:

      E algum equipamentos de cozinha japoneses (fritadeiras, etc) copiaram a ideia de conectores de energia magnéticos no início dos anos 2000 à Apple e ao Ikea.

      Malditos japoneses, sempre a copiar!

  7. Jorge Carvalho says:

    “Ainda assim, este carregador sem fios fica preso, sem cair, tal como acontece no novo iPhone e não acontece nos modelos anteriores.”

    Acontece também ….

    Abc

  8. N1ldo says:

    Só acho engraçado eles darem um nome qualquer só pra parecer mais importante do que dizer simplesmente carregamento sem fio, o mesmo vale pra impressão digital. Kkkkk que aliás, é uma bosta, super, hiper, mega power fast, 15w. Kkkkkkkkkkk só rindo mesmo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.