Quantcast
PplWare Mobile

Google paga à Apple para não lançar um motor de pesquisa? Processo em tribunal diz que sim

                                    
                                

Fonte: TheRecorder

Autor: Pedro Simões


  1. Pedro F. says:

    Alguém me explica como é que por não haver um motor de pesquisa da apple se está a suprimir a competição de concorrentes menores?
    Ou dito de outra forma, se a apple criar o seu próprio motor de pesquisa em que é que a situação dos motores de pesquisa que ninguém usa melhora?

    • Paulo Martins says:

      Pensa um bocadinho, aqui o problema não é não haver ou não um motor de pesquisa da Apple mas o facto de a Google pagar à Apple para não criar um.
      Quem está a abusar da posição dominante é a Google, imagina o que era a Google simplesmente pagar directamente a qualquer empresa, neste caso foi a Apple mas podia ser a MS ou uma nova startup, para não desenvolver um motor de pesquisa de forma a não ter concorrência, nunca mais iria aparecer um novo concorrente para os motores de busca, consegues ver agora o problema?

      • Pedro F. says:

        A Google não pagou a qualquer empresa. Paga à apple e a Apple aceita porque lhe é conveniente.
        Continuo sem saber o que é que o facto de a Google pagar à Apple prejudica a concorrência…
        Ou seja, não. Não vejo o problema porque o problema que referes é baseado em coisas que não acontecem…

        • Vítor M. says:

          Claro que é win win para as empresas envolvidas, mas não será para o utilizador. Um motor de pesquisa desenvolvido pela Apple poderia trazer menos controlo à Google e isso poderia trazer mais e melhores serviços na pesquisa e não só.

        • Paulo Martins says:

          Uma ação como esta não passa a ser legal porque só acontece uma vez, eu sei que é irrealista a Google pagar as todas as empresas para não desenvolverem produtos concorrentes mas isso não torna legal as instâncias em que eles façam isso.

          E obviamente que este negócio é conveniente tanto para a Google como para a Apple mas pode não ser o melhor para o consumidor ou outras empresas no mesmo mercado.

          Já percebi que para ti o facto de a Apple criar ou não um motor de pesquisa não afeta a tua vida e por isso não consegues ver o problema, imagina então não este cenário: o Continente pagar ao Pingo Doce para não construir um supermercado na tua cidade? Achas que o mercado/consumidor sai beneficiado? Ou a MEO pagar à Vodafone para não disponibilizar serviços 5G? Pode parecer diferente mas estamos a falar da mesma coisa, pagares para não teres concorrência no mercado.

          • Pedro F. says:

            Isso que dizes acontece e não é ilegal…
            Tens em Leiria um shopping fechado a 300m do continente por isso mesmo.
            De resto, penso que ainda não percebeste que o facto de a Google pagar à apple não impede ninguém de criar outro motor de busca nem é o que está em causa. O argumento é que por a google pagar à Apple as outras saem prejudicadas…
            A google pagou para o seu ser usado por defeito…
            A nvidia não paga nada à amd e não há mais fabricantes de placas gráficas por isso…
            A Microsoft/AMD idem…
            Android/IOS idem…

    • diogo says:

      Vou te deixar uns factos importantes.
      – A publicidade é a principal fonte de receitas da Google, devido a colecta de dados que faz de todos os utilizadores e com isso consegue fazer publicidade dirigida.
      – Em Agosto a google pagou a Apple 15 mil milhões de dólares para ser o motor de pesquisa por defeito no safari
      – Maior parte dos anunciantes quando criam uma publicidade dirigida usam como referencia quem tem equipamentos topos de gama optando na maioria das vezes por utilizadores com iphones e macs pois são eles que dão o maior retorno.

      É óbvio que a google se sentiu ameaçada mal soube que a Apple podia lançar o seu motor de pesquisa e lhe roubar uma fatia bem grande da publicidade, estamos a falar de biliões de dólares…

  2. diogo says:

    Uma coisa é certa nos últimos meses o Applebot tem trabalhado com mais intensidade até algumas plataformas já preparam os seus websites para detectar as visitas do Applebot como web crawler.

    Com este processo em tribunal, apple pode lançar o seu site de pesquisas mais cedo para tentar provar o contrário.

    A internet só tem a ganhar se existir mais um concorrente de peso no mundo dos motores das pesquisas dominado praticamente pela google.

    • vacinasfuncionam says:

      Só usas os productos da Google se quiseres. Ninguém te obriga. Daí a concorrência desleal é um mito.

      • diogo says:

        Sim é verdade e não disse o contrário, no entanto bem sabemos que existe empresas que se tornam muito grandes e poderosas para alguém lhes fazer concorrência, aliás se aparecer alguma coisa que lhe possa fazer frente compram logo essa empresa por isso só outra empresa com muito capital disponível pode tentar fazer concorrência a Google.

        • vacinasfuncionam says:

          A Apple normalmente é que faz isso, especialmente quando rouba patentes e compra as empresas que não se podem defender em tribunal…

          • diogo says:

            Não é só a Apple, quase todas as empresas muito grandes pensam que podem estar acima das regras de mercado.
            Por isso só temos que agradecer que as leis existam para tentar mitigar estes problemas de “grandeza”!

  3. Xnelox says:

    Tretas, qual é o problema de pagar para não existir? Alguma dizerem-me em pagar e comprar uma empresa para deixar de existir? Uma prática é ilegal e a outra é legal com o mesmo resultado? …tretas

  4. Os 15 mil milhões USD says:

    A história não está bem contada.
    Há anos que a Google paga à Apple uma grande quantia para o Google Search ser o motor de pesquisa pré-definido no Safari (iPhone, iPad e Mac). Para 2021 o valor foi estimado em 15.000 milhões de dólares.
    O Safari permite optar pelo motor de pesquisa DucKDuckGo. E mesmo usando no Safari o Google Search, pode ser bloqueado o rastreio entre sites, o que não acontece quando se usa o Chrome. A garantia de privacidade relativamente à Google está, primeiro, no uso do Safari em vez do Chrome e, adicionalmente, no uso do DucKDucKGo (que também bloqueia o rastreio).

    O acordo entre a Google e a Apple impede a Apple de desenvolver o seu motor de pesquisa (ou comprar o DucKDuckGo)? Não se sabe (com este processo em tribunal pode-se vir a saber), mas, recebendo a Apple a maquia referida, não há de ter pressa em o desenvolver. Se essa maquia tem uma parte fixa e uma parte variável conforme os lucros da Google, também não se sabe.

    Agora quanto à questão de fundo, se esse pagamento da Google à Apple e as condições adicionais, caso existam, contraria as leis da concorrência dos EUA, só os tribunais podem dizer.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.