PplWare Mobile

A Apple terá começado a testar a porta USB-C no iPhone 15 em janeiro de 2022

                                    
                                

Autor: Pedro Simões


  1. Francisco Teixeira says:

    Tendo em conta que as portas USB-C já são usadas pela Apple em muitos equipamentos deverá ser uma mudança fácil e pacifica, com a qual estou totalmente de acordo.
    No entanto a porta “Lightning” é extremamente fiável e duradoura.

  2. ervilhoid says:

    A UE serve é para isto, para obrigar e multar

  3. V.T. says:

    Agora digam todos… obrigado União Europeia por seres mais nossa amiga do que a própria Apple.

  4. Marko says:

    É que a malta é mesmo tapada desculpem lá… Então não é melhor um cabo único que por sua vez é bem melhor que os lightning? Tirem lá as palas, acho muito bem a Apple não aceita, não vende na UE.
    Era o que faltava agora uma marca fazer as regras de um país ou Continente… Até vou mais longe a UE devia obrigar a vir com cabo e carregador como fez o Brasil, mas falo da Apple e das restantes marcas a praticar a mesma aberração tipo Samsung!
    Não aceitam, não vendem e amigos a mesma… Querem vender “na casa” dos outros, têm de aceitar as regras dos outros!

    • KeyboardWarrior says:

      “Não aceitam, não vendem e amigos a mesma” ou “Não gostam, não compram e amigos na mesma”

    • Magnifico says:

      Vamos lá a ver bem quem é que é tapado.
      1º onde é que o cabo é melhor?
      2º esta directiva vem inviabilizar/castrar o desenvolvimento de futuras tecnologias. Pois não podem ser mudadas as formas de ligação física dos equipamentos. Pela sua ordem de ideias ainda estavam todos no USB-A, provavelmente.
      3º Os cabos SEMPRE vieram com os equipamentos (da APPle e não só).
      4º Ninguém quer fazer as regras de um país ou continente. O que está em causa é a liberdade de escolha que está em causa. Ninguém é obrigado a comprar determinado produto.

      Nota de pé. Já pensou se não fosse o Lightning ter sido lançado muito provavelmente não tinha aparecido a ficha reversível? Ou é você que é o “tapado”?

    • Repara says:

      Já ouço essa conversa desde o tempo do micro-USB. E até que era melhor que o Lightning. Chamo-lhe síndroma do Android – “Igual ao Android é que é”.
      Quanto ao carregador: smartphone + carregador é um preço, sem carregador é mais barato. Carregadores da Apple já devo ter uns 7, incluindo dois USB-C. Por que é que devo comprar e pagar mais um se não preciso dele?

    • Marko says:

      KeyboardWarrior

      Exatamente, por isso é que eu não compro, e a Apple que faça o mesmo… Não venda ; D

      Magnifico

      1° É fazer uma breve pesquisa e vê que é bem melhor… Logo as velocidades de transferência, durabilidade.
      2° Oi?
      3° Lê o que disse antes de dizeres tolices o cabo sempre veio, o carregador também? Pois… Para mim vinham os 2 foi o que disse, especificando porque pelos vistos tem de ser assim já que o cabo vem, devia vir também o carregador.
      4° Pois claro, convém né? As regras vão ser assim a Apple tem a liberdade de escolha se as aceita e quer vender nesses paises ou não simples… Ninguém é obrigado a tirar a carta de condução, se quer conduzir têm de a tirar de acordo com as leis do país, não aceita/quer não tira simples.
      Nota de pé: boa anedota!

      Repara

      Eu conheço muitos assim quando eram pequeninos… Bem aldabrões…
      Os Iphones são mais baratos desde que tiveram a ideia berrante de tirar o carregador? Onde? Na terra aumentam de preço ano para ano… Então e eu que não tenho Iphone e se não tiver carregador se quiser comprar um já tenho de comprar ? Pois está certo!

      ” Chamo-lhe síndroma do Android – “Igual ao Android é que é”.

      Pois tá claro, a prova disso é as features brutais e inovações fantásticas da Apple são as que existem no Android faz tempo! 😀

      Tenho dito é a minha opinião, quem não gosta passa a frente (⁠◠⁠‿⁠◕⁠)

      • ervilhoid says:

        “ As regras vão ser assim a Apple tem a liberdade de escolha se as aceita e quer vender nesses paises ou não simples… ” e a liberdade de escolher o que quer para os seus produtos?

        • Marko says:

          Claro que tem, simplesmente não implementa o USC-C nós equipamentos e vende fora da UE, simples!

          Eu posso querer comer um hambúrguer de carne de vaca com batatas fritas sou livre disso, em minha casa na de 3°s se forem vegetarianos tenho de respeitar se quero lá jantar adapto-me ao que me derem, se não concordo ou quero mesmo comer um hambúrguer de vaca com batatas fritas ou como em minha casa, ou vou comer a outro sítio é lógico… Todos têm liberdade de escolha a Apple, os clientes, os não clientes todos! A UE não quer proibir a Apple de vender lightning, quer que nos países da UE vendam com cabo USB-C para ser o único na UE.
          Ásia, EUA, África e Oceania pode vender lightning há vontade…

          • ervilhoid says:

            E achas que faz sentido? Só nesta Europa autoritária, nem vou alongar mais porque já estou a ver o teu tipo..

          • Marko says:

            Todo, e se o lightning fosse melhor que o USB-C e o implementassem iria entender da mesma forma… Chama-se simplificar as coisas, então tiram o carregador com o argumento do “meio ambiente” e depois fazem um cabo diferente? Já não deixam de comercializar um modelo exclusivo de cabo único para os equipamentos da marca? Pois… chama-se a isso interesse e se não vires isso também já estou a ver o teu tipo e embora estejamos a debater um assunto com respeito e educadamente não temos a mesma perspectiva nem visão global da coisa! Não acho, simplesmente quer ser minimalista, simplificar e reduzir o comércio desnecessário de dois tipos de cabo para o mesmo efeito, sem necessidade, e como disse tal como no Brasil deviam era implementar a obrigatoriedade do carregador também na caixa. É um acessório indispensável ao funcionamento do equipamento portanto devia ser obrigatório, os phones tudo bem (embora ache que para o preço que se paga pelos equipamentos hoje em dia, era quase um bom senso colocar phones de cabo) não são indispensáveis, agora o carregador? E falo da Samsung também que para mim ainda é pior, a Apple fez e a Samsung foi atrás enfim são perspectivas!

      • Magnifico says:

        Marko.
        1º Mais uma vez, em que é melhor? Velocidades? Saberá a diferença que o “up to” tem?Durabilidade? Que disparate é esse? Demonstre o que afirma.
        2º É o mais critico/importante. Não o consegue contestar. A UE com esta directiva inviabiliza qualquer evolução futura.
        3º “Até vou mais longe a UE devia obrigar a vir com cabo e carregador…” Quantos carregadores tem em casa? Quantos usa?
        4º Pela mesma analogia, se a UE criasse uma directiva que quem não tivesse um nome começado por M não podia tirar carta. Ninguém é obrigado a tirar. Se quisesse tinha de mudar o nome para começar com M e respeitar a directiva. “se quer conduzir têm de a tirar de acordo com as leis do país”. Isto é tão estupido como o exemplo que deu.

        Nota de pé. Já existia a ficha reversível? Não. Até pior, estavam a pensar mudar para uma ficha com o “permo” para fora. Havia de ser lindo.

        “Pois tá claro, a prova disso é as features brutais e inovações fantásticas da Apple são as que existem no Android faz tempo! ” Tais como?
        Dou-lhe então alguns exemplos.
        Fast Sharing Feature. Battery Saving Features. Facial Recognition. Native AR (Augmented Reality).DND (Do Not Disturb). Gesture Controls….. Agora o que é “brutal” para si?

        • Marko says:

          Ahahahahhaha não vale a pena, ganhou fique com a bicicleta!
          Não é por falta de argumentos é mesmo porque não vale a pena, podem trazer um Ferrari que você vai arranjar maneira de dizer que o Fiat Panda anda mais porque lá está…. Típico dos “Appleboys/Applefans” só vêm a maçã mesmo que lhes metam uma fruteira cheia de variedades de fruta e portanto… Lendo apenas e só o disparate que foi buscar da carta de condução… Tá tudo dito… Perca de tempo, os outros são factuais portanto! Fique com a sua eu com a minha e BFF’s.

          • Magnifico says:

            Não refutou nada do que indiquei.
            Não fui eu que fui buscar o disparate da carta de condução. Foi você que o referiu esse disparate/”exemplo”. Por isso referi o ser estupido com outro exemplo (análogo) estupido. Tal como o é esta directiva. E isso sim é um facto.

          • Marko says:

            4º Pela mesma analogia, se a UE criasse uma directiva que quem não tivesse um nome começado por M não podia tirar carta. Ninguém é obrigado a tirar. Se quisesse tinha de mudar o nome para começar com M e respeitar a directiva.

            Realmente tem tudo a ver uma parvoíce sem sentido nenhum e o “se”, com um facto real em qualquer lado do mundo em que uma pessoa não é obrigada a tirar a carta, se a quiser tem de a tirar e estar habilitada… E isso é a prova que não vale a pena, o resto é factual o N1ldo já colocou um link, o inviabilizar qualquer evolução futura por querer criar um padrão de um cabo de carregamento e deseencher os bolsos a ganânciosos? Lol estupidez pura!
            Sim, sim eu acho que a tecnologia só existiu depois de ser fundada a Apple lol…
            Ahahahahhaha a sério? Saiu debaixo da pedra quando? Ontem?
            Tudo isso existe no Android a séculos atualize-se e veja bem… Ecrãs amoled, a retina eram tão bons por isso mudaram, o carregamento sem fios criaram o magesafe, taxa de atualização a 120hz existe no Android ao tempo há Apple é novidade, tal com já existe a taxa de 144hz que quando chegar a Apple já existe 350hz no Android, tal como o Always On, a personalizaçãos widgets, o carregamento rápido que na Apple ainda vai a lenha, zoom que nos iPhone só tem de 5x já o Android vai nos 100x, apps de 3°s ainda está para chegar, métodos de pagamento fora Apple, carregamento reversível que na Apple nem velo, enfim… Já perdemos muito tempo,.eu com a minha opinião, você com a sua e como disse BFF’s a mesma. Fui

          • Magnifico says:

            Não tem mesmo noção da demonstração de ignorância no que escreve.
            Como exemplo, procure saber a diferença entre optical zoom vs digital zoom.
            I rest my case.

          • Marko says:

            Pois claro, quem vai em contra mão acha sempre que os outros estão todos errados 😀 !
            Sim, sim sou muito ignorante e só digo disparates você é que é o suprasumo da inteligência mais uma vez fique com a bicicleta, pelo conhecimento incrível que demonstrou, parabéns aprendi muito consigo.
            E aprendi que os Iphones têm 3x zoom óptico e que os topo de gama Android têm ambos os zoom óptico como os Iphones e digital a partir de certa ampliação e que mesmo com o zoom digital em acção dão um chocolate ao óptico dos Iphone.
            Ah e que o wifi 6 e 6e dos Iphones funciona maravilhosamente… Realmente a Apple está de parabéns está fantástico, já o de Samsung’s com 3 anos está péssimo 😀 😀 😀 😀
            I rest my case too!

          • Magnifico says:

            Lá está. Não sabe a diferença. Fica registado.
            Se quer 1000x de zoom pode sempre usar o pinch to zoom. (que vejam lá foi lançado pela Apple).
            O que interessa ter 100X de zoom digital? A qualidade é deteriorada…. É mesmo para enganar tolos (como você). Como a Samsung está a fazer com a falsificação das fotografias que o S23 tira. Colocando lá o que não foi capturado. pelo sensor

          • Marko says:

            Você é mesmo cá um artista vá lá vai… Ganhou mais uma bicicleta, é tão monga que nem sabe a diferença entre ampliação de tela e zoom mas também não sou eu que vou explicar já perdi demasiado tempo consigo e vai ser a minha última intervenção consigo, pode falar com os entendidos (pseudo) como você, que eu tenho mais que fazer!
            Foi um exemplo do zoom em Android, 10/15/20/30x é bem melhor que os 3x óptico do Iphone é factual o resto é desespero seu.
            Obrigado pelo conhecimento!;)

          • Magnifico says:

            Lá está a sua ignorância.
            Já disse para se informar sobre a diferença de zoom óptico e zoom digital.
            Enquanto não o souber só escreve asneiras. Isso é que é um facto.
            https://pt.wikipedia.org/wiki/Zoom_(lente)
            “O zoom óptico trata-se daquele produzido pela variação da distância focal da objetiva, já o zoom digital nada mais é do que um artifício que corta a imagem capturada. Em alguns casos, o zoom digital também redimensiona o arquivo cortado, através de um processo de interpolação, gerando uma redução artificial do ângulo de visão capturado, porém com degradação significativa da qualidade da imagem.”
            Só para colmatar a sua ignorância. QED

  5. N1ldo says:

    Só não sei o que há pra testar numa tecnologia antiga, se eles mesmo já usam faz tempo só teimam em não usar nos aifones, mas pronto.

  6. David Guerreiro says:

    O que eu sei é que USB-C não significa necessariamente mais velocidade de transferência, há ainda smartphones a sair no mercado com USB 2.0 sobre USB-C.

  7. Magnifico says:

    ?????
    Mas alguém disse/pediu/ indicou ou obrigou os outros a usarem lightning?
    Tal como isso não foi pedido/obrigado, o inverso também devia acontecer.

    • Marko says:

      Ahahahahhahaahaha ninguém obriga, compra fora da UE e continua com o Lightning simples!

      • Magnifico says:

        Mais outro disparate. Compra lá fora e fica sem garantia do equipamento? É isso que é proteger os consumidores?
        Tenha juízo.

        • Marko says:

          Loool você saiu mesmo da pedra e foi hoje de manhã por volta das 11h… Sem garantia? Quando as próprias marcas a dão nos equipamentos que vendem? As lojas online idem? Acorde para a vida e atualize-se que está tal como a Apple a precisar duma evolução urgente!
          Mas pronto… Obrigado mais uma vez pelo conhecimento demonstrado e que eu adquiri aqui consigo! 😉

          • Magnifico says:

            Sim, sem garantia.
            Mais uma vez a ignorância é atroz.
            Mas eu elucido-o. A garantia CÁ é de 3 anos (desde Janeiro de 2022). Comprado fora da UE (quando muito) é de 1 ano (garantia internacional).
            Lá está a “protecção” do consumidor que a UE “invoca”.
            (isto pela sua “ideia” de comprar fora da UE).

  8. Marko says:

    Em resumo… Informe-se melhor para não dizer tolices!
    E veja a sua contradição não tem garantia, depois já tem um ano… Quando se informar melhor vai ver que não é bem assim… Na generalidade dos sites de lojas online claro!

    • Magnifico says:

      Você é que está mal informado (ou toma os outros por parvos).
      Não sabe o que quer dizer QUANDO MUITO?
      Mesmo nos sites online (fora da UE) a garantia é QUANDO MUITO de 1 ano ou nenhuma. Mais, quando existe, tem de pagar os PORTES de envio e retorno, correndo o sério risco de nunca mais ver o equipamento. Isto para além de ter de pagar direitos alfandegários em todas “as viagens”.
      Ou seja é praticamente o mesmo que não ter garantia (mais uma vez quando ela existe).
      Portanto não tome os outros por parvos, pois não têm a sua “esperteza”.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.