PplWare Mobile

Torne o seu Android num equipamento mais seguro


Gestora de conteúdo e de redes sociais do Pplware. Mestre em Economia, foi o fascínio pelo universo da tecnologia e da comunicação que falou mais alto.

Destaques PPLWARE

  1. Diogo Rodrigues says:

    O unico problema com esses pins, padroes e passwords é que é tudo muito bonito, mas se o telemovel for roubado faz-se o conhecido hard reset e puff!! o bloqueio de ecran vai à vida… 😉

    • Mylittlelife says:

      Aqui a segurança é a das tuas coisas e não se o telemóvel é roubado ou não Lol

      O teu telemóvel tem um imei e pode ser bloqueado por rede. Quanto às tuas coisas o importante em primeiro lugar é:
      – que apesar dum roubo ou perda, não acedam aos teus contactos, ficheiros e fotos
      – não metas copias importantes num cartão microSD porque este não está codificado, e a memória interna talvez (knox na Samsung por exemplo)

      Eu as coisas mais importantes nem as tenho no telemóvel mas Dropbox, e como o meu telemóvel tem leitor de impressões digitais, sem acesso ao sistema, não conseguem entrar no Dropbox. O resto, o que tenho no telemóvel não é nada de importante.

      PERGUNTA: conhecem algum tipo de veracrypt/trucrypt para Android?

      • JBM says:

        O IMEI não te assegura grande coisa, apenas bloqueia o acesso às redes de telemóvel e se as operadoras se derem a esse trabalho, e basta ser “exportado” para outro país que o mais provável é o aparelho ser completamente funcional.

        • JM says:

          Conheço o Cryptonite. Além de opções próprias dá para montar Truecrypt tanto em ficheiro encriptado como partição, esta ultima dá um bocado mais de trabalho já que tem que ser por linha de comandos e se for NTFS tem que se montar sem sistema definido (tem um bug qualquer) e usar o Paragon Mount depois da partição carregada, por exemplo.

          • Mylittlelife says:

            JM, dá por exemplo para ter um ficheiro veracrypt e copiar/gravar novos ficheiros? Eu vi uma vez um programa porreiro mas exigia pagar e root, como não tenho nem quero root estou tramado Lol

          • Roteiro says:

            Boas pessoal, perdi um telemóvel numa viajem ao Brasil, e na época fui a uma loja MEO e pedi para bloquearem o telemóvel por IMEI. Mas sendo que o telemóvel provavelmente está no Brasil, a pessoa que o tem pode o usar sem restrições?

      • Pedro Oliveira says:

        Todos os Androids >4.0.0 (e talvez anteriores) suportam encriptação tanto da flash interna como do cartão de memória.

        Tens de ter em conta que se encriptares o cartão de memoria externo esse cartão só funcionará no dispositivo onde a encriptação foi feita.

        Se utilizares encriptação tanto do dispositivo como da media externa os teus dados estão seguros no caso de roubo, porque mesmo que seja feito um reset os dados existentes no telemóvel/cartão são inúteis sem a password / chave.

    • Manuel Azul says:

      Isso é inevitável em todos os sistemas em que o “gatuno” tem acesso físico ao dispositivo.
      A precaução de por password/encriptar o dispositivo diminui a possibilidade da informação que esteja no dispositivo seja comprometida (ou seja de difícil acesso).
      No caso de um furto, prefiro sempre que a informação contida no dispositivo se mantenha segura.
      Por tanto estas medidas garantem que apesar do roubo do hardware, as informações se mantenham inacessíveis.

      • JBM says:

        Não é inevitável. O iOS tem uma forma de evitar a reutilização do aparelho sem as credenciais correctas do utilizador. Acho que a nova versão do Android também tem uma tecnologia semelhante, mas penso que depende do hardware.

        • Manuel Azul says:

          Também se pode pedir à operadora para bloquear o IMEI…. Mas nunca soube de ninguém que o tenha feito…

          • JBM says:

            O IMEI apenas bloqueia o uso da rede da operadora, não impede que o aparelho continue a funcionar ou que o aparelho use a rede noutro país que não receba/use essa informação do IMEI

    • Joaquim says:

      Errado.

      Nos dispositivos com lollipop 5.1.1 mesmo que faças HardReset o sistema só te deixa voltar a arrancar com o login da conta que tinhas anteriormente, exatamente como acontece no iOS 🙂

      De qualquer das formas o objetivo deste artigo é a segura dos teus dados portanto não deixa de ser valido.

    • lola says:

      Essa era o motivo pelo qual eu tinha o Avast no meu antigo android, podias fazer hard reset as vezes que quisesses mas quando removesses/alterasses o cartão SIM o tlm começava a “berrar” que tinha sido roubado.

  2. Zenfone 2 says:

    Pois esta! devia ser como tornar IOS mais seguro.

  3. Tripax says:

    Usar o Knox resolve bem o problema.

  4. Dinotron says:

    Hoje em dia nao vale a pena tentar proteger nada, ate porque qualquer um pode bem o roubar um telemovel, esse telemovel pode ter um bilhao de pins. Mas se esse for resetado acabou.

  5. António Paulo says:

    Boa tarde e bom começo de ano,

    Eu além das propostas referidas no artigo tenho por hábito fazer uma coisa que outros raramente fazem por comodismo, que é quando não estou a utilizar desligo a opção de dados móveis, bluethoot, wireless.

  6. miguel says:

    “Torne o seu Android num equipamento mais seguro deixando-o na loja.”

    • Goncalo says:

      Torne o mundo mais seguro e agradável deixando-se ficar em casa sem contacto com o mundo exterior se for pessoa para fazer comentários imaturos e infundados tal como o comentário acima (miguel). 😛

  7. SD says:

    Encriptem os dados no android, mesmo que o roubem, que lhe façam reset levará muitos anos até conseguirem tirar qualquer informação de lá com mais de 8 caracteres de código.

  8. Mota says:

    *clap clap clap*
    Bom artigo!

    Porém algo incompleto na minha opinião.

    1- Usar apps externas para colocar um pin nas apps, assim cria-se outra barreira de segurança em cima do pin/pass/padrão nativo.

    2- Instalar o malwarebytes, algo que apenas será necessário de fazer um scan de vez em quando.

    3- Nunca instalar apps fora da loja sem conhecimento da sua origem.

    4- Verificar sempre as permissões que as apps pedem.

    5- Usar uma firewall (sem root tbm há) para proteger accessos não autorizados de apps.

    Enfim há sempre dicas extras, mas bom artigo. Aconselho agora a fazerem um semelhante para os outros S.O.

  9. Boss says:

    Dado que “Mac OS e iOS considerados os sistemas mais inseguros em 2015”, é urgente um artigo semelhante para os mesmos!

  10. Douglas says:

    Por isso que eu criptografo o aparelho. Assim ninguém acessa minhas coisas, só eu. Quanto ao fato de dar um hard reset e ficar com o aparelho ok, não funciona mais no android 6 pra cima. Se ele sofrer um hard reset enquanto estava logado em uma conta google, ele vai exigir login nessa conta google novamente ou não vai liberar o aparelho.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.