Quantcast
PplWare Mobile

Tags: teletrabalho

Teletrabalho para Elon Musk é fingir que se trabalha e faz ultimato aos funcionários

Com a pandemia da COVID-19 muitas empresas foram obrigadas a ter os seus funcionários a trabalhar remotamente, a partir das suas casas. Se nalguns casos esta realidade continua com resultados muito positivos para as empresas e para os próprios trabalhadores, que elevaram a produtividade, existem muitos outros para quem o regresso aos escritórios fez mais sentido.

Para Elon Musk, nesta altura, o trabalho remoto já não é aceitável e é, no fundo, “fingir que se trabalha”.

Teletrabalho para Elon Musk é fingir que se trabalha e faz ultimato aos funcionários


Teletrabalho obrigatório até dia 14! Conheça as novas medidas

Está em Teletrabalho? Há novidades! O Conselho de Ministros reuniu-se na passada quinta-feira. De referir que no dia anterior o Governo e o Presidente da República tinham estado a ouvir os especialistas na sede do Infarmed, em Lisboa, sobre a situação pandémica do país.

Das regras anunciadas ontem, destaque para o facto das aulas começarem já no próximo dia 10 de janeiro. O Teletrabalho vai manter-se obrigatório até dia 14. Mas há outras medidas.

Teletrabalho obrigatório até dia 14! Conheça as novas medidas


Empresas têm de pagar despesas na semana de teletrabalho obrigatório

As medidas contra a COVID-19 para esta época natalícia já foram apresentadas há algum tempo. Como foi revelado, de 02 a 09 de janeiro, o teletrabalho será obrigatório e as e aulas só serão retomadas no dia 10 desse mês.

De acordo com fonte oficial do Ministério do Trabalho, as empresas terão de pagar as despesas adicionais dos trabalhadores em teletrabalho durante o período definido.


COVID-19: Alemanha prepara-se para regresso maciço ao teletrabalho

A Alemanha vai voltar ao teletrabalho! De acordo com os especialistas, vários países na Europa estão a passar por uma quinta vaga da COVID-19. Com 289 casos por 100.000 pessoas, a taxa de contágios na Alemanha atingiu hoje um novo recorde no país mais populoso da Europa, segundo o Instituto de Saúde Robert Koch (RKI na sigla em alemão).

Tendo em conta o cenário, a Alemanha prepara-se para um regresso maciço ao teletrabalho.

COVID-19: Alemanha prepara-se para regresso maciço ao teletrabalho


Teletrabalho: Empresas obrigadas a pagar despesas com energia e Net

A pandemia por COVID-19 veio reforçar o Teletrabalho. As empresas foram obrigadas a permitir este modo de trabalho, mas com o abrandamento da pandemia, o teletrabalho parece ter vindo para ficar.

Em setembro surgiu uma proposta para que as empresas fossem obrigadas a pagar as despesas adicionais relacionadas com o teletrabalho, incluindo os custos com a energia e com a internet.  A proposta do PS foi aprovada.

Teletrabalho: Empresas obrigadas a pagar despesas com energia e Net