PplWare Mobile

Oppo revela tecnologia de carregamento rápido de 65 watt


Autor: Pedro Pinto

Destaques PPLWARE

  1. Íngreme says:

    Lembro-me dos tempos da escola de se mencionar a expressão P=R.I². Ora bem, nem as baterias nem mais componente nenhum tem resistência interna de valor nulo, logo vai haver perdas sob a forma de calor. O que eu acho disto tudo é que à conta da pressão comercial e uma vez que novos argumentos de venda são cada vez mais difíceis de arranjar, se está arriscando demais no que toca aos tempos de carregamento.
    Não só é arriscado carregar uma bateria qualquer recorrendo a correntes elevadas, como no caso das baterias de lítio o calor encurta a respectiva vida útil.

  2. Hugo Nabais says:

    Carregar baterias a 100 e 120W… pode ser útil no inverno naqueles dias de muito frio 🙂

  3. Woot! says:

    100 e 120W? Tá tudo doido? A bateria durará quanto tempo? 1 ano? Meio ano?

  4. joao says:

    “O carregamento rápido sem fio de 30W será, portanto, o mais competitivo. Neste aspeto, a concorrência vem da Xiaomi, como divulgámos anteriormente.”

    o carregamento mais rápido sem fios é o da Huwaei no novo mate 30 pro anunciado hoje.
    perguntam os leigos, mas como é que o huawei mate 30 pro com carregamento anunciado de 27W é mais rapido que este anunciado a 30W?
    isto porque os patos que so olham para as specs e nao viram a keynote, nao perceberam que os 27W sao medidos no chip que recebe a corrente e nao na saida da fonte de emissao como é medido no xiaomi.
    resumindo, continuem a olhar so para as specs que quem percebe um coto de informatica continua a rir-se a vossa conta.

    • Jorge Carvalho says:

      E eu continuo com pena das baterias , e esta ei ?

      Abc

      • joao says:

        se percebesses como as novas baterias sao feitas e porque é que se pode carregar com segurança a estes Watts todos nao dizias isso…abraço.

        • Hugo Nabais says:

          Eu percebo e posso dizer te que um dos principais inimigos das baterias é a temperatura. E posso garantir que carregar com esse nível de corrente aquece e muito, é uma questão de física, pois há sempre resistência, no cabo, nos circuitos, etc. Portanto esses super carregamentos vão afectar a saúde das baterias inevitavelmente.
          Se eu tiver algum destes equipamentos o super carregamento será usado numa urgência e penso que essa mensagem devias de ser passada ás pessoas. Isto não é semelhante ao caso dos Tesla que têm uma refrigeração líquida activa e dessa forma aguentam super carregamentos relativamente bem.

  5. Víctor says:

    Não tem a haver com este assunto, mas aproveito para dizer que ao fim de 22 anos de ser leitor assíduo e diário do Sapo, vou deixar de o ser.
    Esta recente diarreia de publicações de artigos, muitos repetidos até ao vómito: contei pelo menos 2 artigos que foram repetidos 7 e 8 vezes, EDP e demissão do secretário de estado, respectivamente. É o descrédito total. Devem pensar que somos tansos, vão bugiar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.