PplWare Mobile

Xiaomi Mi 9 Pro 5G: Bateria a 100% em menos de uma hora


Pedro Pinto é Administrador do site. É licenciado em Engenharia Informática pelo Instituto Politécnico da Guarda (IPG) e obteve o grau de Mestre em Computação Móvel pela mesma Instituição. É administrador de sistemas no Centro de Informática do IPG, docente na área da tecnologia e responsável pela Academia Cisco do IPG.

Destaques PPLWARE

  1. Jorge Carvalho says:

    Menos aquecedores em casa ! Boa 🙂

    Abc

  2. Íngreme says:

    Consta que um dos principais inimigos das baterias é o calor. Consta igualmente que qualquer bateria de acumuladores tem uma resistência interna diferente de zero, portanto é gerado calor com a passagem de corrente (de valor proporcional ao quadrado desta). Ou seja, tudo indica que uma bateria sujeita periodicamente a um esforço térmico superior irá ter uma duração inferior.
    Mas vendo bem as coisas, nos dias de hoje e sem ter propriamente a ver com a capacidade financeira de cada qual, quem é que mantém o mesmo equipamento durante um longo período de tempo? Há-de haver sempre um motivo pelo qual um equipamento deixará de ser utilizável. Por isso uma bateria durar só um ano ou quanto muito os dois anos correspondentes ao período de garantia legal em Portugal acaba por se tornar irrelevante. Como tal poderá traduzir-se numa vantagem o carregamento mais rápido.

    • joao says:

      nah….os smartphones chegaram a um ponto que nao faz sentido actualizar de ano a ano ou 2 em 2 anos…um xiaomi mi a1 continua fluido e para as curvas actualizado e a custar 150 euros……
      eu o meu htc deixo a carregar enquanto tomo banho e a energia que carrega chega para o dia todo…logo este tipo de carregamento é mais marketing que outra coisa…1% precisa disto se tanto.

      • Renato Nismo says:

        redmi note 2 de 4 anos por aqui e ainda não necessito a troca, ainda bem que não fui para iphone 6s de 800€ na altura
        pois no fim ambos davam ao mesmo.. algo obsoletos e um pouco lento nas apps de hoje, e 650€ bem poupados

        • IDroid says:

          O iPhone 6s continua bem fluido com as apps actuais,e inclusivamente com o ios 13, mas eu percebo,é uma diferença grande de preço.

          • joao says:

            o meu iPad mini 4 parece uma calculadora ao lado do meu htc u11. mas eu compreendo, já levou com actualizacoes a mais que a apple gosta de o tornar mais lento para me impingir um novo. Ainda nao testei o ios 13, mas ate tremo…..

      • Ivan says:

        Posso concordar contigo possuo um mia1 desde que saiu e continua bastante fluido não me falha e a bateria desde o android pie melhorou bastante a sua gestão passo o dia com GPS Bluetooth ligados e ando sempre com dados ou WiFi ligado dependendo se tenho WiFi ou não no local e consigo atravessar o dia sem me preocupar com carregador. Caso não faça uso muito intensivo do telemóvel está bateria da para um dia e meio ou até mesmo dois dias

    • iDroid says:

      O iPad mini 4 saiu um ano antes do iPhone 6S, tendo o chip A8, e o iPhone 6S o chip A9. O A9 é substancialmente mais rápido que o A8 (nota-se claramente em ambiente real), portanto é natural que esteja um pouco lento com o iOS 12.

  3. Elkido says:

    Mas eu não quero comprar esse Xiaomi Mi 9 Pro 5G com notch…. prefiro trocar o meu Xiaomi Mi 8 de 128 Gigas de ROM e 6 Gigas de RAM pelo Xiaomi Mi Mix 4 com 12 Gigas de RAM e 512 Gigas de ROM… sem quaisquer notch e mais écran…em princípio irá ter 6.7 polegadas o que será ideal para navegar na internet e ver videos e jogar jogos sem recortes no écran e sem écrans pequenos e corpo/écran praticamente sem molduras e smartphone mais pequeno que um iPhone 8 Plus que tem um écran minúsculo de 5.5 polegadas e molduras primitivas e botão físico frontal

  4. Elkido says:

    Nuno de telemóveis percebo Eu…se tiveres um Samsung Galaxy Note 10+ tem ecran de 6.8 polegadas e até 512 Gigas de ROM e 12 Gigas de RAM… mas os smartphones da Samsung não prestam… são muito lentos… esse em particular só faz 343 000 pontos no AnTuTu BENCHMARK com processador Exynnos 9825… Para um smartphone Samsung topo de gama actual até é pouco…. Já o XIAOMi Mi Mix 4 com Snapdragon 855,+ e MIUI 11 e Android 10 irá fazer próximo de 500 000 pontos no AnTuTu BENCHMARK e se não acreditares em Benchmarks podes comparar ambos num Speedtest real

  5. Elkido says:

    Nuno de telemóveis percebo Eu…se tiveres um Samsung Galaxy Note 10+ tem ecran de 6.8 polegadas e até 512 Gigas de ROM e 12 Gigas de RAM… mas os smartphones da Samsung não prestam… são muito lentos… esse em particular só faz 343 000 pontos no AnTuTu BENCHMARK com processador Exynnos 9825… Para um smartphone Samsung topo de gama actual até é pouco…. Já o XIAOMi Mi Mix 4 com Snapdragon 855,+ e MIUI 11 e Android 10 irá fazer próximo de 500 000 pontos no AnTuTu BENCHMARK e se não acreditares em Benchmarks podes comparar ambos num Speedtest real

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.