Quantcast
PplWare Mobile

Android recolhe 20 vezes mais dados dos utilizadores que o iOS

PUB

                                    
                                

Fonte: Mobile Handset Privacy: Measuring The Data iOS and Android Send to Apple And Google

Autor: Pedro Simões


  1. MACnista says:

    EIIIAAA a batata que vai haver, até vou fugir, tchau fui!!!

    • Spoky says:

      Não é batatada nenhuma, ambos recolhem dados, qual é a surpresa? A Apple recolhe, a Google recolhe, a Microsoft recolhe. És ingénuo se pensares que não.

      E não não estou a justificar a ação da Google, pois todas essas empresas sabem e continuam a saber muito de ti.

      Se tiveres dinheiro podes sempre optar
      https://www.cipher.tel/

      • MACnista says:

        … eu sei que sim infelizmente é assim, só disse isso porque achava que ia haver mta discórdia!!

      • PTO says:

        Boa tentativa de tentar desviar o assunto mas a tua argumentação tem um problema:

        É que a noticia não é “ambos recolhem dados dos utilizadores” mas sim “Android recolhe 20 vezes mais dados dos utilizadores que o iOS”.

        VINTE VEZES MAIS!!!!!

        • Jorge says:

          O IOS recolhe as restantes no MAC. kkkk

        • Pedro Teixeira says:

          “Estes equipamentos enviam dados identificativos mesmo quando os utilizadores não aceitaram enviar qualquer informação, com os dispositivos iOS a enviarem uma maior variedade de dados, mas os Android a enviarem bastante mais quantidade (até 20 vezes mais que os iPhones).” retirado d’outro blog

        • Spoky says:

          Que indiferença faz? PTO? A Apple já sabe tudo sobre ti, mesmo que não queiras. iTunes nunca instalaste? Apple TV Box? iCloud? Um simples computador.

          Não interessa se é 20x ou 30x, todos elas recolhem. E SABEM tudo sobre ti.
          Se tu pensas que não, coitado ainda nem cheiraste a pólvora, quanto mais o fumo.

          Ninguem esta a desviar nada, é a realidade. As redes sociais fazem partilha dos teus dados com empresas, só a partir dai já sabem quase tudo.

          Partilhas, parcerias, vendas de dados pessoais, base de dados, big data, compras de aplicações etc.

          • PTO says:

            Como ainda andas perdido na tua tentativa de justificar a noticia, volto a referir:

            “Android recolhe VINTE VEZES MAIS dados dos utilizadores que o iOS.”

            Ou seja, quem usa Android está VINTE VEZES MAIS exposto do que quem utiliza iOS.

      • Euéquesei says:

        Spoky, fui ver o Cypher.
        Um conceito interessante.
        Há vários telefones deste género, a preços absurdos.
        Este, a 515 euros, parece-me muito acessível.
        Se o Aifone é o telefone mais vendido e custa em média duas vezes mais então este é barato.
        Não sei é se para isto funcionar não tem que se ter uma ligação á rede própria desta empresa, ou seja, sempre que se quiser usar de forma privada, escolher o tarifário da Cypher.
        O Blackphone funciona assim, tarifário próprio…. mas pelo que sei não é grande coisa.

        Seja como for, é um produto a ter em conta.
        Obrigado pela dica…:)

  2. MACnista says:

    batatada digo!!

  3. Samuel MG says:

    Quero ver o estudo igual mas entre o Rwina (Windows) e MacOS!! Para saber qual recolhe mais dados do utilizadores.

  4. Ru says:

    O que retiro daqui, é que ambas recolhem dados. Como na apple se está limitado ao ios e o que este (não) permite fazer, uso android, mas com lineageos e sem gapps. Claro que sem play store, e respectivo mail associado ao telemóvel. Felizmente em android é facílimo instalar apps de sítios alternativos, e usar o aparelho sem estar preso à google.

  5. Ze Duarte says:

    Firewall nessa treta e já limita um pouco alguns dos dados que são recolhidos por algumas apps que não necessitam de net para funcionar

  6. k says:

    Eles podem recolher os dados que eles quiserem, estou-me nas tintas. Já aceitei à muito tempo que se eles quiserem dados teus eles acabam por ir busca-los de uma maneira ou de outra. A única coisa que me incomoda é o gasto extra de bateria e até determinado ponto, o tráfego em dados adicional que tenho por causa disto.

  7. Carlos says:

    A apple deve ter equipado algum laboratório e em contrapartida obrigam um professor universitário a lançar um post na página da própria instituição.
    Alguém leu o estudo????? Creio que não, mas mesmo assim comentam.

    • PTO says:

      Boa teoria de conspiração mas não convence ninguém, muito menos quando nem a própria Google contestou o estudo:

      “Confrontada com esta informação, a Google já reagiu às informações apresentadas. Argumenta que esta recolha de dados é feita para proteção dos utilizadores.”

  8. Há Cada Gajo says:

    Para não fornecerem dados, sejam eles quais forem, só há uma solução : desligarem-se do mundo atual.

  9. iSheepNot says:

    Todos recolhem dados mais ou menos a mesma quantidade de dados.

    Em tempos ouviu-se falar de uns investigadores a dizer que a quantidade de dados recolhida era semelhante mas que a Apple comprimia os dados num formato só deles antes de submeter para os servidores e com isso dava a entender que recolhia menos dados.

  10. frangoassado says:

    tipo, por acaso tenho um pixel e tenho tudo desligado ke desde o android 11 akilo é super claro o ke guarda e da para retirar as permisoes a vontade. o estudo deve ter feito com tudo ligado…no ios desligar nao é possivel.
    o google ja me ajudou a mudar passwords ke ja me avisou de passwords mais fracas e a circular na net. so é possivel isso se as guardar e comparar com as listas dos hackers.

  11. Ricardo says:

    Quem apanha mais dados que esse dois é o croupier.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.