Quantcast
PplWare Mobile

Como serão os smartphones daqui a 10 anos?

                                    
                                

Autor: Ana Sofia Neto


  1. SANDOKAN 1513 says:

    Muito diferentes,com toda a certeza.Acredito muito que serão muito finos e bem duráveis.

  2. CMatomic says:

    No futuro poderá-se mandar SMS de um telemóvel na terra para outro em Marte .

  3. Rui says:

    Como eu sei perfeitamente bem como eram os primeiros telemóveis (3110, o 8210……) e a sua evolução até agora…… daqui por 10 anos devemos usar telemóveis de 20 polegadas!!!!!!!
    Ecrãn inútil de dobrar em 4…….. ou secalhar algo que faz mais sentido, como um de projecção, no braço por exemplo!!!!!
    Bateria humana (energia do corpo humano)
    Capacidade de ligação à memória humana!?

    • Dr. Luis Ferreira says:

      Tens de meter mais uns zeros à direita do 10.

      • Louro says:

        Olha que secalhar nao terá.

      • Sabe-se lá says:

        Carregar o telemóvel com a energia térmica do corpo humano não me parece assim tão descabido. Outra coisa que deve haver são as famosas baterias, alternativas ás de lítio, que têm metade do tamanho e o dobro da capacidade, sem “limite” de velocidade de carregamento. A memória ligada á humana, também acho que é para mais tarde. Controlado por pensamento?!? Não sei, mas não garanto 🙂
        Agora, acho que nessa altura o objectivo vai deixar de ser “o que o telemóvel faz” para ser “este telemóvel está protegido e privatiza a minha informação?”
        Sei que é para a “transparência de informação” que a sociedade caminha, mas também acredito que o caminho não devia ser por ai…

      • Gabriel Duarte Ferreira says:

        Estou de acordo contigo

  4. S@RFA5 says:

    Vão ser o reflexo do progresso tecnológico da altura.
    Certamente máquinas bastante avançadas em todos os aspectos.
    Uma coisa é certa! “Vamos” ter uma conexão e interdependência destes dispositivos assombrosa.

    • SANDOKAN 1513 says:

      O melhor comentário até agora.Excelente.

    • Ru says:

      Penso mais na legislação que estará em vigor. Vão arranjar forma de ser crime não ter um dispositivo que nos “espie”/saiba a nossa localização a tempo inteiro.
      Os smartphones já são o que são, e as pessoas já partilham tudo e mais alguma coisa, sem se preocuparem com nada.
      Faltam só aqueles iluminados que vão achar correctíssimo toda a gente ser obrigada a ter “pulseira electrónica”, por lei.

  5. FreakOnALeash says:

    Daqui por 10 anos ativam os chips das vacinas contra a Covid e deixa de ser necessário usar smartphones!

    Neste momento a tendência é ecrãs cada vez de maiores dimensões que chegam a dobrar ou encolher de forma a caberem no bolso…isto terá de ter um travão algures, não tou a ver ninguém a puxar de um comum smartphone de 16″ e a dada altura ter um ecrã de 31″. Prevejo na minha bola de cristal ecrãs holográficos para os aparelhos de ponta a par com os comuns 16″ para a restante população.
    Será interessante avaliar o futuros dos wearables como os smartwatches. Talvez estes venham a substituir o smartphone, recorrendo também a projeções holográficas. Quiça daqui por 10 anos já existirão aparelhos quânticos que irão revolucionar toda a tecnologia e daí a outros 10 anos estaremos a pensar em transhumanismo.

  6. Sol says:

    As crianças brincam enquanto eu quiser.

  7. Futurious says:

    Não haverá telemóveis!! já temos os chips no braço (vacina covid) para os substituir. Atualmente, sou uma beta tester desta nova tecnologia. Envio sms mexendo os dedos freneticamente e as chamadas é falar sozinho para o ar.. oiço a pessoa do outro lado na minha cabeça. Para ver e jogar… tenho que tomar um “comprimido” e vejo de seguida em 4K coisas a flutuar.. Qual AR ou VR… tudo na minha cabeça!!! Os updates do firmware é por NFC encostado a meu braço. :):):):):):):):)

  8. Miguel says:

    Que novidade, os smartphones não terão grande processamento, porque as Apps estarão todas na Cloud…
    Isso é o terrível caminho que está à nossa frente, mas aí lá foi toda a privacidade…

  9. sempre na boa onda says:

    Alguém falou em holográficos, e penso que será mais por aí….seja nos pc’s como nas comunicações moveis e em geral.

    já vós obrigam a andar de localizador, a única maneira de combater é, e será, não ter ou usar…

    O planeta não aguenta.

    Saudinha!

  10. Manekas says:

    Que, independente da evolução, continuemos a ser livres, como na essência ainda somos.

  11. JCR says:

    Dizer como serão os telemóveis daqui a 10 anos, acho que é pura especulação…mas 2 coisas serão certas: os chinos irão continuar a produzir mais e mais, matando todas as outras empresas, e tudo porque EUA e UE ajudaram e ajudam nisso, e em vez de 1 salário mínimo, serão precisos vários para se poder comprar telemóveis a empresas chinas chulas, que têm agora de lucro em cada aparelho vendido mais de 50% de lucro, é 1 auténtico roubo, mas a malta gosta e come tudo e não se importa, é só aguardar para se ver a “droga” que os telemóveis são e irão ser mais para a maioria dos seres humanos…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.