PplWare Mobile

Dica: Descubra como saber os ciclos de carga da bateria de um smartphone Android

Charge Cycle Battery Stats

Homepage: Cerebrum Development
Preço: Gratuito

 


Apaixonado por tecnologia, encontro no Pplware a forma ideal de mostrar aos outros os meus conhecimentos e de partilhar tudo o que me interessa neste intrincado universo

Destaques PPLWARE

  1. Hugo Nabais says:

    Interessante, obrigado pela dica.

  2. Ricardo says:

    Pena não poder “descobir” o número de ciculos, antes de ter sido instalada.. Mas presumo que o android não guarde essa informação..

  3. Allan says:

    Bom dia
    Tenho um Moto G6 e ele tem tipo um app da Motorola msm que é o Moto Ajuda e lá dá pra fazer testes de hardware por exemplo verificar se a vida da bateria e a temperatura.

  4. Mateus Pinto says:

    Não vejo interesse em tal App:
    – fica permanentemente ativa a controlar os carregamentos e só conta desde que está instalada
    – que me interessa saber se a partir de agora fiz 150 carregamentos se a bateria já levar 300 em cima?

    Normalmente as baterias tem um pequeno controlador onde contém tal informação mas habitualmente nem o SO consegue aceder a tal info por não ser do interesse do fabricante… Mesmo o Windows controla os ciclos mas só desde a última instalação. Se já tiver sido atualizado ou feito reset, volta a zero e não tem interesse. Há uns anos alguns fabricantes deixavam ler tal informação mas como obtiveram reclamações por haver baterias “novas” com muitos ciclos ou baterias desgastadas após poucos ciclos, desligaram o acesso…

  5. Seloco Cachoeira says:

    O Programa está abandonado, não vale a pena, e não funciona em todos os celulares.

  6. André Fontes says:

    sys/class/power_supply/battery/charge_full_design
    sys/class/power_supply/battery/battery_cycle

  7. Miguel Silva says:

    Tanta trapalhada com baterias, não era muito mais simples e mais eficaz se pudessemos trocar a bateria do telempovel abrindo com uma simples tampa? antigamente era assim e quanto a mim andámos de cavalo para burro 🙁 não quero saber se é à prova e agua ou se é mais fino, queria era poder usar o telemovel ao longo do dia sem preocupações depois de o telemovel ter 1 ou 2 anos. Devido à evoluçao do resto dos componentes não precisava que durasse 5 anos, mas pelo menos 2 anos devia ser obrigatorio estar assegurado que.
    Os consumidores deviam-se unir e fazer força para que na lei fosse obrigatorio os fabricantes trocarem a bateria obrigatoriamente de 6 em 6 meses até fazer os 2 anos. Talvez assim pensassem que era melhor terem a opção de baterias substituíveis pelo utilizador.

    • Nuno Oliveira says:

      Mas as baterias têm 2 anos de garantia tal como os telemóveis… Não percebo qual é o problema com a lei…
      Se tiveres uma bateria com problemas, eles têm de trocar em garantia com a lei actual.

      • Miguel Silva says:

        Como é que sabes se a bateria tem problemas? Tu dizes que sim e o fabricante diz que nao. E depois metes a versao de software que vinha de fabrica, com as apps que usavas na altura que compraste o telemóvel fEs um factory reset e só consomes conteúdos da altura e ves se aguenta o mesmo que aguantava quando era novo… E se aguentar 75% do que aguentava em novo tem problemas?

        • Nuno Oliveira says:

          Sim, abaixo dos 80% se não me engano é passível de troca.
          E há aparelhos de 5€ ou menos que numa carga completa te dizem exactamente quantos mAh a bateria acumula…
          De resto, é como tudo. É a palavra de uns contra a de outros. Eles é que te têm de provar wie a bateria não está má.
          Já troquei 2x de bateria num telemóvel da BQ e eles nunca me levantaram problemas…

          • Miguel Silva says:

            Mas se manda-te vir um telemóvel de outro país não é muito fácil estar a enviar para lá e para cá para te dizerem que a bateria está boa ou má, e tens de limpar os teus dados e ficas sem telemóvel por uns tempos e tens custos de envios, etc. A bateria amovível era muito mais simples.

          • Nuno Oliveira says:

            Miguel, as baterias não têm tampa mas trocar uma demora 10 minutos com um kit de ferramentas de 2€ e um secador de cabelo…
            De resto, tive 5 telemóveis diferentes desde 2011 e só 1 precisou de bateria nova por vir com uma de fraca qualidade…
            O problema é esse.
            Além disso, um telemóvel com bateria amovível sai mais caro, é mais frágil, e está mais sujeito a avarias por pó, humidade ou líquidos…

          • Nuno Oliveira says:

            E em relação a comprar noutro país não é problema.
            O bq de que te falo vai e vem a Espanha na mesma semana ou em pouco mais que isso. E sem sair de casa nem gastar 1 tostão!

  8. Nuno Oliveira says:

    Aproveitando o balanço, como é que vejo a quantidade de ciclos no iPhone?

  9. Sergio says:

    As baterias são consideradas consumíveis e como tal, o normal é apenas terem 6 meses de garantia

  10. Pedro says:

    No galaxy s7 diz os ciclos que ja carregou. Deve ser dos poucos modelos que guarda historico e apresenta na app logo ao dia 1 de estar instalada.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.