Android Things – O sistema operativo para a Internet das Coisas


Destaques PPLWARE

16 Respostas

  1. Rui Carriço says:

    Em vez de unificarem fragmentam mais o ecossistema.

    • Ruy says:

      concordo plenamente

      • Dumitru says:

        Pois, mas eles nao querem perder terreno para o windows, que full windows nos telemoveis acho que ai a coisa vai ser differente

        • Rui Carriço says:

          Mas a Microsoft está a fazer o caminho inverso a a tentar unificar o mais possível.

        • Ze says:

          Além de a Microsoft já ter Windows 10 IoT Core que está a ganhar grande dimensão em empresas que querem avançar com IoT, facilidade de administração e implementação com baixa curva de aprendizagem e investimento (já têm as equipas e as ferramentas), totalmente integrável em infraestrutura existente ou Cloud Azure, permitindo redução de custos.
          São abordagens completamente diferentes que faz este pseudo projecto da google parecer um IoT de vão de escada mais para utilizadores domésticos brincarem às Analytics que propriamente uma coisa séria.

          P.S.: Não quer isto dizer que não seja lucrativo.

    • Scarface says:

      Claro e vão espetar um sistema unificado para todos os equipamentos em hardware feito para loT…. Achas que ia ficar bom? O que importa é ter como base o sistema Android. Assim como o Apple watch tem o sistema base ios

  2. Zukunft says:

    “Mountain View” correção. 🙂

  3. zardyman says:

    Sé o Android Things, for tão seguro como o Android, nunca o vou ter em nada que possa permitir acesso a minha casa, como alguém da google disse «Android é para ser rapido e nao seguro»….

  4. RuiZ says:

    Mais um lançamento, mais um falhanço da Google…

    Eles já não tinham lançado outro projecto anteriormente… que é feito do Brillo?

    https://www.youtube.com/watch?v=uMt7UNvDGak

  5. João Dias says:

    Por acaso até acho boa ideia.
    Se os fabricantes adoptarem este sistema e desenvolverem as suas estruturas em cima disto, provavelmente torna-se mais fácil evitar aqueles ataques aos dispositivos IoT que depois manda insfraestruturas de rede abaixo. O Google Hub e o Wifi actualizam-se automaticamente, por exemplo.

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.