Quantcast
PplWare Mobile

Teve um acidente? Como preencher a Declaração Amigável?

                                    
                                

Este artigo tem mais de um ano


Autor: Pedro Pinto


  1. ElectroescadaS says:

    Depois segundo sei as seguradoras ficam a empastelar todo o processo durante 45 dias (parece que é de Lei) e uma pessoa fica à espera “sentado” pela resolução do sinistro a não ser que os chateemos dia sim dia não…

  2. Peace says:

    Parece que alguém teve um acidente…

  3. DB says:

    fotografias…..muitas fotografias do acidente e anexar á declaração amigável.
    O desenho muitas vezes serve para ser interpretado de varias formas.

  4. MACnista says:

    Atenção que ao descarregar o PDF por vós indicado o ponto 9 está assinalado com um “x”, Ah ok trabalho adiantado LOLOLOL

  5. Não caiam nessa says:

    Não caiam nesta. Em caso de acidente, mais vale chamar as autoridades e lavrar o respectivo auto. Um erro mesmo ínfimo que cometam no preenchimento da declaração amigável, e isso é fácil de acontecer, e a razão que era vossa, passa para o outro. Isto é uma treta. Chamem as autoridades.

    • Stalin says:

      Não me digas que és daqueles que acredita que são as autoridades a definem quem tem razão.
      Eles só registam a ocurrência. As seguradoras, que são quem pagam, é que definem quem tem razão.
      A melhor solução, com DAAA ou Auto Policial são as fotografias. Viaturas e envolvência em geral.

  6. Stalin says:

    Existe também uma aplicação para o smartphone – e segurnet.
    Se o acidente for com viaturas de matricula estrangeira não dá para preencher a DAAA

  7. qqq says:

    muito bem. quando se bebe muito o ideal é andar mais depressa. assim é menos tempo na estrada.

  8. Godlike says:

    Infelizmente já estive presente em alguns acidentes, mas de minha autoria foram 3 (desses 3, apenas 1 foi culpa minha e tive que preencher a Declaração Amigável). Na minha experiência, caso os envolvidos não estejam de acordo, levam no mínimo 2 anos para resolver seja o que for.

    O último que tive foi precisamente à 2 anos e ainda estou à espera de ser chamado ao tribunal.
    Vou mudar de país em breve, quero ver como estes senhores e sua incompetência vão resolver isto.

  9. Martins Almeida says:

    Neste artigo e noutros que localizei na internet, ninguém clarifica se:
    – só se preenche um impresso, assinam os dois participantes e um deles envia para a sua seguradora, ou
    – cada um preenche a sua declaração amigável, ambos assinam as duas participações, e cada um envia a sua declaração à sua companhia de seguros, ou
    – a participação é só uma, deverá ser feita em duplicado (como, não havendo papel químico?), assinadas o original e a cópia, e cada um fica com uma delas e envia à sua seguradora.

    Era bom que quando se coloca estas informações na internet, se seja EXAUSTIVO na informação que se presta.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.