Quantcast
PplWare Mobile

Consumer Reports deixa de recomendar o Tesla Model 3

PUB

                                    
                                

Este artigo tem mais de um ano


Autor: Pedro Pinto


  1. rui says:

    ocupa a 19 (caiu 11) se analisassem tantos modelos das primeiras marcas como a toyota se calhar os resultados eram mais comparáveis.

    • Pedro says:

      Foram testados 3 Tesla, segundo o gráfico. A Tesla só tem 3 modelos lançados (Model 3, S e X…)
      Quando não se sabe, não se fala.

      • H.Raqui says:

        O Rui indicou (e com razao) que a Tesla ocupa a 19 posicao (e nao a 11a como o artigo erradamente refere).
        Em relacao ao comentário sobre a Toyota, ele estava a referir-se ao numero de modelos da Toyota em comparacao com o numero de modelos testados das outras marcas.

        Enquanto o Rui devia escrever os comentários de uma forma mais clara, o Pedro devia esforcar-se por ler com mais atencao! 🙂

        • Carlos Viegas says:

          O artigo está correto no que repeita ao ranking, assim o tesla está na 19° lugar após ter estado no 8° posição sendo que, perdeu 11 posições.

    • Toni da Adega says:

      Mas mesmo assim é das poucas (3) com satisfacão elevada

  2. Guillermo Chagas Sartori says:

    Quase nunca escrevem sobre a Tesla em portugues, e vocês rapidamente ajudam a propagar essa notícia negativa. Esses problemas do Consumer Reports são apurados de Julho até Setembro, e todos os problemas citados já foram na linha de fabricação.
    Essa linha tradicionalmente levaria 7 anos pra ser construída se fosse uma Auto empresa comum. A Tesla fez em um ano. E teve aquela corrida pra produzir os 5 mil carros por semana por pressão dos investidores, que fez com que a qualidade caísse durante a transição, mas já foi corrigido.
    Essa empresa tá de parabens, não é a toa que o valor da participação e capitalização são tão alto. Por uma análise técnica parece infundado, pois ela não tem lucro o suficiente ainda. Mas por uma análise fundamentalista facilmente se entende o porque.
    É incrível como o ser humano prega tanto por mudança, e quando ela é iminente ele tem medo. E se não é iminente acha impossível…
    Supercapacitores vão possibilitar o carregamento quase instantâneo e aceleração abysmal.
    As baterias secas vão dobrar o range do carro elétrico.
    E a segurança do carro é mais importante do que detalhes na aparência. O triste é ver que o ser humano se muniu de tantos caprichos, mesmo quando a maioria não faz o suficiente para merecer tal. Convenhamos, o que é mais necessário? Um engenheiro ou um burocrata num escritório (não programadores… mas eles também por sua aversão a hardwares que não compreendem e preferem não compreender…). O engenheiro e os trabalhadores de chão de fábrica basicamente sustenta o resto.

  3. Rui Faria says:

    Excelente artigo e automovel de sonho

  4. H.Raqui says:

    Houve duas coisas que me chamaram a atencao nos resultados:

    1) A marca que ficou em primeiro lugar deixou de ser vendida em Portugal há uns anos.

    2) A Fiat aparece em último lugar na lista. Nem me lembrava que a Fiat era comercializada nos EUA. Se me perguntassem diria que nao eram vendidos nos EU, tal como acontece com a Renault ou a Peugeot.

  5. Slayer says:

    E a Renault, onde anda a marca que mais veículos vende em PT? 🙂

    • Nonnus says:

      Se olhares com mais atenção na tabela estão lá pelo menos 3 marcas do grupo Renault. Nissan, Mitsubishi e Infiniti. A marca Renault (nome) nunca vendeu bem nos Estados Unidos, a maneira de estar presente é usando o nome de marcas que conseguiram ganhar o seu espaço. Da mesma maneira que na América latina não existe Dacia, os modelos Dacia são vendidos com o nome Renault.

      Mercados diferentes requerem estratégias diferentes.

    • Carlos Viegas says:

      em Portugal e no mundo todo…

  6. Mateus Pinto says:

    Esta instituição é tão fiável como um Fiat… -se pagam sobem, senão baixam. É como nos benchmark.

    E este anúncio é tão válido para a Europa como um gelado não se derreter a 40 graus positivos. A maioria das marcas europeias e asiáticas tem modelos ou padrões de qualidade específicos para os EUA, já que nos EUA não pedem (nem de perto!) tanto rigor como na Europa ou Japão ou Coreia do sul, mas pedem sim mais bases para copos… é bem possível que a Tesla envie para a Europa modelos melhor construídos já que enfrenta as marcas japonesas e alemãs, assim como um BMW europeu é muito mais sólido que um americano

  7. iDespairing says:

    Volvo por exemplo que ganhou muitos prêmios ultimamente também não presta para estes hipócritas. Enfim.

  8. Filipe says:

    Este gadget com 4 rodas é apenas e só overrated. Explica muita coisa quanto aos rankings, reviews e lucros vs. despesas da empresa. Tal e qual produtos da apple vendidos como se fossem o melhor do mundo, tudo graças a marketing. E depois no fundo tudo não passa de aparelhos overrated. Acontece exactamente o mesmo com o produtos da Tesla.

  9. Bruh says:

    Então … mas… é o carro mais “baratucho” da marca e… estavam à espera de um interior de luxo?

  10. jaugusto says:

    Pois mas ninguém fala que mesmo assim ficou Á FRENTE da: Ford; Volvo e Nissan !!!
    Apesar de problemas visuais de espaço nos paineis na segurança em caso de choque dada a base é muito melhor que os restantes!!
    Crash testes results:https://electrek.co/2018/09/20/tesla-model-3-5-star-safety-rating-nhtsa/

  11. José Costa says:

    Impressionante como os meninos novos riquinhos, arrogantes e mal educados da seita dos Tesala saltam logo em defesa da sua dama. O mundo não termina nas campanhas do senhor Musk. Acreditem que existe mundo para além disso. Não se pode tocar na sua dama sem começarem a insultar, deviam ir começando a respeitar e ouvir outras opiniões, mesmo que não lhes interessem.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.