PplWare Mobile

Bastaram 10 dias para o Windows 10 ultrapassar o Windows 8


Apaixonado por tecnologia, encontro no Pplware a forma ideal de mostrar aos outros os meus conhecimentos e de partilhar tudo o que me interessa neste intrincado universo

Destaques PPLWARE

  1. Jose says:

    Pena que foi confirmado há semanas que o Windows 10 já passou o Windows 8, Windows XP e o OSX.

  2. Dexter says:

    Na Netmarketshare, o Windows 10 está com menos de 1%. Já o Windows 7 alcança 60% no mundo.

  3. Arlindo Pereira says:

    Ainda vai ter que penar até ultrapassar o Windows XP. O 7 só daqui por 1 ano ou dois.
    Off-topic. No outro dia estava a ver o incontornável exterminador implacável e a famosa skynet. E estava a pensar. Começa-se a estar demasiado próximo daquilo que até agora se pensa ser apenas ficção científica. A única coisa que impede que possa ser uma realidade é única e somente não haverem ainda cyborgs ou robots para uso militar e uma linha de montagem para os mesmos e um computador com inteligência artificial optimizada com capacidade de aprendizagem e evolucao constante ligado à rede que os pudesse comandar. Porque tudo é já uma grande rede conectada. Começa a tornar-se assustador se pensarmos bem nisso.

  4. Campones says:

    Eu acabei de instala o windows 7 e so digo isto, muito bonito o 10 mas emprodutividade igual ou pior que o 7, em bateria o w7 da me mais 2h de batera por isso prefiro o7

  5. LG says:

    Eu não sei qual das keynote da Apple foi, mas gostei da forma como se gabaram o facto de que a passagem do Mountain Lion para Mavericks foi bastante mais rapida do que a Windows 7 para 8… Pondo de lado de que o upgrade era grátis e o Windows 8 não :/

    • JBM says:

      Os upgrades no Mac sempre foram mais rápidos do que no Windows, mesmo quando era a pagar. E dá a entender que continuam a ser mais rápidos mesmo agora que se consegue o Windows sem pagar.

      • LG says:

        Isto foi o primeiro upgrade gratuíto a Windows… A partir de agora o sistema do Windows Update será semelhante ao Mac OS… Vamos vendo como essa estatística vai mudando.

        • JBM says:

          Vamos pôr desta maneira; a última versão do OS X saiu a 16 de Outubro de 2014 e segundo a Netmarketshare para todo o mês de Outubro alcançou o equivalente a 16,7% de todos os Macs (só com 2 semanas de disponibilidade); no mês seguinte já era 36%.
          Os dados da Statcounter para esta última semana indicam que o Windows 10 tem 4,82% em cerca de 75,8% de máquinas que poderão receber o Windows 10 gratuitamente. Isso equivale a cerca de 6,4% do total dessas máquinas!
          A diferença é muito considerável, e não me vais dizer que esperas que dentro de 1 mês o Windows 10 esteja em mais de 30% das máquinas

          • Rui says:

            Não compares o que não é comparável.
            Dou-te o exemplo português só com perguntas e depois pensa. Quantas empresas têem o windows como SO (70 ou 80%?)? Quantas têem assistência informática regular ou pelo menos 1 quadro TI?
            Podes ter a certeza que daqui a 10 anos ainda vais encontrar muitos PC com o dinossauro do windows XP a funcionar!!!!!

            E porquê? É muito fácil, enquanto a Apple muito bem utiliza a sua imagem e marketing para criar a necessidade dos seus utilizadores actualizarem para um novo SO, a Microsoft nunca enveredou por esse caminho, excepto agora com o 10 em que foi libertando notícias do novo SO todas as semanas como faz a Apple.

            Até pelos comentários que se vão lendo, percebes claramente que muitos utilizadores não mudam porque estão bem assim. Seja com o windows XP, com o 7, com o 8/8.1, etc… na Apple gastam-se rios de dinheiro em marketing para meter na cabeça dos seus utilizadores que têem de mudar, porque sim……
            E atenção, no caso da Microsoft, estamos a falar num SO que corre em máquinas de 15 anos!!!!! Coisa que é impossível acontecer com o OSX, até pela mudança de processadores.
            Um utilizador com windows como SO, se estiver satisfeito com o SO, dificilmente muda. E então nas empresas é um bicho de 7 cabeças convencer os utilizadores que sabem ligar o PC e pouco mais….. os programas sempre estiveram ali naquela canto…. os atalhos estavam ali à esquerda….. funcionava sem problemas…. é o que ouves nesses utilizadores.

          • JJ says:

            A questão é que no caso os MAC’s os utilizadores já estavam habituados a receber upgrades de SO. No caso dos utilizadores Windows, nunca receberam upgrades de SO.

            Por isso, é normal um upgrade mais lento. Alem disso, temos de levar em conta que muitas das maquinas que estão elegíveis para o upgrade, ainda não foram notificadas para tal. Basta ler vários comentários aqui no pplware.

          • JBM says:

            Rui, é sempre comparável e nem fui eu quem começou a comparação! O que tu escreves é apenas uma das explicações para o que se observa, que nem é a única.
            Quanto à tua teoria de que:
            enquanto a Apple muito bem utiliza a sua imagem e marketing para criar a necessidade dos seus utilizadores actualizarem para um novo SO, a Microsoft nunca enveredou por esse caminho, excepto agora com o 10 em que foi libertando notícias do novo SO todas as semanas como faz a Apple
            está bastante errada! A Apple nunca fez grande publicidade aos upgrades do seu sistema, já a Microsoft é relembrar as campanhas enormes de publicidade e marketing que sempre fez com cada novo lançamento. A Apple também nunca foi lançando a conta-gotas novidades sobre os mesmos, limitava-se a apresentar o novo sistema uns meses antes para os programadores se prepararem, e na altura do lançamento voltava a apresentar o que achava mais importante.
            Se queres perceber como isto acontece tens que olhar para as diferenças no ritmo de introdução de mudanças nos dois sistemas operativos e a péssima falta de claridade da Microsoft sobre o caminho a percorrer, que só agora é que parece estar a melhorar. A isto se adiciona um maior interesse geral da comunidade Mac sobre a sua própria plataforma.
            Quanto à tua observação sobre as máquinas em que é possível fazer upgrade, isso não beneficia o lado do OS X, pelo contrário.

    • Safrane says:

      Viste a última WWDC?

      O upgrade do Mavericks para o Yosemite foi mais rápido que do 8.0 para o 8.1.

      Ambos foram 100% gratuitos

      O Yosemite não aprece nos updates, o 8.1 apareceu nos updates normais do Windows.

      Não há volta a dar, o Windows é mais usado por avozinhas que têm medo de mudar e habituam-se ao status quo, o pessoal que é mais entendido e entusiasta da informática usa Mac.

      • Jim says:

        eu trabalho para a Apple, podes parar de inventar. sei que uma linha de suporte técnico nao representa a totalidade dos utilizadores, mas a maior parte dos utilizadores que contactam são tudo menos power users, e temos cada vez mais idosos com Mac

  6. JJ says:

    Se mantiver este ritmo… daqui a uns 2/3 meses o Win10 deve ser o segundo SO mais utilizado.

    O que é triste, é haver muitas pessoas que entende pouco do assunto e vão falar com alguns “informáticos”, “informáticos” esses que continuam a inventar coisas sobre o Win10, como dizerem que no final de um ano passa a ser pago e recomendarem a pessoa a não fazer o upgrade… é triste.

    • João Reis says:

      Sim, acontece isso porque os “pseudo-informaticos” estão presos ao conforto da pseudo-razao. Tem licenças ou copias piratas em pens com o windows7 e nao apetece ter de aprender novos atalhos e melhores coisas do 10, da muito trabalho mais vale dizer que o 10 tem isto e aquilo.

      É a melhor forma de saberes a competência da pessoa, dando a primeira opinião sem testar a fundo ou uma opinião fundamentada no uso.

      Só pelo factor Segurança qualquer informático tem de aconselho o Windows10, se nao o fizer é por razões de limitação própria.

      • JJ says:

        É bem verdade!!!

      • Pedro'O says:

        Então e respondam-me a umas questões, já que vocês são uns “super-informáticos”

        Dentro de um mês chega um cliente para formatar uma maquina que atualizou para o Windows 10, que chave uso? que sistema instalo? (falo eu de uma maquina não OEM) que não tem essas tretas de chaves do Windows na suposta bios.
        Pela logica cria-se uma pen de instalação e aquilo faz tudo sozinho… mas sendo assim todas as maquinas ficariam legais… ou terá a M$ algum controlo sobre isso?? Porque o Restauro do Sistema vai restaurar para as opções de fabrica… ou seja Win7, Win8 ou Win8.1, e depois de um ano a atualização para o Win10 deixa de ser gratuita… Ainda há alguns pontos a esclarecer.. ou eu tenho andado um bocado desatento…

        Contudo eu aconselho a atualizarem para o Win10… não tenho nada contra, tudo a favor até… mas ainda tenho certas duvidas.

        Saudações!

        • JJ says:

          Dou-te o meu exemplo, e talvez sirva de resposta a tua questão:

          Eu tenho uma maquina montada por mim, que tinha instalado o Windows 8 comprado por mim. Fiz o upgrade normalmente do Win10, num disco HDD. Depois, equipei o computador com um disco SSD.

          Com um DVD fiz uma instalação limpa no SSD do Win10, sem introduzir qualquer chave. Tenho o Win10 activo e a funcionar. Outro detalhe, por lapso tinha criado o DVD com a versão 32bits, então após já ter feito a instalação limpa do Win10, voltei a gravar um novo DVD, com a versão 64bits e voltei a fazer uma instalação limpa… tudo a funcionar.

          Quer isto dizer, que a chave fica associada a tua conta Microsoft. Ou então fica associado ao ISO que tu descarregas (que deve ser feito a partir do PC/Windows elegível para o upgrade).

          • Pedro'O says:

            Sim, então e clientes empresariais que não tem contas de email associadas a um computador?
            Como tu próprio dizes fica associada ou a conta ou ao ISO ou.. ou.. ou.. não sabes…

          • JBM says:

            tenho a ideia que os clientes empresariais continuam a ter que pagar à Microsoft as licenças, não entram neste esquema.

  7. André says:

    Oh… Pobre vista!

  8. Alex says:

    Grande coisa… Se tivesse vários SOs e afunilasse toda a gente para um… Normal que tenha muita gente a usar! Goste ou não goste!
    Além de que a pessoa é quase obrigada a instalar o maldito Windows 10

  9. Alucard says:

    Não é grande surpresa.
    1º o Windows 8 é impopular e mal recebido entre os utilizadores (alguns poderão até dizer que é um fiasco);

    2º O Windows 10 é gratuito até ver.

    • Pedro'O says:

      Agora disseste tudo!
      “O Windows 10 é gratuito até ver”

    • JJ says:

      1º – Não é o facto do Win8 ser impopular que faz com que tenha sido ultrapassado é o facto de que a maioria dos utilizadores do Win8, já fizeram o upgrade para o Win8.1. Ele ultrapassou o Win8 e não o Win8.1.

      2º – O Win10 não é gratuito, tem um preço para quem o comprar. Quem tiver o Win7 ou superior, pode fazer o upgrade para o Win10 gratuitamente. A oferta é o upgrade para o Win10. Depois de adquirido, quer por compra quer por upgrade, não terá mais nenhum custo. Consegues entender o conceito?

      • Alucard says:

        1º O 8.1 não é uma versão independente, é pouco mais que um service pack para o Windows 8. Quando falo em Windows 8 incluo evidentemente o 8.1.
        2º Perfeitamente, tanto que já fiz o upgrade do 8.1 para o 10 há semanas.

        • JJ says:

          1º Mas estas estatísticas, separa o Win8 do Win8.1… repara o quadro que lá esta.

          Já agora, o Win8.1 é uma versão independente.
          É semelhante ao que aconteceu com o Win98, temos o Win98 e o Win98 SE. A diferença esta na forma de upgrade. No Win98 SE tinhas de fazer uma instalação limpa… no Win8.1 podes fazer uma instalação limpa (se tiveres uma chave do Win8.1) ou por upgrade via Win8.

  10. Rafael says:

    Uma das razões é o upgrade gratuito… Se fosse a pagar queria ver, queria…!!

  11. Anticorporativista says:

    O título é enganador tendo em conta que windows 8 e 8.1 são essencialmente a mesma coisa

    Vir mostrar uma estatística que diz olhem há mais utilizadores de win10 que utilizadores que ainda não atualizaram o windows serve para dizer o que? Eu olho para o conjunto 8.1+8

    O windows 10 só vai ultrapassar verdadeiramente o 8 quando começarem a enfia-lo pela garganta abaixo das pessoas que compram PCs novos com sistema operativo.

    • Vítor M. says:

      São essencialmente? Se assim fosse não eram 8 e 8.1 😉 e o título diz bem, diz Windows 10 ultrapassa windows 8.

      • Anticorporativista says:

        O 8.1 é apenas um patch e não uma release completamente diferente, senão temos que dividir a lista entre XP SP1/2/3 Windows 7 e SP1 etc o que não me parece que faça muito sentido.

        Isto para dizer que só podemos aferir que o windows 10 está a ter grande aceitação se conseguirem converter principalmente grande parte dos utilizadores de XP e não o windows 8. Mas após o ter testado e visto o conjunto enorme de falhas como já não via desde o vista, só posso dizer que muito vão tentar fazer rollback e vai demorar imenso tempo até ultrapassar o XP e dúvido que algum dia chegue a ultrapassar o 7.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.