Quantcast
PplWare Mobile

Um novo Windows a cada 3 anos? É este o plano da Microsoft para o futuro

                                    
                                

Autor: Pedro Simões


  1. António says:

    A este ritmo vamos a lua!

  2. PAULO SILVA says:

    A Microsoft vai voltar ao ritmo antigo, que acho normal dado a evolução do hardware em 3 anos.
    Foi sempre assim:
    Win 95 (a,b e c) – (1995)
    Win 98 (1998)
    Win 98 SE
    Win Millenium (melhor nem falar deste…)
    Win 2000
    Win XP (2001)
    Win XP SP2 (em 2004, quando deveria ter saído um novo, mas o desenvolvimento estava atrasado para sair o que foi o Win Vista – deixando para trás a arquitetura MS-DOS…)
    Win Vista 2007
    Win 7 (2009)
    Win 8 (2012)
    Win 8.1
    Win 10 (2015)
    Win 11 (2021)
    Win 12 (2024 ????)

  3. Joao Ptt says:

    Mais dinheiro a entrar a cada 3 anos.
    Estabilidade? Que interessa isso.

    • Nagash says:

      Tá vivendo em qual caverna?

    • Joao Ptt says:

      Compreendam que na verdade eles só metem uma roupagem por cima, e uma “meia-dúzia” de novas funcionalidades, eles não andam a construir o código fonte do zero. Por isto, não existe necessidade de andar a lançar novos sistemas operativos a cada 3 anos, basta ir lançando actualizações, porque é só disso que se trata.

      Nos outros sistemas operativos que dominam os mercados é igual, cada nova versão não é algo novo do zero, é apenas uma evolução do existente.

      Se eles dissessem que a cada 3 anos estavam a lançar um novo sistema operativo com o código fonte todo escrito de origem de forma diferente para utilizar técnicas que promovem melhores condições de segurança, optimização, etc. aí a conversa poderia ser outra… mas se é só uma evolução não faz sentido.

      O prejuízo é para os clientes e para o meio ambiente porque tornam os equipamentos existentes obsoletos super rapidamente de forma desnecessária para as necessidades que realmente existem.

      • PAULO SILVA says:

        A Microsoft como empresa faz um roupagem nova e meia-dúzia de novas funcionalidades, como diz, mas é responsável por milhares de milhões de pc’s no mundo inteiro, muitos com serviços críticos, e é claro conta com milhares de funcionários para o fazer e oferecer SUPORTE, mas paga os salários deles com o que? mas se o Joao Ptt aceitar a responsabilidade e fizer o trabalho todo, talvez a MS ofereça todo o serviço de graça… Afinal se calhar usa direta ou indiretamente os serviços da Microsoft, mas não quer pagar por eles.
        Se quer tudo de graça (se é que isso existe..), mude para Linux, que assim não paga nada!

  4. Carlos Valente says:

    ….puro negócio manietado pela MS….faz lembrar os TM em que cada ano aparecem dezenas de modelos novos….produzir até fartar e o povo a pagar…mas sempre nas mãos deles

  5. 1moment says:

    Estás a andar para rolling release ? MS ™ loves Linux !

  6. Valdemar Santos says:

    Nunca foi diferente. Todas as atualizações “mega”, do Windows 10, não foram mais do que um novo SO, sempre.
    O que poderá mudar será apenas uma questão de marketing, estratégia comercial ou de comunicação, caso avancem para o Windows 12, 13, 14… E, ainda assim, isso será apenas voltar ao que era.

  7. Manoel says:

    OFF: Sabem de alguma alternativa ao Windows 365? Seja para pequena empresa ou home?

  8. Jota says:

    Um tiro no pé de 3 em 3 anos? Não acho boa ideia!

  9. Marquise says:

    com tanta janela é melhor mudar o nome para marquise assim como assim erros mais que muitos ao menos com versões novas devem vir menos correções a que se chamam de atualizações simpaticamente falando no mundo das janelas

  10. OBravo says:

    As empresas não estão pra isso.

  11. João says:

    Que coisa….

    mas o Windows 10 não ia “ser o ultimo windows” ™ ??

    ahahahaha

  12. secalharya says:

    Se o Windows 10 ainda dá problemas…sistemas a cada 3 anos vai ser um tiro no pé.

  13. joao says:

    Lá vai a MS impor restrições artificiais de hardware a cada 3 anos, como fez com o w11.
    E diziam que o w10 seria o último.
    Nada como a internet para refrescar a memória:

    https://forbes.com.br/negocios/2015/05/windows-10-sera-o-ultimo-sistema-operacional-windows/

  14. Daniel says:

    A tragédia, o drama, o horror…

  15. SANDOKAN 1513 says:

    (https://arstechnica.com/gadgets/2022/07/report-microsoft-will-return-to-releasing-new-windows-versions-once-every-3-years/?amp=1). Aqui está o que eu dizia.O Windows 12 previsto para o outono de 2024,daqui a pouco mais de 2 anos.E se mexerem ainda mais nos requisitos necessários para o poder utilizar vai ser o bom e o bonito.

  16. LarilasOS says:

    Oh, qualquer dia é como o “Pirilampo mágico”…é um diferente a cada ano…só muda a cor

  17. eachtime says:

    a razão é basicamente para poderem ir aumentando os requisitos de processador a cada versão e não terem que suportar CPUs antigos

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.