PplWare Mobile

Microsoft prepara-se para dar uma nova cara ao Windows 10 na próxima grande atualização


Pedro Simões

Apaixonado por tecnologia, encontro no Pplware a forma ideal de mostrar aos outros os meus conhecimentos e de partilhar tudo o que me interessa neste intrincado universo

Destaques PPLWARE

74 Respostas

  1. Marco says:

    este tema light faz-me lembrar o plasma do KDE, mas com um menu melhor.

    • João Pereira says:

      A IBM comprou a Red Hat, a Microsoft comprou a github, não tarda com tanta integração Linux na Microsoft, não me admira uma compra do Linux pela Microsoft… Depois temos KDE em vez do Explorer

    • Jorge says:

      Melhor o do kde ou do windows?

      • Lucas says:

        KDE é tão bugado, tão bloated, tão pesado, tão cheio de frescurites que até prefiro usar o Ruindows 10

      • João says:

        Esqueça comentários de não-utilizadores!!!

        Uso KDE (mais propriamente PLASMA – porque KDE é o nome dado à comunidade que, entre outras coisas, desenvolve o ambiente de trabalho Plasma) à anos, diariamente e sem problemas ou queixas!!!

        Houve uma altura em que, efectivamente, o sistema era pesado (e “bloated”), no entanto isso JÁ NÃO SE MANIFESTA HOJE.
        Tenho o Desktop com as configurações que vem de raiz a correr com 300Mb / 400 Mb de Ram… se isso é bloated, não sei que raio chamam ao GNOME e derivados.

        O Plasma é, actualmente, um sistema bastante leve e optimizado, mas acima de tudo extremamente estável (naturalmente se se puser com *avarias* é normal que estrague alguma coisa…).

        No entanto, em termos de temas, embora eu goste dos do Plasma – que dão para personalizar tudo (e mais alguma coisa) – para o utilizador final pode-se dizer que a *treta* é a mesma!!!

        90% dos utilizadores que mudar apenas algumas coisas básicas e isso qualquer um dá para fazer ( temas do Plasma: https://store.kde.org/browse/cat/104/ ).

        Relativamente a “muitas opções”…

        Antigamente, não conseguia entender como é que alguém não gostava de Opções.
        Mas hoje entendo que efectivamente demasiadas opções para utilizadores mais limitados pode ser um ponto negativo. Passei a dar valor ao GNOME que limita o acesso apenas a configurações mais *basicas*.

        Sem querer entrar muito em guerras de Desktops (mas clarificando alguns comentários) em Linux temos (na minha opinião) 3 ambientes de trabalho que se distinguem bem uns dos outros pelos seus objectivos:

        Plasma (KDE) – é o ambiente de trabalho de Linux com mais poder de personalização. É por defeito parecido com o Windows embora consiga imitar qualquer um dos outros. Tem como objectivo dar o máximo de poder ao utilizador deixando-o personalizar até o mais pequeno detalhe.

        GNOME – Por oposição ao Plasma este é para utilizadores que não pretendem realizar muitas configurações/personalizações. O objectivo é incomodar o menos possivel o utilizador e manter apenas as configurações mais usadas. (Desde que migraram para o GTK3 – o toolkit sobre o qual o Gnome é criado – tem existido imensas queixas de lentidão e de este estar “bloated” e de ter limitado ainda mais as personalizações. As queixas são tantas que há imensos projectos a abandonar o GTK em favor do Qt)

        LXQt – Básico! Está a ver o ambiente do windows 98? É mais ou menos isso! Pequeno, leve, básico, simples!

        O resto, na minha opinião, é mais do mesmo!

        No entanto, o melhor mesmo é deixar de seguir opiniões de terceiros e experimentar por si. Cada utilizador tem um gosto e qualquer um dos 3, na minha opinião, é bom! Só depende do utilizador

    • João says:

      Com um menu melhor?!
      Eu pessoalmente uso o menu mais básico do KDE – aquele que é basicamente igual ao windows 98 (mas com campo de pesquisa e 4 ou 5 atalhos).

      é “pequeno” e funcional!!! Mas para quem quiser há um menu igualzinho a este para KDE (como não podia deixar de ser… em KDE há quase tudo)

  2. Bruno Gomes says:

    “Há um novo tema ligth no Widows 10”
    widows = víuvas
    Por acaso foi a estreia ontem no cinema também 😉

  3. cm says:

    Essa parte do tema light é do tipo dos alertas do IPMA… uma alteraçãozita e é logo caso para alerta laranja.
    Velhos tempos do XP em que se usava o Reshaker para se fazerem verdadeiras personalizações.

  4. Jorge Silva Azevedo says:

    Bom dia.
    E eu que ando há dois meses a contactar a comunidade e o suporte do Windows Update e ainda não tive ajuda. No meu W10, para atualizações, desde o dia 28 de setembro, às 12h45, recebo a mensagem:
    “Ocorreram alguns problemas ao instalar atualizações, mas voltaremos a tentar mais tarde. Caso continue a ver esta mensagem e pretenda procurar informações na Web ou contactar o suporte, isto pode ajudar: (0x80070424)”

    • Joao says:

      experimenta o telefone. COmigo funcionou varias vezes.

    • Cortano says:

      Faz reboot ao PC

    • Sérgio says:

      Boa tarde,

      Qd não consigo actualizar pelo Windows Update no pc , costumo ir ao site da Microsoft, e transfiro a actualização em causa, para a executar posteriormente em offline.
      Abraço

    • k says:

      Sem sarcasmo, quando algo deixa de funcionar e não consigo encontrar o problema, formato e reinstalo o windows. O meu pc já está preparado de forma a ser reinstalado a qualquer altura:

      – tudo tem cópia a qualquer momento: tudo que é relevante está na cloud, pode ser reinstalado descarregando da internet de novo ou está em discos diferentes do que tem o sistema operativo.
      – finalizando a instalação do windows, tenho um script em powershell para modificar as configurações do windows como eu quero e descarrega/reinstala tudo necessário automaticamente. Basta executa-lo, reiniciar o pc e tá pronto.

      Tirando o tempo de preparar uma pen de instalação com a ultima versão do windows (para ter menos updates depois) + download do que tem que ser sacado outra vez (geralmente jogos grandes, tipo WoW, etc), o pc fica pronto em 10 minutos, (sinceramente acho que nem tanto).

      • Paulo says:

        Bom dia,
        Podes partilhar esse script? A ideia é excelente

      • censo says:

        Com uma máquina que tenha SSD qualquer reinstalação do Windows se faz em minutos.

        • Danilo says:

          Ainda com um SSD as atualizações demoram em comparação com o Linux.
          O engraçado que é no Windows, as atualizações não cobrem todo o sistema, exemplo: atualizações de aplicações não estão inclusas.
          Imagine se estivessem. A Microsoft gosta de fazer as coisas lentas mesmo.
          E ainda vem ciclano falar em SSD como se fosse mudar muito.

  5. Jorge says:

    Gostava que o windows tivesse a dockbar do macos, em vez disso tem a mesma barra de ha 20 anos e que no windows 10 passa a vida a crashar e não abre

    • Cortano says:

      Eu prefiro a barra do Windows.

    • Rui says:

      Deve rever as suas políticas de segurança com a sua máquina!
      Que barra é que está a referir-se? A barra de tarefas está ou sempre visível ou invisível.
      O botão iniciar desapareceu no 8 e voltou a aparecer no 8.1, é disso que está a referir-se? Cracha!?!?!!

      Cá para mim não utiliza o windows à umas décadas!
      Já utilizo o windows desde 1990/91 e sei bem as alterações que sofreu, por isso digo-lhe ou não utiliza o windows à décadas ou só o utiliza no facebook e clica em todos os links do facemalwere!!!! Só pode!

      Se utilizar o windows 10 Pro x64, com um antivírus/firewall decente está a salvo da maioria dos problemas e passa anos até que o windows 10 crache até bloquear como refere.

      Posso dizer-lhe que o windows 10 é o mais fiável que utilizamos até hoje (e olhe que estou a falar de 120 máquinas, todas elas com o windows 10 Pro, a esmagadora maioria com o x64 e algumas com o x32 por razões de compatibilidade de um programa).

      Reveja lá os procedimentos que deve estar a fazer tudo ao contrário!

      • Lucas says:

        Linux nem precisa de antivírus, só por esse detalhe já o faz superior.
        Não tens programas instalei a vigiar sua vida, que é o que são estes antivírus.
        Sem contar que os mesmos afetam no desempenho da máquina.

        • Mago says:

          O mac também não

          • Carlos says:

            Deve ser por isso que o macOS tem um antivírus integrado…

            E quanto ao Linux, fia-te na Virgem e não corras. É que se até sistemas SCADA especificamente concebidos para controlar hardware são vulneráveis a malware, acredite quem quiser que o Linux num PC é imune a isso.

        • k says:

          E também não jogas a grossa maioria dos melhores jogos e não corre 100% de todas as ferramentas que eu preciso para trabalhar. Só por aí já o torna inferior para mim. Tem calma ao aconselhar, a tua opinião é a tua e tudo bem mas não a enfies pela garganta abaixo dos outros.

          E não é como se o linux não tivesse os seus problemas também. São ferramentas e nenhuma é perfeita.

          • Sandro says:

            Mas porque é que diz que nenhuma é perfeita?? Bem talvez eu seja demasiado perfeccionista, mas quando faço algo, ou faço muito perfeito, ou não faço nada.

          • Alex says:

            Graças ao Steam Play jogar no Linux não é mais problema. Mas se queres tanto algo para jogar existe algo chamado: consola ou vídeogame

          • censo says:

            Perfeição não existe. É um conceito utópico e demasiado subjectivo para ser bem claro e definido. Isso não existe.

      • censo says:

        Rui, não vale a pena. A maioria que aqui aparece é só para conversa de escárnio e maldizer. Sempre trabalhei com Windows e a única verdadeira chatice que tive foi com o XP que insistentemente dava BSOD…descobri mais tarde que era um módulo de RAM defeituosa…portanto…não vale a pena. Obviamente que todos os sistemas tem problemas, e tanto no Windows como no macOS ou no Linux, o mais certo é o problema estar no utilizador.

    • Toni da Adega says:

      Basta comprar um computador da Apple e está o problema resolvido

    • k says:

      A tua barra do windows “crasha”? O que é que isso quer dizer? O que é que acontece ao certo à barra?

  6. ceh says:

    dockbar do macos rouba mais espaço que o menu inicar do Windows. Não tenho o verdadeiro full screen nas aplicações.

    Acerca do KDE continua a ser um ambiente gráfico que consome muita memória, por isso é que ainda continuo a usar MATE Desktop Environment.

  7. Emanuel Vitorino says:

    Porque continuam a chamar o Windows de “Windows 10” ? Honestamente, se o Windows agora é um serviço, mais vale simplesmente chamar-lhe de “Windows” ou “Windows OS”.

  8. Ricardo Alves says:

    Horrível!!!!! Voltamos a 1980…

  9. Jhonathan says:

    kernel linux + tema apple + janelas = ruiindows 10

  10. Yosef says:

    WOWWWWW !!! mudou o wallpaper e as cores, é uma cara nova ! o mesmo que uma mulher pintar os olhos e dizerem que fez plastica !

    ahhh e a snipping tool, taaaao utilizada…
    nao me matem de vergonha

  11. Bruno Ferreira says:

    Pessoalmente prefiro Windows aos outros sistemas e penso que está no bom caminho não podemos ficar “agarrados” ao passado tudo requer um período de adaptação. Este sistema funde dois conceitos (desktop + mobile), falta matar o velhinho Painel Control.

  12. Luis Silva says:

    Só uma pergunta esse tema light significa ter um ambiente mais leve?

  13. Pedro Silva says:

    O melhor é voltar ao Windows que realmente funciona, esse Windows 10 é uma farsa

  14. Sandro says:

    Eu penso, é que a Microsoft tem é que aprimorar esta atualização de Outubro “Novembro” e deixar-se de novos voos, sem que esta atualização esteja em condições.
    A atualização continua, com problemas, no entanto a Microsoft perde tempo com novas compilações para os Insiders. Não percebo mesmo, o que andam a fazer os Engenheiros da Microsoft. Seria muito bonito, fazerem as correções que terão de fazer à atualização de Outubro, ao ponto de não haver mais queijas, e queijas. Microsoft, sejam de novo a Microsoft, a que estávamos habituados do tempo do Senhor Bill Gate

    • censo says:

      Isso nunca irá acontecer. Problemas com o Windows acontecerão sempre. Já calculaste a quantidade de hardware à qual o sistema tem de se adaptar ?? Impossível.

  15. João says:

    Prefiro o XUBUNTU…

  16. Roberto says:

    Devem é melhorar a gestão do wireless que é muito mau

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.