PplWare Mobile

Confirmado: Microsoft vai cortar 18 mil empregos


Pedro Pinto é Administrador do site. É licenciado em Engenharia Informática pelo Instituto Politécnico da Guarda (IPG) e obteve o grau de Mestre em Computação Móvel pela mesma Instituição. É administrador de sistemas no Centro de Informática do IPG, docente na área da tecnologia e responsável pela Academia Cisco do IPG.

Destaques PPLWARE

  1. MM says:

    Isto não surpreende de todo! A MS tem actualmente cerca de 110.000 empregados (absorveu ~30 mil da Nokia). Estando a MS em reestruturação, havendo certamente sobreposição de posições quando a Nokia foi integrada, é normal que a MS quando começasse a reestruturar-se alguém teria de sair!

  2. João Terra says:

    Tanto dinheirinho que ele tem e vai despedir gente que tem de ganhar o seu para viver.
    Infelizmente é o mundo que vivemos.

    • AAAA says:

      Infelizmente é o pensamento típico português…

      Em vez de despedir estes, e salvar o resto, não, deixa-os ficar lá dentro a tirar macacos do nariz, e daqui a um ano ou dois, ir a empresa toda para a falência…

    • Só um gajo says:

      Se uma empresa é reestruturada é natural que haja despedimentos, quando essa empresa tem uma dimensão muito grande é normal que haja bastantes despedimentos.

      Ou se fosses patrão ias deixar pessoal a fazer nada na tua empresa? Este comentário só demonstra falta de noção da realidade.

    • MM says:

      Por causa desse tipo de irresponsabilidades é que as empresas do Estado estão como estão (p.ex., REFER, CP, Carris, etc., etc.) em que as pessoas ficam sem fazer nada, em que a divida destas é superior ao “buraco” provocado pelo chumbo do TS, e que agora todos os portugueses têm de pagar…
      Muito produtivo manter as pessoas a mais,,, sem dúvida!!
      Até para as próprias pessoas é mau – além do mais, o mercado de emprego dos USA é mais dinâmico que o nosso.

    • Toni Filmes says:

      A empresa vai manter gente, só por manter?
      Estou a ver que é funcionário publico….

      Ja passei por restruturações e não são nada agradáveis, muito menos para quem as sente na pele mas são necessarias para que a empresa continue a laboral.

    • Rui says:

      Já pareces alguém do PCP ou BE a falar sem saber do que fala.

      Como já foi referido, basta a incorporação dos funcionários da Nokia para duplicar funções na empresa, porque a MS já tinha um departamento que trabalhava precisamente naquilo que a Nokia Mobile fazia……

      É que noutros países com maior cultura empresarial, em primeiro lugar está a empresa e a sua sobrevivência, e por consequência a sobrevivência de todos os que lá trabalham e muito depois é que vêem os interesses de cada trabalhador individual! Por esse motivo os sindicatos lá não têem praticamente força nenhuma. Se a Microsoft fosse pública, aí existiriam sindicatos a convocar greves todos os meses…..

      Também ao contrário de nós, nos EUA os gestores têem de justificar porque é que os lucros baixaram e se der prejuízo vão para a rua. Nós até temos bancos que perdem o rasto a milhares de milhões de euros e ninguém vai preso!!!!! (e não é só 1 banco, já vamos em 3!!!!! BPN, BPP e BES) É outro mundo!!!!!!

      • Nuno Vieira says:

        Desculpa-me lá, mas na América não está em primeiro a empresa. Primeiro estão os accionistas e os seus lucros. Se for mais lucrativo fechar uma empresa podes ter a certeza que eles nem pestanejam.

        Os sindicatos não têm tanta força na América porque o governo é assumidamente de direita (bem mais que o nosso). Mas mesmo assim existem greves, não as vês é na televisão.

        Vai ver a quantidade de bancos que têm falido na América e depois vêm falar outra vez.

        • Rui says:

          Estás a confundir stakeholders. Os accionistas querem de facto o maior retorno possível do investimento que fizeram, mas os gestores que não sejam os donos das empresas (a maioria dos casos), querem o oposto, ou seja, darem o mínimo possível aos accionistas para gerirem uma empresa cada vez mais rica e que gere cada vez mais lucro, possibilitando assim terem cada vez maiores salários!

          Obviamente que em última análise os accionistas são os donos e tem sempre de existir um acordo de remuneração destes através do dividendo, caso contrário um gestor não dura muito tempo na cadeira que ocupa!!!

          Mas olha, o governo americano não se preocupa nadinha pelos bancos falirem. Nem sequer aumentam impostos para salvar os bancos. Agora pergunto-te eu quem é que está mais correcto, eles ou nós?

          • Nuno Vieira says:

            Não, não estou a confundir os accionistas são basicamente os donos das empresas. Os gestores querem é que os accionistas felizes, ou seja, que estes tenham lucros absurdos. Tal como eu disse se for lucrativo arrasar com uma empresa, os accionistas não pensam em duas vezes, e o gestor muito rapidamente cedes-lhe o pedido.

            Se achas que o governo americano não afunda dinheiro em empresas, dou-te um exemplo, General Motors em 2009.

  3. AAAA says:

    Obrigado Google e Android!

    Pois, com telemóveis tão baratos, feitos com mão-de-obra infantil e explorada, em condições degradantes, sem respeito pelo meio ambiente, depois quem é que vai comprar um Lumia que é 10€ mais caro? Que paga não só essas coisas todas, como o desenvolvimento do software, assistência, e etc? Chinesadas fazem o grosso do Android a nível mundial, e nunca pagam a ninguém as respectivas licenças por patentes, depois, é claro, desemprego nas grandes casas que contribuíram para o desenvolvimento da Computação nas últimas décadas como a MS!

    A UE, os USA, e etc’s devem controlar a entrada de produtos chineses que não respeitem a propriedade intelectual, e barrar a importação dessa tralha tóxica para todos!

    Fazem como o Brasil, o estado põe impostos, e eles abrem lá fábricas, Samsung, Apple, etc… têm lá fábricas, por que é que aqui, na Europa, não temos fábricas? Não compramos telemóveis, computadores e tablet com fartura? Pois! Em vez disso, estão a despedir…

    • Só um gajo says:

      Sim, é porque o pessoal não comprou um Lumia que a Microsoft está a despedir. Aliás a quota do Windows Phone não está a aumentar nem nada…
      Deixa de ser estúpido.

      • AAAA says:

        Deixa de ser estúpido e lê a notícia ao menos…

        Se estão a despedir, principalmente pessoal da Nokia, é porquê? Porque as vendas estão a aumentar?

        Aumentar, pode estar a aumentar, sem dúvida, mas já era altura para estar no segundo lugar, e nem com uma só marca de android conseguem competir…

        • Só um gajo says:

          Tu não deves viver no mesmo mundo que eu. De certeza.

          Sabes que o grosso do negócio da Nokia não é nem nunca foram os smartphones!? A Nokia era, até há uns tempos, a maior fabricante mundial de telemóveis. isto acontecia porque a Nokia, apesar de nunca se ter afirmado como concorrente do iOS ou do Android, tinha a maior produção mundial de telemóveis, graças aos terminais de baixo custo com o mínimo de características, e nisso tem imensa qualidade. Acontece que até nesse segmento a Nokia foi ultrapassada pela Samsung e passou a ser a 2ª maior fabricante do mundo de telemóveis. Se calhar o modelo deles estava um bocadinho desajustado.

          E outra cena, se uma empresa está a vender menos porque tem mais concorrência, a culpa não é do concorrente, a culpa é da empresa que não se soube ajustar. Se o pessoal está a comprar Androids é porque alguma coisa os leva a comprar isso e não é só o preço.

    • Rui says:

      Não sejas tão dramático!
      O que está a acontecer à Europa e EUA é uma coisa muito simples que se chama deslocalização de empresas, principalmente indústria. Porque temos muitos iluminados de economistas que acham que o mundo sem fronteiras é uma maravilha, mas esquecem-se que há países com salários muito mais baixos que os portugueses e dispostos a trabalhar 16 horas, 6 dias por semana!!!!

      O desemprego vem daí, nós estamos a empobrecer para outros enriquecerem……

      Como é que se contraria isto? Começa por comprar o mais que puderes produtos feitos em Portugal. Quem não o faz e não arranja emprego, só tem de pedir emprego às empresas/países onde costuma gastar o seu dinheiro!!!

      • AAAA says:

        Como é que se contraria isto?

        É premiar o bom-senso.

        Se eu vou comprar um telemóvel de 100€, sei que um telemóvel de 100€ vai ser sempre um telemóvel de 100€…

        Em vez de ir para um Android que promete muito, não entrega nada, feito… sabe-se como… vou para um Nokia, que já são MUITO BONS por 100€! Melhores que os Android…

        Mas o típico otário, que até se acha inteligente, põe as specs lado-a-lado, e compra o pior… nem vê os dois produtos finais lado-a-aldo.

        • Paulo says:

          São melhores para ti. Eu não quero um Nokia nem dado, podes ficar com eles todos.

          Sempre que vejo noticias aqui no pplware e noutros sites e blogs do genero, do tipo: “Já existe Dropbox para WP” eu até sinto pena de quem compra essa porcaria.

          A loja de aplicações do WP é ridicula, está com anos de atraso em relação à da google e da apple, os telemóveis que a Nokia faz parecem brinquedos para crianças, e o SO é o mais feio e limitado que já vi (parece que agora vai dar para mudar a imagem de fundo, genial… que grande avanço).

          • ASA says:

            Esta gente…

            E malware, para o androi já há?

            Quando é que sai a versão do android do ano passado para 85% dos dispositivos?

          • João Terra says:

            Eu partilho da mesma ideia. O SO da Microsoft é um negredo absoluto e copia absoluta.
            Ainda agora no Windows 8.1 deparei-me que a MS copiou muita coisa de vários sistemas operativos como android e linux. Windows 7 foi copiado a partir do Zorin e do ubuntu.
            A malta está com dor de cotovelo porque estes sistemas são Open Source e o utilizador é beneficiado nisso, claro que os desenvolvedores ganham alguma coisa em troca.
            Mas existe gente aqui que não aceita as opiniões dos outros e que temos de ser todos iguais.
            Eu nem queria um um lumia, nem pintado de ouro. Existe gente que aplaude o capitalismo dessa empresa, mas prontos cada um com a sua ideia e cada um escolhe o que quer, por isso estamos numa democracia e liberdade de direitos.

          • Bruno Coimbra says:

            Paulo apesar do AAAA estragar tudo com a falta de argumentos dele, numa coisa tem razão um lumia a 100€ bate qualquer android a 100€ isso é um facto mesmo com specs inferiores.

            Depois dizer ah e tal finalmente já tem dropbox, pois meu caro esse era um argumento valido quando saiu o 7.5…agora já passou mais de um ano…a historia já é outra e o leque de aplicações já vai mt vasto, claro que desconhece pq n usa…mas quando assim é devemos ficar calados e n falarmos do que n sabemos!

            Parecem brinquedos???Oh meu caro onde 80% dos telemóveis android são feitos de plástico barato….ate a baixa gama da nokia chega e sobra para a gama media alta dos androids.

            Coisas q os androids já fazem á seculos e so agora o WP vai fazer tem um motivo…n queremos lags nem freezes so por causa do wallpaper ou das milhares de aplicações para mudar as cores dos pelos do cu do boneco ou das outras milhares que mudam os ícones e das outras q mudam a cor das letras e das….WP n é um SO para brincar é para funcionar e la tudo funciona

          • Bruno Coimbra says:

            Mas oh João Terra diga-me lá se é contra o capitalismo da MS e por causa disso n quer um telemóvel deles…quer um telemóvel de quem, mas já existe alguma ”empresa” que ofereça o telemóvel?? Ou esta a tentar insinuar e chamar burro a quem tem dois dedos de testa que a Google e a Apple ou Samsung…n são capitalistas ????

            Copiou o diga la q estou desejoso de ouvir mais barbaridades, mts das funções do W7 já vinham do Vista (o tal mal amado) o W7 trouxe isso tudo de uma maneira optimizada e sem erros (erros esses q eu nunca tive mas isso são outras contas) e o Vista já vinha a ser desenvolvido ainda antes do XP ser lançado (Estamos a falar de 2001) e ubuntus asserio so começaram a ser lançados aserio em 2005 quando criada a fundação Ubuntu

          • cartoon says:

            Caro Bruno Coimbra, eu concordo em praticamente tudo o que disse, incluindo com a parte em que um nokia de 100€ bate qualquer Android (apesar de n conhecer nenhum nokia a esse preço, conheço androids e sei que não é difícil ser melhor que aquilo).

            Mas tenho algumas observações a fazer, primeiro você não faz ideia se eu tenho ou não experiencia com o WP, em segundo lugar, não é preciso ter grande experiência, basta estar atento para ver que quase todos os meses aparecem notícias aqui pelo pplware, com “novas” apps para WP que já existem há anos para os concorrentes. Por fim, apesar de concordar consigo quando diz que 80% dos androids parecem brinquedos, concordamos então que 20% deles não são, e olhe lá que 20% no universo Android, é muito Android…

            Quanto ao lag, e só para terminar, se o Android fosse uma pagina preta com letras brancas e quadrados amarelos em cima, que nem mudar o fundo permite, também era fluido mesmo em telemóveis de 50€. De qualquer forma, um dia tenta testar um nexus 5, com Android puro, e tenta encontrar lag.

          • Paulo says:

            Não sei o que se passa com o pplware, mas o comentário a cima é meu e não do cartoon

        • aserio says:

          olha la tu les o que escreves? ou tas so a usar o teclado por usar? deves ser um gato que saltou para cima do portatil do dono… e que dizes cada uma, contradizeste, e voltas a dizer cada uma…

          os comentarios do pplware andam a ficar bonitos… todas as semanas aparece um cromo novo a pensar que e capaz de revolucionar o mundo com a sua sabedoria… tu es o desta semana certo?

    • Paulo says:

      É incrível como alguém consegue alternar entre uma ideia absolutamente ridícula (para não dizer coisas mais feias) e uma ideia inteligente, pelo menos em certa medida.

      Então a culpa dos telemóveis feios, baratos e feitos com mão de obra infantil, são da Google e do Android? A Google ou o Android agora produzem telemóveis? E já agora, se alguma empresa se lembrar de produzir PCs com Ubuntu(open source, tal como o Android), a Canonical vai ser responsável pelas condições de trabalho dos funcionários dessa empresa?

      Tanta frustração nessas cabeças, até vos queima os miolos…

      • AAAA says:

        Sim, é da Google!

        É como chegar á beira de uma tribo africana, e dar-lhes uma AK para a mão.

        Eles podem não saber plantar uma batata para comer, mas sabem pegar na arma, apontar, e matar.

        Meter o Android nas mãos desses chinocas, é isso, permitir que eles façam produtos que não contribuem nada para o avanço tecnológico, mas depois têm as features todas que se espera de um aparelho de uma empresa de primeira linha!

        Mas isto é demasiado avançado para perceberes… já vi pela conversa…

        • Paulo says:

          Onde é que isto já vai, agora andamos a comprar software open source com armas de fogo.

          Que pérola virá a seguir? O Android será que também é culpado pelo conflito no médio oriente?

          No outro dia vi uma reportagem que mostrava que os funcionários de empresas fornecedoras da zara, trabalhavam em condições de escravatura. Será que isto também é culpa do Android? Ou será culpa de empresários gananciosos, em que os milhões que ganham nunca são suficientes, ou de clientes egoístas, que para pouparem uns €€€€ vale tudo? Pois…

          Mas pronto, vindo de um apoiante da Microsoft, não me admira este ódio ao open source.

    • Jorge Frazão says:

      Não marques uma consulta para o psiquiatra não

  4. João Terra says:

    Não se pode mandar uma boquinha que vem logo o zé português mandar vir. É típico do português.
    Conheço a realidade, só não sabia que a MS estava em estruturação. Sei que a MS tem muitos funcionários e muitos departamentos e fabricas em todo o mundo.
    Para min a MS podia ir há falência, anda a despedir pessoal e a pagar uma miséria aos funcionários. Só para não ter prejuízos já está a tirar suporte de segurança ao XP( desde Abril, salvo erro) e qualquer dia será o sevem.
    Vão-me dizer que a MS está pobre?

    • Rui says:

      Não sabes o que dizes da boca. Falas de cor em relação à Microsoft.
      O que se passa é um reflexo dos mercados, não se pode estar sempre a crescer sem parar, nem recrutar como malucos. Chega a um momento que a subida para e começa a descida sustentada.
      Despedimento é uma consequência, senão a estrutura vem por ai a baixo. Agora são 18.000 que perdem o trabalho .. mas antes isso que os 110000.
      E qq bom funcionário, que saia da Microsoft minimamente bom, arranja trabalha na sua área com relativa facilidade.

    • Pedro says:

      João Terra, meu caro, você realmente tem muito pouca noção do mercado empresarial e principalmente da escrita portuguesa!!!

      Em primeiro lugar, como é obvio a Microsoft lucra muito dinheiro, e os seus directores devem ter muito dinheiro, mas isso só acontece porque fazem uma coisa que é chamada gestão… A seu ver, não só não se devia despedir ninguém, como se deviam aumentar todos os salários que você dizem ser uma miséria… “foi trabalhador da Microsoft?”

      Ora com esse tipo de gestão, ai sim, a empresa iria à falência… O seu raciocínio é o típico raciocínio Tuga de que enquanto ha dinheiro, é para se gastar… depois quando já está todo gasto, aih meu Deus… aih meu Deus…

      Quanto ao suporte ao XP… quantas empresas você conhece que tenham dado suporte a um software durante tanto tempo como a Microsoft fez com o XP?

      Meu caro João Terra, é preciso pensar um pouco antes de falar. Ter calma, e ver bem se o que estamos a escrever faz algum sentido…

  5. Rui says:

    LMX? Andas por aqui?

    Que achas do avião Malaio abatido pelos teus amigos Russos e sobre espaço aéreo Ucraniano?

  6. Benchmark do iPhone 5 says:

    Ainda ninguém reparou no último parágrafo do post? O fim do Nokia X (SO Android).

    http://www.microsoft.com/en-us/news/press/2014/jul14/07-17announcement1.aspx

  7. Tiago says:

    Não houve ha pouco tempo uma noticia que dizia que a MS ia contratar pessoal em PT? e agora vai despedir? 🙂 LOL

    • MM says:

      “Em declarações ao jornal Público Patrícia Fernandes – “Ontem mesmo [quarta-feira] anunciámos a contratação de 15 recém-licenciados para o nosso centro internacional de suporte remoto sedeado em Lisboa, cerca de seis meses depois de termos anunciado a primeira expansão deste centro, com a contratação de 25 novos técnicos”, acrescentou.”

      Há malta que não faz a mínima ideia de como funciona uma multinacional… lá porque a MS está em fase de reestruturação e há departamentos que vão ter redução de pessoal, não quer dizer que outras regiões do globo e outros departamentos não contratem gente.
      A MS não está em fase de reestruturação por estar à beira da falência, a MS está a reestruturar-se porque precisa de optimizar os departamentos, em especiais onde há sobreposição de staff!

  8. David Guerreiro says:

    É pena, para quem adquiriu Nokia X que a MS vá acabar com estes equipamentos, e consequentemente com o suporte. Duraram muito pouco tempo, mais valia nem terem lançado. Enfim, é daquelas coisas que não se entende.

    • MM says:

      Quem compra android já devia estar à espera disso!! Afinal as próprias marcas que continuam a lançar equipamentos com Android rapidamente deixam de dar suporte.

  9. cartoon says:

    “Microsoft consegue manter 50% dos funcionarios da Nokia”
    🙂

    • cartoon says:

      Senhores administradores, esse comentário acima com o meu nick e avatar, não é meu. Agradecia que vissem o que se passa. O Vitor ficou de ver isso (já num outro post aconteceu o mesmo) e até agora, nada…

  10. cartoon says:

    O comentário anterior não é meu apesar de ter o meu nick e 0 meu avatar. Já deixei aqui um alerta que ficou em moderação e desapareceu. Até as notificações aparecem na minha caixa de correio, o que é muito estranho! Vejam isso com cuidado antes que apareçam comentários menos bons em meu nome e dos quais não tenho culpa. Acho que deviam aplicar uma forma qualquer para que isso não se repita. Uma pass ou outro forma de segurança qualquer.

    • Vítor M. says:

      Não vemos qualquer nick com mail diferente e avatar igual. Vasculhamos e é tudo igual, (só o IP é diferente)… portanto… deve ser algo estranho… mas não por aqui. estranho é ter o mesmo mail 😉 isso é que é estranho, não sendo a mesma pessoa claro.

      • cartoon says:

        Estranho mesmo. O comentário que diz “Microsoft consegue manter 50% dos funcionários” não é meu, no entanto tem o meu nick e avatar. A única pessoa que sabe que o cartoon sou eu, é o meu filho e ele não publicou nada em meu nome. Mais estranho é eu receber os avisos na minha caixa de correio…

        • Vítor M. says:

          Porque o mail é o mesmo, por isso tem o mesmo avatar… o estranho nisso é mesmo o IP! É que não tem nada a ver!!! Não terás o PC “minado”? Ou a tua conta carregado num browser noutro PC (trabalho, etc…)?

          Repara… os IPS que usas nos teus comentários (só o início por motivos óbvios):

          87.103…..
          2.81.150…..
          82.154……
          144.64……
          2.81.149…..
          193.137…..
          188.250…..

          Conclusão… é impossível saber que é quem!!!

          • cartoon says:

            No trabalho, não consulto o pplware, em casa, no portátil, muito raramente. É quase sempre a partir do smartphone. Minado ou não, penso que isso não explica que haja comentários que eu não escrevi.

          • cartoon says:

            Afinal, os comentários são do Paulo. Ele acabou de publicar um e aparecem os meus dados como ele próprio afirma. Portanto o problema deve vir daí, Vitor.

          • Vítor M. says:

            Impossível, até porque não é possível o sistema publicar comentários de um com nome de outro e mail. Isso está totalmente fora de questão.

            O Paulo está a usar o mesmo IP que tu cartoon 🙂 ele não estará no teu computador?

            É que não há outra explicação. Vocês estão ora a usar o mesmo IP, ora a usar o mesmo mail e nick, ora o Paulo usa outro mail e o nick dele… resolvam-se 😀

          • Paulo says:

            Não, eu não conheço o senhor cartoon, e o único comentário que fiz que ficou com o avatar dele, identifiquei imediatamente como sendo meu.

        • MM says:

          Durante a tarde quando ía postar e os campo de nome e mail apareceram-me pré-preenchidos com o teu nome. Reparei a tempo e apaguei os campos. Pelos vistos houve quem não reparasse.
          Que é estranho é, principalmente porque eu nem ia fazer reply a um post teu.
          Algo se passou na BD dos registos do Pplware.

        • Rui says:

          Engraçado que num dos posts em que ía responder, aqui neste tema, apareceu automaticamente o nick cartoon e um mail da gmail e que incluía cartoon! Isto no meus ipad e tenho a certeza que não fui eu que escrevi! Apenas cliquei no botão responder!

          • cartoon says:

            Aconteceu ao Paulo, ao Rui e eu não tenho esse pessoal todo a viver em minha casa 😉
            Vitor, não será alguma bicharada por esses lados?

  11. joão says:

    O direito da Microsoft fazer as restruturações que quiser é inquestionável. Não mereceria um segundo discussão sequer.

    O que motivaria boas discussões são, por exemplo, respostas às questões seguintes :

    – Como poderá conceber-se que, em plena metade da segunda década do sec. XXI , um sistema operativo de uma determinada companhia, qualquer que seja, ( v.g. o Windows) ainda seja pago ou vendível constituindo parte do preço da esmagadora maioria dos computadores ( desktop, notebook, netbook, surface etc. )?

    – Tendo a Microsoft assentado o seu “core business” sobretudo no “software” vendido como parte do preço dos computadores como explicar que a mesma, tenha soltado autênticos nado-mortos como o Win Me, Vista, e Win 8, de tal forma que o já não assistido Win XP veio surpreender tudo e todos ao aumentar o seu “share” na globalidade dos sistemas ?

    – Como sobreviverá se, seguindo o exemplo do Mac OX ( para não falar no “open source” ) vier a tornar “freeware” o Windows ou se o Office vier a ser quase igualado em potencialidades pelo Kingsoft ou LibreOffice/OpenOffice ?

    -Serão a XBOX e a Nokia as apostas ou tábuas de salvação da Microsoft numa altura em que Steve Ballmer mal aqueceu o lugar e Bill Gates já se desfez de uma boa parte das acções que detinha ?

    • MM says:

      O preço de um MAC engloba o preço do OS. O consumidor não dá conta disso porque a Apple também faz o hardware, tal como a MS faz agora o Surface.
      A MS não vive só do software, aliás, acho que o core business da MS é cada vez mais serviços.
      O Bill Gates desde que saiu da MS que apresentou um plano de como se ia desfazer das acções que detinha e continua a seguir esse plano para deixar de ser accionista minoritário e deixar as decisões para quem esteja mais envolvido na gestão real da MS – actualmente o Bill Gates acho que faz parte do board mas como não executivo e acho que só tem 5% ou menos.
      A MS já liberta gratuitamente o Windows grátis em versões não profissionais, daí ser possível em breve comprar networks a 200 euros e já se encontram laptop a rondar os 300 euros, que é basicamente o preço que alguns laptop apareceram com Linux instado.
      A MS tem vindo a mudar mas poucas pessoas reparam.

      • joão says:

        Obrigado pela boa resposta MM.

        O Mac OS X Mavericks, segundo a Apple, é gratuito, o que até motivou uma intervenção de Linus Torvalds a acalmar as preocupações da comunidade Linux assegurando que o “open source” não estaria ameaçado com a gratuitidade.

        Claro que a MS não vive só de software como o comprova a Nokia e Xbox. Mas nenhuma empresa do mundo tem uma imagem tão forte ( às vezes fraca – Me e Vista) no “software” como a MS.Muitos dos serviços que presta estão relacionados com ele.

        Em relação a Bill Gates, a Reuters
        http://br.reuters.com/article/internetNews/idBRSPEA4106720140502
        afirma que este está a vender 20.000.000 de acções a cada trimestre de forma a perder qualquer participação directa o que acontecerá em quatro anos.

        Saúde-se o facto da MS já libertar gratuitamente o Windows em versões não profissionais. Interrogo-me até, a exemplo da atitude da Comissão Europeia que entendeu como participação dominante abusiva a integração do “browser” IE no sistema sem outras alternativas, se o mesmo não seria aplicável às licenças que hoje mesmo aumentam o preço da esmagadora maioria dos computadores no mercado sem deixar ao comprador outra alternativa como a venda do mesmo sem a licença, coisa que ainda é impraticável na maioria do retalho como se fosse uma heresia.

        • Joe says:

          O OSX também é open source em parte… Só que não é open source do jeitinho que ele gosta…

        • MM says:

          Um iMac custa mais de 2.500 euros, portanto, a Apple pode perfeitamente oferecer o OSx… afinal o custo do SO já está diluído no preço da máquina.
          A Apple não vende máquinas de 300 euros, portanto, pode dizer à vontade que oferece a licença do SO porque o consumidor não consegue perceber no meio dos milhares de euros que custam as máquinas Apple, se está ou não a pagar o SO.

  12. cartoon says:

    @Vitor
    Aqui em casa não há nenhum Paulo, sou só eu e o meu filho. O paulo, logo a seguir a ter publicado um comentário onde aparece o meu avatar e nick, publicou outro onde aparece já como Paulo. Se ele ler este comentário, que entre na conversa para sabermos de onde é.

    • cartoon says:

      Vitor, depois de ter lido aqui vários comentários onde afirmam que, ao postarem um comentário, apareciam os campos preenchidos, qual é afinal a tua conclusão? O problema só pode ser daí…

  13. João Terra says:

    Alguns de vocês já estão a entrar pelo campo da globalização e pelo campo ” ai e tal, os chineses trabalham noite e dia e as coisas são mais baratas”. Eles têm a tecnologia toda que foi entregue gratuitamente pela amarica.
    Agora não se admirem um Android custar 90€.
    Mas o mais engraçado é que leio os vossos coment´s pelo email e ainda estão aqui na luta entre o gato e o rato.
    É o mais curioso é que se insultam uns aos outros,”Eu fico a ver a caravana passar”

    • Rui says:

      Ficas a ver a caravana passar porque não consegues ter uma opinião própria. Resumindo, falas de tudo, mas não dizes absolutamente nada. O conselho que se dá a este tipo de intervenções é:
      “Mais valia teres estado calado”. My 2 cents 🙂

  14. Nuno Vieira says:

    É por isso que não olho com bons olhos para as compras que as gigantes tecnológicas fazem.

    Se por um lado, quando vemos uma grande compra, uma vez que somos cliente desse serviço pensamos numa valorização, esse é o lado bom, o lado mau é este ser apagado, terminado, deixar de existir.

    Exemplos temos vários, que nestas grandes compras o que lhes interessa é as patentes, acabando os serviços mais dia menos dia por deixarem de existir.

    O outro lado é a supressão de postos de trabalho. Compreendia mais que houvesse antes um contracto entre empresas, bens e serviços do que compras.

    Mas isto não é apenas da Microsoft, a Google é exemplo maior, que compra n empresas por ano, a Kodak foi exemplo disso, a HP, Yahoo. As empresas compram, porque e só porque tem interesse nas patentes.

    Um exemplo mais recente vai ser se o grupo VW comprar a FIAT…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.