PplWare Mobile

Atenção, nova atualização do Windows 10 pode deixar as máquinas vulneráveis


Apaixonado por tecnologia, encontro no Pplware a forma ideal de mostrar aos outros os meus conhecimentos e de partilhar tudo o que me interessa neste intrincado universo

Destaques PPLWARE

  1. sandrosfc says:

    Aff,brincadeira isso,estou na 1903 e com as atualizações pausadas á um bom tempo com medo de dá merda no meu pc,e agora mais essa…

    • Filipe says:

      Agora em português, se fazes favor. Nem sabia que havia internet aí.

      • Danilo says:

        Ao invés de ficares a criticar o português alheio, devias pensar num argumento. Eu sei que entendestes muito bem ao comentário ou está doente.
        Português brasileiro continua a ser português e uma variação da nossa língua, tal qual o inglês britânico e inglês americano.
        Abra mais tua mente.

      • sandrosfc says:

        Nossa cara,você é muito engraçado. Faz Stand-Up?

      • André Cavalcanti says:

        No soneto “Língua Portuguesa”, o poeta brasileiro Olavo Bilac (1865-1918) escreve no primeiro verso “Última flor do Lácio, inculta e bela”, se referindo ao idioma Português como a última língua derivada do Latim Vulgar falado no Lácio, uma região italiana.

        Queres em português, pois tomes:

        ” Última flor do Lácio

        Última flor do Lácio inculta e bela
        És a um tempo esplendor e sepultura:
        Ouro nativo que na ganga impura
        A bruta mina entre os cascalhos vela…
        *
        Amo-te assim, desconhecida e obscura,
        Tuba de alto clangor, lira singela,
        Que tens o trom e o silvo da procela,
        E o arrolo da saudade e da ternura!
        *
        Amo teu viço agreste e teu aroma
        De virgens silvas e de oceano largo!
        Amo-te ó rude e doloroso idioma,
        *
        Em que da voz materna ouvi: “meu filho”
        E em que Camões chorou, no exílio amargo,
        O gênio sem ventura e o amor sem brilho!”

        Aqui, onde teus antepassados plantaram esta flor é que ela floresce, grassa mais bela e indomada que em qualquer outra paragem! 🙂

    • Marcos says:

      O que adianta pausares as actualizações se elas actualizarão sozinhas depois de um tempo? Nem vais ver já estará instalado e terás de reiniciar e bye bye PC.
      Por estas e outras que muitos estão a preferir ficar em versões antigas do sistema operativo, por causa das actualizações forçadas (não podes parar por tempo ilimitado). Não tens controlo algum sobre o sistema.
      Se queres ficar no Windows recomendo-te ficares no 8.1. Vá lá e instale o Open Shell e terás uma cópia do Windows 10 sem tais problemas e actualizações (não forçadas) até 2023. É a única saída se prezas pela estabilidade, se não quiseres, sugiro que compre um Mac ou então vá para Linux, há diversas opções para todos os gostos.
      Abraços!

      • Lucas says:

        Falo a mesma coisa de quem fica editando ISOs do Windows 10 com ntLite e coisas assim… Pra que perder tempo fazendo isso? Se a cada 6 meses tem uma atualização grande que reinstala praticamente todo Windows do zero? Quanto a ficar no 8.1, é… tenho que concordar que é a melhor opção dado ao fato do 7 está a perder o suporte em Janeiro de 2020. O 8.1 ao menos ninguém quis matar ainda. 2023 é a data limite, até lá muita coisa vai ter rolado.

      • FP says:

        Ha sim uma opçao que permite bloquear as atualizaçoes. Fiz isso no meu antigo pc e durante quase um ano, n fiz uma unica atualizaçao. Hoje em dia no meu atual faço todas as atualizaçoes, simplesmentr porque ate agora n tive um único com problema, como vejo a cada semana uma noticia nova das atualizaçoes do Win10.. Devo ser um sortudo. Para mim, 0 problemas

    • mauro says:

      Essa atualização kb4520062 não está disponível para a versão 1903. https://support.microsoft.com/pt-br/help/4520062/windows-10-update-kb4520062

    • Catarina says:

      Como fizeste para parar as autulizacaos obrigada

  2. Joao Ptt says:

    Pode ser que um dia destes contratem pessoas, mesmo, e comecem a utilizar máquinas reais de todas as marcas e com variados anos de produção para sei lá… descobrir os problemas antes destes acontecerem, como aparentemente faziam antes de aparentemente terem decidido cortar na qualidade e de aparentemente despedirem praticamente toda a gente que fazia os testes e passar tudo para as máquinas virtuais… com os “belos” resultados à vista todos os meses.
    A esperteza saloia chega a todo o lado, e também chegou à Microsoft pelos vistos.

    • Miguel says:

      O principal problema da Microsoft (e da Apple) é que passaram a apresentar as Alfa como parte das actualizações para todos.
      Até 2013, as Gama-Alfa-Beta eram só para uns milhares de utilizadores, que notavam estas falhas e as equipas resolviam, antes de chegar ao grande público. Agora é tudo despejado, só com meia dúzia de dias de teste, no ambiente empresarial.

  3. Samuel says:

    Só mesmo a Microsoft.

  4. System 99 says:

    Nunca tive problemas com o Windows. Agora em cada update é rezar. Desta vez é o som, fica fanhoso, só revolve reiniciando a máquina ou fazendo restart ao AudioSrv.
    Windows está a tornar-se uma palhaçada.

  5. Fernando Machado says:

    Eu tenho estes problemas. Resolvi instalar o windows 8.1 e acabou.

    • Marcos says:

      Foi a melhor coisa que fizestes. Outra possível opção seria investir num Mac ou então ir para o Linux.
      Opções existem, tolo é quem fica no mesmo ao invés de procurar alternativas.
      Há também aqueles que gostam de sofrer, então devemos respeitar os gostos alheios.

      • Lucas says:

        “tolo é quem fica no mesmo ao invés de procurar alternativas”

        O problema é que as pessoas são preguiçosas, nem todos tem capacidade física e mental de se aventurar procurar alternativas. Há pessoas que nem sabem que existem alternativas ao Windows.

        Concordo em relação ao “Há também aqueles que gostam de sofrer”

  6. censo says:

    Problema inexistente para quem fez os updates mais recentes.

  7. Zezé camarinha says:

    Windows 7 problemas resolvidos

  8. Luz Noturna says:

    Aqui tenho a versão 1903 e a última actualização trouxe-me problemas com a utilização da Luz Nocturna que falha muito frequentemente após o monitor ter ficado desactivado. tendo que clicar duas vezes na definições de notificações para Luz nocturna (canto inferior direito). Nunca me aconteceu até à úlima actualização.

  9. Catarina says:

    Como desligar as autulizacaos

  10. Gigi bufon says:

    simplesmente não atualizem

  11. Jim says:

    Acabou de ocorrer-me um problema devido a última actualização de W10. É, agora entendo os outros.

  12. Lucia says:

    Eu usava o programa Shutup10 para desligar a telemetria, ao fazer isso e reiniciar 3 opções era desmarcadas pela Microsoft.

    Que belo sistema, hein? Conseguem desabilitar programas de terceiros, imaginem o que fazem com seus arquivos…

  13. Adilson says:

    Microsoft só fazendo me?%@ esse ano, enquanto isso tudo funcionando muito bem no linux e no MacOS

  14. Lucas says:

    Mas não é o sistema perfeito, segundo os fanboys do Windows? Até o Linux que uso e digo não é perfeito, por que então o Windows seria?

    Fala sério.

  15. Fixo says:

    É por causa disso que o sistema de mísseis intercontinentais ainda continua a usar os IBM Série 1 do anos 60, até pouco tempo com disquetes de 8″.
    https://arstechnica.com/information-technology/2019/10/air-force-finally-retires-8-inch-floppies-from-missile-launch-control-system/

    P.S. Já não outros IBMs iguais nem peças de substituição. Em caso de avaria são reparados utilizando um microscópio.

  16. Vítor Gaspar says:

    É verdade que o Windows dá alguns problemas com as atualizações … Mas… Vocês do pplware.sapo.pt são uns fanáticos do mac os e a cada post que fazem… Notasse bem o vosso foco… Vocês não são isentos… Uma vergonha… O mac os morreu, com o criador, assim como a inovação… Com a morte do criador… O que existe é um sitema sem futuro sen inovações…. Qualquer pc windows ou Android com as msm características ou até ligeiramente inferiores características… Tem melhor performance do que a maçã…
    Mas vocês não falam disso…

  17. Luís says:

    No Mint não há problemas, terá outros e mais privacidade

  18. Paulo says:

    Fiquei na dúvida se a atualização causa problemas a toda a gente ou não… Os meus equipamentos não deram problemas.
    Quanto às sugestões de uso de Linux, eu até sou adepto de Linux, mas o mesmo também não está isento de problemas. No meu caso específico, o módulo WiFi não funciona de raíz e é necessário instalar drivers modificados. Se fosse algo a fazer uma única vez até passava, mas sempre que os componentes Core de Linux são atualizados, é necessário repetir todo o processo de instalação do WiFi. E estou a falar de um portátil de 2015 da ASUS. Não encontrei nenhuma distro Linux em que o WiFi funcione logo na instalação. E aquele tal driver só funciona em derivados de Ubuntu. Nem o Elementary OS que é aceite pela ASUS para instalação, funciona e nem mesmo sendo derivado de Ubuntu, aquele driver funciona… E o fabricante da placa também não lançou drivers para Linux. Só Windows. Por isso entendo a resistência das pessoas á mudança. Já nem vou falar em hardware que só é suportado por software feito em Windows ou Mac.

  19. Rodolfo says:

    Acredito que ainda vão melhorar igual o amigo de falou no comentário aí quando voutar fazer testes real com máquinas diferentes igual começo do w10 não tinha erro agora

  20. João guedes says:

    Está na altura dos senhores da Microsoft deixarem se de brincadeiras é testes k só nos têm saído bem caro.
    Eu pessoalmente já tive k repor o PC 3 vezes. Acho k andam a brincar com os usuários deste sistema operativo.
    Cuidado porque há quem possa fazer com os seus direitos sejam respeitados.
    Afinal de contas quem paga os danos k a Microsoft tem causado com esta brincadeira das actualizações?

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Aviso: Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.